gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
O rabo de fora do Plano Tecnológico
Contribuído por BladeRunner em 24-11-05 23:36
do departamento planeamento
Portugal grumbler escreve "E finalmente o Plano Tecnológico foi revelado. E como estamos a falar de um plano tecnológico, faz todo o sentido que a informação sobre o mesmo esteja disponível na Internet, e como tal podemos consultar o mesmo aqui.

O que já não faz tanto sentido é que sendo este um plano com o objectivo de "promover o desenvolvimento sustentado" do país, dê o exemplo e tenha a sua informação alojada num servidor de hosting nos EUA, como facilmente se descobre via nslookup e whois.

O resultado de um whois planotecnologico.pt também revela alguns dados interessantes mas isso fica para vosso TPC. "

Google News em Português | Nova tecnologia nos tribunais  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • grumbler
  • aqui
  • Mais acerca Portugal
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Pois... (Pontos:2, Esclarecedor)
    por Hearts In Atlantis em 25-11-05 0:14 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://127.0.0.1
    Tabelas a torto e a direito, e uma dúzia de linhas de CSS inline.
    Talking about choque tecnológico.
    Continua a utilizar-se tecnologia descontinuada pelo w3c.

    --
    Your first kiss is the one from all others will be judged.
    And they'll always be behind.
    Re:Pois... (Pontos:3, Engraçado)
    por jig em 25-11-05 10:04 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    Estás a ser injusto!
    Conseguiram chocar muita gente da area de tecnologia.
    Re:Pois... (Pontos:0, Despropositado)
    por hav0x em 25-11-05 10:07 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Agradece aos santinhos aparecer direito no "resto dos browsers®" e siga pra bingo.
    Está se mesmo a ver (Pontos:1)
    por Pensador em 25-11-05 0:30 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    que esta página deve ter sido um "tacho" a maneira!

    Em relaçao a página em si o flash fica por cima dos menus (pelo menos do pesquisa) em firefox (linux) pelo menos.
    Re:Está se mesmo a ver (Pontos:1)
    por ruisim em 25-11-05 14:24 GMT (#35)
    (Utilizador Info)
    Em firefox windows esta a funcionar bem. Já agora seria bom enviares um mail informando que o a pagina não funca bem em firefox linux, isso é que é fazer alguma coisa. Quanto ao tacho não faço parte dele, mas para ti tudo é tacho o que não é feito por ti, né???? Que mentalidade mesquinha.
    Re:Está se mesmo a ver (Pontos:2, Interessante)
    por Pensador em 25-11-05 17:10 GMT (#50)
    (Utilizador Info)
    Acredita que não! Mas neste caso.. Um administrador ser o dono da empresa que presta o serviço.. Ta bom ta, se não é um tacho é o que? Uma coincidencia?
    Re:Está se mesmo a ver (Pontos:2)
    por Mind Booster Noori em 25-11-05 16:14 GMT (#43)
    (Utilizador Info) http://talkerspt.no-ip.org/~mbooster
    Acontece o mesmo com este browser:
    Mozilla/5.0 (X11; U; Linux i686; en-US; rv:1.7.12) Gecko/20050923 Fedora/1.7.12-1.5.1

    Vai já um mail a reclamar...
    Re:Está se mesmo a ver (Pontos:1)
    por semmais em 25-11-05 18:06 GMT (#55)
    (Utilizador Info) http://www.semmais.com
    Não é que eu quisesse fazer o site, mas quando trata de dinheiros publicos gosto de saber quanto ¤¤ e porque foi escolhida determinada empresa. Afinal o dinheiro é nosso.
    -------------------------- Paulo Afonso, www.semmais.com
    So what? (Pontos:1)
    por BeBe em 25-11-05 1:34 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://domingos.bruges.gul.pt/
    A empresa que presta o serviço continua a ser portuguesa ou não?

    O petroleo que utilizas também é nacional?
    Re:So what? (Pontos:2)
    por Ancestor em 25-11-05 3:18 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    E é legítimo que um utilizador de um ISP que possua plafonds de tráfego internacional tenha que gastar deste para consultar uma iniciativa governamental? Basta reparar nos múltiplos sites de âmbito governamental que se encontram em território nacional, sem recorrer a quaisquer ligações internacionais.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:So what? (Pontos:1)
    por BugMeNot.com em 25-11-05 9:32 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Agora é culpa do governo que os ISP's portugueses andem a chular os clientes com limites de tráfego? Não tás satisfeito como teu ISP, muda. Há por aí vários que têm limites de tráfego realistas e que não distinguem entre nacional e internacional. Isto é como em tudo na vida, é preciso é saber comprar... Quando vais ao Carrefour, se te pedem 1000EUR por uma caixa de dvd's virgens também não comes e calas pois não? Bem me parecia, vais logo a seguir ao Feira Nova ou ao Jumbo ou a qualquer outra grande superfície e votas com a carteira. Isto acontece com tudo, não percebo porque as pessoas não aplicam este princípio aos ISP's.

    Re:So what? (Pontos:2)
    por grumbler em 25-11-05 9:50 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    Por acaso e em ultima análise até seria "culpa" do governo e da AR (este último enquanto orgão legislador) pois os mesmos são os responsáveis pela criação da legislação que enquadra as actividades dos ISPs (e restantes empresas de telecomunicações.
    De qualquer das formas independentemente da responsabilidade dos limites de tráfego internacionais, a verdade é que os mesmos existem e quando uma das medidas é a de "criar uma oferta Pública de Internet para uma Nova Cidadania" parece-me que o facto de existir uma diferenciação entre tráfego nacional e internacional por muitos ISPs deveria ter sido tomada em conta.

    --
    What, Me Worry?
    Re:So what? (Pontos:2)
    por Lowgitek em 25-11-05 10:07 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    Em última instância a culpa é realmente tua que continuas a contribuir para que tais empresas continuem com as mesmas práticas. Mas isso é tão simples quanto ao que alguem já referiu, vai havendo mais ofertas, com cenários bem diferentes, não tas satisfeito muda-te. Se não houvesse possibilidade ou lugar para concorrência, pelo controlo dos monopólios, (que quase é verdade) ai sim era missão do governo, tormar rédias da situação.


    Ao Orgulho segue-se a ruína, e a arrogância vem antes da queda (Prov. 16:18)
    Re:So what? (Pontos:2)
    por Ancestor em 25-11-05 11:32 GMT (#25)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Procura um pacote com 2Mb/256kb ou superior sem limites nacionais, por menos de 50Eur. Vais ver que a oferta não é assim tão vasta.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:So what? (Pontos:2)
    por Lowgitek em 25-11-05 11:52 GMT (#28)
    (Utilizador Info)
    será qque não? ou vives no lugar certo?

    Sem fazer muito esforço estou a ver pelo menos 2 operadores.....

    Clix, Netvisao ...

    Se vivesses numa "vila" como a minha tavas melhor servido ;)


    Ao Orgulho segue-se a ruína, e a arrogância vem antes da queda (Prov. 16:18)
    Re:So what? (Pontos:1)
    por cb em 25-11-05 12:09 GMT (#29)
    (Utilizador Info) http://www.cb.dhs.org
    Boas...,

    Dois detalhes....
    1º a flatrate da Clix não disponível em todo lado... Como tal a maioria tem apenas 5Gb de tráfego
    2º a Netvisão tem limites de tráfego.

    Ou seja... onde é que estão esse operadores?

    Esta é a minha assinatura

    Re:So what? (Pontos:2)
    por Lowgitek em 25-11-05 12:47 GMT (#31)
    (Utilizador Info)
    Leste por inteiro o meu comentário?

    E que se não irias ver quão redundante foi o teu comentário...

    Anyway... um utilizador que necessite de utilizar muito mais para além do plafond de trafego da netvisão possui actualmente, e ja estou a incluir as campanhas em vigor, merece efectivamente PAGAR pelo trafégo que gera!

    Segundo, eu não disse que estavam disponíveis em qualquer lado, estava a ter em conta a situação específica do ancestor, tendo em conta a localização priviligiada dele por um lado, e pouco ou nada previligiada, do que a minha que moro para traz de sol posto e tenho a velecidade de ter a grande parte dos operadores disponíveis a minha porta.

    Ou seja resumindo a história, quando forem escolher um lugar para viver tenham em conta, todas as acessibilidades presentes, futuras e planeadas, para o local escolhido. Se não correm o risco de passarem a vida a reclamar...

    E há aqui uma situação que tem que ser deixada bem clara, os operadores não tem obrigação nenhuma de levar o acesso de banda larga, realmente larga a todos os lados possíveis e imaginários, o que não quer dizer que não posso ter esse mesmo interesse. O que é uma situação completamente diferente.

    Em relação a obrigação do governo, em levar a o acesso em banda larga, a uma massa maior de pessoas, antes disto penso eu de que, esteja a obrigação, de levar os meios para aceder o mesmo meio de informação.

    Como exemplo, o que adianta termos a televisão digital terrestre em todo o país se não tivermos meio de conseguir aceder a mesma???

    Enfim...

    Não tem acesso a operadores decentes? Azarito... das duas uma, se isso é realmente importante, lá vão ter que desenbolsar alguns $$ para o ter, ou então gastam no na mesma, e vão morar para outro lado...


    Ao Orgulho segue-se a ruína, e a arrogância vem antes da queda (Prov. 16:18)
    Re:So what? (Pontos:1)
    por cb em 25-11-05 16:40 GMT (#45)
    (Utilizador Info) http://www.cb.dhs.org
    boas...,

    A questão não é se os operadores devem ou não levar a oferta a qualquer aldeola, mas sim os limites de tráfego. Não tens, que eu conheça, nenhum isp/operador que te forneça acesso à net por menos de 50¤, com tráfego ilimitado! E por mais de 50¤ não devem de ser muitos....Essa era a questão
    Tens ainda a qualidade de serviço dos mesmos, mas isso é para discutir noutro lado, assim como a qualidade de vida do local que se escolhe para morar....

    Assinatura, ou talvez não....
    Re:So what? (Pontos:2)
    por Lowgitek em 05-12-05 18:38 GMT (#112)
    (Utilizador Info)
    Ok deixa me fazer um esforço mental de 3 segundos...

    Interacesso?

    Como não tou aqui para fazer publicidade para eles, para quem quiser confirmar

    http://www.interacesso.pt/servicos/adsl.html

    No entanto me pergunto o trafego ilimitado é assim tão essencial??

    E quando nem sequer existiam planos ilimitados como é que todos conseguiam viver ??


    Ao Orgulho segue-se a ruína, e a arrogância vem antes da queda (Prov. 16:18)
    Re:So what? (Pontos:1)
    por vegeta em 25-11-05 14:14 GMT (#34)
    (Utilizador Info)
    Eu tenho Cabovisão a 8M/512K e pago menos de 50¤.
    E tenho limites de tráfego... 60GB... internacionais ou nacionais...


    PoWeREd bY TuRQueL HaRdCoRe, bJeCa StYLe!!!!
    Re:So what? (Pontos:2)
    por grumbler em 25-11-05 13:52 GMT (#33)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    A culpa é minha porquê? Por ser cliente de uma empresa que faz essas distinções? Por acaso já tentei ser cliente do Clix no acesso directo deles, e ainda estou à espera que me respondam se a minha zona tem ou não cobertura deles, pois não tendo telefone (e sendo uma urbanização nova nenhum dos meus vizinhos ainda tem telefone) ninguém sabe responder a isso. E já telefonei para lá mais do que uma vez.
    Quanto à Cabovisao, por acaso quando mudei de casa falei com diversas pessoas da Cabovisao a perguntar quando é que iriam para aquela zona (e estamos a falar de um local que fica a menos de 1 kilometro da minha casa antiga onde tinha cabovisao, aliás da minha casa nova vejo a minha casa antiga) e se poderia existir algo que eu pudesse fazer para que fossem para aquela zona....

    --
    What, Me Worry?
    Re:So what? (Pontos:3, Interessante)
    por Karlus em 25-11-05 14:53 GMT (#38)
    (Utilizador Info) http://blog.karlus.net
    A culpa é minha porquê? Por ser cliente de uma empresa que faz essas distinções? Por acaso já tentei ser cliente do Clix no acesso directo deles, e ainda estou à espera que me respondam se a minha zona tem ou não cobertura deles, pois não tendo telefone (e sendo uma urbanização nova nenhum dos meus vizinhos ainda tem telefone) ninguém sabe responder a isso. E já telefonei para lá mais do que uma vez.

    Conselho interno...
    "Não nos peça o telefone a nós(Novis). Vai demorar uma eternidade. Peça à PT, é rápido, e mal o tenha peça a transferência da linha."


    Re:So what? (Pontos:2)
    por Lowgitek em 26-11-05 14:05 GMT (#80)
    (Utilizador Info)
    Em relação a cabovisao... segundo a cabovisao a minha zona ainda não tem cobertura...

    Até ai tudo normal se não fosse eu a ter todos os serviços deles a quase 1 ano e meio...

    Anyway, o melhor a fazer realmente é falar com um comercial que goste de ganhar dinheiro, e seja um bom profissional.

    Regards,


    Ao Orgulho segue-se a ruína, e a arrogância vem antes da queda (Prov. 16:18)
    Re:So what? (Pontos:2)
    por MacLeod em 27-11-05 1:18 GMT (#92)
    (Utilizador Info)

    Quanto à Cabovisao, por acaso quando mudei de casa falei com diversas pessoas da Cabovisao a perguntar quando é que iriam para aquela zona (e estamos a falar de um local que fica a menos de 1 kilometro da minha casa antiga onde tinha cabovisao, aliás da minha casa nova vejo a minha casa antiga) e se poderia existir algo que eu pudesse fazer para que fossem para aquela zona....

    Sim, há algo que tu podes fazer. Começa por comprar 1 km de cabo.


    Re:So what? (Pontos:3, Esclarecedor)
    por grumbler em 28-11-05 10:09 GMT (#98)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    Obviamente que não. Por outro lado, um amigo meu após falar com a Cabovisão e demonstrar que existiam clientes interessados na zona onde morava, os mesmos estenderam o serviço para a zona onde morava(e estamos a falar de distâncias semelhantes). Já no caso dos comerciais com quem falei encolheram sempre os ombros mesmo explicando-lhes que na zona para onde ia morar era uma urbanização nova e todas as pessoas iriam colocar televisão por cabo.

    --
    What, Me Worry?
    Re:So what? (Pontos:2)
    por Ancestor em 25-11-05 11:25 GMT (#24)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com

    Agora é culpa do governo que os ISP's portugueses andem a chular os clientes com limites de tráfego?

    Compete ao governo legislar (também) sobre as telecomunicações, por isso, sim, indirectamente é culpa do governo. Tal como é culpa do governo (já de há muitos anos) os acordos de monopólio durante dezenas de anos que foram responsáveis pela tardia liberalização do sector das telecomunicações.

    Há por aí vários que têm limites de tráfego realistas e que não distinguem entre nacional e internacional.

    Depende do que consideres tráfego realista. E depende também de quanto estás disposto a pagar.

    Isto acontece com tudo, não percebo porque as pessoas não aplicam este princípio aos ISP's.

    A cartelização dos preços não é um fenómeno que apenas surge no negócio do petróleo e nas farinhas alimentares...

    Assumindo uma perspectiva meramente técnica, o grosso dos utilizadores a recorrerem ao site será de origem nacional. Não faz sentido optar por alojamento no estrangeiro, quando eventualmente se conseguiria alojar em território nacional, e com acesso mais rápido através da maioria (todos?) dos ISP's.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:So what? (Pontos:2)
    por Karlus em 25-11-05 14:54 GMT (#39)
    (Utilizador Info) http://blog.karlus.net
    Vais lá na "happy-hour". :->

    Agora a sério, quantos gigas estás a pensar puxar do site planotecnologico.pt ?
    Re:So what? (Pontos:2)
    por grumbler em 25-11-05 9:30 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    Tendo em conta que não existe petróleo em Portugal parece-me que seria um pouco difícil a utilização do mesmo.

    Por outro lado, eu não sou o promotor de um plano que tem como objectivo "levar à prática um conjunto articulado de políticas que visam estimular a criação, difusão, absorção e uso do conhecimento, como alavanca para transformar Portugal numa economia dinâmica e capaz de se afirmar na economia global".
    Ora tendo em conta que ao contrário do petróleo existem recursos nacionais nesta área e tendo em conta os objectivos do plano, parece-me que deveria ser a própria UCPT dê o exemplo.

    Não se trata aqui de entrar pelo nacionalismo serôdio, mas quando se fala tanto de apostar na tecnologia nacional como a aspirina para os problemas nacionais é no mínimo contraditório que depois se recorra a recursos tecnológicos estrangeiros quando existem recursos nacionais mais do que suficientes nesta área. É verdade que não estamos aqui a falar de custos extraordinários, que não vai ser por isto que o país não vai recuperar, mas pelo menos a mim não olhar a este tipo de pormenores só me dá a imagem de que toda esta iniciativa foi feita à "portuguesa", ou seja em cima do joelho.

    --
    What, Me Worry?

    Re:So what? (Pontos:2)
    por Lowgitek em 25-11-05 10:08 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    Desculpe, petróleo existe não está é explorado ou a sua exploração não comporta os custos.


    Ao Orgulho segue-se a ruína, e a arrogância vem antes da queda (Prov. 16:18)
    Re:So what? (Pontos:2)
    por mlopes em 25-11-05 10:44 GMT (#22)
    (Utilizador Info) http://seixopaulo.blogspot.com/
    Mas agora existe um "choque petrolífero" em Portugal???? Tenho andado mesmo distraido!

    "The greatest obstacle to discovery is not ignorance -- it is the illusion of knowledge."
    Daniel J. Boorstin

    Re:So what? (Pontos:2)
    por amartins em 25-11-05 11:13 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    Talvez tenham pago a coisa como um pacote sem sequer prestarem atenção a esse detalhe.

    Por outro lado talvez seja uma admissão de que os ISP's continuam sem estar em pé de igualdade quer seja pela treta do tráfego nacional e internacional na Internet (carroça para a qual os novos operadores tb subiram alegremente) com responsabilidade clara também para a falta de regulemantação (que será inevitável a meu ver). Falta também para obrigar à interligação gratuita e claro... verdade na situação do tráfego, certificação da contagem etc.

    Flatrate por um canudo vamos ver como será disto eu cada vez que vejo o ex(ainda)-ciberdeputado magalhães até me arrepio.

    Cumprimentos,
    António


    Please don't interrupt me while I'm talking to myself!
    Re:So what? (Pontos:1)
    por rmachado em 28-11-05 11:55 GMT (#101)
    (Utilizador Info)
    É pá, infelizmente não... ainda não descobriram petróleo no Beato...

    Mas espera, não há petróleo em Pt, mas empresas de hosting... parece que sim.

    É a tipica resposta de quem não sabe bem o que dizer.

    Pela tua lógica nem valia a pena fazer cá nada, não produzimos/temos muito do que utilizamos.

    Bah! (Pontos:2)
    por Karlus em 25-11-05 3:05 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://blog.karlus.net
    1) Tantos sites nacionais alojados lá fora. What's the point ? 2) whois ao dominio ? Tb vais vir com a teoria da cunha à YDreams ?
    Re:Bah! (Pontos:2)
    por Ancestor em 25-11-05 3:28 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    1) Sites de âmbito governamental?
    2) Não sei detalhes da relação com a YDreams (e não vou especular), mas acho estranho que seja apresentado já investimento aquando a aprovação da resolução em Conselho de Ministros. É certo que a aprovação é um pró-forma, mas não deixo de ter curiosidade em saber detalhes sobre a relação com a YDreams e os critérios de adjudicação do trabalho.

    Quanto à iniciativa em si, promete. Se será benéfica ou não, o tempo o dirá.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Bah! (Pontos:2)
    por Karlus em 25-11-05 14:49 GMT (#37)
    (Utilizador Info) http://blog.karlus.net
    Assim de repente, se o Estado arranja um serviço e hosting lá fora mais barato acho muito bem que lá coloque um sitezeco meramente pro-forma e informativo. É menos IVA e poupa dinheiro aos contribuintes ao dar-lo a um tacho/cunha amigo cá no burgo. Faz cá uma diferença em termos práticos e técnicos.
    Re:Bah! (Pontos:2)
    por Ancestor em 25-11-05 16:41 GMT (#46)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Onde leste que o Estado arranjou serviço mais barato? Não vi preços em lado nenhum... E, que eu saiba, diversos organismos estatais possuem infraestruturas próprias em território nacional. Quanto ao "menos iva", se o Estado até realiza múltiplos protocolos com Universidades, com certeza que não seria difícil conseguir "custo zero" no alojamento.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Bah! (Pontos:2)
    por grumbler em 25-11-05 9:41 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    1) Como o Ancestor já apontou, estamos a falar de sites governamentais (ou pelo menos ligados a projectos governamentais). Como eu já referi noutro post, estamos a falar de um site que tem como objectivo a promoção do desenvolvimento sustentado em Portugal.

    2) Quanto à YDreams e ao domínio, o que me parece questionável não é o facto de ter sido esta empresa a criar o site, mas sim o facto de a mesma ser a responsável pelo domínio, uma vez que a mesma é a Entidade Gestora, Administrativa e Técnica do dominio planotecnologico.pt . Mesmo tendo em conta que o presidente da YDreams faz parte do conselho consultivo do plano tecnológico, a regra dos sites estatais portugueses (inclusivé a UMIC) é a de que pelo menos a Entidade Gestora e o Responsável Administrativo são as proprias entidades requerentes.
    Novamente, e como já tinha dito no outro post, estamos a falar de questões de pormenor que para o comum dos mortais são admitidamente irrelevantes, mas que transmitem aquela imagem de trabalho "em cima do joelho".

    --
    What, Me Worry?

    Re:Bah! (Pontos:2)
    por feijao em 25-11-05 11:36 GMT (#26)
    (Utilizador Info)
    A entidade gestora é quem está responsavel pelos pagamentos. Uma vez que o domínio está registado em nome do "plano tecnológico" não vejo qual é o problema. A qualquer momento o "plano tecnológico" pode alterar os dados da entidade gestora para outros. Quanto ao site, ainda é mais barato ter servidores lá fora mas com tantas empresas com servidores nacionais acho que podiam ter feito um esforço...
    Re:Bah! (Pontos:2)
    por Karlus em 25-11-05 14:45 GMT (#36)
    (Utilizador Info) http://blog.karlus.net
    2) E ?! Quero lá saber quem é a entidade gestora. Podia ser uma qualquer empresa que faz sites. A "Entidade Requerente / Domain Holder" é o Estado, logo não sei onde está o problema.
    Re:Bah! (Pontos:2)
    por [Cliff] em 26-11-05 0:23 GMT (#61)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com/~cpinto
    É tudo uma questão de princípio! Se te deres ao trabalho de ir ver o site da YDreams, vais ver que hosting/webdev não é com eles... nem é sequer uma BU, ou se é não a anunciam.

    No mínimo, uma agência estatal. Institutos é coisa que não falta por aí, qualquer um deles servia melhor que a YDreams.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Um questão de coordenação (Pontos:2)
    por grumbler em 26-11-05 8:26 GMT (#71)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    Curiosamente a maioria dos dominios do estado (se não mesmo todos) tiveram em atenção esse pormenor. Obviamente que só um tipo cromo como eu vai ver este tipo de pormenores, mas como já referi noutros lados trata-se da imagem que se passa, ou seja a de que não existiu o mínimo de planeamento envolvido nesta questão.
    Ora tendo em conta que o coordenador inicial da unidade da missão do plano tecnológico se demitiu em 17 de Novembro, alegando entre outras coisas a indefinição sobre a forma como o plano deveria ser aplicado, seria de esperar que existisse alguma preocupação em dar uma imagem contrária e atenção a todos os pormenores (inclusivé estes).

    --
    What, Me Worry?
    Programação (Pontos:1)
    por clviper em 25-11-05 9:23 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Já não vou mesmo pelo servidor.Experimentem lá por uma simples ' no campo da procura e façam a procura.Fica sempre bem na página de algo que será para a inovação do país saber que a própria empresa que prestou o serviço no desenvolvimento da página nem se dá ao trabalho de fazer validações dos querys.Só aí se vi o nível de pro deles lol.Enfim....
    Re:Programação (Pontos:1)
    por clviper em 25-11-05 9:28 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    Para já não falar nestas mensagens de erro super elaboradas :) http://www.planotecnologico.pt/index.php?page=-1
    Re:Programação (Pontos:2)
    por Lowgitek em 25-11-05 10:09 GMT (#20)
    (Utilizador Info)
    Qual é o problema da mensagem de erro? Não me digas que não percebeste o significado do erro?

    Ahh...


    Ao Orgulho segue-se a ruína, e a arrogância vem antes da queda (Prov. 16:18)
    Re:Programação (Pontos:1)
    por [Coyot3] em 25-11-05 16:46 GMT (#47)
    (Utilizador Info)

    cuidado....

    aqui trata-se de fazer chegar a mensagem a todos os utilizadores e não te esqueças que um utilizador comum, mesmo que lhe diga que deu um erro na linha 32, para ele não tem qualquer significado.

    julgo que aqui não se exige um depurador de erros, mas sim uma simples mensagem quanto mais nao seja Impossível realizar a operação pretendida de momento! e assim o comum dos utilizadores já saberá que se tentar mais tarde é possível que consiga completar a operação

    na minha opinião há outras falhas...era para comentá-las, mas julgo que não vale a pena.

    fica a nota do uso de PostgreSQL e de HOJE (25/11) a BD ter estoirado devido a um número elevado de serviços.Para isto podiam perfeitamente pagar 10€ a um puto para manter o PC ligado dia e noite a correr APACHE

    O que nasce torto tarde ou nunca se endireita :(


    Com os melhores cumprimentos

    Paulo Silva

    Re:Programação (Pontos:1)
    por salupa em 25-11-05 17:13 GMT (#51)
    (Utilizador Info)
    A bd nao estoirou por numero elevado de servicos, mas sim demasiadas ligacoes simultaneas a bd, que nao admira muit se cada vez que carregas em qualquer link a coisa liga-se ao postgres - nao posso dizer todos mas aconteceu-me com links cujo conteudo poderia estar perfeitamente em cache...
    Re:Programação (Pontos:1)
    por [Coyot3] em 26-11-05 17:11 GMT (#82)
    (Utilizador Info)

    quando referi serviços, queri referir-me a Pedidos a... fica a nota!


    Com os melhores cumprimentos

    Paulo Silva

    Re:Programação (Pontos:2)
    por JohnnyBigodes em 25-11-05 9:40 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    É que eu estou totalmente estupefacto em como é que num site "importante" estatal se cai num erro (SQL insertion) que se corrige ao 2º dia que se aprende a programar em web. É incompetência da mais pura forma.

    Já para lá atirei a minha queixa "quentinha", mas claro, a mesma vai ter o resultado de levar com essa tecla aí que começa em "D" e acaba em "elete".
    Bah! TOTALMENTE irrelevante! (Pontos:1)
    por rmbm em 25-11-05 9:32 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    E qual é a relevância disso? Não deveria o gildot promover a discussão do plano em si em vez de perder tempo com detalhes insignicantes ??
    --> Obscenity is the crutch of the inarticulate motherfuckers --
    Re:Bah! TOTALMENTE irrelevante! (Pontos:1)
    por hav0x em 25-11-05 10:22 GMT (#21)
    (Utilizador Info)
    Em relação ao "Plano Tecnologico" --> "talk is cheap show me the code/work"
    Re:Bah! TOTALMENTE irrelevante! (Pontos:2)
    por grumbler em 25-11-05 11:43 GMT (#27)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    Muito bem, discutamos então o Plano Tecnológico propriamente dito, e comecemos então por um tema que é caro aos leitores do gildot, ou seja o Software Livre.
    Tendo em conta que em 2004 o partido que está actualmente no governo votou favoravelmente um projecto de resolução da Assembleia da República em que propunha 10 medidas para o desenvolvimento e promoção do software livre em Portugal, seria interessante ver em que ponto o Plano Tecnológico leva tal em conta. É que eu já procurei no documento base, e não vi lá nenhuma referência...

    --
    What, Me Worry?
    Competencia da RCCN (Pontos:2)
    por chbm em 25-11-05 12:23 GMT (#30)
    (Utilizador Info) http://chbm.net/
    Claramente a FCCN/RCCN não tem competência para fazer o hosting deste site. Não há outra explicação para o Estado estar a dispender 10 USD por mês.
    Re:Competencia da RCCN (Pontos:1)
    por rmbm em 25-11-05 12:59 GMT (#32)
    (Utilizador Info)
    Vendo bem as coisas talvez tenhas razão. Lembro-me assim de repente do caso do STAPE. Este pelo menos funciona!
    --> Obscenity is the crutch of the inarticulate motherfuckers --
    Re:Competencia da RCCN (Pontos:2)
    por bêbado em 25-11-05 15:13 GMT (#40)
    (Utilizador Info)
    O alojamento dos sites do Governo não é tratado pela RCCN. Existe um organismo próprio para isso - Centro de Gestão da Rede Informática do Governo (CEGER).

    O problema (se é que é um problema) é que o domínio do site deveria ser planotecnologico.gov.pt - em consonância com o próprio e-mail deles: ucpt@ucpt.gov.pt - Unidade de Coordenação do Plano Tecnológico.

    O Estado não dispende 10USD/Mês. Provavelmente, o que acontece, é o Estado estar a pagar (se pagar) pelo alojamento a uma empresa nacional que contrata o alojamento nos EUA. Nesse caso, o carcanhol relativo a impostos fica em Portugal.

    Agora, isto levanta de novo um problema velho: a _generalidade_ (com honrosas excepções) dos hostings em Portugal é de má qualidade técnica, suporte técnico miserável e de preço muito elevado, começando pelas 'telepagas' e companhias.

    "I just want you to know that, when we talk about war, we're really talking about peace." — J.W.Bush, Washington, D.C. June 18, 2002
    Re:Competencia da RCCN (Pontos:2)
    por chbm em 26-11-05 0:54 GMT (#63)
    (Utilizador Info) http://chbm.net/
    > O Estado não dispende 10USD/Mês.
    Leva o teu irona-o-metro à loja.
    falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:1)
    por ruisim em 25-11-05 15:27 GMT (#41)
    (Utilizador Info)
    Tanta preocupação, com o alojamento no USA.
    Mas não se preocupam em em apoiar as distribuições Portuguesas, como Paipix, Caixa Magica, tugux(que já acabou graças a muita má lingua), Alinex.
    Para quando alojamentos a preços decentes em Portugal e com seviços decentes???
    Só sabem criticar bolas....
    Percebam de uma vez por todas, que temos que fazer algo para melhorar este Pais, tirem a cabeça da areia, chega de fado.
    A História é a prova do que somos capazes de fazer, estamos a espera de quê??

    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:2)
    por [Cliff] em 25-11-05 16:32 GMT (#44)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com/~cpinto
    Mas não se preocupam em em apoiar as distribuições Portuguesas,

    Isso é porque a maior parte (se não todas) as distribuições portuguesas são uma merda... quando deixarem de o ser, passam a ter mais apoio certamente.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:1)
    por ruisim em 26-11-05 17:13 GMT (#83)
    (Utilizador Info)
    Deixo-te um desafio criar uma melhor.
    Conversar barata estamos nós fartos mostra trabalho, vá lá.
    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:2)
    por Ancestor em 25-11-05 16:48 GMT (#49)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Em Portugal existe serviço de alojamento decente a preços razoáveis, com servidores em datacenters em território nacional, e com peering excelente.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:1)
    por hav0x em 25-11-05 17:40 GMT (#53)
    (Utilizador Info)
    Sim ... é que és capaz de ter razão ... ah espera tou a ver a tua pagina. 70¤ ano por 100mb é o que eu chamo baratucho!





    Not! -_-'

    Tudo a puxar a brasa pra sua sardinha ... é bem é bem.
    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:2)
    por Ancestor em 26-11-05 5:42 GMT (#67)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Por acaso estava a falar mesmo da NFSi. Caso não tenhas reparado os serviços de alojamento que providenciamos não estão fisicamente localizados em território nacional, e de qualquer forma não recomendo alojamento partilhado para aplicações "sérias".

    Quanto à NFSI,trabalho com o serviço deles através de um cliente e apenas te posso dizer que é excelente, quer em termos de conectividade, quer em termos de preços para housing.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:2)
    por Ancestor em 26-11-05 5:45 GMT (#69)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    ...Mas curti a maneira como te precipitas para conclusões. Muito adulto...


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:1)
    por BugMeNot.com em 25-11-05 18:03 GMT (#54)
    (Utilizador Info)
    Pois há, a NFSi.
    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:2)
    por Ancestor em 26-11-05 5:43 GMT (#68)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Yup. 5 estrelas :) recomendo vivamente.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:1)
    por ruisim em 26-11-05 17:17 GMT (#84)
    (Utilizador Info)
    a norteGlobal tem boa pinta reconheco, só tenho pena que não faça alojamento J2EE.

    Re:falam falam falam mas não fazem nada!!! (Pontos:2)
    por nmarques em 01-12-05 21:44 GMT (#111)
    (Utilizador Info) http://www.the-kult.net/kampfhund/
    Esperas que o fascismo ou o nacional socialismo tome conta do poder, uma vez que são os unicos sistemas capazes de combater eficasmente certos 'lobbies' e acabar com as liberdades exageradas que existem.

    Faz-me lembrar um projecto que se arrasta desde o inicio dos anos 90, pago pelo contribuinte que tenta promover a imagem de Portugal num sentido apartidário dentro e fora da nação. O problema é que quem o aprovou esqueceu-se que esse é um dos objectivos principais da Presidencia da Republica...

    Eu não me admirava nada que um dia destes, Portugal fique como o 53º estado dos EUA.

    MORTE AOS TRAIDORES!
    --
    Oi! Oi! Oi!
    Plano tecnologico... (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 25-11-05 19:53 GMT (#56)
    (Utilizador Info)
    Tá visto que o Mario Valente eh que a sabe toda... Arranja um grande tacho para ele e para os amigos, e depois vem para aqui aprovar artigos de merda pq deve ter mt tempo livre...

    Quanto ao plano tecnologico em si:
    - Vem atrasado e nao estou confiante que vá recuperar o nosso atraso. Primeiro, porque se todos os lideres do mundo soubessem a resposta, certamente estavam todos a criar planos tecnologicos.
    Um exemplo algo relacionado é do da Irlanda. Toda a gente tenta imitar a IDA (er acho que é esta!), inclusivé Portugal (com a sua API), no entanto, apenas a IDA foi bem sucedida (se bem que o seu sucesso nao foi tao grande como apregoado!). O mesmo se passa para estes grandes planos. Basta lembrar aqueles do tempo do Salazar.
    Sera que o plano tecnologico é o adequado para a nossa mentalidade ? Duvido. Nao seria melhor apostar de uma vez por todas numa educação decente, toda integrada desde o basico ate ao universitário ? A Irlanda fez isso com elevado sucesso. O que falta ? Coragem, para vencer as normais barreiras portuguesas (basta ver este mesmo artigo, aprovado e respectivos comentários).

    - Acho engraçada a ideia do programa iNOV. Ha dias andava a dar na radio que o programa para trazer de volta os cerebros a Portugal, estava parado, dado que ng quer voltar. Mas alguem no seu perfeito juizo acha que mnanda la para fora gente de topo, e depois vao voltar para este país da tanga ? Claro que é muito bom ter experiencia la fora, mas no entnato, os melhores certamente que vao ficar por la. O resto são sobras que nao tinham interesse...

    - Acabar com a burocracia e papelada parece-me uma excelente iniciativa ! É uma forma de infoalfabetizar a população. Resta saber se conseguem implementar isso de uma forma decente e que funcione para quase tudo. Quero dizer com isto, que quando surgir um caso ligeiramente diferente do padrao, nao tenhamos que voltar ah velha burocracia da papelada e correrias para todo o lado. Exemplos: EDP (se tiver tudo ok, nao da chatices, basta ter uma coisa fora do standard, estamos completamente tramados!).

    Resta esperar para ver se isto nao vai ser como as restantes medidas do Socrates, isto é, só letra e apenas tachos para os amigos :)

    Still fucki'n alive !

    Re:Plano tecnologico... (Pontos:2)
    por Gamito em 25-11-05 20:55 GMT (#57)
    (Utilizador Info) http://gamito.startux.org
    "Tá visto que o Mario Valente eh que a sabe toda... Arranja um grande tacho para ele e para os amigos, e depois vem para aqui aprovar artigos de merda pq deve ter mt tempo livre..."

    És um idiota do c*.
    Quem aprovou o artigo fui eu.
    BladeRunner == Mário Gamito.
    Deixa lá o meu Valente homónimo em paz.

    Mário Gamito
    gamito.startux.org
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 26-11-05 0:17 GMT (#59)
    (Utilizador Info)
    Whatever ;) Mais dois belos exemplos do choque tecnologico que o pais precisa :)))

    Still fucki'n alive !
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:2)
    por Gamito em 26-11-05 0:21 GMT (#60)
    (Utilizador Info) http://gamito.startux.org
    Com esta resposta à laia de miúdo apanhado a comer um chupa chups às escondidas, ainda te acho um idiota do caralho mais do que antes.

    Mário Gamito
    gamito.startux.org
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 26-11-05 13:48 GMT (#79)
    (Utilizador Info)
    Obviamente que a tua resposta nao vem de um puto idiota do caralho... *g*

    Still fucki'n alive !
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:2)
    por Gamito em 26-11-05 18:18 GMT (#86)
    (Utilizador Info) http://gamito.startux.org
    It's "Still fuckin' alive", you schmuck!
    If you want to be cool and geek by wrinting in english, at least do it well.

    Mário Gamito
    gamito.startux.org
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:1)
    por bk em 26-11-05 18:51 GMT (#87)
    (Utilizador Info) http://preto.pt.vu
    for(i=0;i0;i++) { -Ou meu é maior que o teu... -Nah! Nah! o meu é que é!!! }

    aqui no Gildot, Erros havér Num Pode
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 27-11-05 1:58 GMT (#94)
    (Utilizador Info)
    Nope oh dumb fuck... Assim é mais l33t... Don't you get it ? Geez... dumb fuck...



    Still fucki'n alive !

    Re:Plano tecnologico... (Pontos:1)
    por sunfarmjp em 28-11-05 23:54 GMT (#106)
    (Utilizador Info) http://linux.ccems.pt
    Mas que belo exemplo que voces dão..... Sem dúvida que este país com gente assim não merece mais.........
    O Toni até iniciou isto com o exemplo da educação (na Irlanda)... Não sei se sabem mas têm muitos "miudos/alunos" de secundário que "leêm" o Gildot (e que formam opinião)!!!!
    Bela lição de educação, um exemplo para o futuro... continuem no bom caminho.....
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:1)
    por bk em 29-11-05 2:28 GMT (#107)
    (Utilizador Info) http://preto.pt.vu
    nah pá... eu não formo opinião...

    aqui no Gildot, Erros havér Num Pode
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:1)
    por Zarluk em 27-11-05 23:45 GMT (#96)
    (Utilizador Info)
    O Mário Valente, não conheço, mas não me importava que houvesse mais Gamitos por aí... mesmo com "um mau feitio do caralho" ;-)

    Quanto ao Plano Tecnológico vou fazer o mesmo que me parece que o governo (este ou outro qualquer) irá fazer: ficar sentado à espera a ver o que acontece... tipo nêspera ;-)

    "... e veio uma velha e, zás, comeu-a"

    Re:Plano tecnologico... (Pontos:2)
    por mvalente em 25-11-05 20:57 GMT (#58)
    (Utilizador Info) http://www.asterisco.pt/

    >depois vem para aqui aprovar artigos de merda

    >Contribuído por BladeRunner em Quinta Novembro 24, @11:36PM

    Retira as palas dos olhos que estás a marrar com o tipo errado...

    Cumprimentos

    -- Mario Valente

    Re:Plano tecnologico... (Pontos:2)
    por [Cliff] em 26-11-05 0:27 GMT (#62)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com/~cpinto
    Nao seria melhor apostar de uma vez por todas numa educação decente,

    HERESIA!!!!! Vais já ser apedrejado!

    Let's go to a stoning!

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:Plano tecnologico... (Pontos:2)
    por Tuaregue em 26-11-05 12:07 GMT (#75)
    (Utilizador Info)
    Se fosse só os cerberos que fogem lá para fora, e os nossos técnicos que estão cá a ganhar 200 a 300 contos e vão para Angola e Moçambique ganhar 500 a 700 contos no minimo, muitos deles com casa e carro como extras. E depois queixam-se que fogem.

    ------------------------------------------------------------
    Todas as coisas mudam, e nós mudamos com elas.

    Re:Plano tecnologico... (Pontos:1)
    por [Dragon] em 01-12-05 16:21 GMT (#110)
    (Utilizador Info) http://www.cidadela.org/
    Nem é preciso ir para tão longe. Aquí, ao lado de Portugal, também há boas ofertas! ;-)


    ---
    B-K.
    How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por leitao em 26-11-05 1:59 GMT (#64)
    (Utilizador Info) http://entropy.thinkwest.com
    Mais vale a pena portugal se virar mais e' para o turismo... com paises tipo India e China a atirar graduados para o mercado a custos marginais e aos milhares/mes portugal vai ja' recuperar o espaco perdido vai...

    Isto tinha feito sentido em 1985... agora que se limpe e' os passeios e puxe-se uns turistas que faz mais sentido do que se andar a brincar 'as potencias tecnologicas.

    Lerdos...

    I can live with doubt and uncertainty and not knowing. I think it is much more interesting to live not knowing than to have answers that might be wrong.
    Isso já dizia o relatório Porter... (Pontos:2)
    por grumbler em 26-11-05 8:00 GMT (#70)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    em 1994, quando o estado português e mais uns quantos iluminados resolveram pagar uma pipa de massa ao professor Michael Porter para vir dizer que Portugal devia apostar no turismo, vinho, automóvel, calçado, malhas e produtos de madeira (ou seja, basicamente aquilo que toda a gente já sabia)

    --
    What, Me Worry?
    Re:Isso já dizia o relatório Porter... (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 26-11-05 13:47 GMT (#78)
    (Utilizador Info)
    E o pior de tudo é que ele so assinou por baixo ;) Nem foi ele que fez esse relatório/estudo :)

    Still fucki'n alive !
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por fhc em 26-11-05 11:20 GMT (#72)
    (Utilizador Info)

    E se eu te dissesse que estou em condições de acabar com a dependência petrolífera de portugal através de um novo processo de síntese polimérica?

    Achas que isso tem surtido efeito na banca e nos investidores privados portugueses, apesar de poder mostrar resultados?

    Resumindo, este país é o que merece.

    Francisco Colaço

    Disclaimer: sou engenheiro industrial de base, e estou a voltar às bases.


    Quem não faz, ensina; quem não faz nem ensina, faz metodologia. Quem não faz nem ensina nem faz metodologia, faz futurologia.

    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por [Cliff] em 26-11-05 11:34 GMT (#73)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com/~cpinto
    E se eu te dissesse que estou em condições de acabar com a dependência petrolífera de portugal através de um novo processo de síntese polimérica?

    Então o teu projecto vai acabar no buraco negro onde se encontram todos os outros projectos que iam acabar com a dependência petrolífera. Acaba por ser comprado por alguma Corp. do ramo automóvel, ou alguma empresa ligada às petrolíferas, e... puff.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:1)
    por BugMeNot.com em 26-11-05 11:48 GMT (#74)
    (Utilizador Info)
    > E se eu te dissesse que estou em condições de acabar com a dependência petrolífera
    > de portugal através de um novo processo de síntese polimérica?


    Certo. E vais construir também um reactor de fusão a frio, uma máquina de movimento perpétuo e baterias 100% eficientes, não é ?

    Achas mesmo que alguem acredita nisso? Se tivesses esse potencial não estavas a mandar postas de pescada no Gildot, estavas era numa ilha qualquer do Indico ou do Pacífico, de papo para o ar, com um Mai Tai numa mão, um charuto na outra, a ver a conta bancária a crescer e 2 ou 3 bimbas loiras a fazerem-te uma mamada.

    Eu também posso andar praí a dizer que inventei a cura para a SIDA, para o cancro, para o H5N1 e para a constipação, mas isso não faz com que seja verdade.
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por Specimen em 26-11-05 18:03 GMT (#85)
    (Utilizador Info)
    Por muito estranho que te possa parecer pessoas com 'esse potencial' normalmente não se sentam 'à sombra da bananeira' a gozar os lucros, normalmente são pessoas que gostam do que fazem e têm prazer no trabalho, a não ser que tenha sido apenas fruto de uma efemeridade casuística e então nesse caso tem pouco a ver com potencial.

    Não estou de modo de nenhum a subscrever ou a defender o que o poster do post a que te referes diz. Só me fez 'impressão' essa noção do que é ter potencial.

    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:1)
    por BugMeNot.com em 26-11-05 19:31 GMT (#88)
    (Utilizador Info)
    O que eu quis dizer aqui com "potencial" foi, simplesmente, isto: se ele diz que tem na mão a solução para acabar com a dependência petrolífera de Portugal, e considerando que a dependência petrolífera não é um problema exclusivamente português, então este génio é potencialmente o gajo mais rico e mais importante do mundo, pois acabou de solucionar os problemas energéticos do planeta, e sem querer deu o primeiro passo para a paz mundial, ao tornar o Médio Oriente e o petróleo irrelevante, bem como um passo de gigante para acabar com o problema das emissões de gases de estufa, originadas pela combustão de combustíveis fósseis. Protocolo de Kyoto? Quem? Agora chama-se Protocolo Francisco Colaço.

    Porreiro, hein? Agora, põe o cérebro por 5 segundos e pensa nisso. Pois, se ele tivesse na mão aquilo que diz, bye bye Bill Gates, deixa passar que o gajo mais rico do mundo sou eu, venha o Nobel da Química e da Paz, prémios do Green Peace, do Príncipe das Astúrias, da paróquia de Sto Amaro de Oeiras, eu sei lá. Venha tudo, porque este gajo acabou de provar que o Douglas Adams estava errado, a resposta não é 42, é "fhc".

    Resumindo e concluando, he's full of shit.

    Bom, era isto que queria dizer quando falei em "potencial". Peço perdão pela pobre escolha de palavras!
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por Specimen em 27-11-05 1:11 GMT (#91)
    (Utilizador Info)
    Felizmente, no meu caso, o cérebro tá sempre posto e funciona mais de 5 segundos por dia, mas agradeço a 'sugestão', por uma questão de educação, a minha claro está.
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por Specimen em 27-11-05 1:19 GMT (#93)
    (Utilizador Info)
    Pensei que tivesse ficado bem claro no meu 'post' a que respondeste que não me quero meter no meio do vosso 'arrufo', que é para mim uma conversa que não me diz nada.
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:1)
    por rmbm em 27-11-05 3:07 GMT (#95)
    (Utilizador Info)
    lol!
    Tens honestamente muita piada!
    Gostei! Boa!

    --> Obscenity is the crutch of the inarticulate motherfuckers --
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por fhc em 28-11-05 11:18 GMT (#99)
    (Utilizador Info)

    Não fumo, não bebo, sou homem de uma mulher só e, como disse, posso mostrar resultados. O facto de dizer que a banca nacional não acreditava no projecto não disse que a banca estrangeira não vai avançar com o dinheiro, mas a fábrica vai para outro país.

    Isto apenas mostra que os portugueses se rendem à descrença dos seus pares e aos salvadores vindos de fora, de forma parola, como seria de esperar pela evidência histórica.

    Francisco Colaço


    Quem não faz, ensina; quem não faz nem ensina, faz metodologia. Quem não faz nem ensina nem faz metodologia, faz futurologia.

    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:1)
    por BugMeNot.com em 28-11-05 14:28 GMT (#102)
    (Utilizador Info)
    Faz mais e fala menos. Falar qualquer um consegue. Apresenta factos tangíveis em vez de andares para aí a espalhar aos quatro ventos que tornaste o petróleo obsoleto.

    Acho que ainda não te deves ter apercebido bem do impacto das tuas palavras. Se as tuas fantasias onanistas fossem verdade, tinhas acabado de alterar a civilização tal como a conhecemos. Não uma volta de 360 graus como diz o outro, mas de 180.
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 28-11-05 20:43 GMT (#105)
    (Utilizador Info)
    Isso sim já me acredito que a banca nacional te/vos tenha dado um valente pontapé no cu e olhado para voces como maluquinhos... É o costume neste país de merda...É por isso que o verdadeiro choque tecnologico seria mudar a mentalidade de 99% da populacao que aqui vive. Isso é que nos iria tornar uma potencia mundial. No entanto, são pelo menos 600 ou 700 anos de História e Cultura que são precisos mudar... É uma tarefa bem mais complicada do que eliminar o petróleo (sem qq sentido perjurativo!), e na qual ninguém quer pegar...

    Still fucki'n alive !
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 26-11-05 13:46 GMT (#77)
    (Utilizador Info)
    Precisas de um economista para os planos financeiros e respectivas trafulhices (nada em Portugal é bem feito se nao tiver trafulhice associada :) )???

    Still fucki'n alive !
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por fhc em 28-11-05 11:26 GMT (#100)
    (Utilizador Info)

    Tenho, (obrigado pela oferta), na equipa do consórcio um ex-director financeiro (imagina porque é que se despediu) de um grupo multinacional alemão ligado ao ambiente. Eu apenas sou o director industrial e nada mais do que isso. A tecnologia nem é de minha invenção, estou apenas a realizá-la na prática.

    De resto, nada mais direi. Já me arrependi de tê-lo mencionado.

    Francisco Colaço


    Quem não faz, ensina; quem não faz nem ensina, faz metodologia. Quem não faz nem ensina nem faz metodologia, faz futurologia.

    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:1)
    por BugMeNot.com em 28-11-05 14:31 GMT (#103)
    (Utilizador Info)
    Wow, és tipo o Mário Soares, tu. Ele diz "Na Europa escutam o que eu digo. Posso escrever num jornal, telefonar a pessoas que conheço - ministros, antigos governantes, dirigentes que contam - e tenho conhecimentos e relações."

    Enfim.
    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 28-11-05 20:40 GMT (#104)
    (Utilizador Info)
    Desculpa mas nao faz sentido vires divulgar a publico tal tecnologia bombástica... Sem querer parecer sarcástico, isso não é muito inteligente ;)

    Primeiro porque te podem gozar, segundo pq te podem roubar...

    Well, seja lá como for, good luck :)

    Still fucki'n alive !

    Re:How to make friends and influence people. (Pontos:2)
    por fhc em 29-11-05 13:25 GMT (#108)
    (Utilizador Info)

    Nesta altura, alea jacta est. E o que disse sobre a banca estrangeira é verdade. O problema é que nos aproximámos antes da banca nacional.

    E nunca disse que tornava o pertóleo obsoleto.

    Francisco Colaço


    Quem não faz, ensina; quem não faz nem ensina, faz metodologia. Quem não faz nem ensina nem faz metodologia, faz futurologia.

    Ó Stôr eu cá fiz o TPC... (Pontos:2)
    por Specimen em 26-11-05 2:37 GMT (#65)
    (Utilizador Info)
    Fiz o TPC como o senhor professor do artigo mandou, e encontrei uma coisa mais ou menos gira, dependendo da sensibilidade humorística de cada um, e mais ou menos irrelevante dependo da sensibilidade dérmica de cada qual. Então é assim... Se forem ao IP do servidor (66.98.154.4), ou a xpertsoft.com (devem ser os 'xpertos' q fizeram o site), que vai dar ao mesmo sítio, no browser, encontram uma página lacónica, se lhe expreitarem por debaixo da saia e lhe virem o código-fonte encontram isto: Ficamos portanto a saber que eu sou tão 'lame' como os xpertos, ou não. Passem bem e não comam demasiadas batatas fritas por causa do sal e não bebam muita coca-cola por causa do açucar.
    Re:Ó Stôr eu cá fiz o TPC... (correcção do TPC) (Pontos:2)
    por Specimen em 26-11-05 2:41 GMT (#66)
    (Utilizador Info)
    Pois tá bem... Antever antes de submeter...

    Atão cá vai mas agora sem espinhas:

    Fiz o TPC como o senhor professor do artigo mandou, e encontrei uma coisa mais ou menos gira, dependendo da sensibilidade humorística de cada um, e mais ou menos irrelevante dependo da sensibilidade dérmica de cada qual.

    Então é assim... Se forem ao IP do servidor (66.98.154.4), ou a xpertsoft.com (devem ser os 'Xpertos' q fizeram o site), que vai dar ao mesmo sítio, no browser, encontram uma página lacónica, se lhe 'Xpreitarem' por debaixo da saia e lhe virem o código-fonte encontram isto:

    meta name="keywords" content="the end of the internet,people who view source,are extremelly lame"

    Ficamos portanto a saber que eu sou tão 'lame' como os xpertos, ou não.

    Passem bem e não comam demasiadas batatas fritas por causa do sal e não bebam muita coca-cola por causa do açucar.

    Nada como uma pseudo-noticia para animar isto... (Pontos:1)
    por rmbm em 26-11-05 12:57 GMT (#76)
    (Utilizador Info)

    Pena que tudo o que esta a ser aqui dito seja vazio de conteudo. Apelo aos editores do GILDOT que sejam mais criteriosos.
    Isto mais parece uma versão rasca do CRIME online ou uma novela da TVI.

    Uma triste imagem das T.I. em Portugualito..

    --> Obscenity is the crutch of the inarticulate motherfuckers --
    Re:Nada como uma pseudo-noticia para animar isto.. (Pontos:2)
    por Lowgitek em 26-11-05 14:18 GMT (#81)
    (Utilizador Info)
    Embora comece a ter a mesma opnião, tal como o CRIME, ninguem te obriga a ter que comprares toda ou qualquer edição...


    Ao Orgulho segue-se a ruína, e a arrogância vem antes da queda (Prov. 16:18)
    Fórum para a Sociedade de Informação (Pontos:2)
    por grumbler em 28-11-05 10:02 GMT (#97)
    (Utilizador Info) http://www.instavel.org/
    Para além da inexistência de qualquer referência à utilização de software livre (ou que fosse open source) no plano tecnológico, outro assunto que teria todo o interesse ser discutido aqui no Gildot é a medida de criação de um Fórum para a Sociedade da Informação.
    O documento do Plano Tecnológico é bastante vago relativamente ao mesmo (como o é em relação à grande maioria dos tópicos) e indica apenas que o mesmo será um Órgão de consulta e concertação, no âmbito do Programa Ligar Portugal, para o desenvolvimento das políticas públicas para a Sociedade da Informação, reunindo os principais actores sociais, públicos e privados, e aberto, de forma interactiva, à sociedade em geral..

    Quem é que são esses "principais actores"? Quem é que decide quem deverá estar representado neste fórum e em que moldes? Como é que será efectuada a participação da "sociedade em geral", tendo em conta a inexistência de qualquer associação ou agrupamento que reúna os utilizadores da Internet e restantes tecnologias da informação? Ou será preferível que os cidadãos opinem a título individual? E se sim, como é que tal poderia ser conseguido de uma forma mínimamente produtiva?

    --
    What, Me Worry?

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]