gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
A fuga do código-fonte
Contribuído por scorpio em 25-02-04 22:31
do departamento estamos-na-imprensa!
News No seguimento deste artigo, e tal como prometido foi-nos facultada uma cópia do texto a publicar na edição da próxima sexta-feira do Bits&Bytes (devidamente editado para publicação). Não foi despejada a thread completa (até porque não fazia sentido), mas as partes sumarentas estão lá.
Desta vez, para variar, tivemos a oportunidade de mostrar que não só percebemos da poda, como também sabemos explicá-la a quem anda fora destas andanças. Se não estiver perfeito, blame it on yourself.
As três páginas estão disponíveis em formato jpeg aqui, aqui e aqui. Sejam gentis, são 3*1MB...

Teclado sem as teclas windows | Linux para miúdos com GCompris  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • deste artigo
  • aqui
  • aqui
  • aqui
  • Mais acerca News
  • Também por scorpio
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Bom artigo (Pontos:3, Esclarecedor)
    por 4Gr em 26-02-04 0:01 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://www.fe.up.pt/freefeup
    Está um bom artigo que reuniu os melhores comentários tanto do ponto de vista do conteúdo como do léxico e qualidade gramatical, algo sempre tido muito em conta na imprensa.

    Parabéns!


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    humm... (Pontos:3, Interessante)
    por cgd em 26-02-04 0:33 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://cgd.sdf-eu.org/
    Viva. Achei o artigo um pouco "apalhaçado" na parte editorial, talvez seja o meu rigor técnico a falar, mas as referências aos ficheiros secretos e a telenovelas, não caiu lá muito bem. Por outro lado, se tivessem sido refs a busty-babes, a conversa já seria outra.

    Quanto às citações, penso que teria sido melhor um estilo mais corrido, com pequenas citações, estilo "já para mvalente '....', enquanto gamito '...'"

    Mas enfim, cada um sabe da sua poda (no pun intended!) e no geral aceita-se bem.

    Já agora, como nota lateral, na parte das notícias é referido que o subversion foi lançado mas ainda não atingiu a versão 1.0... não sei exactamente qual a data editorial da coisa, mas o subversion chegou à 1.0 no passado domingo, 22. Ver mais info aqui.

    Re:humm... (Pontos:2)
    por [Cliff] em 26-02-04 0:40 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://www.yimports.com
    Isso sim, era merecedor de artigo... não o outro com problemas com a tecla Win que faz o popup do startmenu. Só apetece dizer para ir buscar o TweakUI ou qq trampa do género.

    ---
    Conformity is the jailer of freedom and the enemy of growth.
    --John F. Kennedy
    Re:humm... (Pontos:2)
    por 4Gr em 26-02-04 0:42 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://www.fe.up.pt/freefeup
    Subscrevo!

    Até porque ando por aqui a instalar um servidor CVS em FreeBSD e estou indeciso entre cvsup, cvs ou subversion.

    Alguém que me ilucide sff :-)


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:humm... (Pontos:2)
    por ruben dig em 26-02-04 1:42 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://www.floppy.com.pt
    bitkeeper
    Re:humm... (Pontos:1)
    por Perky_Goth em 26-02-04 2:16 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    lol.

    epah, experimenta. e já agora diz os resultados, gostava de brincar com isso...
    vê bem o thread do /. ... o subversion é uma rescrita do cvs. pelo que vi, sem nunca ter usado nenhum, parece mais simples que o cvs, e claro, tem um monte de features que podem fazer a diferença... (renomear ficheiros e atomic commits)
    ---
    Trolls, nem respondam porque não vos ouço.
    Que Bush vos abençoe.
    Re:humm... (Pontos:2)
    por raxx7 em 26-02-04 2:49 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    Se estás indeciso entre CVS e Subversion, a escolha é fácil: Subversion.

    Remember to be the Killer, not the Victim! (Nuklear Girl)
    Re:humm... (Pontos:3, Informativo)
    por blackTiger em 26-02-04 9:50 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Podes ler aqui uma comparação entre vários sistemas de controlo de versões. Entre esses eu optaria pelo subversion.
    Re:humm... (Pontos:2)
    por raxx7 em 26-02-04 16:56 GMT (#21)
    (Utilizador Info)
    Hmm... Essa comparação esquece-se de comparar as capacidades de merging. :)
    Remember to be the Killer, not the Victim! (Nuklear Girl)
    Suporte para Windows? (Pontos:2)
    por joaobranco em 26-02-04 14:55 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Sim, eu sei... mas de vez em quando é conveniente(ou obrigatório) desenvolver em Windows.

    O CVS para windows funciona bastante bem, nomeadamente usando o TortoiseCVS, que faz a partir do explorer as operações necessárias.

    Eu sei que existe um TortoiseSVN, mas alguém já o experimentou/comparou com o TortoiseCVS? Nomeadamente, traz (como o TCVS) ferramentas que suportem um "local repository", para projectos que não tenham de ser guardados fora do comp? (Sim, é melhor usar um servidor externo, mas o meu portátil nem sempre está ligado à rede). Já agora, existe alguma ferramenta de controlo de versões que suporte merging de repositórios?

    Cumps, JB

    Re:Suporte para Windows? (Pontos:2)
    por joaobranco em 26-02-04 15:01 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    Esqueçam... basicamente, devia ter RTFMd antes.

    Resposta1: Sim, suporta um local server.

    Resposta2: Existem 2 ferramentas que suportam merging de repositórios:

      Chia-Ling Kao's SVN::Mirror script
    or the svn-push utility by Shlomi Fish.

    Cumps, JB

    Re:humm... (Pontos:4, Esclarecedor)
    por Marco Santos em 26-02-04 4:23 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.euronet.nl/users/frankvw/IhateMS.html
    Bem, fui eu que o escrevi. Quando enviei os jpegs para o Gildot, já sabia que me arriscava a levar nas orelhas. Mas por acaso até tinha esperança de passsar despercebido. Reli o texto antes de o mandar e até pensei: “Marco, como jornalista já escreveste algumas bostas no passado mas por acaso neste até te saíste bem! Escrevinhaste uma introdução mais ou menos à altura dos depoimentos que recolheste, ficou bem escrito, sim senhor!” Estava eu a limpar a baba ao monitor depois de ler o primeiro comentário aqui no Gildot quando, zás, a minha satisfação se desmoronou com a terrível frase: “Achei o artigo um pouco apalhaçado”. Ora que caraças. Estava eu tão satisfeito! De repentei começei a sentir –me desconfortável; até já me parecia estar a sentir uma bola vermelha no lugar do nariz, tipo Batatoon. Jornalista Batatoon? Chiça, que isto está cada vez pior. Fiquei com um melão dos diabos e pus-me a reler o texto à procura de palhaçadas. O que aconteceu então é que, em vez disso, me pus a imaginar formas alternativas de o escrever, caminhos diferentes, formas de o tornar editorial e jornalisticamente melhor. Se eu, por exemplo, queria demonstrar o ridículo da situação em que a Microsoft se colocou, talvez devesse ter ido buscar mais exemplos aos comentários no próprio código, em vez de estar para aqui a falar do Mulder, da Scully, dos morangos e do açúcar – enfim, pus-me a pensar coisas desse tipo. Moral da história: ajudaste-me a escrever o meu próximo artigo. Não faço ideia qual vai ser, mas que já ajudaste, ajudaste! Um abraço.
    Re:humm... (Pontos:1)
    por RaTao em 26-02-04 7:06 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Toma lá mais um estaladão!

    (eheheh estou a brincar)
    Falando a sério, achei a peça um pouco inconsistente porque tanto falas para os leigos [1] como falas para os técnicos [2].

    [1] "kernel - o coração do sistema operativo" Analisando poeticamente esta prosa pode-se dizer que não é dirigida aos técnicos, que iriam preferir comparar o kernel ao cérebro ;)

    [2] ..."abandonada pelas principais 'distros'" Nem toda a gente sabe o que é uma distro ;)

    Existem mais exemplos, mas estes são giros ;)

    Fora estas inconsistências gostei bastante, até porque é uma separação da cultura que reina em quase todas as revistas de considerarem a Microsoft terreno sacrosanto.

    Regards,
    Nuno Silva aka RaTao
    Re:humm... (Pontos:1)
    por Marco Santos em 26-02-04 18:36 GMT (#22)
    (Utilizador Info) http://www.euronet.nl/users/frankvw/IhateMS.html
    Nuno, tens razão em relação a essa inconsistência: é um drama para quem quer escrever com um mínimo de correcção técnica e, ao mesmo tempo, fazer-se entender por todos. É quase um serviço de tradução. Isto dava pano para mangas, mas se calhar é discussão que interessa mais a nós jornalistas.

    Quanto a essa história do kernel ser o coração ou ser o cérebro, bem, por mim prefiro a definição dos leigos. Porquê? Porque sem o kernel a funcionar não tens SO, não é? Da mesma forma, se o teu coração deixar de bater, morres; mas se o teu cérebro deixar de funcionar, podes mesmo assim continuar vivo...

    Mas isto são pormenores e provavelmente alguém vai passar um corrector de disparates por este texto e lá se vai o meu argumento à vida num instante.

    Um abraço!
    Re:humm... (Pontos:1)
    por RaTao em 27-02-04 1:49 GMT (#26)
    (Utilizador Info)

    Porque sem o kernel a funcionar não tens SO, não é? Da mesma forma, se o teu coração deixar de bater, morres; mas se o teu cérebro deixar de funcionar, podes mesmo assim continuar vivo...

    Afinal não és nada poeta, és um romântico :)

    Tenho que respeitar a tua opinião mas, quanto a mim, TODO o corpo trabalha para o cérebro. Deixa-me dar-te "comida para pensamento":

    - Se achas que queimar calorias e ter o cérebro morto é viver... hmmm;
    - Clinicamente morto é quando o cérebro está morto há mais de 5 (?) mins;
    - Focrates já dizia: "Penso logo existo".

    :)

    Regards,
    Nuno Silva aka RaTao
    Re:humm... (Pontos:1)
    por Marco Santos em 27-02-04 12:46 GMT (#28)
    (Utilizador Info) http://www.euronet.nl/users/frankvw/IhateMS.html
    Nuno, sabes de mais? Hoje acordei mais numa de:
    "Penso, logo desisto"

    :)
    Re:humm... (Pontos:1)
    por xyz em 01-03-04 9:30 GMT (#31)
    (Utilizador Info)
    > - Focrates já dizia: "Penso logo existo".

    É algum tipo de piada ou um erro? ;-)

    Quem disse isso foi não foi Sócrates mas Descartes.
    Re:humm... (Pontos:2)
    por moonrider em 26-02-04 10:30 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://127.0.0.1
    talvez devesse ter ido buscar mais exemplos aos comentários no próprio código

    Isso não poderias fazer, por motivos legais...

    O artigo não está mau, considerando o público target... Se podia estar melhor... para um perfeccionista como eu, tudo poderia estar melhor e nada está suficientemente bom !
    Serias demasiado pretensioso querer agradar a todos os teus leitores... serias utópico se quisesses agradar a todos os leitores do Gildot... :-)

    Re:humm... (Pontos:1)
    por Init em 26-02-04 12:47 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    Tentar agradar a todos os leitores do gildot é o mesmo que encomendar um esgotamento.


    «They that give up liberty to obtain a little temporary safety, deserve neither liberty nor safety» Benjamim Franklin (1706-1790)
    Re:humm... (Pontos:4, Engraçado)
    por Gamito em 26-02-04 11:03 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://www.startux.org/
    Viva,

    Parabéns pelo artigo.
    Está muito bom.

    Primeiro e Único Mandamento do Gildot: Não agradarás a todos e provavelmente a muito poucos.

    Mário Gamito
    www.startux.org
    Muito bom p/ leigos (Pontos:2)
    por Lameiro em 26-02-04 1:42 GMT (#5)
    (Utilizador Info) mailto:lameiro[at]fastmail[dot]fm
    Parabéns!

    Tendo em conta que o artigo se destina ao público em geral, está muito bom!

    Possivelmente para nós, adeptos o Open Source, deixa algo a desejar. Se calhar eu estava à espera de mais... Mas o artigo não foi escrito para mim, pois não me disse nada de novo, mas sim para n milhares de portugas mais ou menos leigos no assunto...

    -=[ Rui Lameiro ]=-
    Gostei da ideia e da peça (Pontos:2)
    por TarHai em 26-02-04 10:54 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://www.dilbert.com
    (pelo menos para mim) foi uma ideia original e como leitor/comentador/troll do gil sinto-me honrado pelo respeito demonstrado.

    Parabéns pela peça.
    ## I should be working...
    OT: Subversion (Pontos:1, Despropositado)
    por ^magico^ em 26-02-04 12:23 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://fsilva.online.pt/
    É um pouco fora de tópico, mas para corrigir que o Subversion atingiu a versão 1.0 em 23 de Fevereiro, e tem como objcetivo ser o "CVS killer". É bastante estável, rápido e tem várias funções que já se desejavam à muito no CVS.

    O problema agora está que para o SVN se afirmar vai ter de ter bastantes utilizadores, e talvez a única forma rápida de conseguir isso seria que a SourceForge converte-se todos os repositórios CVS para SVN, será que estarão interessados?

    Já agora, e mais fora de tópico ainda, a SF bem que podia arranjar alguém para ver o estado dos projectos e começar a limpar a reutilizar o "cemitério" eliminando projectos mortos, ou fazendo tipo um leilão à procura de novos coordenadores para projectos parados!

    Este comentário foi publicado ao abrigo de leis internacionais "How to handle a Troll".
    Re:OT: Subversion (Pontos:2)
    por ^magico^ em 26-02-04 12:26 GMT (#16)
    (Utilizador Info) http://fsilva.online.pt/
    Raios, é o que dá responder sem ler os comentários já existentes! Afinal o cgd já tinha chamado a atenção para o pormenor da versão do Subversion! sorry

    Este comentário foi publicado ao abrigo de leis internacionais "How to handle a Troll".
    Largura de banda (Pontos:2)
    por mvalente em 26-02-04 16:34 GMT (#20)
    (Utilizador Info) http://www.ruido-visual.pt/
    As três páginas estão disponíveis em formato jpeg aqui, aqui e aqui. Sejam gentis, são 3*1MB...

    Contribuição para diminuir os estragos: cópias aqui.

    Sugestão: q tal criar uns linkzitos aí no servidor do gildot.org de maneira q os files entrem nas redes p2p edonkey/emule/overnet/etc ?

    "Http with links: If you would like to distribute files to people that might not have Overnet installed then this a perfect method for you. In the same directory as the content you want distributed also on Overnet you simply create a small file that tells Overnet how to get your content from the Overnet network. For example: if you have a song rockout.mp3 available at www.yourwebsite.com/rockout.mp3 and you want to get the benefits of Overnet if people happen to have it installed. You would create a file: www.yourwebsite.com/rockout.mp3.ed2k that is just the ed2k link to rockout.mp3. This makes it very easy for people with a preexisting content site to drastically lower their bandwidth bill. " in "Distributing your content using Overnet", [http://www.edonkey2000.com/documentation/distro.html]

    Cumprimentos

    Mario Valente

    Re:Largura de banda (Pontos:1)
    por RaTao em 26-02-04 19:03 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    Quando li o "Sejam gentis, são 3*1MB..." pensei logo que era por ser um download grande e o scorpio não queria aturar o pessoal da "banda estreita" a resmungar por não haver um .txt, de 20KB, com o texto.

    3MB é uma miséria, em termos de tráfego, mas podes ter razão, podes :-) Elucida aí, scorpio! :)


    Regards,
    Nuno Silva aka RaTao
    Re:Largura de banda (Pontos:1)
    por Mulder3 em 26-02-04 22:20 GMT (#24)
    (Utilizador Info)
    3MB é uma miséria, em termos de tráfego, mas podes ter razão, podes :-) Elucida aí, scorpio! :)

    Tenta lá sacar com um portatil com uma pcmcia GPRS e diz-me se é um miseria ou não...
    Re:Largura de banda (Pontos:1)
    por RaTao em 27-02-04 6:56 GMT (#27)
    (Utilizador Info)
    Como eu disse: "o scorpio não queria aturar o pessoal da 'banda estreita' a resmungar por não haver um .txt, de 20KB, com o texto".

    Mas, obrigado por concordares comigo :-)

    P.S. Os 3MB são uma miséria para o hosting do gildot, não para _alguns_ utilizadores, CLARO ;)

    Regards,
    Nuno Silva aka RaTao
    Re:Largura de banda (Pontos:1)
    por bigs em 27-02-04 0:14 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
      3MB é uma miséria, em termos de tráfego
    Pode ser para quem tem uma boa largura de banda, mas se toda a gente começasse a colocar misérias de 3MB para sacar, já não pareciam misérias.
    Além disso, estás a cair no erro de pensar que a largura de Banda é infinita, o que não é, de todo, verdade.

    Seja como for, uma melhor solução seria a colocação de um .ps.gz ou de um .zip, whatever. Se fizeres algumas contas vais ver que uma compacração nunca é uma má ideia quando quando estás a enviar dados por redes.


    ==========
    Nuno Pereira
    Estudante de Engenharia de Sistemas e Informática
    Universidade do Minho
    Re:Largura de banda (Pontos:2)
    por sab em 27-02-04 15:15 GMT (#29)
    (Utilizador Info) http://virtual.inesc.pt/~sab/
    Já agora Marco(autor do artigo) não queres colocar aqui isto em formato txt ou pdf, é que ler um jpg deste tamanho é uma chatice (pelos menos num ecrã de 15").
    -Sab
    "Um mundo melhor é deixado como um exercício para o leitor, Paul Graham"
    Re:Largura de banda (Pontos:1)
    por Marco Santos em 27-02-04 17:19 GMT (#30)
    (Utilizador Info) http://www.euronet.nl/users/frankvw/IhateMS.html
    Olá.
    O Gildot tem os pdf a partir dos quais se pode extrair o texto. Podem fazer o que quiserem com eles, e como o entenderem. Aliás isto está explícito desde o momento em que o artigo original propondo o inquérito foi aprovado.
    Se não for possível, quem quiser os pdf por favor mande-me por email um link para onde possa fazer o upload.

    Abraços.
    Re:Largura de banda (Pontos:2)
    por sab em 01-03-04 14:42 GMT (#32)
    (Utilizador Info) http://virtual.inesc.pt/~sab/
    Podes enviar-me os pdfs por email para sebastiao_barata@yahoo.com? Eu depois colocava aqui o texto do artigo.

    Obrigado,

    -Sab
    "Um mundo melhor é deixado como um exercício para o leitor, Paul Graham"

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]