gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Sobre WWW, comercio electronico e tops..
Contribuído por ajc em 20-05-99 1:07
do departamento Mas-que-comentário
Internet Na terça-feira o J M C Esteves submeteu um comentário que mais parece um editorial. Como se arriscava a passar desapercebido, resolvi publica-lo directamente. Vejam a seguir, que vale a pena. Até tem bibliografia:
J M C Esteves:

"You're building a database. You're modelling data from the real world. You're going to have to write computer programs in a formal language. You have to design a user interface for that computer program. If you had an MBA then your natural first step would be... hire a graphic designer. After all, this computer stuff is confusing. Databases frighten you. What you really need is something that will look good at your next meeting. Graphic designers make pages that look good. You can always hire a programmer later to actually make the forms work." -- Philip Greenspun

Bom, a noticia parece referir-se mais genericamente a servicos WWW empresariais como um todo, no que diz respeito tambem `a estrutura e facilidade de uso, do que isoladamente ao "comercio". Fui ver alguns dos sitios tao louvados e em parte deles encontrei algumas interfaces calamitosas muito familiares. Espalhafato grafico mais tipico de um folheto ou um CDROM, links com designacoes enigmaticas, informacao organizada de acordo com a estrutura da empresa e nao com as necessidades de quem vai consultar, aproveitamento de todas as ocasioes para algum narcisismo empresarial ou publicidade adicional. O trabalho grafico (geralmente nao orientado para melhorar a interface) ate' pode nao estar mau, considerado isoladamente. Mas nao e' por ele que se volta la'. Enfim, talvez estes fossem mesmo os menos maus.

Quanto `a comparacao America-Europa em termos de comercio electronico, nao tenho numeros. Apenas algumas pequeninas experiencias pessoais. Quando a Amazon e outras existiam ha' anos com uma fiabilidade excelente, uma certa livraria online inglesa chamada "The Internet Bookshop" que frequentemente apresentava problemas de acesso gabava-se de "agora ter adquirido um novo servidor Compaq que iria permitir reduzir o downtime". Pois. Uma loja cheia de bonecada, com acesso lento, interfaces mal concebidas, menos informacao sobre livros (e muito menos livros), sem suporte para apresentacao de feedback de utilizadores (reviews, etc), inacessivel por browsers de texto, a correr sobre Windows NT com servidor da Microsoft, e a fazer spamming. Nunca lhes confiei um numero de cartao de credito. Alias, nunca lhes comprei nada. E tal como esta, vi muitas outras relacoes parecidas entre servicos comerciais WWW norte-americanos e europeus.

A simplicidade vale muito dinheiro, mas custa. Talvez nao custe simplesmente dinheiro. Por alguma razao a pagina de entrada da Amazon se aceda muito mais rapidamente que a da Gradiva (que nem e' das piorzinhas). Quem vende mais? Ou mesmo a www.shoppingdirect.pt, essa montra de calamidades WWW. Junte-se um molho de administradores que nao sabem a diferenca entre a WWW e um CDROM ou a Cosmopolitan, um MBA com palas nos olhos, um designer grafico que se tenha esquecido dos objectivos fundamentais do design e queira "deixar a sua marca pessoal", alguns programadores de acne e gravata e sai aquilo.

And there was much rejoicing. Se nao for a London School of Economics ou a "imprensa especializada", ha' sempre alguem "cool" para nos dar palmadinhas nas costas, pelo menos o Top 5% Portugal. Tambem ele pessimizado para Netscape e MSIE, 1024x768 pixels, 64k cores, ecrans de 29 polegadas, processadores rapidos e sem mais nada para fazer. Ah, e um contador, para sabermos como sao bons. Neste preciso momento diz:

"Esta página principal já foi acedida [an error occurred while processing this directive] vezes desde Janeiro 19, 1996."

Do Top 5% chega-se `a pagina de outra editora, a Caminho. A Caminho deve querer vender alguma coisa, penso eu ingenuamente. Depois de bastante tempo de espera, backgrounds vistosos, etc, aparece-me no desktop uma janela com mais de 1400 pixels de largura (e cada desktop aqui tem 1024 pixels de largura), dizendo:

This Web site is highly optimized for Netscape Communicator v4.0 and later versions only. You are currently using an older version, which is: 4.5 [en] (X11; I; Linux 2.0.36 i586) This version is somehow considered obsolete nowadays... Under these restrictions, you won't be able to browse and view this site properly, since that version is uncapable of handling CSS, among many other brand new standard features available herein. Please always update this software to the latest available version. Keep yourself updated. Would you like to download the latest version of Netscape Communicatior right away?

E depois, sem ter premido nada, aparece-me uma pagina da Netscape sobre como tornar o Netscape o meu "default browser". O Comercio Electronico Portugues, no seu melhor.

Ver:

- Philip Greenspun, Philip and Alex's Guide to Web Publishing (http://photo.net/wtr/thebook/)

- Edward Tufte, Visual Explanations (Graphics Press)

- Rosenfeld & Morville, Information Architecture for the World Wide Web (O'Reilly)

- Donald Norman, The Design of Everyday Things (Curency Doubleday)

Doctor Linus | Artigo sobre Gnome  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.

 

 

[ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]