gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Especialização versus Generalização
Contribuído por AsHeS em 14-12-04 16:00
do departamento das discussões
Tecnologia HTMLChecker escreve "Boas tardes a todos. Olhando para as últimas evoluções que têm acontecido na área dos browsers tenho-me questionado para onde estamos a evoluir em termos conjuntos de aplicações (as famosas suites), ou aplicações separadas especializadas.
Passo a explicar, e olhando para o Mozilla Firefox, e se têm utilizado tanto o Mozilla Suite (que inclui o cliente de correio, de news e a aplicacao para chat irc), pode-se constatar que o Firefox tem evoluído muito mais rapidamente que o mozilla original, e com o lançamento do Mozilla Thunderbird, vê-se mais um elemento a ser separado da suite, e a existir por si próprio.
Aparentemente tanto o firefox como o thunderbird parecem estar a evoluir muito mas rapidamente que o mozilla original. E claro ambos já contêm funcionalidades que ainda não existe no mozilla original (1.7.3).
Será que efectivamente estamos a ir de um conjunto de aplicacoes “bundled” para fornecer um produto e em que normalmente a qualidade é média, para a ter aplicações individuais de mais alta qualidade?
Será que na área das office suites, também poderá acontecer o mesmo?
Não será que através da especializaçao o mundo das aplicações open source terá mais sucesso?
Fica então aqui lançado o tema para discussão..."

Fertilidade masculina ameaçada pelo uso de portáteis | Google sobe a parada intelectual  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Mais acerca Tecnologia
  • Também por AsHeS
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por ruben dig em 14-12-04 16:29 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://www.floppy.com.pt
    eu acho que não, um office suite é bem mais integrável , não confundir com intragável :) , do que um Firefox/Thunderbird. O Writer ou o Impress sem o Calc não é nada ... Eu integrava era um "Access" no OpenOffice do genero do kexi que até já tem versão para windows mas ainda é algo imaturo ...
    http://www.kexi-project.org/screenshot s.html http://www.kexi-project.org/wiki/wikiview/
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 14-12-04 16:49 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Não precisas de integrar um Access... o OpenOffice integra com vários tipos de BD, desde que exista um driver JDBC para eles (BD's e não só!).
    Confirmo: o componente está um bocado escondidito, mas com dois ou três toques no menu vais lá (shortcut é F4).


    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por ruben dig em 14-12-04 17:31 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://www.floppy.com.pt
    o access é um bocadinho melhor do que isso ...

    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por mlopes em 14-12-04 18:10 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    Tens a certeza que é "melhor" que queres dizer? É que a integração no caso do OpenOffice.org pode ser feita com bases de dados a sério!
    Há muita gente por aí que usa o Access para desenhar as bases de dados e depois imprimir para depois as refazer numa base de dados a sério, mas esse não é o objectivo do Access e nem esta é a ferramenta mais indicada para isso. Para isso existem várias outras aplicações onde a coisa se faz muito mais rápidamente e com possibilidade de criar a BD automáticamente e de sincronizar o desenho com a própria base de dados (para Linux há por exemplo o DBDesigner, que penso que também existe para Windows).

    "Para mim a tecnologia é como as tangerinas, na medida em que não consigo fazer uma analogia decente sobre nenhuma das duas neste momento" Scott Adams

    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:1, Informativo)
    por mrmv em 14-12-04 19:25 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    E o SQL Server não é um motor a sério? O Access inclui o SQL Server 2000 Desktop Engine que é um porting interessante do SQL Server para o desktop e quando necessitares de crescer em número de utilizadores simultâneos ou na dimensão dos dados armazenados podes evoluir para a versão servidora sem grandes crises...

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 14-12-04 21:16 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Achtung, achtung! (?)
    O SQL Server DE, tem condições *muitíssimo* particulares de utilização, como por exemplo, teres desenvolvido a aplicação que a utiliza com ferramentas MS.

    O único tipo de aplicações 100% free-of-charge que podem ser distribuidas com o SQL DE são aplicações web ASP.Net feitas com o Web Matrix...

    Nota: ão sei se estas condições ainda se aplicam, mas era assim aqui há ano e meio.

    Basicamente, a meu ver tenta ser competição directa ao misto PHP/MySQL.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 14-12-04 23:37 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Estavamos a falar do Access logo essa questão não se coloca, mas é verdade são as condições de utilização que servem a muitos e não servem a outros, that's life...

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 14-12-04 23:44 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Estavas a falar do SQL Desktop Engine.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 15-12-04 9:31 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    Não, a questão dele era que o Access tinha um motor da treta, e eu disse que o Access incluia o DE que era o motor do SQL Server, por isso nunca deixamos de falar do Access...

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 15-12-04 10:10 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    O Access, AFAIK, *não* usa o motor do SQL Server DE. Mudou?

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 15-12-04 17:19 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    Se o traz não percebo porque não usa, e olha que já é assim desde a versão 2000 salvo erro.

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 15-12-04 17:22 GMT (#18)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Meu deus... fazes ideia que o Access usa o motor de BD Jet (versão 4.0?)? Se não, sorry to break it for you.
    Nada de mágico aqui, nada de novo. Já é assim há anos. De onde é que veio essa ideia de que o Access usava o SQL DE?

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 15-12-04 18:45 GMT (#22)
    (Utilizador Info)
    http://msdn.microsoft.com/library/default.asp?url=/library/en-us/dnacc2k/html/acaccessproj ects.asp

    Não fales de cor man, lê... não, primeiro procura ou experimenta (que ainda é melhor) e depois fala... se bem que o silêncio às vezes é de ouro, por favor.

    Vê lá por favor se desde a versão 2000 não consegues criar Access Projects, que basicamente estás a utilizar o MSDE... e se quiseres usar JET crias uma base de dados no formato .mdb...

    Ora vê lá como tu te julgas tão informado e de repente aprendes umas coisitas já com uns anitos que te vão pelo menos hoje deixar a pensar por que raio não és mais cuidadoso, para seres mais rigoroso...

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 15-12-04 19:59 GMT (#26)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Respondeste a tudo o que eu queria: o Access é apenas um interface para o SQL DE, nada mais, nada menos... tal como o pode ser o VS.Net, and so on. woohoo

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 15-12-04 23:23 GMT (#28)
    (Utilizador Info)
    so what? Mas o Access sempre foi um front-end em soluções client/server, a discussão não era essa... a discussão nasceu na negação de que as aplicações criadas pelo Access 2000 ou superior pudessem ser desde a sua génese baseadas no SQL Server nativamente.

    Mas eu penso que percebo a tua confusão ela vem do facto de achares que nas soluções criadas com o Access 2000 (ou superior), no passado a forma de criar aplicações client-server era teres linked-tables, onde utilizavas o driver odbc para ligar à fonte de dados que quisesses, entre as quais o SQL Server. No entanto isto tinha uma desvantagem necessitavas de carregar em memória o Jet para abrir as bases de dados e as linked-tables, resultando em overhead de memória.

    Contudo estás enganado (e com a montanha de links e ainda não percebeste) e neste momento embora o Access continue a suportar o modelo antigo, o novo formato .adp e arquitectura de acesso a dados do Access permitem-lhe ligar ao SQL Server por OLE DB sem carregar o Jet…

    Este formato pode incluir forms, reports, data access pages, macros, módulos VBA localmente no cliente e utilizar OLE DB para manipular e visualizar tabelas, views, relações, stores procedures no MSDE.

    Permite criar bases de dados no SQL Server, e possui um conjunto de ferramentas visuais para modificar objectos no servidor de base de dados (tabelas, views, stored procedures, triggers, diagramas, etc.).

    Espero que isto torne tudo um bocadito mais claro na tua cabeça, já que efectivamente os dois motores podem ser utilizados nativamente pelo Access, sem precisares do jet se de facto não o desejas… tudo o resto é desconversar.

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 16-12-04 0:20 GMT (#29)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    O que não percebeste ainda, é que o formato .adp não é nada só por si!
    Este é que é o cerne da questão: o facto de poderes interagir com uma BD do SQL Server, não indica que tens algo nativo do SQL Server no Access porque podes fazer exactamente a mesma coisa através de uma ligação ODBC que podes abrir no mesmo Access sem nunca tocar no JET.
    Dei o exemplo do VS.Net mas dou já outro que é o OpenOffice.org que através do JDBC lê dados de tudo quanto suporte JDBC e no entanto, nativamente, não tem suporte de BD.
    O formato nativo do Access é o JET apesar dos shortcuts que possas ter para aceder directamente ao SQL Server, shortcuts esses que existem em N outras aplicações MS para desenvolvimento.
    A negação nasceu do facto que as bases de dados criadas pelo Access funcionam com o JET e não com o OLE DB como pretendes insinuar.

    Mais ainda, uma aplicação/solução (se é que se pode chamar isto) em Access (.mdp?) sempre pode aceder a qualquer base de dados através do motor de scripting do VBA. A única diferença é que agora tens muita da paparoca feita - não estou a dizer que é mau, mas é um bocado diferente da mensagem que pretendes fazer passar.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 16-12-04 11:04 GMT (#33)
    (Utilizador Info)
    Mas tu insistes em inferir coisas das minhas palavras que eu não disse, isso deixa-me preocupado com a tua incapacidade de perceber mesmo as coisas simples.

    Vou voltar a explicar, eu nunca disse que o formato .adp era o store do SQL Server no Access (que era o que aparentemente percebeste vá-se lá saber por quê, mesmo depois de ter enviar montes de links, já andas em modo de leituta diagonal à mutio tempo), até porque o que te disse e isso é certo, foi que esse formato diz-te pelo menos duas coisas, 1º o acesso é ao motor do SQL Server sempre e 2º e permite guardar tipicamente no cliente os forms, código VBA, os relatórios, etc. isto sim eu disse.

    Eu não disse que o motor vem embebido mas isso é perfeitamente irrelevante, porque por razões (creio que históricas e de compatibilidade acredito) seria estúpido retirar o JET do Access, e depois porque como te disse o motor de base de dados é uma peça relativamente discreta que não faria sentido embeber neste produto, como muito bem o Ancestor disse tipicamente não o vais instalar em todas as máquinas, pela sua natureza client/server.

    Este último parágrafo é que te deixa nervoso eu sei, porque não responde, mas é importante para teres a fotografia completa.

    Contudo o mais importante e que foi a alteração desde a versão 2000 e é isto que voçês estavam a negar, é que o Access 2000 ou superior te deixa criares soluções (eu chamo-lhe solução porque tipicamente vai resolver um problema) escolhendo ou o JET ou o SQL Server como motor de base de dados.

    A grande diferença como eu também disse é que no passado ligavas via odbc mas carregavas sempre o JET precisasses ou não.

    Quando eu refiro nativo, é porque o nível de integração hoje é semelhante, quer utilizes um motor ou outro!!!

    A confusão na tua cabeça sobre o facto de ser SQL Server e de serem apenas "shortcuts" ou o que lhe quiseres chamar, tem a ver com componentização e estratégia (a reutilização e protecção do investimento faz sentido ou não), mas é apenas confusão tua acredita e não vale a pena pensar nela.

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 16-12-04 12:45 GMT (#34)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Ofensivo como sempre...
    Estou-me nas tintas para o que dizes literalmente, porque típicamente é QQM que acabaste de ler no site da Microsoft ou QQM que decoraste nos manuais do MSCE para passar no exame.
    A mensagem que passavas originalemnte era que o Access passou a usar o SQL DE e isso não é verdade. Agora estás no ponto caramelo (depois de também teres lido a documentação da MS) e concordas que não é a mesma coisa e que é apenas integração.
    Não é preciso dizer mais nada, já que não há nada a acrescentar.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 16-12-04 13:06 GMT (#35)
    (Utilizador Info)
    Ofensivo porque umtipo perde a paciência quando as pessoas são teimosas sem razão que lhes assista...

    Não meu amigo já há muito tempo que não usava access, embora o tenha instalado (office 2003) e foi apenas revisitar, mas a diferença é que experimentei não li apenas, e isso tu já não podes dizer.

    A mensagem que passavas originalemnte era que o Access passou a usar o SQL DE e isso não é verdade

    E usa se tu quiseres, é o que continuo a dizer, f* e que o nível de integração é maior do que aquele que consegues no cenário de ligação por odbc ou jdbc, enfim é o possível devido à natureza dos componentes envolvidos, mas nunca vais perceber mesmo... tu adoras joguinhos de palavras, mas de facto eu não tenho muita paxorra e é mesmo perda de tempo.

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:1)
    por null em 15-12-04 13:53 GMT (#14)
    (Utilizador Info)
    E continua a ser da treta! O Access não inclui o DE, pode é *usa-lo*, o que é bem diferente. Dois links elucidativos, principalmente o segundo...não se deve desinformar as pessoas, o Gildot é um site honesto!!

    http://support.microsoft.com/default.aspx?scid=KB;EN-US;Q301413

    http://office.microsoft.com/en-gb/assistance/HP030894271033.aspx

    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 15-12-04 17:18 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    A diferença foi que passaram a disponibilizarem-no online para permitirem a utilização com diferentes ferramentas também, podes ver como era na altura do Access 2000 era assim (instalação por omissão dos dois motores):

    http://www.microsoft.com/presspass/features/1998/10-21msde.asp

    mas MSDE 2000(AKA SQL Server 2000 Desktop Engine)

    por acaso até vem como Access como podes ver aqui:

    Introduction

    The Microsoft SQL ServerTM 2000 Desktop Engine (also known as MSDE 2000) enables software developers to embed data storage within their custom applications. MSDE 2000 is included with Microsoft SQL Server 2000, Microsoft Access 2002, and any Microsoft Office XP edition that includes Access 2002. You can think of MSDE 2000 as a client/server alternative to the Microsoft Jet file server database engine in Microsoft Access 2002.

    Installing, Starting, and Stopping MSDE 2000
    To install MSDE 2000 on a development computer, open the SETUP.EXE file in the \MSDE2000 folder on the Access 2002 or Office XP edition with Access 2002 installation media and follow the directions. After MSDE 2000 has installed, restart the computer.


    A informação que dei continua a ser correcta, mas parece que a tua ânsia de detectar erros tolhe-te a capacidade de ser rigoroso... e pelos vistos também a capacidade de distinguir a qualidade dos produtos, mas até isso é normal, infelizmente ;o)

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:1)
    por null em 15-12-04 17:22 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    Continuas a entrar em incorrecções. *Tens* que instalar! Tou a falar chinês? É bem diferente de usar...chiça, a ânsia de defender qq coisinha da Microsoft já te está a ficar mal.
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 15-12-04 18:46 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    Na versão 2000 não tinhas de instalar e isso é perfeitamente irrelevante, porque depois de estar instalado podes criar projectos Access onde o motor é o MSDE.

    Eu só estou a defender o rigor mais nada...

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por Ancestor em 16-12-04 1:53 GMT (#32)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com

    *Tens* que instalar!

    Não faria muito sentido ser instalado por defeito. Dada a natureza do sistema (Cliente/Servidor) uma única instalação é utilizada por vários postos. Não faria sentido instalar um servidor de SQL em todos os postos, até porque estamos a falar de um serviço que não é propriamente leve.

    Se bem que tenha ficado intrigado pelo Office Profissional não possuir nada no installer que mencione o MSDE, não é difícil perceber porquê. A instalação depende de parâmetros que variam de acordo com a aplicação pretendida (nome de instância, modo de segurança) e não deverão ser fornecidos pelo "joe user". Não esquecer também que um dos problemas inerentes ao MSDE é que em muitos casos sofre das vulnerabilidades do SQL Server. Acho que já existem suficientes servidores infectados.

    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:1)
    por null em 15-12-04 17:25 GMT (#20)
    (Utilizador Info)
    Que é que não percebes disto? You can think of MSDE 2000 as a client/server alternative to the Microsoft Jet file server database engine in Microsoft Access 2002.
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 15-12-04 18:50 GMT (#24)
    (Utilizador Info)
    Percebo que ele inclui os dois e permite a utilização do que preferires, que no meu caso e no de muito boa gente me faz preferir a utilização do MSDE pela simplificade do upsizing de soluções.

    A afirmação está correcta, o jet sempre fez parte do access e o MSDE apareceu na versão 2000 como uma alternativa, e se te interessar podes ler quando deves ou não decidir por um ou por outro.

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 15-12-04 17:27 GMT (#21)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Desculpa, mas quem não está a ser minimamente rigoroso és tu, que afirmas preemptóriamente (e vais manter) que o Access 2000 (e posteriores) usam o SQL DE, quando na realidade continua a usar o JET.
    Uma maneira de aceder ao SQL DE, é abrir uma BD através de uma ligação ODBC. Aliás, à primeira vista, parece-me ser a única maneira do Access usar o SQL DE para o que quer seja.
    Se porventura me disseres como é que uso o SQL DE ao invés do Jet (sempre!) ficarei grato pela passagem de conhecimento.

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:0)
    por mrmv em 15-12-04 18:52 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    With the release of Microsoft Access 2000, an exciting new technology has been introduced—Access projects (.adp files), which allow you to develop true client/server applications from within the Access environment.

    Like an .mdb file, an Access project file also allows you to develop a database application in the Access environment, but instead of using Jet, you're natively using either Microsoft SQL Server or the new Microsoft Data Engine (MSDE) as the back-end database.


    Penso que responde não, às vezes se deixasses de ser tão teimoso, era bem mais simples e poupava-me posts... ;o)

    My son is now an "entrepreneur." That's what you're called when you don't have a job.
    Ted Turner
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por Ancestor em 16-12-04 1:45 GMT (#31)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com

    Desculpa, mas quem não está a ser minimamente rigoroso és tu, que afirmas preemptóriamente (e vais manter) que o Access 2000 (e posteriores) usam o SQL DE, quando na realidade continua a usar o JET.

    Desde o lançamento do Office 2000 que é recomendada a utilização do MSDE em vez do motor integrado no Access. A não-utilização do JET é tão válida para o Access em si, como para aplicações desenvolvidas em VB, por exemplo. Exemplo disso são as múltiplas aplicações que antigamente usavam .MDB/JET e agora usam MSDE/ADO.

    Uma maneira de aceder ao SQL DE, é abrir uma BD através de uma ligação ODBC. Aliás, à primeira vista, parece-me ser a única maneira do Access usar o SQL DE para o que quer seja.

    O motor do MSDE é uma versão modificada do SQL Server (limitada a 5 conexões simultâneas e um tamanho máximo de 2G por BD, salvo erro). O acesso pode ser feito através dos drivers de SQL Server, ou, claro, ODBC para os masoquistas.

    Se porventura me disseres como é que uso o SQL DE ao invés do Jet (sempre!) ficarei grato pela passagem de conhecimento.

    Ficheiro/Novo/Projecto(Novos Dados)

    Uma das grandes vantagens(ou defeitos!) do MSDE é que, na prática, é SQL Server. O upsizing de instalações é praticamente transparente, não há alterações ao schema. Isso traduz-se em vantagens para o programador (que não precisa de pensar em termos de interoperabilidade com ficheiros .MDB) e para o cliente, que evita ter que comprar uma licença de SQL Server para pequenas instalações, e evita todos os problemas inerentes à utilização de ficheiros MDB.

    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por Ancestor em 16-12-04 1:19 GMT (#30)
    (Utilizador Info) http://www.norteglobal.com
    Na realidade, o CD de instalação do Office Profissional contém o MSDE, também disponível no site da Microsoft para download gratuitamente. A instalação é efectuada à parte, mas está lá. Claro que só o encontra quem precisa dele.
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 14-12-04 21:18 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Eu percebi bem o que ele queria dizer... é o interface e não o motor BD. Mas quem estiver interessado num interface assim pode usar o Rekall, que usa (se não estou em erro) qualquer motor BD e suporta forms, scripting (acho que é python) and the like...

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:2)
    por [Cliff] em 14-12-04 21:19 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Aproveitando a boleia, se um VB+Access Developer estiver interessado em dar o salto para Linux, mas não dá por falta de ferramentas, pode pegar no Gambas+Rekall+MySQL (yup, é uma boca para as software-houses que fazem mini-software de gestão).

    ---
    Este espaço pode ser seu...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:1)
    por Gothic em 14-12-04 18:30 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://www.woodmann.com/crackz/Archives/Kmos.zip
    Eu cá uso file maker pro (www.filemakerpro.com) qdo é necessário fazer bd's no work. prefiro muito mais do que o access da M$.

    Characteristic of life style...
    Re:tudo ao monte e fé em Deus (Pontos:1)
    por xpete em 15-12-04 15:54 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://xpete.curvedspaces.com
    A versão 2.0 do OO.o trará uma aplicação para gestão de bases de dados como podem ver aqui. alphamatrix.org - Software Livre e Software Gratuito Português
    Confusão! (Pontos:1)
    por GugaK em 15-12-04 22:56 GMT (#27)
    (Utilizador Info)
    Há muito tempo que não vejo um texto tão mal redigido.

    Com tantos erros de redacção no artigo, o que o HTMLChecker precisa urgentemente é de um Portuguese Checker!

    Re:Confusão! (Pontos:1)
    por HTMLChecker em 16-12-04 13:11 GMT (#36)
    (Utilizador Info)
    Point taken... para a proxima tento fazer melhor.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]