gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
China pioneira na criação da "Next Generation Internet"
Contribuído por AsHeS em 03-01-05 10:19
do departamento um passo à frente
News BEOWULF escreve "Se por vezes nos incomoda o monopólio e confiança dos U.S.A. em relação às TI's, acho que deviamos desviar um bocado a atenção para outro lado, e ver o que se está a passar na China. Depois da compra da divisão de Hardware para PC's da IBM pela Lenovo, entre outros feitos menos divulgados, desta vez a China assume-se como pioneira na criação do primeiro backbone da nova geração de Internet como podem ler neste artigo.
A tecnologia usada é boa, mas não sei até que ponto se pode confiar neste grande passo que a China dá, pois o seu bem conhecido regime comunista deixa largas dúvidas na confiança que se pode depositar nesta maravilha que surge num país onde a filtragem de conteúdos web/e-mail etc faz parte do regime como podemos ler nestes artigos aqui no Gildot entre muitos outros pela Web fora:

China: Aceder à Internet pode levar à morte
China proíbe menores de navegar na Web em locais públicos
Censura Chinesa
Yahoo pactua com censura Chinesa

Cá eu num vou nessa...
E esta hem? "

WMA == Want More Adware? | Telepac-ome continua a comer....  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • artigo
  • China: Aceder à Internet pode levar à morte
  • China proíbe menores de navegar na Web em locais públicos
  • Censura Chinesa
  • Yahoo pactua com censura Chinesa
  • Mais acerca News
  • Também por AsHeS
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:3, Interessante)
    por joaobranco em 03-01-05 11:31 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    O termo "Next Generation Internet" é usado no artigo simplesmente como "marketspeak" para IPv6. Ou seja, a China criou um backbone IPv6 a alta velocidade a ligar 25 universidades. Uma boa ideia.

    Gostava de saber quando é que vamos ter a mesma coisa aqui em PT. Infelizmente, o único ISP que fornecia acesso IPv6 (em teste, atravéz do www.sixxs.net) a NFSI, está desaparecido em combate há alguns meses...


    Cumps, JB

    .. acusaram-O de pirataria, por ter duplicado uma cesta de pão e cinco peixes, e disseram: crucifiquem-No .. (Biblia do Século XXI)

    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:2, Informativo)
    por Relax em 03-01-05 11:58 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://neacm.fe.up.pt
    A FCCN tem IPv6 a funcionar. Existe uma task force em Portugal (http://www.ipv6-tf.com.pt/)

    Eu estou na FEUP - Faculdade de Engenharia do Porto e temos uma ligação IPv6 em regime experimental
    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:1)
    por cmfriacas em 04-01-05 8:33 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    O Backbone da FCCN interliga em IPv6 nativo 4 Universidades e 3 Institutos Politecnicos.

    Nao se trata de um servico experimental, mas sim de um servico de producao, supostamente equivalente ao IPv4.

    Por exemplo, o proprio website da FCCN ja' esta' acessivel via IPv6 (http://www.fccn.pt)

    ./Carlos
    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:2, Informativo)
    por Gothic em 03-01-05 13:14 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://www.ClusterCube.com
    Não anda desaparecida, apenas a trabalhar em "underground mode", já que fez uma parceria à pouco tempo com a 100 Limite - www.lojadosdominios.com, vendeu-lhes o serviço p'raí :)

    Characteristic of life style...
    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:2)
    por CrLf em 03-01-05 14:43 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://tudo-sobre-nada.blogspot.com
    Como já se disse, a FCCN tem IPv6 a funcionar em regime experimental, segundo sei. E aparentemente a Telepac também tem coisas a correr nesse sentido.

    --
    Carlos Rodrigues
    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:2)
    por raxx7 em 03-01-05 15:01 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Falando nisso.. alguém consegue fazer posts no news.ipv6.telepac.pt?

    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:2)
    por Init em 04-01-05 0:46 GMT (#8)
    (Utilizador Info)

    Nem com IPv4 consigo...


    «They that give up liberty to obtain a little temporary safety, deserve neither liberty nor safety» Benjamim Franklin (1706-1790)
    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:1)
    por cmfriacas em 04-01-05 8:37 GMT (#13)
    (Utilizador Info)
    Nao, o regime nao e' experimental. E' um servico de producao, que infelizmente nao tem tido muita adesao por parte das universidades. O saldo do trabalho de 2004 foi positivo, o trabalho para 2005 esta' planeado de forma a que 2006 seja (pelo menos em .PT) o momento em que vamos ver pacotes IPv6 'a seria a fluir na rede :-) Alem disso, o proprio ccTLD gerido pela FCCN tambem esta' preparado ja ha algum tempo, e o Gigapix, outra actividade da FCCN ja' dispoe de 6 dos seus 20 membros com IPv6 enabled.
    ./Carlos
    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:2)
    por Perky_Goth em 04-01-05 0:47 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.fe.up.pt/freefeup
    infelizmente, estamos muito melhor em ipv4 com os windows todos atrás de uma NAT.
    -----
    You can't take the sky from me...
    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:2)
    por raxx7 em 04-01-05 1:45 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Se estivessem TODOS atrás de UM NAT... :D
    Re:Next Generation Internet == IPv6 (Pontos:1)
    por cmfriacas em 04-01-05 8:34 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    O NAT da' uma bela falsa sensacao de seguranca, nao? :-)
    ./Carlos
    FCCN (Pontos:1)
    por cmfriacas em 04-01-05 9:21 GMT (#14)
    (Utilizador Info)
    A FCCN possui um backbone dual-stack, que actualmente interliga nativamente em IPv6 4 universidades e 3 politecnicos.
    Ao contrario do que foi dito, o regime nao e' experimental. E' um servico de producao, que infelizmente nao tem tido muita adesao por parte das universidades. O saldo do trabalho de 2004 foi positivo, o trabalho para 2005 esta' planeado de forma a que 2006 seja (pelo menos em .PT) o momento em que vamos ver pacotes IPv6 'a seria a fluir na rede :-)
    Alem disso, o proprio ccTLD gerido pela FCCN tambem esta' preparado ja ha algum tempo, e o Gigapix, outra actividade da FCCN ja' dispoe de 6 dos seus 20 membros com IPv6 enabled.

    ./Carlos
    Lenovo e 1 Bilion $$$ (Pontos:2, Interessante)
    por [Dragon] em 03-01-05 14:38 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://www.cidadela.org/
    Em relação à parte da venda da divisão da IBM de pcs vale a pena ler este artigo:

    http://www.theregister.com/2004/12/31/ibm_pc_losses/

    IBM sold Lenovo a real clunker of a PC business, according to a new filing with the US Securities and Exchange Commission (SEC). In the filing, IBM revealed that its PC business has been a huge money loser over the past three years. The PC unit lost a staggering $397m in 2001, $171m in 2002, $258m in 2003 and $139m through the first six months of this year. All told, IBM is handing Lenovo a business with nearly $1bn in losses in recent years.

    É mais a IBM ver-se livre de um negócio que não lhe era lucrativo.


    ---
    One Kernel to rule them all.
    para deixar mais uma empresa/serviço em IPv6 (Pontos:1)
    por vcr em 04-01-05 0:22 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    A KPNQuest já tem testes há mais de 1 ano e mudaram mesmo algumas ligações já funcionais para IPv6 há cerca de 11 meses (fev2004).
    Não percebo as criticas à China (Pontos:1)
    por radaway em 05-01-05 2:42 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://radaway.no-ip.com
    Afinal aquilo é uma democracia, que até funciona melhor que a nossa e a maioria das outras. Ou perguntem só a qualquer tipo do pcp :)
    O Windows tem um problema de design, é como umas calças com a breguilha na parte de trás, por muitos cintos que metam nunca ficam seguras. - radaway
    a china é sempre pioneira em qualquer coisa... (Pontos:1)
    por hybriz em 05-01-05 8:06 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    ...ainda me lembro quando por volta de 1950 invadiram o Tibete e mataram milhões das maneiras mais horrendas (tipo colocar uma arma das mãos de uma criança, fazendo-a matar os pais e depois matar a criança). bom, invasões do genero na altura não eram muito inovadoras, admito, mas é bom de mencionar.



    --
    patrocionado por: Kmos, o criminoso!
    Re:a china é sempre pioneira em qualquer coisa... (Pontos:2)
    por fhc em 05-01-05 18:39 GMT (#17)
    (Utilizador Info)

    Por mais que deteste o regime chino-comunista, diz-te tu o que é que isso tem a ver com IPV6?

    Queres começar uma flame war?

    Francisco Colaço


    Quem não faz, ensina; quem não faz nem ensina, faz metodologia. Quem não faz nem ensina nem faz metodologia, faz futurologia.

    Re:a china é sempre pioneira em qualquer coisa... (Pontos:2)
    por bêbado em 06-01-05 20:07 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    "...ainda me lembro quando por volta de 1950 invadiram o Tibete e mataram milhões"

    Andas fraco de memória e conheces nada da história do Tibet. Procura informar-te um bocadinho e verás que não mataram milhões. Aliás, a população no Tibet, em 1951, era de cerca de 2 milhões 776 mil, de acordo com os censos da altura.

    Quanto à história da criança... parece-me pouco verosímil. Mas talvez possas saber mais pormenores se perguntares ao Barroso (Durão) que era grande admirador de Mao.

    Não tenho nenhuma admiração pelo regime chinês. Mas também não tenho nenhuma admiração por distorções de factos históricos.

    ~~~ O vinho é q'induca e o fado é q'instrói ~~~
    Re:a china é sempre pioneira em qualquer coisa... (Pontos:1)
    por hybriz em 07-01-05 9:15 GMT (#20)
    (Utilizador Info)
    bom, fraco de memória é verdade que ando mas acho que o problema foi mais de expressão do que outra coisa. Quanto ao morrerem milhões, tens razão, não foram milhões, foi aproximadamente 1,2 milhões desde 1950, o que de facto não chega aos 2 milhões.

    De facto o Tibet tem uma população muito pequena (de tibetanos leia-se) e 1 milhão e uns trocados de pessoas mortas em 50 anos não é nada comparado com outros problemas, mas sinceramente dava-me por contente que fosse apenas isso que acontecesse e não toda a panoplia de merdas que a colonização dos chineses trouxe (subversão a todos os niveis, torturas engraçadas para presos duvidosos de 50 anos).
    Acho que já fui demasiado off-topic mas pronto... quanto à história da criança, essa e outras N estão documentadas em vários documentários acreditados e muitas histórias do género vêm de relatos de pessoas que as viveram em segunda mão (não digo primeira porque...).



    --
    patrocionado por: Kmos, o criminoso!
    Reflexao sobre a "super rede chinesa" (Pontos:1)
    por js_sms em 06-01-05 11:00 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Estive recentemente em Pequim (Beijing) e tive oportunidade de falar sobre a “super-rede” deles. a que chama curiosamente ou talvez não "grid".

    Em primeiro lugar verifica-se que há muito dinheiro disponível para a Ciência e Tecnologia. Não posso deixar de afirmar que “os poderes” estão a investir correctamente.

    Por outro lado essa rede não se liga particularmente bem ao exterior, pelo que perde muito da sua utilidade.

    Na verdade na China a Internet é muito popular e simultaneamente muito cara e funciona muito mal (e é perigoso estar relacionado com ela, se não se tiver a sorte de trabalhar nalguma instituição de confiança...)

    Como a super rede só liga as instituições de investigação Chinesas, acaba por ter uma utilidade muito reduzida para o investimento que foi feito. Imaginem que eles fizeram uma ligação em fibra óptica para as instituições “próximas” (o que deve mais ou menos querer dizer “em Pequim”) essa rede óptica não aceita outras ligações na China. Imaginem o custo. As instituições mais afastadas ligam por satélite – imaginem o custo.

    Claro que seria mais sustentável investir numa rede, mesmo que não tão boa, mas que ligasse os empresas que fornecem ligações à Internet ao comum dos mortais, mas isso abriria outras portas que, suspeito, os “poderes” receiam.

    Querem tornar-se uma potência na nova economia a partir de experiências em tubo de ensaio.

    Nesse particular lembram-me Singapura ou, no que respeita à produção de “média”, o Dubai, e a sua “Media City” onde esperam atrair investidores para produção de conteúdos numa país onde provavelmente o seu visionamento é crime (nalguns casos, claro.. :-) )

    Será que o vão conseguir? Não sei, mas seja qual for o resultado tirarei ensinamentos.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]