gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Liberdade de imprensa .... ou não
Contribuído por AsHeS em 28-07-05 22:13
do departamento da liberdade
Notícias Junior escreve "Em Portugal a liberdade de imprensa é uma coisa que existe há muito, pena é quando essa liberdade é usada e abusada para promover às cegas e enganosamente conceitos e produtos! É o caso de algumas publicações lidas por milhares de portugueses. Uma delas, a Bits & Bytes (suplemento do Jornal de Notícias), têm publicado regularmente artigos ( 1, 2 )de qualidade duvidosa que chegam a ser confundidos com a vulgar publicidade paga. Mas ficar calado é o pior que pode acontecer... por isso Tá mal!!! Tá muito mal... "

Microsoft compra Homem-Aranha | Campus Party 2005  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • 1
  • 2
  • Tá mal!!! Tá muito mal...
  • Mais acerca Notícias
  • Também por AsHeS
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    a cara do Sr Paulo Silva partiu-me todo (Pontos:1)
    por hav0x em 28-07-05 23:46 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    Não tenho por hábito ler tal publicação.
    Pelo que li nas pics (assim na diagonal), ainda bem que não estou a perder nada.
    A cara do homem ... :)))) rotflmao!
    Carros e LINUX (Pontos:1)
    por jorgelaranjo em 29-07-05 1:41 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://thetaoofwebdesign.tk/
    É pá, o tipo da Panda Software é obsecado por CARROS! E pelos vistos adora o WINDOWS. Se calhar, porque sendo da Panda, não teria mercado não fossem os "nabos" que usam Windows...

    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    The Tao of Webdesign
    Re:Carros e LINUX (Pontos:2)
    por Mindstorm em 29-07-05 21:29 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://www.mndnet.org/
    Se não fosse o Windows, os mesmos nabos passariam a utilizar linux e o mercado de "protecção" para este SO seria certamente maior, portanto continuaria a existir negócio.

    Mindstorm
    Re:Carros e LINUX (Pontos:1)
    por @|7 em 31-07-05 14:35 GMT (#24)
    (Utilizador Info)
    Mas se calhar ele não seria tão obsecado por carros, talvez tivesse menos dinheiro para gastar :)
    Re:Carros e LINUX (Pontos:2)
    por MacLeod em 31-07-05 18:34 GMT (#26)
    (Utilizador Info)
    Será assim tão dificil escreverem "obcecado"?
    Re:Carros e LINUX (Pontos:2)
    por jorgelaranjo em 31-07-05 20:18 GMT (#28)
    (Utilizador Info) http://thetaoofwebdesign.tk/
    my fault. obrigado pelo reparo. Nem reparei.

    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    The Tao of Webdesign
    "Liberdade de imprensa"? (Pontos:4, Interessante)
    por Dehumanizer em 29-07-05 7:24 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://www.dehumanizer.com/

    Para mim, esse conceito sempre quis dizer que uma pessoa podia 1) dizer o que quiser desde que seja apresentado como opinião, e 2) citar factos demonstráveis tal como eles são na realidade, mesmo que isso desagrade ao governo ou a outros "poderosos".

    Não é isso que aquele tipo está a fazer. Ele está a apresentar completas mentiras como sendo "factos". Pelo que sei, este tipo de coisas, quando reportadas e provadas como sendo falsas, deviam exigir uma correcção e pedido de desculpas no número seguinte... mas onde é que isso está?

    O tipo mente tanto que só falta dizer que o Linux foi inventado por um hacker russo chamado Linyos Torovoltos para destruir a civilização ocidental... :)

    You should know better than to pick up a duck in a dungeon. Lose 2 levels.

    Re:"Liberdade de imprensa"? (Pontos:3, Esclarecedor)
    por grumpy bulgarian em 29-07-05 7:39 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://10.10.11.2
    Tenho esperança que ao pegar no original do jornal seja posível constatar que o texto em causa se enquadra na tua definição 1) e que isto seja uma crónica.

    Acho que o Laranjo já tocou no essencial, a existência de virus, trojan, spyware & cia. alimenta a venda de software como o da Panda, pelo que a crónica deve ser lida como a opinião de um sujeito que não é nada isento.

    Mal por mal, anda a constatar que os autores de malware estão a ter um papel relevante na renovação do parque informático. Com PCs de baixa gama a custar US$300 e uma intervenção prolongada a limpar lixo a cusat US$100, lia-se no slashdot que há uma quantidade impressionante de pessoas a livrar-se das máquinas em pouco tempo (não sei se para comprarem um novo PC e deixa-lo desprotegido na mesma..). Junta-se iniciativas como a desta empresa e há aldeias em Africa que já podem enviar emails (é a deixa para piadas sobre fraude a-la-nigeriana).

    Com jeitinho e boa vontade, por cá também se podia recolher os PCs usados das empresas, recauchutá-los, instalar o SO da vossa escolha e mandá-los para as escolas nacionais ou outras.
    Grumpy B)

    Analogia (Pontos:1)
    por gEoTa em 29-07-05 10:10 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Ora se bem percebi, o Linux é o "carro mais seguro do mundo" e o Windows o "Citroën 2CV"? E como eu uso um Windows sou um "Tiago Monteiro"?
    Parece-me que não se enganou por muito... Afinal ele até tem alguma visão da coisa... :P
    Re:Analogia (Pontos:1)
    por BeBe em 29-07-05 10:44 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://www.domingos-bruges.com/
    Não existem carros seguros.. O acto de condução é que pode ser mais ou menos seguro.
    --
    djsb
    Re:Analogia (Pontos:2)
    por MacLeod em 29-07-05 17:13 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Esse argumento é um pouco fraco. O acto de condução é condicionado pelo carro. Condizir a 120 km/h na autoestrada com um 2 CV ou um Subaru Impreza não é igualmente seguro...

    Portanto, existem carros mais seguros que outros. É por isso que as revistas das associações de consumidores fazem testes periódicos à segurança dos carros. É claro que podes dizer com razão "mas se eu conduzir que nem uma besta, não há carro que valha". É verdade, mas mesmo a conduzir de uma maneira responsável os imprevistos acontecem e a segurança do carro é crucial.

    Re:Analogia (Pontos:1)
    por Gothic em 30-07-05 7:00 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://Kmos.BlogSpot.com
    É completamente verdade... por exemplo, um BMW de 20 mil contos (pode ser o novo da série 3, damn não me calho o euro milhões e já não vou ter um) e um citroen ax.. :-)

    he he he...

    Characteristic of life style...
    Re:Analogia (Pontos:2, Interessante)
    por BugMeNot.com em 29-07-05 17:32 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Não? Então experimenta espetares-te num Trabant e depois num Renault qualquer, daqueles que tiveram nota máxima nos testes do Euro NCAP recentemente...

    Hint: um vale uma viagem só de ida para o cemitério, o outro vale provavelmente uma ida ao café mais próximo beber uma água para ver se o susto passa. Descobrir qual é qual fica ao critério do leitor :-)
    Re:Analogia (Pontos:1)
    por @|7 em 31-07-05 14:38 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    Trabant = Ida ao café

    Renault = Passaporte definitivo para o cemitério

    Indignação desmesurada (Pontos:1)
    por jp em 29-07-05 11:05 GMT (#9)
    (Utilizador Info)
    Acho a indignação desmesurada. Confesso que inicialmente também me irritei mas, como não consegui encontrar algo que pudesse ser vagamente confundido com argumentação, a minha atitude passou a ser de condescendência. Assim os artigos tornam-se muito divertidos. E estou sempre na ânsia de encontar um artigo a falar mal da concorrência. A minha expectativa é grande, mas o senhor tem provas dadas.
    O que faz falta.... (Pontos:3, Interessante)
    por Tintim em 29-07-05 22:52 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://paulo.trezentos.gul.pt
    Gosto da intervenção do Rui Gouveia ao mesmo tempo que discordo do seu conteúdo.
    Gosto não pela crítica específica aos artigos do Paulo Silva ao ao Editor, Marco Santos, mas porque dá uma pedrada no charco.
    Nada mais útil do que criticar directa e objectivamente aquilo com o qual discordamos. Com respeito, mas sem paninhos mansos.
    Os americanos em ambiente académico são ferozes a criticar os outros e o seu trabalho. Seja numa conversa de café, seja numa sessão de Q&A de uma conferência.
    Essas intervenções estimulam a defesa e incentivam à melhoria da qualidade em futuras intervenções. Penso que são assim porque existe uma grande competitividade e abertura de espírito.
    O Rui atacou a questão dessa forma, nada ao jeito português que prefere deixar andar e dizer mal por trás.
    Grandes impulsos ao desenvolvimento foram despoletadas pela celeuma e discórdia (manifesto anti-dantas, cálculo da longitude por meios mecânicos Vs astronómicos, etc...). Discordar é bom.

    Disse que discordo do conteúdo devido às críticas indirectas à linha editorial.
    Estando um pouco mais dentro do Bits & Bytes, sei que existe um tratamento equilibrado das crónicas e artigos.
    O que não significa que o Rui não possa ter razão nos pontos que focou.
    Contudo, o Marco Santos tem se esforçado com sucesso para elevar a qualidade no tratamento dos dois (três, com o Mac) mundos. E, acima de tudo, acredito que não seja fácil pôr cá fora um suplemento de informática semanal.

    Quanto aos artigos do Paulo Silva e Miguel Veiga...
    Eu distinguia-os. O Paulo Silva escreve uma crónica, o Miguel Silva pareceu-me ter escrito um artigo com tratamento jornalistico sobre segurança. Este último deve ser avaliado à luz da objectividade e o Rui Gouveia fê-lo bem.
    Mas com uma crónica já é diferente. A sua avaliação não deve ser feita em função da objectividade.

    Brilhante a reflexão de JP Coutinho no Expresso sobre a mesma:
    A arte [da crónica] resume-se em dez leis fundamentais.

    Primeiro: a crónica não é um género jornalístico; a crónica é um género literário.
    Segundo: a crónica pode partir da realidade mas, não raras vezes, a crónica cria a sua própria realidade.
    Terceiro: a crónica não é análise nem comentário; a crónica é confissãoe hipérbole.
    Quarto: a crónica não pretende formar ou influenciar; a crónica deve entreter e, se possível, opinar.
    Quinto: a crónica não vive da especialização; a crónica vive da diversidade.
    Sexto: a crónica vale do pelo estilo e pela substância; em caso de conflito, sacrifique-se a substância.
    Sétimo: a crónica não pondera opiniões contrárias às suas; a crónica pondera apenas uma opinião que seja contrárias às outras.
    Oitavo: a crónica, como diria Oscar Wilde, está apenas bem escrita ou mal escrita.
    Nono: a crónica é pessoal; a crónica é um prolongamento do eco.
    Décimo: a crónica deve ser tão fácil de ler como de esquecer.


    Eu acrescentaria um:

    Décimo primeiro: A crónica não é impune; o cronista tem e deve sujeitar-se às ondas de choque provocadas pelas mesma. Mesmo que injustas. Mesmo que imerecidas.
    Hackers (Pontos:1)
    por K` em 30-07-05 13:28 GMT (#15)
    (Utilizador Info) www.zeal.homedns.org/~iori/
    Eu nao tenho respeito nenhum , e cada vez que leio alguem dizer que são os hackers que fazem os virus e os spywares e etc... só me dá vontade de o partir todo!

    É ASSIM TÃO DIFICIL PORRA !??? hackers != crackers !

    especialmente para o director tecnico do panda
    Re:Hackers (Pontos:1)
    por K` em 30-07-05 14:07 GMT (#17)
    (Utilizador Info) www.zeal.homedns.org/~iori/
    queria dizer claro , que nao tenho respeito nenhum por pessoas que tratam crackers por hackers.

    tendo lido tudo , penso que só se poem uma questão :

    será legitimo cronicas tornarem-se artigos publicitarios ?!
    Re:Hackers (Pontos:1)
    por @|7 em 31-07-05 14:33 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    Infelizmente em Portugal tudo é permitido.
    Re:Hackers (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 30-07-05 21:17 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    crackers => breaking copy protections et al => and that is hacking.

    get it ?

    Go Cisco Go !!! Everyone now can have a l33t r3m0t3 sh3ll at a Cisco Router !!! Go Cisco Go !!!

    Re:Hackers (Pontos:2)
    por null em 02-08-05 19:25 GMT (#37)
    (Utilizador Info)
    http://kb.iu.edu/data/agwt.html
    Só mais um (Pontos:2)
    por Lamego em 30-07-05 14:07 GMT (#16)
    (Utilizador Info) http://software.pt-link.net
    A tecnologia de informação é talvez a área onde mais se produz informação com pouca ou nenhuma qualidade, na maior parte das vezes isto acontece pela busca de protagonismo, a procura da popularidade comentando algo que é "popular" ainda que não se saiba muito bem do que se está a falar.
    A outra situação é a (des)informação colocada por algumas empresas a fim de potenciar os seus produtos e/ou denegrir a concorrência, neste segundo tipo normalmente há um maior cuidado dos "agentes" desinformadores que revelam ter algum conhecimento sobre o que opinam mas fazem-no de forma imparcial realçando apenas os "factos" que lhes interessam e omitindo outros de acordo com os seus objectivos de marketing.
    Neste caso depois de ler a crónica, não percebi claramente qual é a origem da desinformalção do autor. Dá-me a ideia de ser um misto de ignorância com marketing.
    De qualquer pessoalmente acho que nem vale a pena perder muito tempo a contra-comentar artigos/crónicas com esta falta de qualidade.
    Será mais útil procurar o nosso próprio espaço tentando participar em jornalismo de qualidade ignorando o de má qualidade que sempre há-de existir.
    Dá vontade de rir (Pontos:1)
    por @|7 em 30-07-05 17:50 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Os artigos do senhor Paulo Silva dão-me vontade de rir, algo que eu costumo fazer quando os leio. O homem da Panda Software deve ter os olhos tapados ou então é muito bem pago pela sua empresa.

    Até hoje ninguém lhe explicou que o Antivirus Panda é a maior merda que existe no mercado mundial, uma autêntica porta aberta para toda a espécie de vírus, worms e trojans.

    Claro que é todo amaricado, até fala connosco! Mas enquanto fala, este programa deve ter um iman que atrai toda a porcaria para dentro dos nossos sistemas.

    Por outro lado, o senhor Paulo Silva é um obsecado pelo Windows, nunca ninguém lhe explicou que o Windows criado pelo Bill Gaitas é um SO mais indicado para anormais que não entendem ou não querem entender a informática e que se ele quer um sistema operativo fiável e estável, deve instalar no seu lindo e querido computador topo de gama o Linux.

    Já agora... deixe de escrever por favor. É que já não consigo rir com as suas ideias estúpidas!

    So what? (Pontos:1)
    por Flatline em 31-07-05 0:41 GMT (#22)
    (Utilizador Info)
    Nao vi nada de especial nos artigos, realmente o espaço na revista podia ser melhor ocupado...
    Dos dois artigos, dos suplementos Nº 86 e 87, pelo que percebi, a mensagem transmitida basicamente foi que a seguranca do sistema operativo, seja linux ou windows, depende do administrador do mesmo e que, sendo o sistema operativo windows ou mesmo linux, se deve fazer actualizacoes do software.
    Acho funny mas e a foto e os titulos dos artigos os conteudos ate compreendo porque serem tristes como sao...


    ...---... / -- .- - .- .-.
    A insanidade e tua amiga, paga-lhe um gelado.
    LCI@IST - Vulgo Insania Ab MMI
    U.R.S.S.....L (Pontos:1)
    por danii em 31-07-05 20:03 GMT (#27)
    (Utilizador Info)
    Depois de ouvir um técnico dessa 'subsidiaria' portuguesa da Micro$oft, que é a A$$OFT, dizer que o software open-source eventualmente vai causar a 3ª guerra mundial, pode-se dizer que já estou por tudo... O argumento deste verdadeiro 'cromo' (sem ofender os de caderneta!!) é que como não há controlo nem documentação e ou registo de grande parte do código que circula pela net, eventualmente alguém vai correr código que vai lançar uma bomba nuclear ou do género (deve ter visto demasiadas vezes o WarGames! enfim...), sem falar de outro monte de disparates pegados!!! Conclusão este deve viver no medo que os 'comunistas', 'anarquistas' do open-source tomem conta do mundo e o transformem na U.R.S.S.L. (União das Republicas Socialistas do Software Livre) A quem pensa assim so lhe digo que vá reservando lugar num bunker!!! lol
    Re:U.R.S.S.....L (Pontos:2)
    por fhc em 02-08-05 9:50 GMT (#33)
    (Utilizador Info)

    Se estes tratassem de enforçar as licenças do software que dizem representar em vez de mandar postas de pescada sobre software livre, faziam melhor.

    Já fiz uma queixa. Não teve seguimento.

    Que autoridade têm eles de falar sobre software livre?

    Francisco Colaço


    Quem não faz, ensina; quem não faz nem ensina, faz metodologia. Quem não faz nem ensina nem faz metodologia, faz futurologia.

    Re:yeah.... (Pontos:1)
    por ruigo em 29-07-05 9:47 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Vais refutar algum argumento do artigo ou ficas apenas por esse comentário infantil? Rui Gouveia http://rui-gouveia.blogspot.com/
    Re:yeah.... (Pontos:3, Esclarecedor)
    por [Cliff] em 31-07-05 0:02 GMT (#21)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com/~cpinto
    O teu discurso já começa a meter nojo. Ora bem, quem quer entrar num sistema, entra. Ponto final.

    O que interessa aqui é que o Joe SixPack não percebe ponta de corno de computadores e como não percebe ponta de corno de computadores, os scripts mais elementares vão acabar por lhe f*der o Windows todo, porque o Windows confia/facilita tanto no utilizador que até mete nojo.

    Hoje, o Linux, para o Joe SixPack é, sem qualquer sombra de dúvida, um sistema mais seguro.

    Se queres falar de cenários hipotéticos e futuros, hipotéticamente falaremos no futuro sobre esse assunto.

    O problema existe hoje e é hoje que tem de ser resolvido.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:yeah.... (Pontos:0, Lança-chamas)
    por tonidosimpostos em 31-07-05 22:58 GMT (#29)
    (Utilizador Info)
    Se o meu discurso mete nojo, porque raio concordas com ele ? Weird shit...

    O que interessa aqui, é que todos esses artigos, tanto os do Windows como do Linux, é tudo uma treta pegada, para idiota ler e ficar todo contente. Os do Windows são uma merda, os do Linux nao ficam atrás no cheiro, dado que fazem uso da mesma propaganda.
    Quanto à confiança no utilizador, o problema é o mesmo em qq plataforma, basta manipular o utilizador e bye bye. Ou achas porque o utilizador está em Linux é imune a phising ou a uma chain letter que lhe diga para correr isto e aquilo como root ? Se achas, entao good luck...

    O Hoje já é passado. Na segurança olha-se para o futuro não para o passado. Ah claro, são cenários hipotéticos. O mais engraçado, é que todos eles vao a pouco e pouco concretizando-se, no entanto, continuam a ser hipotéticos na tua e em muita cabecinha.
    O problema não se resolve nem hoje nem amanhã, resolve-se durante uma ou duas gerações, educando as pessoas para os problemas. É o mesmo paralelo com o problema da segurança rodoviária e outros de civismo. Não adianta reprimir, aumentar multas, etc etc etc, enquanto o problema for de educação. E para educar, é preciso bastante tempo. Pegar no Linux e instalar em todo o lado, é um remendo, remendo que muitos adoravam ver como forma de deitar abaixo a super evil Microsoft e impor as suas ideias. Basta ver o Firefox, tão seguro que era e ultimamente é buracos por todo o lado. Mas era tão seguro, que a Mozilla Foundation agora já tem como objectivo aumentar a segurança do browser... E eu a julgar que ele já era seguro. No entanto, tudo isto é um discurso que mete nojo, porque tu és superior pq achas que o Linux é a melhor solução, e eu sou um nojento, porque contesto essa posição. Yeah right... clap clap clap... Go go go go

    Go Cisco Go !!! Everyone now can have a l33t r3m0t3 sh3ll at a Cisco Router !!! Go Cisco Go !!!

    Re:yeah.... (Pontos:2)
    por [Cliff] em 01-08-05 20:00 GMT (#30)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com/~cpinto
    O teu problema é que estás a ser demasiado pragmático: existem problemas de segurança e é o fim do mundo independentemente da plataforma.

    É aqui que discordo absolutamente do teu discurso porque nunca falas no impacto *real* desses problemas para o utilizador caseiro que é a fonte dos grandes males.

    Ainda há semanas saiu um advisory qualquer da libtiff. So fucking what? Quando é que alguém vai escrever um exploit e enviar-me uma chain letter para tirar partido desse bug?

    Se hoje sair um advisory para o Evolution, quando é que isso me vai afectar como utilizador caseiro?

    Se também hoje sair um advisory qualquer para o Outlook, é limpinho que nos próximos dias (ou horas) vai haver o tal exploit na chain-letter, o idiota a executá-lo e milhares de contos a entrar para os cofres das operadoras de telecomunicações dado o elevado número de chamadas de AJUUUDDAAAAA!

    No entanto, há uma diferença entre as duas plataformas que nós, os idiotas, usamos: o Windows, utilizado como Deus assim o mandou, é um campo minado, aliás há não muito tempo ninguém podia ligar um Windows acabadinho de instalar à net sem lhe enfiar primeiro uma firewall adicional.

    O Linux *ninguém*, nem mesmo tu que só não sabes a chave do Euro-Milhões, sabe se é assim ou não. Ninguém faz ideia se tem esse tipo de problemas ou não porque não tem massa crítica suficiente para se poder dizer isso.

    Hoje não corres grandes riscos ao usar um Linux acabadinho de instalar em casa.

    É assim que se está a vender a segurança do Linux, e a meu ver, muito bem. Os problemas típicos não se aplicam.

    Um familiar meu com o Windows ligava-me frequentemente a pedir ajuda para resolver problemas: o Windows começava a estoirar, o Windows fazia shutdown sozinho, o Windows isto, o Windows aquilo. Desde que começou a usar Linux, ligou-me para:
    1) saber como instalar o rar.
    2) saber como é que fazia uns cálculos no OpenOffice.org Calc.

    Tempo de formação: 20 minutos para lhe indicar o básico para se orientar sozinho. Algo do tipo: quando quiseres uma aplicação procura aqui (Synaptic), para associar ficheiros às aplicações faz assado, os ficheiros que recebes no GAIM vão para ali, é assim que descarregas as fotos da máquina, é assado que as editas, etc.

    Os problemas em casa são previnidos pela distribuição e por quem desenvolve o software, ao utilizador cabe resolvê-los quando acontecem e mesmo isto já é pedir demasiado.

    Para terminar, para mim podes bater no Firefox o que quiseres: i don't give a flying fuck... vais ter de usar outro argumento qualquer se te quiseres pegar comigo.


    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:yeah.... (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 02-08-05 15:29 GMT (#34)
    (Utilizador Info)
    Entao queres falar de impacto real para o utilizador caseiro...
    Porque é que os problemas do Linux não afectam o típico utilizador caseiro ? Porque pura e simplesmente o Linux não tem massa crítica para isso, no segmento do utilizador caseiro onde surgem os problemas. Não queres comparar o número de Windows instalados com o número de Linuxes instalados, pois não ? (falando apenas de desktops..). E isto não passa de um numbers game. Porque razao vai um spammer dar-se ao trabalho de criar um trojan para o Linux, quando sabe que o Windows tem uma massa critica superior, bastante superior ? Especialmente quando todo o "negocio" dele depende das economias de escala, ou seja, do número "vitimas" que apanhar. Porque é que isto nao acontece com o Linux ? Porque nao tem essa massa critica, e porque a maioria que o utliza sabe alguma coisa daquilo. Tal como quem utiliza Windows e sabe aquilo que faz, nao sofre esses problemas tao apregoados.
    Quem fala do Sistema Operativo, fala dos browsers ou de outras aplicacoes. Porque razao é que nao anda a surgir Spyware para o Firefox ? Os buracos existem na mesma, e em dimensao equivalente aos do IE. A resposta é, ~10% de quota, contra 90%. Quem tem interesse em fazer ataques aos desktops, não pensa duas vezes. No dia em que a massa critica estiver do outro lado, o problema vai ser igual. Existe incentivo, logo vao surgir os problemas. Na essência, é um problema económico, se os proveitos potenciais são superiores aos custos, há sempre alguém que vai "investir". Não é preciso saber a chave do euro milhoes, para perceber que isto é o que vai acontecer. Até o OpenBSD que tem um modelo muito, mas muito mais seguro de desenvolvimento que o Linux sofre problemas, portanto porque raio é que uma coisa que é desenvolvida às marteladas (ver papers relacionados com os buracos que andam por ai nas drivers, tanto em Windows como em Linux), vai ser imune a este tipo de problemas ? Dás-me a chave do euromilhoes ? Please ?

    Isto deve responder às afirmações sobre as potenciais exploits. Esse espirito demonstra que provavelmente consegues ter uma máquina toda aberta, dado que ng se vai dar ao trabalho de escrever exploits... No entanto, esta era a filosofia dos anos 90, em que as exploits só surgia passados meses após as advisories. Agora, surgem passado horas. É uma cenário um bocado diferente.

    Quanto à filosofia de que os problemas são resolvidos pelo distribuidor e por quem desenvolve, essa é uma das razoes dos grandes problemas na área da segurança. É o pressuposto que sabem mais do que quem utiliza, e que conseguem prever tudo o que o utilizador é capaz de fazer. Depois, shit happens...
    É o argumento da Cisco, que se julgava capaz disso, e agora anda a enfiar patchs silenciosos noutros updates, anda à rasca porque de repente alguém descobriu maneira de dar bom uso às exploits para Cisco, enfim...

    O Firefox, serve apenas de exemplo da politica "nós sabemos tudo, somos os melhores". O mais engraçado, é que a página onde estava essa afirmação, desapareceu passado uns dias, se calhar deram-se conta de que não era o melhor marketing ;)

    A segurança educa-se. Podes ter dezenas de firewalls, antivirus, e IDS, mas basta convenceres o segurança da entrada de que te esqueceste do cartão, ou então, os sistemas de entrada nem se darem ao trabalho de verificarem que o mesmo cartao passa duas vezes no mesmo sentido no espaço de segundos, para que todo esse aparato vá por água abaixo.
    P.S.: Isto é um caso verídico num grande banco português ;)

    Go Cisco Go !!! Everyone now can have a l33t r3m0t3 sh3ll at a Cisco Router !!! Go Cisco Go !!!

    Re:yeah.... (Pontos:2)
    por null em 02-08-05 19:03 GMT (#35)
    (Utilizador Info)
    Para aqueles que não aceitam que a monocultura (em nome da redução de plataformas a gerir) representa um certo perigo, o caso da Cisco é um facto. Meio mundo a comprar Cisco "porque sim", meio mundo a investir em VoIP "porque sim", meio mundo a comprar XPTO porque "ninguém é despedido por comprar XPTO" acaba por, infelizmente, fazer um gajo rir. Mas ao contrário de ti, não me regozijo pelo facto da Cisco estar com problemas, até acho que é uma atitude medíocre (fazias melhor?), pelo contrário, só me preocupo é pela trabalheira extra que estas tretas me dão...
    Re:yeah.... (Pontos:2)
    por null em 02-08-05 22:48 GMT (#38)
    (Utilizador Info)
    Umm, não me recordava do incidente entre o Michael Lynn e a Cisco (isto de ficar isolado em férias...). Agora percebo porque levaram na tarraqueta...
    Re:yeah.... (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 04-08-05 23:26 GMT (#39)
    (Utilizador Info)
    Agora que já leste um bocadinho sobre o que se passou com a Cisco, deves perceber o meu regozijo pelo facto ;) Não fico contente quando há problemas, mas fico contente quando a censura falha e levam na tola. Assim levaram duplamente, IOS e depois no site, o que foi uma bela demonstração da qualidade da Self Awareness Network que eles tentam vender...Cá se fazem, cá se pagam :)

    P.S.: Se calhar fazia um bocadinho melhor, dado que a paranoia é uma dos meus jogos favoritos...mas, nada é seguro, porque a mente humana e respectiva criatividade são sempre superiores. É essa a beleza do mundo da segurança :)

    Go Cisco Go !!! Everyone now can have a l33t r3m0t3 sh3ll at a Cisco Router !!! Go Cisco Go !!!

    Re:yeah.... (Pontos:1)
    por Flatline em 01-08-05 22:57 GMT (#31)
    (Utilizador Info)
    Woow esse Joe SixPack e o maior. Gostava de o conhecer.
    Joe SixPack Linux Action Man


    ...---... / -- .- - .- .-.
    A insanidade e tua amiga, paga-lhe um gelado.
    LCI@IST - Vulgo Insania Ab MMI
    Re:yeah.... (Pontos:2)
    por [Cliff] em 02-08-05 9:16 GMT (#32)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com/~cpinto
    resume-te à tua insignificancia, até perceberes o conteúdo das coisas.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:yeah.... (Pontos:1)
    por Flatline em 02-08-05 19:03 GMT (#36)
    (Utilizador Info)
    Sim, mestre.
    O uso excessivo de tecnologia pode reduzir a inteligencia.


    ...---... / -- .- - .- .-.
    A insanidade e tua amiga, paga-lhe um gelado.
    LCI@IST - Vulgo Insania Ab MMI

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]