gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Visita Imaginária
Contribuído por ajc em 18-04-99 15:34
do departamento fim-de-semana
ISCTE/GUL Vou tentar pôr alguns textos mais longos, tipo editoriais, aos fins-de-semana. Desta vez vou aproveitar um bocado do artigo que apresentei, em nome do GSD, na Workshop do GUL.

Quem tiver paciência, veja abaixo....

Uma Visita Imaginária

Para um aluno de outras universidades que se deslocasse ao Departamento de Informática da Universidade do Minho, estariam reservadas algumas surpresas ...

Em primeiro lugar deparava-se com uma sala aberta em os alunos usam cerca de 15 computadores. Começaria por estranhar a ausência de funcionários: a sala e as marcações são geridas por duas organizações de alunos. Por outro lado poderia estranhar o facto de os computadores não parecerem estar divididos por sistema operativo. Há computadores em Linux e em Windows espalhados sem qualquer ordem aparente: dual-boot - poderia pensar o visitante - deve ter dado algum trabalho a instalar isto...

Numa observação mais atenta, outra surpresa... As máquinas que não estão em Linux correm Windows95! Não é NT! Como pode ser? E os vírus? E quando os alunos apagam os ficheiros do sistema? E se os alunos instalam jogos??? Toda a gente sabe que máquinas para alunos têm que estar em NT, devidamente protegidas, para que não sejam desconfiguradas ou contaminadas por cada aluno que as use. Mais desconcertado ainda ficaria o visitante ao reparar que toda a gente desliga as máquinas "à bruta", sem shutdown, e que ninguém se parece preocupar com isso.

Por fim, o supresa final... Se falasse com os utilizadores que escolhem Linux, o visitante verificaria que eles não se preocupam em descobrir a password dos outros utilizadores da sua máquina e muito menos a respectiva em password de root. E têm boas razões para isso: em cada máquina só há conta para um utilizador, o próprio aluno. Quanto à password de root, não é preciso descobri-la, porque é bem conhecida: é a própria password do aluno.

Saindo desta sala, o nosso visitante encontraria mais três laboratórios que usam o mesmo sistema. A única diferença é que nestes são dadas aulas, mas o ambiente é o mesmo. Isto quer dizer que os alunos podem sair da aula e continuar o trabalho na sala aberta. Também podem ir para uma aula e continuar aquilo que estavam a fazer na sala aberta, desde que o professor não descubra, claro.

Se por algum motivo tiver curiosidade de saber mais, há um postscript aqui.

NeoPlanet suporta Mozilla.org | Civ: CTP esta' em versao final  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.

 

 

[ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]