gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Tradução de software livre
Contribuído por scorpio em 08-11-05 23:49
do departamento i18n
perguntas Luis Bastos escreve "Descobri recentemente o mundo do open source e foi paixão a primeira vista. O site página ajudou imenso na descoberta deste mundo (consultar o site na língua francesa senão perdem o melhor). Comecei recentemente a tradução de um programa de gravação de cds muito prometedor, mas naturalmente por ser o primeiro encontrei algumas dificuldades. Gostaria de saber onde posso encontrar apoio, nomeadamente fóruns onde possa discutir traduções mais complicadas? E já agora aqui vão duas ligações que ajudaram um pouco. página http://quark.fe.up.pt/orca/index.pt.html "

A morte do choque tecnológico v1 | Transparência, anonimato e blogosfera  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • página
  • página
  • Mais acerca perguntas
  • Também por scorpio
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Talvez alguma ajuda (Pontos:2)
    por gass em 09-11-05 11:09 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://www.otiliamatos.ath.cx/~gass
    o Debianpt[1] está a traduzir debian para pt europeu. Com a experiência de traduções existente, podemos-te dar alguma ajuda. Nada como experimentar. Podes-te registar lá e fazer um post na parte de traduções ou, se tiveres disponibilidade, recomendo o canal #debian e #linuxhelp na ptnet.

    [1] http://www.debianpt.org
    Cumps-
    Gass
    GNOME e KDE (Pontos:2)
    por chbm em 09-11-05 12:23 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://chbm.net/
    Tanto o GNOME como o KDE tem equipas de tradução com howtos, mailing-lists e presenças em canais de IRC.
    A página da equipa GNOME está em http://developer.gnome.org/projects/gtp/
    Re:GNOME e KDE (Pontos:1)
    por zepires em 09-11-05 15:06 GMT (#6)
    (Utilizador Info)

    No caso do projecto do KDE, podes encontrar informações em:

    Página oficial de traduções do KDE
    Página da equipa de traduções para Português

    Podes ainda acompanhar mais de perto o funcionamento da equipa, se te registares no seguinte link:

    Mailing list do kde-i18n-pt

    Esta equipa é gerida tanto por mim como pelo Pedro Morais (poderás obter os nossos contactos na página da equipa), e contamos com a valiosa ajuda de outros participantes.

    Para além disso, somos também participantes no projecto de traduções para Português Europeu das distribuições Red Hat/Fedora, cujo acompanhamento pode ser feito, por exemplo, em:

    Mailing-list do projecto Fedora para Português
    Back in time (Pontos:2)
    por amartins em 09-11-05 12:31 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Artigo de 2004
    Mailing List

    Cumprimentos,
    António


    Please don't interrupt me while I'm talking to myself!
    Mozilla (Pontos:1)
    por [Coyot3] em 09-11-05 14:12 GMT (#4)
    (Utilizador Info)

    Viva,

    tens claro outros projectos onde podes contribuir na mesma prespectiva.

    Decerto já ouviste falar no projecto Mozilla Firefox e nas extensões que lhe são inerentes.

    Pois bem, podes participar activamente na tradução de extensões para Firefox e mesmo na tradução de novas versões do browser.

    A mozilla tem imensa documentação sobre o tema na área de development

    Aproveito para deijar felicitações pelos 100milhões de downloads do browser da Mozilla Foundation.


    Com os melhores cumprimentos

    Paulo Silva

    Re:Mozilla (Pontos:1)
    por falso em 09-11-05 14:55 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://amar.o.unix.on.zoy.org
    em vez de andarem com tantas caganças com os downloads e resolverem os memory leaks faziam muito melhor.
    ainda ha bocado tive de killar o firefox pq ja tava a comer 300 e tal mb de ram SO COM DUAS TABS.

    nunca mais metem o konqueror a funcionar em windows... :-(

    ----------------------------
    if it bleeds, we can kill it
    Re:Mozilla (Pontos:1)
    por Zarluk em 09-11-05 19:15 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    ainda ha bocado tive de killar o firefox pq ja tava a comer 300 e tal mb de ram SO COM DUAS TABS

    Experimenta usar Linux -- neste momento tenho uma dúzia de tabs abertas e nem noto a diferença :-)

    Re:Mozilla (Pontos:2)
    por gass em 10-11-05 0:09 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://www.otiliamatos.ath.cx/~gass
    duzia????? quantas??? ... tipo ... é até n caberem mais ... ou melhor, até n conseguir ver qual é qual :P Sempre com a mesma velocidade.
    Cumps-
    Gass
    Outro link para um glossário útil (Pontos:1)
    por BugMeNot.com em 10-11-05 4:02 GMT (#9)
    (Utilizador Info)
    ORCA: GLOSSÁRIO INGLÊS-PORTUGUÊS DE INFORMÁTICA e neste caso é possivel contribuir para ele. Não sei qual a atenção que os criadores do glossário lhe dão no momento, mas ajuda-me, e contribuo de vez em quando: http://quark.fe.up.pt/orca/index.pt.html
    Re:Outro link para um glossário útil (Pontos:1)
    por BugMeNot.com em 10-11-05 4:05 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    P.S.-Usei o bugmenot.com por pregruiça de ir encontrar a minha password. Não estou associado com outros posts bugmenot aqui no gildot! Jobezone
    Traduzir ao galego (Pontos:1)
    por choutos em 10-11-05 9:45 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://www.choutos.tk
    Eu acabo de começar a tradução do Gaim para o Galego (em normativa AGAL), também conhecido como português da Galiza.

    Explicar, para quem não saber, que o galego tem 2 normativas: A RAG e a AGAL.
    A AGAL usa a grafia tradicional galega.

    Tenho em mente traduzir outras aplicações e, sendo o português (de Portugal) e o galego parescidos, é facilmente adaptável a mesma tradução para galego e português com pouco esforço.

    Se quijer podemos colaborar nas traduções :).

    Há mais informação no meu site

    Até!



    A história da Galiza detém-se um intre, mira cara atrás, retorce-se e cuspe sangue.
    Re:Traduzir ao galego (Pontos:2)
    por Manuel em 15-11-05 15:39 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://sindominio.net/~manuel/
    O "galego" não tem duas normativas, tem todas e não tem nenhuma: no Reino da Espanha não há normativas oficiais para as línguas. Então, o certo é que a normativa RAG (Real Academia Galega) e a da AGAL (Associaçom Galega da Língua) são duas das possíveis normativas.

    Mas há algumas pessoas que, sendo galegas, utilizam o locale (e dicionários e quaisquer outras ferramentas relacionadas com a língua) pt_PT ou pt_BR, o que vem a constituir uma outra normativa para o português galego. Sem querer entrar em guerras, mas até acho que esta tem mais utilizadores que a AGAL no âmbito informático, nem que seja porque tem "custo zero", está disponível para muitíssimas mais ferramentas do que nessas outras duas.

    Basicamente eu não penso que faça muito sentido ter um locale diferente para utilizar palavras com "-om" em vez de "-ão" e quatro cousinhas, como penso que não faz sentido ter pt_PT e pt_BR.

    Contudo, a initiativa parece-me interessante :)

    --
    Tanta gente sem casa, tanta casa sem gente..
    Re:Traduzir ao galego (Pontos:1)
    por choutos em 17-11-05 8:53 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://www.choutos.tk
    Entendo o que diz.
    Mas compreende que é um jeito de fazer cavilar a alguma gente, de prestigiar a nossa língua (e esta normativa) face aos que dim "isso não é galego, é português" e renegam dela.
    Ao mesmo tempo é uma maneira de deprender a escrever melhor (a minha escrita não é boa... mas vou melhorando :P).
    Aliás ter um sitio na lusofonia (ou galegofonia), se há pt_PT e pt_BR por que não pt_GZ, pt_ES ou como for?.

    Bom, animas-te a traduzir ou não? :)


    A história da Galiza detém-se um intre, mira cara atrás, retorce-se e cuspe sangue.
    Re:Traduzir ao galego (Pontos:2)
    por Manuel em 22-11-05 17:18 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://sindominio.net/~manuel/
    Lamento o atraso, mas estou sem internet em casa (e sem visos de mo arranjarem..) assim que não pude responder antes, envio cópia por correio.

    Suponho que verias em outra notícia destas datas no gildot o debate sobre as traduções pt_BR. Eu sou contra isso, só desde uma mentalidade muito em volta do próprio umbigo se podem ter esses preconceitos. Também se produz em gentes do "planalto" castelhano, p.ex. com traduções mexicanas de livros de informática, mas em geral a gente --e sobretudo o discurso dominante-- está por cima disso, e precisamente se destaca a "infinita variedade" (e sempre sob a mesma ortografia, sem nenhum tipo de diferencialismo) do espanhol como um valor positivo. O contrário é só ver as diferenças anedóticas e não as semelhanças estruturais, talvez o facto de Portugal ser tão pequenino e homogéneo seja um agravante. E eu acho que o de ter diferentes locales para todo isto só contribui para mais separação.

    Ora, o caso galego é diferente, porque o discurso da unidade linguística está já praticamente perdido, então pouco mais se pode perder. Mas outra cousa é se uma norma que é 98% puro português vai fazer a diferença com utilizar qualquer uma das outras normativas que existirem (de facto, fora do âmbito lusista AGAL vê-se como português total). Por isso que a iniciativa, desse ponto de vista, não me parece mal.

    Quanto a colaborar nas traduções, eu no passado já o tinha feito mesmo com a norma isolacionista (mas já há muitos anos disso :) ), ultimamente só fiz algumas traduções dalgumas cousas nas que estava a trabalhar. Mas neste momento não tenho tempo para isso, estou a focar-me em projectos de programação e em terminar os estudos, não tenho um pingo de tempo livre para mais. Ora, eu quase todos os programas que utilizo já estão traduzidos a português, não sei se haverá assim muito trabalho ;)

    Até.

    --
    Tanta gente sem casa, tanta casa sem gente..
    Ubuntu em português (Pontos:1)
    por jalrnc em 10-11-05 11:41 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    A equipa de tradutores do linux Ubuntu para português frequenta o canal #ubuntu-pt no freenode e todos são bem vindos a participar. As discussões muitas vezes são gerais e independentes da distribuição. As traduções são também comunicadas upstream para o responsável de cada aplicação, promovendo assim reutilização e consistência no mundo do software livre. Mais informação em ubuntu-pt.org

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]