gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Desenvolvimento de Software, quanto cobrar?
Contribuído por BladeRunner em 14-06-05 22:43
do departamento cash
perguntas Olá a todos!

Sou um estudante universitário de engenharia informática e surgiu-me a oportunidade de fazer um trabalho de freelance. Simplificando trata-se de um programa de gestão de recursos, feito em java, utilizando mysql ou ficheiros de xml para persistencia de dados.
O trabalho encontra-se acabado e surgiu-me uma questão pertinente. Como é que faço um preço para este programa, contabilizando a minha "mão de obra", esforço "creativo" (que neste caso foi pouco ou nenhum, mas já que estou a fazer a pergunta, faço-a como deve ser), desenvolvimento e etc.

Básicamente estou a perguntar-vos quando desenvolvemos um programa, se formos nós a vende-lo como é que calculamos, por assim dizer, o seu preço de venda.

Obrigado!
Cumprimentos a todos os gildoteanos:)

Festa de Lançamento do Debian Sarge | Criador do Gentoo muda-se para a Microsoft  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Mais acerca perguntas
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    take a walk on the wild side. (Pontos:2, Informativo)
    por buckley em 14-06-05 23:09 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://grin.ubi.pt/miguel/
    E' importante, antes de tudo, teres atencao ao licenciamento do software que desenvolves, quer seja em modo freelance ou enquanto parte do mecanismo empreendedor.

    A partir dai', deveras ter em atencao nao tanto a complexidade do codigo, mas o tempo que te levou a fazer o desenvolvimento. A partir daqui, ha' muitas variaveis que tem o seu peso e imensos pesos e medidas. Eu costumo fazer as contas, em projectos pequenos, a 15/20 euros por hora de trabalho, e cobrar little extras em documentacao e formacao na utilizacao do software.

    Mas e' como tudo... Cada um decide como cota o seu trabalho. Acho e' estranho so' estares a fazer o preco depois do trabalho acabado. :)


    consispro
    Re:take a walk on the wild side. (Pontos:2)
    por Perky_Goth em 15-06-05 3:37 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://www.fe.up.pt/freefeup
    então responde a esta, quais são os valores normais pedidos por biscates informáticos?
    -----
    Windows: Agora com ecrãs azuis... vermelhos...
    Re:take a walk on the wild side. (Pontos:3, Engraçado)
    por cao_negro em 15-06-05 8:02 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    Pagas para isso?
    Re:take a walk on the wild side. (Pontos:1)
    por hteles em 15-06-05 15:16 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://slack.pt.vu
    Realmente foi despropositado o meu comentário...

    Desculpem gildotianos. Acho que não cheguei a casa nas melhores condiçoes

    And the open source is on your mind
    Let the inspiration be your satellite
    Disclose your sources and feel free to gain an insight
    Magic Mushrooms
    Re:take a walk on the wild side. (Pontos:1)
    por r00tamos em 15-06-05 17:47 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Realmente foi despropositado o meu comentário... Desculpem gildotianos. Acho que não cheguei a casa nas melhores condiçoes Se fumasses tabaco isso não acontecia... pela tua signature: Magic Mushrooms, hihihihi
    Re:take a walk on the wild side. (Pontos:1)
    por hteles em 15-06-05 17:59 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://slack.pt.vu
    Não, por acaso caí nas malhas da Bohemia**.
    Aquilo é realmente forte...
    **Desculpem lá a publicidade à cerveja.

    And the open source is on your mind
    Let the inspiration be your satellite
    Disclose your sources and feel free to gain an insight
    Magic Mushrooms
    Re:take a walk on the wild side. (Pontos:2)
    por Ancestor em 15-06-05 20:38 GMT (#17)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    "Delirium Tremens" - A minha escolha em cervejas fortes ;)


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:take a walk on the wild side. (Pontos:1)
    por bk em 15-06-05 21:02 GMT (#18)
    (Utilizador Info) http://preto.pt.vu
    SaG*es =D

    You wont learn if you don't seek
    Re:take a walk on the wild side. (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 16-06-05 0:06 GMT (#26)
    (Utilizador Info)
    Gulden Drak...

    Says Linus: I do not believe that anything can "replace" Microsoft in the market that MS is right now.
    Custos e Receitas (Pontos:2, Interessante)
    por joaobranco em 15-06-05 7:29 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    Bem, para além dos custos que tiveste para fazer o programa, convém também calcular os custos que vais ter em termos de dar apoio ao mesmo (geralmente estes "pequenos sistemas" não são vendidos e depois esquecidos, precisam de "acompanhamento").

    Quanto ao que deves pedir: aquilo que os outros estiverem dispostos a pagar (possivelmente menos aquilo que achares que podes não receber para ficares com uma reputação de "vendedor barato").

    Cumps, JB

    .. acusaram-O de pirataria, por ter duplicado uma cesta de pão e cinco peixes, e disseram: crucifiquem-No .. (Biblia do Século XXI)

    Preço por hora. (Pontos:2, Gozão)
    por neoscopio em 15-06-05 8:16 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Viva. O mais normal é contabilizares as horas de desenvolvimento. Como não ês um programador profissional, podes no fim acertar o valor no caso de ter parecer muito elevado ou muito baixo. Tenta não levar menos de 10¤/hora. Há empregadas domesticas a ganhar isto. Boa sorte
    Re:Preço por hora. (Pontos:2, Interessante)
    por mleal em 15-06-05 10:27 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Tenta não levar menos de 10¤/hora. Há empregadas domesticas a ganhar isto.

    Não sejas pedante nem menosprezes o trabalho de quem não tem um curso superior. O trabalho de uma boa empregada doméstica vale muito mais do que o trabalho de um estudante universitário de engenharia informática.
    As coisas não valem o que custam, valem aquilo que as pessoas estão dispostas a pagar por elas. E há muito mais gente disposta a pagar 10¤/hora por uma empregada doméstica do que a pagar o mesmo por um trabalho freelance de um universitário (independentemente da qualidade do trabalho deste).
    Re:Preço por hora. (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 16-06-05 0:05 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    Até porque uma boa empregada doméstica, hoje em dia nao é facil de arranjar. Tal como canalizadores, electricistas, etc etc etc. E isto nao é em tom sarcástico...

    Says Linus: I do not believe that anything can "replace" Microsoft in the market that MS is right now.
    Re:Preço por hora. (Pontos:1)
    por neoscopio em 16-06-05 18:31 GMT (#29)
    (Utilizador Info)
    Não é menosprezar o trabalho de ninguém. É atribuir-lhe valor. Só num regime comunista (e nem sequer nesses) é que todo o trabalho é valorizado da mesma maneira. Eu estava a comparar o tipo de trabalho e não casos particulares de quem o executa ou de quem o avalia. Acontece que muita gente quando começa a programar tem tendência para não contabilizar as horas de esforço e acaba por ser mal pago. Tenho a certeza que o rapaz consegue (se quiser) limpar bem uma casa e até lavar bem a loiça. Já tenho algumas dúvidas que uma empregada doméstica desenvolva qualquer programa, mesmo que mau.
    Re:Preço por hora. (Pontos:2)
    por Ancestor em 16-06-05 22:38 GMT (#31)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com

    Acontece que muita gente quando começa a programar tem tendência para não contabilizar as horas de esforço e acaba por ser mal pago.

    E em outras notícias, os professores também reclamam subsídios para preparar as aulas e corrigir testes; Os padres reclamam horas extra de trabalho ao fim-de-semana e os advogados também querem ser pagos de todas as horas que passam a ler os livros maçudos.

    Já tenho algumas dúvidas que uma empregada doméstica desenvolva qualquer programa, mesmo que mau.

    Não tenho a mínima dúvida que, com um pouco de esforço, até um macaco aprende a programar. Muito do trabalho doméstico bem executado não é resultado só de técnica, mas também de sensibilidade. São profissões diferentes, é certo. Mas como alguém disse, não menosprezes. Ser programador é uma profissão como qualquer outra (mas toda a gente que faz o que gosta sente que a sua profissão é especial, certo? Do domador de leões à empregada doméstica...)


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Artigos sobre o tema (Pontos:0)
    por mrmv em 15-06-05 11:36 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://spaces.msn.com/members/shadeofwindows
    O ano passado li dois artigos interessantes sobre o tema e algumas possiveis abordagens para a definição do preço adequado a produtos de software (na realidade podes estendê-las a muito outros produtos).

    http://spaces.msn.com/members/shadeofwindows/Blog/cns!1pFPr4Ex1NUGvxJJkmidvyzA!130.entry

    O do Joel está muito bem escrito ;o)
    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Lol LOl (Pontos:1)
    por Kwisatz em 15-06-05 12:22 GMT (#9)
    (Utilizador Info)
    Dá-lhe com o COCOMO :P
    Linux sergio 2.6.11-gentoo-r11 #2 SMP Sun Jun 19 00:45:34 WEST 2005 x86_64 Mobile AMD Athlon(tm) 64 Processor 3000+ AuthenticAMD GNU/Linux
    Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Cyclops em 15-06-05 17:54 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    Deverias estimar o número de horas de desenvolvimento, e cobrar algo como cerca de 75¤/hora (se forem muitas horas, talvez valha a pena um desconto de quantidade), e depois disso aplica-lhe um custo opcional de suporte, e adiciona a exigência por contracto de ser licenciado sob a GPL (por exemplo).

    Boa sorte!
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Mindstorm em 15-06-05 19:12 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://www.mndnet.org/
    Esta gente, ou é 10¤ ou 75¤ :P

    Mindstorm
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Cyclops em 15-06-05 19:20 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    Estamos a falar de desenvolvimento profissional ou de catraios? A 10¤/hora quantas bocas queres alimentar?
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Ancestor em 15-06-05 20:36 GMT (#16)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    10Eur/h, 6 horas por dia, 60Eur/dia. 22 dias por semana, 1320 Eur/mês. Diria que dá para alimentar umas quantas bocas. Por outro lado, já tenho visto software que não vale os 10Eur/h, quanto mais os 75...


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:1)
    por Gothic em 15-06-05 21:21 GMT (#19)
    (Utilizador Info) http://Kmos.BlogSpot.com
    O pior é que esses projectos não duram para sempre...

    Characteristic of life style...
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Ancestor em 15-06-05 21:29 GMT (#21)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Se um programador freelancer cobrar mais que um programador numa empresa, muitas vezes mais vale contratar a empresa para fazer o serviço. Além de uma eventual maior capacidade de implementação (e essa capacidade não se limita só a recursos humanos), uma empresa poderá também fornecer outro tipo de garantias em termos de assistência e manutenção do software desenvolvido. Só trabalha como freelancer para viver quem pode - isso normalmente implica ter uma carteira de clientes ou representações mais ou menos fixa e extensa, que assegure o rendimento ao programador.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Cyclops em 15-06-05 22:38 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    10¤/h é menos do que ganho como assalariado, logo não. É extremamente baixo para um software consultant em free-lance.

    Se estivesses empregue a tempo inteiro, sem-termo, podias estar a ser mal pago, mas tinhas outros benefícios que não tens se não os pagares tu quando és um free-lancer.
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por edsonmedina em 21-06-05 17:06 GMT (#42)
    (Utilizador Info)
    10Eur/h, 6 horas por dia, 60Eur/dia. 22 dias por semana, 1320 Eur/mês

    Subtrai-lhe o IRS e a segurança social. Aproveita e subtrai os custos de electricidade, internet, o desgaste da máquina, o custo da mesa do computador e o custo mensal por metro quadrado do espaço reservado ao computador (são trocos, mas são custos na mesma).

    Diria que dá para alimentar umas quantas bocas.

    Sim, se viveres em casa dos papás, até dá.
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por edsonmedina em 21-06-05 17:29 GMT (#44)
    (Utilizador Info)
    Outras coisas fundamentais a não esquecer:

    1. O cliente é técnicamente burro. Sempre. Por isso a especificação inicial VAI estar cheia de armadilhas.

    2. A especificação inicial VAI crescer/ser modificada. E reza a lei de Murphy que qualquer alteração, por mais pequena que pareça, vai-te obrigar a reescrever metade do código.

    3. Tu VAIS dar um prazo optimista. E vais falhar. São mais dias a bulir de borla.

    4. Vão haver bugs inesperados, introduzidos POR TI e VAIS perder tempo a resolvê-los.

    5. O cliente NÃO VAI pagar a horas. Se tiveres sorte conta com 60 dias. Estás em Portugal, temos pena.

    6. Não te esqueças do IRS e da Seg.Social.

    7. Aquilo que ganhares em 11 meses de trabalho (contando que queiras ter 1 mês de férias) vai ter de dar viver 12 meses. Se quiseres um "subsidio" de férias e de natal, passam a 14.

    8. Não te esqueças que o computador também avaria, o hardware fica desactualizado, a electricidade, internet, cd's, livros, habitação, etc não são de borla...

    9. Não vais ter trabalho para 8 horas diárias / 22 dias por mês / 11 meses por ano. Os meses de verão são críticos, ninguem contrata nada nessa altura. Natal idem aspas (tem subsidios a pagar aos empregados).

    Agora faz lá contas realistas.

    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Mindstorm em 15-06-05 22:13 GMT (#22)
    (Utilizador Info) http://www.mndnet.org/
    No no no, eu não quero 10¤ nem 75¤, that's the point. Acho que é necessário um pouco de equilibrio...

    Mindstorm
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Cyclops em 15-06-05 22:42 GMT (#24)
    (Utilizador Info)
    E o que te estou a tentar fazer ver é que 75¤/h não é sequer exorbitante.

    Pensa no seguro de saúde que tens de ter, no portátil, na viatura, na alimentação (de todas as bocas), na renda, pé-de-meia porque nem todos os meses ganhas o mesmo e às vezes pode correr mal, etc...
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Ancestor em 16-06-05 15:18 GMT (#27)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Repara que nem o seguro, nem o carro e muitas vezes nem o portátil são relevantes para a execução do trabalho. Não são ferramentas imprescindíveis. Além disso, 75Eur/h para linguagens de alto nível, em Portugal, para desenvolvimento completo (ou seja, não se trata de auditoria/modificação de código) é, regra geral, demasiado. Claro que a complexidade do software (determinada pelo fim a que se destina) é talvez o factor determinante no preço, mas ocorrem-me muito poucos casos em que se justificassem valores desses. Mas pronto, há quem pague por qualquer coisa...


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Cyclops em 16-06-05 18:28 GMT (#28)
    (Utilizador Info)
    75¤/h é, regra geral, demasiado
    A era do trabalho barato acabou meu caro, ou se investe em qualidade e se faz pagar por isso, ou então qq dia acontece de surgir uns badamecos que fazem a mesma má qualidade por metade do preço.

    Regra geral, regra geral, foi mas é ela que nos deixou neste lindo estado em várias áreas, como têxteis, agricultura, etc...
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Ancestor em 16-06-05 22:28 GMT (#30)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Não é pagares 75Eur/hora que te dá garantia de qualidade. Que o digam todas as empresas americanas e europeias que estão a investir na Ásia. E achares que quem leva mais barato é porque faz pior é, no mínimo, ingénuo. Não eras tu que usavas software livre?

    Regra geral, regra geral, foi mas é ela que nos deixou neste lindo estado em várias áreas, como têxteis, agricultura, etc...

    O "lindo estado" a que eventualmente te referes tem tudo a ver com o valor que indicas; um rácio custo/produção demasiado baixo. É precisamente o pessoal atrás do "dinheiro fácil" com trabalho da treta que delapida a riqueza do país.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Ancestor em 16-06-05 22:42 GMT (#32)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    ...queria dizer custo/produção demasiado elevado (X Eur produzem Y)


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Cyclops em 16-06-05 23:37 GMT (#33)
    (Utilizador Info)
    Não é pagares 75Eur/hora que te dá garantia de qualidade.
    Não é o trabalho barato e sem qualidade que proporciona potencial remuneração a longo prazo.
    Que o digam todas as empresas americanas e europeias que estão a investir na Ásia.
    Claro, sweat-shops e coisas semelhantes fazem custos de produção tão baixos que a perda de qualidade é compensada com a troca dos equipamentos, dado que os vendem ao mesmo preço e vendem... ou então removem qualidade a olhos vistos (por exemplo, CDs virgens).

    E achares que quem leva mais barato é porque faz pior é, no mínimo, ingénuo. Não eras tu que usavas software livre?
    Não percebo o que é que o proverbial cu tem a ver com as calças. Software Livre é todo aquele cuja licença permite ao utilizador corrê-lo para qualquer fim, estudar e adaptar, e distribuir cópias, modificadas ou não. Software Livre não é software grátis, embora normalmente se encontre disponível de forma gratuíta.
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Ancestor em 17-06-05 0:54 GMT (#34)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com

    Claro, sweat-shops e coisas semelhantes fazem custos de produção tão baixos que a perda de qualidade é compensada com a troca dos equipamentos, dado que os vendem ao mesmo preço e vendem...

    Eu estava-me a referir a software e serviços (que é o assunto em discussão). Mas já que falas da produção de equipamentos, muitos fabricantes em diversas áreas conseguem fabricar equipamentos e materiais de melhor qualidade que os produzidos no ocidente. Nem tudo são produtos da loja dos 300.

    Não percebo o que é que o proverbial cu tem a ver com as calças.

    Se por um lado defendes salários elevados para programadores, por outro és contra o principal meio de assegurar esses salários elevados - software proprietário.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Cyclops em 17-06-05 8:54 GMT (#35)
    (Utilizador Info)
    Não percebo o que é que o proverbial cu tem a ver com as calças.
    Se por um lado defendes salários elevados para programadores, por outro és contra o principal meio de assegurar esses salários elevados - software proprietário.
    Segundo a própria Microsoft, o licenciamento é cerca de 4% a 6% dos custos de uma solução, pelo que a tua lógica não bate muito certo... Onde é% a 6% são o principal meio de assegurar salários.
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:0)
    por mrmv em 17-06-05 11:14 GMT (#37)
    (Utilizador Info) http://spaces.msn.com/members/shadeofwindows
    "Segundo a própria Microsoft, o licenciamento é cerca de 4% a 6% dos custos de uma solução, pelo que a tua lógica não bate muito certo... Onde é% a 6% são o principal meio de assegurar salários."

    É uma questão de enconomia de escala, ao cobrares pelo software vês algum, se o cliente não estiver interessado nos serviços acabas por não ver nenhum, diz-me como é que isso te vai ajudar a sobreviver...

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:0)
    por mrmv em 17-06-05 13:24 GMT (#38)
    (Utilizador Info) http://spaces.msn.com/members/shadeofwindows
    Se não for claro o que quero dizer com a falta de economia de escala nos serviços, repara o tempo de um recurso é gsato e só pode ser pago por um único cliente...
    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Cyclops em 20-06-05 16:45 GMT (#41)
    (Utilizador Info)
    É uma questão de enconomia de escala, ao cobrares pelo software vês algum, se o cliente não estiver interessado nos serviços acabas por não ver nenhum, diz-me como é que isso te vai ajudar a sobreviver...
    Porque persistir num modelo de negócio imoral centrado no software em vez de centrado no cliente? Se um cliente não comprar os nossos serviços porque pode utilizar o software livre à vontade não é o fim do mundo... é parecido com os músicos e a música... o grosso do dinheiro vem dos concertos, não dos CDs que até podem ser copiados com muita facilidade...
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:0)
    por mrmv em 23-06-05 16:00 GMT (#45)
    (Utilizador Info) http://spaces.msn.com/members/shadeofwindows
    Porque persistir num modelo de negócio imoral centrado no software em vez de centrado no cliente

    Imoral? estás a falar de quê? Julgas que criar o sw não tem valor? olha que é centrado no cliente sim, se o ajudas a ser mais produtivo sai-lhe mais barato, não tenhas dúvida.

    Se um cliente não comprar os nossos serviços porque pode utilizar o software livre à vontade não é o fim do mundo

    És muito inocente e provavelmente uma pessoa sem grandes responsabilidades (não significa irresponsável) olha o caso JBoss, e vê lá se pode ou não pode ser o "fim do mundo" para uma pequena empresa...

    Penso que neste momento se desvaloriza demasiado o valor do sw e isso não é sustentável... digas o que disseres, porque o próximo passo vai ser nos serviços onde existe sempre alguém disposto a fazer por menos do que tu e aí esta industria terá um grande problema, verás onde os pequenos contrariamente ao que achas, deixarão de ter lugar...

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por bêbado em 17-06-05 10:06 GMT (#36)
    (Utilizador Info)
    " Repara que nem o seguro, nem o carro e muitas vezes nem o portátil são relevantes para a execução do trabalho. Não são ferramentas imprescindíveis."

    Não se tratam de ferramentas imprescindíveis. Para um programador, a única ferramenta imprescindível é o cérebro. Tratam-se de meios auxiliares para desempenhar o serviço.

    É por isso que muita rapaziada anda a oferecer serviços a preços da uva mijona: não têm compromissos e muitos vivem ainda à conta dos pais que lhes dão o carro, o portátil, pagam a luz e a água.
    Para estes, qualquer moeda é lucro. Não fazem reflectir no custo as despesas associadas à execução do trabalho. O que é preciso é que entre guito para curtir o Verão. Os clientes, que percebem zero do negócio que vão contratar, só olham para os números e embarcam no mais barato - porque também não têm dinheiro para mais. Assim se vai f*dend* o mercado...

    Dizer que 75EUR/H é demasiado é dizer nada. O que é muito muito e o que é pouco? E de que região do país estamos a falar? E de que tipo de trabalho? Que despesas estão associadas ao trabalho? E quantas horas de trabalho são previsíveis? E qual o nível de conhecimentos do programador? E qual o nível de qualidade que o programador emprega no seu trabalho? Que tecnologias vão ser usadas? A aplicação é feita à medida das necessidades do cliente ou é baseada em sistemas já existentes?

    75EUR/H pode ser estupidamente pouco como pode ser estupidamente muito. Um programador experiente pode fazer numa hora o que um programador 'estreante' faz numa semana: recebem ambos pela mesma bitola?

    Regra geral, o preço certo para a prestação de serviços nesta área é o preço que o cliente está disposto a pagar pelo trabalho. Regra geral, o preço certo não é o preço justo.

    ~~~ O vinho é q'induca e o fado é q'instrói ~~~
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por Ancestor em 18-06-05 20:25 GMT (#40)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com

    Para um programador, a única ferramenta imprescindível é o cérebro. Tratam-se de meios auxiliares para desempenhar o serviço.

    Nada do que foi afirmado (excepto tvz o portátil) é um meio auxiliar de desempenho do serviço. É quando muito, uma regalia.

    Os clientes, que percebem zero do negócio que vão contratar, só olham para os números e embarcam no mais barato - porque também não têm dinheiro para mais.

    Pois, a isso chama-se competitividade. Normalmente quem oferece o serviço a preço inferior ganha mais trabalhos.

    Que despesas estão associadas ao trabalho? E quantas horas de trabalho são previsíveis? E qual o nível de conhecimentos do programador? E qual o nível de qualidade que o programador emprega no seu trabalho?

    Humm então estás a dizer que "à partida" um gajo que leve 75Eur/h é mais competente que um gajo que oferece serviços a preços da "uva mijona"? Além disso, a questão das horas também é falaciosa - se um programador por conta própria leva mais que uma empresa levaria por um pequeno trabalho, qual é a vantagem de contratar o programador?

    Um programador experiente pode fazer numa hora o que um programador 'estreante' faz numa semana: recebem ambos pela mesma bitola?

    E o contrário também pode ocorrer. O facto de o programador ser "experiente" nada te diz sobre a qualidade do código produzido. Apenas te diz que ele já trabalhou com aquilo. É muito difícil realmente avaliar o trabalho de um programador, sem ter acesso ao código por ele produzido. E sinceramente, eu prefiro um gajo que faça as coisas numa semana e as faça bem, que um "doutor" apressadinho que usa um método mais simples de implementar.

    Regra geral, o preço certo para a prestação de serviços nesta área é o preço que o cliente está disposto a pagar pelo trabalho. Regra geral, o preço certo não é o preço justo.

    Mete alguém que ganhe o salário mínimo a ganhar 2500 eur/mês. Ao fim de um ano, baixa-lhe o salário em 500 eur, e verás a pessoa a reclamar que ganha pouco. Com isto quero dizer que o "preço justo" depende, entre outras coisas, do nível de vida a que estás habituado.


    Why do you Linux and drive when you can BSD and fly?
    Re:Faz-te pagar por Software Livre (Pontos:2)
    por edsonmedina em 21-06-05 17:12 GMT (#43)
    (Utilizador Info)
    Repara que nem o seguro, nem o carro e muitas vezes nem o portátil são relevantes para a execução do trabalho. Não são ferramentas imprescindíveis.

    Ok, substitui isso pelo preço dos transportes e por um computador desktop (partindo do principio que vais andar com um cd no bolso para mostrar as "betas" ao cliente).

    Subtrai tambem o custo desses mesmos cd's e o custo das chamadas telefónicas.


    É facil... (Pontos:4, Interessante)
    por cao_negro em 15-06-05 21:27 GMT (#20)
    (Utilizador Info)
    Primeiro quanto é que o cliente vai lucrar com o teu software?
    Lucro significa controlo/redução de custos, menos empregados, melhor fuga aos impostos (não estou a brincar), etc.

    Depois o trabalho que te deu: tipo 3 meses a oito horas por dia se um programador ordinario ganhar 1.000: faz as contas

    Por ultimo e o mais importante quanto vai custar a manutenção, actualização e formação relacionadas com o programa?
    e é aqui que se quiseres continuar no bussiness vais atanchar a unha,
    ve o exemplo da compta que vendeu bem vendido um programa para (des)colocar os professores e fez logo de seguida um contrato fabuloso com o cliente de 250.000 Euros/ano ver :http://www.gildot.org/articles/04/09/29/2213229.shtml

    Espero ter ajudado.

    Cumps
    use but not abuse (Pontos:1)
    por backblue em 18-06-05 19:49 GMT (#39)
    (Utilizador Info)
    Acho que devias estabelecer um preço por hora de desenvolvimento e antes de fazeres as contas totais das horas, fazes um preço bruto do software e arranjas um meio termo que te satisfaça. Descrimina preços, como desenvolvimento e assistencia, inclui x horas na assistencia e poem preço por horas extra, preço de formaçao, acho que fica sempre bem horas minimas de formação incluidas... acho tudo isso importante. Nao te deixes levar por 10 euros a hora, mas tambem acho que 75 euros e demais ( a nao ser que seja para a microsoft :P ). Tem em conta tambem software que exista no mercado, qualidade dele e preço, pois pode-te ajudar a equilibrar o teu preço e a defenderes o teu preço.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]