gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Governo avança com mil milhões de euros para a ciê
Contribuído por vd em 19-01-04 0:22
do departamento do programa eleitoral
Ciência WZ|Dunadan escreve "No Público.pt (17-01-2004 - 19h54) temos a notícia que o Governo avança com mil milhões de euros para a ciência, tecnologia e inovação.

Maior investimento de sempre, sublinha Durão Barroso

O Governo vai investir mais de mil milhões de euros na ciência, tecnologia e inovação até 2006, anunciou, esta tarde, o primeiro-ministro no final da reunião de Conselho de Ministros. De acordo com Durão Barroso, o investimento irá ser concretizado através de dois programas de apoio e incentivo à ciência e às novas tecnologias, da atribuição de bolsas de formação nestas áreas e do mecenato científico. (Ler mais...)

Será que alguns destes milhões contemplam projectos nas TI, em especial no Linux? >:D "

SCO ataca EUROPA | Novell Defende! | Práticas da Portugal Telecom  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • WZ|Dunadan
  • Governo avança com mil milhões de euros para a ciência, tecnologia e inovação
  • Ler mais...
  • Mais acerca Ciência
  • Também por vd
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Can i have some? (Pontos:2)
    por Psiwar em 19-01-04 0:38 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Será que alguns destes milhões contemplam projectos nas TI, em especial no Linux?
    Se o Capitão Gonçalo ainda lá estiver... não. Mas pelo menos a M$ já vai poder pagar os custos das batalhas legais nos states.

    Nota: Espero que algum venha para o Gildot para permitir o desenvolvimento de um motor editorial de jeito que não corte os títulos daquela forma. :)
    Re:Can i have some? (Pontos:4, Esclarecedor)
    por racme em 19-01-04 2:15 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://vendetta.guildsoftware.com
    Nota: Espero que algum venha para o Gildot para permitir o desenvolvimento de um motor editorial de jeito que não corte os títulos daquela forma. :)

    podes darme os 200 milhoes,
    > alter table submissions modify subj varchar(100) not null;

    se quiser a sr ministra pode pagar os milhoes em prestacoes suaves como o PEC ou as propinas

    ps: nao aceito cheques do governo



    Those who do not understand Unix are condemned to reinvent it, poorly.
    -- Henry Spencer
    areia pros olhos (Pontos:2)
    por racme em 19-01-04 0:47 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://vendetta.guildsoftware.com
    "No Público.pt (17-01-2004 - 19h54) temos a notícia que o Governo avança com mil milhões de euros para a ciência, tecnologia e inovação.
    Maior investimento de sempre, sublinha Durão Barroso


    - Durão Barroso apenas veio "rebaptizar" programas que já existem, diz Mariano Gago.
    "Não há aqui nenhum investimento novo. Portugal assinou o Quadro Comunitário de Apoio com a Comissão Europeia no ano 2000 para o período 2000-2006"

    - «Ontem o Governo aprovou um programa de 200 milhões de contos para a ciência e investigação. Esse anúncio é uma mentira. Esse dinheiro já existia no quadro comunitário de apoio que começou em 2000. Apenas mudaram o nome do programa», salientou o dirigente bloquista.
    Uma situação que o Bloco de Esquerda considera ser exemplificativa da nova fase em que entrou o Governo, a «fase da propaganda», em que «tudo se mantém como antes e apenas se muda o nome às coisas».


    assim e' facil, vira o disco e toca o mesmo



    Those who do not understand Unix are condemned to reinvent it, poorly.
    -- Henry Spencer
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por taf-7arte em 19-01-04 2:45 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://taf.net
    "assim e' facil, vira o disco e toca o mesmo"

    Não sei se é verdade isso ou não, mas a mim não me chega ler uma citação da oposição para concluir que é verdade ou mentira... ;-)

    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por 4Gr em 19-01-04 2:55 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Muitos menos quando essa citação vem do Bloco de Esqueda ou do Partido Socialista :-)


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:areia pros olhos (Pontos:1, Engraçado)
    por Huxley em 19-01-04 4:49 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Claro, é muito mais credível a honestidade dum politico como o Durão Barroso, a liderar um partido como o PSD, que ainda por cima está coligado com um partido como o PP... :)

    Mas é que é obvio que o sr 1º ministro nunca pensaria em aproveitar-se de tal situação para melhorar a sua imagem junto dos portugueses, e ainda menos para tentar inverter a tendência das intenções de voto!
    Re:areia pros olhos (Pontos:2, Engraçado)
    por 4Gr em 19-01-04 12:23 GMT (#13)
    (Utilizador Info)
    Concordo contigo numa coisa: o PSD e o Durão Barroso podem não ser nem o melhor partido do mundo, nem o melhor político do mundo. Sem dúvida alguma!

    Agora, que estão intelectualmente, logisticamente e politicamente infinitamente superiores às políticas praticadas pelo Partido Socialista, isso é absolutamente eloquível.

    Mas é que é obvio que o sr 1º ministro nunca pensaria em aproveitar-se de tal situação para melhorar a sua imagem junto dos portugueses, e ainda menos para tentar inverter a tendência das intenções de voto!

    Eu não sei se já reparaste, eventualmente não, mas isto não é propaganda gratuita para o Durão Barroso continuar no governo, pois a intenção dele como Primeiro Ministro não é perpetuar a sua estadia mas sim fazer alguma coisa pelo estado. Eu compreendo que não te tenhas apercebido disto, já fazia uns anos desde que alguém vinha cá fazer alguma coisa. Infelizmente veio tentar resolver os problemas deixados por oito anos de anarquia passiva, deixa andar e falta de visão. É óbvio que a sua popularidade não poderia ser muita, mas Galileu também foi condenado à morte..


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por rsantos em 19-01-04 13:00 GMT (#17)
    (Utilizador Info)

    "...pois a intenção dele como Primeiro Ministro não é perpetuar a sua estadia mas sim fazer alguma coisa pelo estado."

    Ena pá!
    Estou morto que ele comece...

    Agora a sério. Sem querer pôr em causa a pessoa Durão Barroso, tenho a certeza que ele não é o primeiro político da história que não tem como objectivo ganhar votos.

    Fazer o melhor pelo país? Quem não quer? Só que nem todos podem.

    "...tentar resolver os problemas deixados por oito anos de anarquia passiva..."

    Foram seis, e acho injusto falar de anarquia, no que respeita aos primeiros quatro, quando tivemos, na minha opinião, um ministro das finanças notável.


    Is this the meaning of life?....Ah! It's Lear again!
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por 4Gr em 19-01-04 13:26 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    "...tentar resolver os problemas deixados por oito anos de anarquia passiva..."

    Foram seis, e acho injusto falar de anarquia, no que respeita aos primeiros quatro, quando tivemos, na minha opinião, um ministro das finanças notável.


    Eheh, tiveste bem. Era para rir certo? :-)


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por rsantos em 19-01-04 15:50 GMT (#27)
    (Utilizador Info)

    Não. Esta parte não...

    Na minha opinião, Sousa Franco (o tal da meia-orelha) foi dos melhores ministros das finanças. No segundo mandato, o ministro Pina Moura é que foi, provavelmente, dos piores. De resto, como quase todos os ministros do segundo mandato do Guterrismo, que ou trocaram de pasta ou vinham de alguma câmara, sequisos do poder central.


    Is this the meaning of life?....Ah! It's Lear again!
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por 4Gr em 19-01-04 16:57 GMT (#34)
    (Utilizador Info)
    Para mim o melhor ministro das finanças que Portugal alguma vez teve foi Salazar.


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por leitao em 19-01-04 18:22 GMT (#41)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/
    Se essa foi a serio faz-me um favor -- dirige-te ao edifio com mais de 5 andares mais proximo, sobe ao ultimo andar e atira-te ca' para baixo certificando-te que acertas com a cabeca na superficie mais dura que encontres.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:areia pros olhos (Pontos:2, Despropositado)
    por 4Gr em 19-01-04 19:15 GMT (#45)
    (Utilizador Info)
    Sim foi a sério.

    Não, não faço isso. Porque se eu desaparecer e tu ficares por cá, aumenta logo o indíce de indivíduos dementes por milhar.

    Para a próxima, quando discordares de algo que outra pessoa diz, faz com respeito e educação que presumo que os teus pais te deram.

    Porque afinal, esse arremesso ridículo não só te ridiculariza a ti, como me faz perder tempo a responder-te.

    Haja paciência.


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:areia pros olhos (Pontos:1)
    por being em 19-01-04 19:18 GMT (#46)
    (Utilizador Info)

    Podia ser fascista e um bom ministro das finanças... aliás, tal como o nome o diz ele ainda nem estava à frente do governo, era ministro das finanças e tinha Muito mérito. Todos (os que li, óbvio) os livros de história o retratam como tal.

    Be different, think for yourself.

    Re:areia pros olhos (Pontos:3, Esclarecedor)
    por leitao em 19-01-04 19:56 GMT (#49)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/
    O Salazar teve sem duvida merito por ter balanceado a economia depois do desastre economico da Primeira Republica (1910-1926) -- dou-lhe sem duvida merito por isso (alias, Portugal era um pais que antes de 1928 nao conseguia obter credito estrangeiro) -- tambem lhe dou merito por ter conseguido libertar a economia do controle das familias industriais e banqueiras.

    Mas isso nao faz de alguem um "excelente" ministro das financas -- concordo que o Salazar fez o que foi preciso durante um certo periodo (1928 ate' talvez 1945 ou 1950). Mas o facto de que ele falhou completamente as colonias, e de nao ter visto o que era necessario apos 1945 (abrir portugal e crescer) fa-lo um mau economista e homem de estado.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por McB em 27-01-04 10:47 GMT (#71)
    (Utilizador Info)
    Leitão, estávamos a falar do Ministro das Finanças.

    Concordo com tudo o que dizes... mas enquanto Ministro das Finanças, o Salazar foi o que teve a tarefa mais difícil e conseguiu atingir algum equilíbrio nos cofres de estado...
    Só que para variar, não soube quando parar... e faço minhas parte das tuas palavras:

    "Mas o facto de que ele falhou completamente as colonias, e de nao ter visto o que era necessario apos 1945 (abrir portugal e crescer)fa-lo um mau economista e homem de estado "

    Concordo plenamente... mas ele era bom em finanças, e não em economia... é bem diferente....

    Yours,
    McB!
    They told me it need Windows 95 or better, so I chose Linux
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por Branc0 em 20-01-04 10:51 GMT (#63)
    (Utilizador Info) http://www.syners.org
    Desculpa lá mas o Sousa Franco foi o unico ministro que se safou em 6 anos de Gueterrismo, e sempre tinha mais capacidade que a Manuela Ferreira Leite.

    Há coisas mais importantes que o défice, especialmente se para o cumprirmos temos que vender o país a preços irrisórios.


    "Se vi mais além do que outro, é porque estava nos ombros de gigantes."
    Sir Isaac Newton

    Re:areia pros olhos (Pontos:1)
    por Perky_Goth em 20-01-04 14:27 GMT (#65)
    (Utilizador Info)
    hmm, desculpa lá, e o senhor excelentissimo PM fez o quê?
    ---

    Que Bush vos abençoe.
    Re:areia pros olhos (Pontos:2, Engraçado)
    por jamaica em 20-01-04 17:15 GMT (#69)
    (Utilizador Info) http://pbandalarga.no.sapo.pt/
    lambeu o traseiro ao bush? :)
    ---------------------
    The worst moment for the atheist is when he is really thankful and has nobody to thank. Dante Rossetti
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por racme em 19-01-04 14:42 GMT (#23)
    (Utilizador Info) http://vendetta.guildsoftware.com
    Muitos menos quando essa citação vem do Bloco de Esqueda ou do Partido Socialista :-)


    mas tu tens quantos e quais partidos na oposicao?

    parece me incauto e ridiculo no minimo descartar a opiniao de "algo" que representa 49% dos portugueses *

    btw, vamos entrar no 3 ano, era bom comecar a ver qq coisa ser feita porque o discurso da ressaca "O anterior governo deixou-nos Portugal de tanga" ate para muitos dos outros 51% ja comeca a meter nojo *





    Those who do not understand Unix are condemned to reinvent it, poorly.
    -- Henry Spencer
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por 4Gr em 19-01-04 17:05 GMT (#35)
    (Utilizador Info)
    Não me digas que Portugal é 49% de Socialistas e Comunas, senão aí estaríamos numa crise ainda mais grave que o Quénia ou o Tibete!
    O povo português, infelizmente, ainda é muito agarrado a tradições, e isso é um conceito impraticável na política. Por exemplo, o pai e o avô eram socialistas, vamos ser socialistas. Tal e qual como um clube de futebol, o que é errado.

    O importante é extraír de cada posição política as melhores ideias, e o mais importante: praticá-las. Não nego que o Partido Socialista tenha boas ideias, mas a forma como as pratica, ou mais geralmente, como não as pratica, é lamentável.

    Outro grave problema do povo português, para além de adorar coçar os tomates no café da esquina em vez de trabalhar, é que não compreende que não se faz dinheiro do dia para a noite. Venha quem vier para o Governo vai levar anos para recuperar a crise financeira.

    Para mais detalhes financeiros, basta consultar alguem perito na matéria, que rapidamente elogiará o comportamento do governo nesta matéria.

    Pessoalmente, acredito que este ano, graças ao Euro 2004, ao Rock-in-Rio (se o campeanato de Vela fosse cá também..) vai haver um grande impulso na economia e nas finanças do país. O problema é como isto vai ser gerido mal o PSD saia do Governo, se sair.


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:areia pros olhos (Pontos:3, Interessante)
    por racme em 19-01-04 19:03 GMT (#44)
    (Utilizador Info) http://vendetta.guildsoftware.com
    Não me digas que Portugal é 49% de Socialistas e Comunas, senão aí estaríamos numa crise ainda mais grave que o Quénia ou o Tibete!

    Tudo aponta ser esta a pior crise das ultimas 2 decadas na economia portuguesa.

    Quanto ao governo tudo o q se disser podera ter 2 intepretacoes, quem ta a favor ou quem ta contra, mas e' de se lhe tirar o chapeu e bater palmas pelas inciativas, TGV, Alqueva, OTA, 3 ponte sobre o rio tejo e A2.

    Acertaste claro que estava a ser sarcastico, estes senhores chegaram ao poder e o primeiro que fizeram foi tirar o tapete a 3 destes projectos, para agora ja estarem a considerar avancar com os estudos para os mesmos. Quando todos sabemos que a sua intencao e' apenas atrasar decissoes, adiar, renomear e apresentar como obra sua.
    Quando nem a porra de um hospital conseguem gerir quanto mais fazer um novo como prometeram em campanha eleitoral. E tens agora a situacao magnifica de ter 2 dos concelhos mais numerosos do pais com 175 mil + 375 mil(Amadora/Sintra) respectivamente a compartilhar um hospital publico entregue a' gestao de uma empressa privada, que nao tem mais do que 700 camas para um universo de 700 mil habitantes, ou seja 1 ratio de 1 cama por cada mil pessoas. Depois temos os surtos que todos conhecemos e e' ver os hospitais portugueses tal qual mercado do Bolhao qd ha sardo fresco!!! (so nao vale arrancar olhos)

    Pessoalmente, acredito que este ano, graças ao Euro 2004, ao Rock-in-Rio (se o campeanato de Vela fosse cá também..) vai haver um grande impulso na economia e nas finanças do país.

    vai continuar e' o faz de conta
    achas que e' por ter um campeonato de vela(q nao vai acontecer), uns joguitos de futebol, ou porque vem ca os Metallica a Britney spears e os slipknot, que isto vai melhorar?

    Olha a espanha, achas que se tem sido eles a organizar o euro iriam ter algum beneficio imediato que nao fosse o sobre lotamento dos hoteis durante aquelas 3 semanas da competicao? Metade dos clubes portugueses ja tinha prometido casa nova com euro ou sem euro, a outra metade que conseguiu casa nova a custa de fundos perdidos, muita dificuldade vai ter em manter os seus estadios cheios porque nao se adequa ou nao tem projectos estrategicos de gestao organizada. Basta ver a assistencia media do campeonato.

    Ve o exemplo da belgica e da holanda ganharam alguma coisa com o euro?

    claro que nao,
    tem juizo rapaz



    Those who do not understand Unix are condemned to reinvent it, poorly.
    -- Henry Spencer
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por 4Gr em 19-01-04 19:24 GMT (#47)
    (Utilizador Info)
    Tudo aponta ser esta a pior crise das ultimas 2 decadas na economia portuguesa.

    Tens toda a razão! O Governo Socialista esteve impecável a gerar a crise. E que crise!

    estes senhores chegaram ao poder e o primeiro que fizeram foi tirar o tapete a 3 destes projectos

    Eu faria o mesmo. Dada a condição económica do país, não restava alternativa.

    Quando nem a porra de um hospital conseguem gerir quanto mais fazer um novo como prometeram em campanha eleitoral. E tens agora a situacao magnifica de ter 2 dos concelhos mais numerosos do pais com 175 mil + 375 mil(Amadora/Sintra) respectivamente a compartilhar um hospital publico entregue a' gestao de uma empressa privada, que nao tem mais do que 700 camas para um universo de 700 mil habitantes, ou seja 1 ratio de 1 cama por cada mil pessoas

    Tudo escusado.. Bastava que houvesse dinheiro. Como não há, é preciso esperar.

    achas que e' por ter um campeonato de vela(q nao vai acontecer), uns joguitos de futebol, ou porque vem ca os Metallica a Britney spears e os slipknot, que isto vai melhorar?

    Indubitavelmente. Se tu não consegues vêr para além do sobre-loteamento dos hotéis, lamento, não tou com paciência para explicar até que ponto isto vai rentabilizar toda a economia do país.

    Metade dos clubes portugueses ja tinha prometido casa nova

    O Benfica demonstra bem o espírito do português: não tem dinheiro mas mesmo assim inauguram um estádio e ainda se dão ao luxo de perder na inauguração numa humilhante derrota. Faça-se jús ao estádio do Braga, que foi uma bonita obra de engenharia.

    Ve o exemplo da belgica e da holanda ganharam alguma coisa com o euro?

    Se a Microsoft levasse uma injecção de capital de milhões de contos, era completamente inócuo ou imperceptível, pois já há tanto dinheiro que pouco diferença fazia. Compreendes a diferença entre Holanda e Bélgica vs Portugal, ou nem por isso?

    Tem juízo rapaz


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:areia pros olhos (Pontos:1)
    por Perky_Goth em 20-01-04 14:31 GMT (#66)
    (Utilizador Info)
    Os governos socialistas sempre souberem girir crises. O primeiro a não ter uma perdeu-se. Paciência.
    Agora, para gerir uma crise não é preciso acabar com o futuro de um país, e ninguém me convence disso.
    ---

    Que Bush vos abençoe.
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por higuita em 19-01-04 20:23 GMT (#51)
    (Utilizador Info)
    sobre os hospitais com gestao privada, infelizmente recentemente tenho ido varias vezes ao hospital visitar familiares, a coisa que mais ouco dos doentes e' que a qualidade dos servicos piorou muito, que existem pessoas competentes a ser postas na rua e a contractar pessoal novo, sem experiencia que sao atirados aos lobos, tudo para reduzir os custos
    comida piorou, limpeza (num hospital!!) piorou, tudo piorou
    mas o que eu acho pior sao os medicos a protestar que teem de lutar por terem medicamentos, enfermeiros, material e ate' desinfecoes, pois quem esta' a gerir os hospitais e' pessoa que nada percebe de medicina e que se quando ve que se gasta X em esterizacoes, quer obrigar a que se poupe ai...

    eu suspeito que os proprios administrados destes hospitais nem sequer usem o hospital, devem ter um medico privado, numa clinica qualquer, pois nao se sente seguro no hospital
    mal eles sabem que as clinicas privadas, tirando serem mais novas, sao piores que os hospitais publicos, ate' em antibioticos poupam (apesar de cobrar a dose inteira)

    sou a favor de um maior controlo dos abusos nos hospitais, mas pelo menos metam gente que percebe de medicina tambem... um conselho com gestores, medicos, enfermeiros

    qualquer dia, para termos uma saude decente temos de ir para espanha (que tem um bom sistema de saude) ou para cuba, o melhor do mundo

    Higuita
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por higuita em 19-01-04 20:06 GMT (#50)
    (Utilizador Info)
    O povo português, infelizmente, ainda é muito agarrado a tradições, e isso é um conceito impraticável na política. Por exemplo, o pai e o avô eram socialistas, vamos ser socialistas

    nao vas por ai, pois isso aplica-se a todos os partidos excepto o bloco de esquerda (por serem novos)

    se se aplica-se o que tu dizes, o pessoal iria acabar por deixar de votar, por cada 1 politico honesto, existem 20 aldraboes, o pessoal iria acabar por se fartar e implementar a monarquia outra vez (para depois derrubar por serem tambem cunhas atras de cunhas)

    o euro 2004 dar $$
    o rock-in-rio dar $$... deves sonhar muito deves

    o euro vai dar, mas foi tanto investido em estadios que a ver vamos... nao te esquecas que somos um pais no canto da europa, e' mais lixado atrair pessoal de longe... basta um atentado da alqaeda e la' se vai tudo por agua a baixo


    Higuita
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por higuita em 19-01-04 19:27 GMT (#48)
    (Utilizador Info)
    hummm entao sobra apenas o PCP... apenas acreditas no PCP na oposicao!?

    a verdade nunca esta' totalmente num dos lados, esta' sempre algures a meio, pelo que eles ao dizerem aquilo ja' da' para perceber que o governo nao fez algo totalmente novo, por iniciativa propria como estava a fazer querer... se o plano e' rigorasamente igual ou nao e' outra historia

    estes episodios so' servem para desacreditar a muito pouca fiabilidade que qualquer politico tem (para todos os quadrantes politicos)

    Higuita
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por Branc0 em 20-01-04 10:49 GMT (#62)
    (Utilizador Info) http://www.syners.org
    hummm entao sobra apenas o PCP... apenas acreditas no PCP na oposicao!?

    Há outro sitio para acreditar no PCP que não seja na oposição? :)


    "Se vi mais além do que outro, é porque estava nos ombros de gigantes."
    Sir Isaac Newton

    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por higuita em 20-01-04 17:21 GMT (#70)
    (Utilizador Info)
    heheheh

    boa,excelente comentario, +5 pontos 8)

    Higuita
    Re:areia pros olhos (Pontos:2)
    por André Simões em 19-01-04 2:57 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://andre.catus.net
    A mim chegou-me ouvir vários comentadores da SIC-N a dizerem o mesmo que essas citações da opinião.

    ---
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)
    "Tudo nos é alheio: apenas o Tempo é nosso."

    Re:areia pros olhos (Pontos:1)
    por Perky_Goth em 20-01-04 14:26 GMT (#64)
    (Utilizador Info)
    sim, vamos antes acreditar num partido que ainda não fez nada que se aproveite, vende o país às postas a preço de saldo, acaba com a saúde, deixa arder as florestas, mata as TI, mantém a situação risível das comunicações, a educação é o que se vê e ainda faz de conta que ou a culpa não é deles ou é do anterior governo.
    Sim, vamos.

    ---

    Que Bush vos abençoe.
    depois de ter parado tudo... (Pontos:4, Interessante)
    por André Simões em 19-01-04 2:54 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://andre.catus.net
    Depois de ter parado tudo, de ter cortado em quase tudo o que era para ciência, agora vêm com o milhão. Não se percebe então por que razão cortaram com tudo o que vinha de trás, e que era bastante mais. Além de ser pouco, de facto, e de não ser verdade que seja o maior investimento de sempre, é intelectualmente desonesto. É como se eu passasse a dar apenas meia hora para fazer exame aos meus alunos, que estavam habituados a terem três horas, e depois um belo dia aparecesse a dizer "vejam, eu até sou vosso amigo, agora passam a ter uma hora, uma hora inteira!".

    ---
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)
    "Tudo nos é alheio: apenas o Tempo é nosso."

    Re:depois de ter parado tudo... (Pontos:2)
    por 4Gr em 19-01-04 2:56 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Simples, isto são apoios comunitários. O que o governo cortou advinha das finanças do país.


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:depois de ter parado tudo... (Pontos:3, Esclarecedor)
    por André Simões em 19-01-04 3:01 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://andre.catus.net
    Apoios que vinham de trás, como já saiu a público em vários jornais e tv's. Afinal parece que não é novidade nenhuma.

    ---
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)
    "Tudo nos é alheio: apenas o Tempo é nosso."

    Re:depois de ter parado tudo... (Pontos:1)
    por Kmos em 19-01-04 9:59 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://Kmos.TondelaOnline.com
    Algum desse dinheiro deve nascer do corte de acesso à internet nas escolas/bibliotecas (rcts), mas uma escola que conheço ainda tem, devem agora tar a pagar por isso, por uma linha miserável de 64 kbps, que nem 128 kbps é para duas salas de informática, biblioteca, e sem qualquer tipo de firewall para que os putos possam lá meter o kazaa (p2p-software).

    I'm a lost soul in this lost world...
    Pois, pois... DEVES! (Pontos:3, Interessante)
    por sincronia em 19-01-04 9:47 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://www.haxmen.org/
    Facto: os dinheiros em questão sao europeus e provêm dos apoios estruturais (como sempre fomos subsídio-dependentes, há que manter o status-quo.)

    Facto: se eu dirijo o país e dei conversa (ou o pessoal do meu executivo o fez) aos srs. para que eles não tenham feito cortes de maior na quantidade de dinheiro tenho algum direito a dizer que é por minha orientação que as coisas acontecem.

    Facto: Dizer que também fui eu que dei as flores que o meu irmão comprou à minha mãe, e por muito que o efeito seja o mesmo, continua a ser mentira. (Se alguém não percebeu o que eu quiz dizer, deixe-me ser o primeiro a chamar-lhe "estúpido"!)

    Facto: A minha empresa ainda não viu um tusto dos planos a que concorreu, por isso não estou a ver a aplicação desse capital. Apesar dos 20,000 pareceres favoráveis por pessoas menos aptas (todos FF.PP.) e dos deferimentos.

    Em relação a este último ponto, agradeço a gildotianos que tenham de facto usufruído destes "incentivos", a participação neste fórum (especialmente quanto a atrasos, dificuldades no acesso, e quejandos.)

    Tenho dito.

    Been there, done that, didn't wake up with the t-shirt...
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por 4Gr em 19-01-04 12:29 GMT (#14)
    (Utilizador Info)
    Facto: A minha empresa ainda não viu um tusto dos planos a que concorreu, por isso não estou a ver a aplicação desse capital. Apesar dos 20,000 pareceres favoráveis por pessoas menos aptas (todos FF.PP.) e dos deferimentos.

    As empresas do meu pai também não receberam nada às inúmeras vezes que concorreram enquanto o Partido Socialista exercia o poder.

    E sabes porquê?

    Simples: havia indivíduos a apresentarem facturas de mainframes e a comprarem Mercedez à custa desse dinheiro.


    Dominus vobiscum

    "I may have invented control-alt-delete, but Bill Gates made it really famous", David Bradley, IBM Engineer
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por bgravato em 19-01-04 12:40 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    É claro que agora vai ser diferente... E ninguem vai comprar Mercedes...
    _______________
    "When the only tool you have is a hammer, every problem starts to look like a nail."
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por racme em 19-01-04 14:26 GMT (#21)
    (Utilizador Info) http://vendetta.guildsoftware.com
    É claro que agora vai ser diferente... E ninguem vai comprar Mercedes...

    tal e qual..

    O governo ate se pode refugiar no elevado valor do Euro que impossibilitaria uma grande procura desta marca Alema mas a verdade e' q o sector automovel esta em crise. E nem mesmo os carros de luxo escapam.

    Em 2003, só a Jaguar vendeu mais do que no ano anterior. Dos stands da Bentley e da Lamborghini não saiu um único carro.

    so a Jaguar... porque sera? dou um rebuçado que tenho aqui no bolso ao gildotiano que advinhar..


    => Crise no sector automóvel
    - "Venda de carros atravessa o pior período dos últimos 14 anos"




    Those who do not understand Unix are condemned to reinvent it, poorly.
    -- Henry Spencer
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por sincronia em 19-01-04 14:45 GMT (#24)
    (Utilizador Info) http://www.haxmen.org/
    Porque os gestores têm a cláusula do Jaguar no contrato? Porque a Jaguar é propriedade de uma empresa americana, logo os preços são negociados em dólares, que andam por baixo?

    "Although Jaguar Cars is owned by Ford Motor Company, the two operate independently from each other."

    Sei o que o Norton de Matos tinha/tem a dita cláusula.

    Tenho dito.

    Been there, done that, didn't wake up with the t-shirt...
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por racme em 19-01-04 15:50 GMT (#26)
    (Utilizador Info) http://vendetta.guildsoftware.com
    Porque os gestores têm a cláusula do Jaguar no contrato? Porque a Jaguar é propriedade de uma empresa americana, logo os preços são negociados em dólares, que andam por baixo?

    nao digas disparates embora pros mais incautos ainda talvez esse teu comentario pertinente tivesse uma ponta de verdade

    quer dizer que os gestores so tem clausulas pra jaguares? e sao o unico carro de luxo ? bentleys, rolls, bugattis, classeS, A8?

    Qt a' dos euros/dolares nesse caso a mercedes tambem e' propriedade americana logo com o dolar em baixo etcc.. mas e' ridiculo pensar assim, como e' ridiculo pensar que a venda de jaguares esta ligada ao caso Moderna e a publicidade gratis(nao e' q precisse) durante messes a fio nas tvs e revistas da especialidade, associadas ao nome de um ministro

    Sei o que o Norton de Matos tinha/tem a dita cláusula.
    quem e' o Norton de Matos ?
    o comentador desportivo ou o General ja falecido candidato á presidencia da Republica ?
    desculpa nao sei



    Those who do not understand Unix are condemned to reinvent it, poorly.
    -- Henry Spencer
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 19-01-04 15:58 GMT (#28)
    (Utilizador Info)
    Por acaso foi uma fusao a 50% ou entao foi a Daimler a comprar a Chrylser, dado que a Chrysler tava quase falida, e so tem dado prejuizo ah Daimler..
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por sincronia em 19-01-04 16:24 GMT (#32)
    (Utilizador Info) http://www.haxmen.org/
    Só conheço *um* Norton de Matos que é gestor. Ou só tem lembras de uma frase de cada vez? O comentário é um texto, não uma frase. Se não sabes quem é, azares, não me pagam para te educar. Como aliás se nota pelo tom que usas.

    Se tens uma opinião quanto à questão da Jaguar, face à conjuntura do mercado automóvel, o melhor era mesmo apresentá-la aqui, em vez de usar o subterfúgio do "eu sei, e se acertarem dou um rebuçado". Até agora não demonstraste perspectiva nem conhecimento de causa.

    Quanto ao resto, é mais que off-topic.

    Cheers.

    Tenho dito.

    Been there, done that, didn't wake up with the t-shirt...
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por racme em 19-01-04 18:16 GMT (#40)
    (Utilizador Info) http://vendetta.guildsoftware.com
    Só conheço *um* Norton de Matos que é gestor. Ou só tem lembras de uma frase de cada vez? O comentário é um texto, não uma frase. Se não sabes quem é, azares, não me pagam para te educar. Como aliás se nota pelo tom que usas.

    e qual e' o teu tom? arrogante? prepotente?

    Se tens uma opinião quanto à questão da Jaguar, face à conjuntura do mercado automóvel, o melhor era mesmo apresentá-la aqui, em vez de usar o subterfúgio do "eu sei, e se acertarem dou um rebuçado"

    e que tal este subterfugio:
    "eu trabalho para a oni e o patraozinho tem um jaguar"

    Tu e' q nao soubeste dissociar uma graçola do contexto do post anterior no seguimento do tema GOVERNO/CARROS
    Lanças nomes de familia e estas a espera que os outros advinhem, descontextualizado de qualquer relacao com o tema subjacente. Sera que a tua educação que chega para dar, nao! Mas sim, vender, nao entende que e' isso que e' offtopic?

    Se tens uma opinião quanto à questão da Jaguar, face à conjuntura do mercado automóvel, o melhor era mesmo apresentá-la aqui,

    ya e os jaguares sao feitos nos estados unidos e depois importados pra europa, e e' por isso que sao mais baratos porque o dolar vale menos que o euro... tabem
    Se quiseres depois eu explicote pq nao ta relacionado

    quer dizer que os gestores so tem clausulas pra jaguares? e sao o unico carro de luxo ? bentleys, rolls, bugattis, classeS, A8?

    A explicacao do Anonimus Cobardis pareceme a mais correcta, embora a mercedes/audi, tambem tenha motores diesel nas stations,nos modelos classeC, tdis, logo e' tudo uma questao de marcatingue..

    Mas a questao do jaguar e' de menos monta o que importa aqui e' realçar o estado da economia portuguesa. Que tem na venda de automoveis uma excelente amostra, porque mesmo em tempos de crise os carros de luxo vendem. Em 14 anos este foi o pior ano de vendas!! Agora se nem os carros de luxo vendem significa que algo vai muito mal no reino de sua majestade. A dita classe alta tambem anda a passar dificuldades, para nao falar da classe media. E isso e' q e' importante aqui, e nao se o jaguar vende ou nao.

    tu nao levas o rebuçado :'(
    menino MAU!!



    Those who do not understand Unix are condemned to reinvent it, poorly.
    -- Henry Spencer
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por sincronia em 19-01-04 18:41 GMT (#43)
    (Utilizador Info) http://www.haxmen.org/
    "e que tal este subterfugio: "eu trabalho para a oni e o patraozinho tem um jaguar"" - Porreiro. De quem é? Meu não será que não trabalho para eles.

    "Tu e' q nao soubeste dissociar uma graçola do contexto do post anterior..." - Sim, não soube de facto. Até porque a situação não é para brincadeiras, ou achas que o Sr. José que hoje não pode pagar a comida para o jantar dos filhos achava piada?

    "ya e os jaguares sao feitos nos estados unidos e depois importados pra europa" - Os VW New Beetle são feitos no méxico e importados para a Europa, chama-se a isso Economia Global. O Jeremy Clarkson fez um especial no Top Gear sobre as marcas que fazem esse tipo de negócios, devias ter visto.

    "dolar vale menos que o euro", da última vez que vi andava pelos 1.2373 dólares para um euro.

    "menino MAU!!" - Nope, sou Péssimo!

    Tenho dito.

    Been there, done that, didn't wake up with the t-shirt...
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por Anonimus Cobardis em 19-01-04 15:17 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    > so a Jaguar... porque sera?

    Simples. X-Type DSL 2.0 . Por outras palavras, o primeiro Jaguar da história equipado com motor diesel -- motores esses que são actualmente o grosso das vendas da maioria dos fabricantes. E com a versão de entrada apenas ligeiramente mais cara que um VW Golf 2.0TDI.


    --
    © 1982 Sinclair Research Ltd
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por jazzy em 19-01-04 15:59 GMT (#29)
    (Utilizador Info) http://jazzy.weblog.com.pt/
    dou um rebuçado que tenho aqui no bolso ao gildotiano que advinhar
    E pagas os portes da entrega? É que se os pagares ainda posso tentar adivinhar ;-) se não não vale a pena...


    Jazzy
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 19-01-04 16:01 GMT (#30)
    (Utilizador Info)
    Se a empresa ainda nao viu um tusto, é porque tem que esperar mais. Se fizeste uma empresa esperando pelo dinheiro, entao estás a violar uma das premissas mais importantes em qq projecto financiado por dinheiro europeu (ou pelo menos a maioria), que diz que o projecto tem que ser independente do facto de receber fundos ou nao, isto é, tem que ser viável mesmo no caso de nao chegar a receber fundos. Exemplos ? Tem o caso do Hard Club em Gaia, que veio para a televisao refilar que nao recebia o dinheiro, e que estavam quase falidos. Porque ? Porque estavam a contar a mama de receber o dinheiro. Isto acontece na maioria dos casos, o que é muito bem feita, pq um projecto nao pode ser subsidio dependente.
    P.S.: Sei bem do que falo !
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:3, Esclarecedor)
    por sincronia em 19-01-04 16:17 GMT (#31)
    (Utilizador Info) http://www.haxmen.org/
    Não, não estou para fechar as portas por falta de subsídio. :) Valha-nos isso. Quero é o que me é devido. Foram prometidos fundos de crescimento. Eu aproveitei, acho que o desenvolvimento de produto é uma fase essencial na vida do mesmo.

    Acontece que na hora H, os ditos não chegam. Ora o problema não é estar à espera do dinheiro para funcionar. É que houve um compromisso, um acordo financeiro, que não é respeitado pelo estado. Em si é um acto doloso.

    Quando à frase: "Se a empresa ainda nao viu um tusto, é porque tem que esperar mais", não percebo porque a tiveste de usar. Estás a dizer que o estado não tem que cumprir as datas de pagamentos? Estás a dizer que se tiveres uma devolução de IRS, deves ficar à espera que alguém se sinta generoso para te devolver o que é teu por direito? Não me venhas dizer que todo o capital que tens dsiponível para incvestimento o vais dar ao estado de bom grado?

    Quando ao facto do projecto ser independente de financiamentos extraordinários por dinheiros públicos, acho que já provei isso a gente demais (vide o comentário dos 20,000 FFPP). E foi por essa razão que consegui os apoios em causa. Tudo o que quero é que o estado cumpra as obrigações, tal como eu tenho feito. Ou também vais defender que cada um define quando paga os impostos?

    A propósito, a tua empresa candidatou-se a apoios? Já recebeste o dito apoio?

    É que se calhar falas sem conhecimento de causa.

    Tenho dito.

    Been there, done that, didn't wake up with the t-shirt...
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:1, Esclarecedor)
    por tonidosimpostos em 19-01-04 17:15 GMT (#36)
    (Utilizador Info)
    A empresa nao é minha, é do meu pai. Eu so ajudei a fazer o projecto de candidatura. Esperamos 2 anos para receber o dinheiro. Ele chegou, mas foram 2 anos, e muita chatice, muito telefone e muito protesto para o receber.
    Essa discussao dos deveres do Estado é inutil, pq como sabes, neste país isso nao conta para nada. O Estado paga quando quer ou quando convem a um director qq pagar. E como isto não dá sinais de mudar, é assim que tens que viver. Só nao vê isto quem nao quer ! Temos que nos adaptar ao ambiente em que vivemos, ja que o ambiente nao muda.
    Quem anda no meio de fazer projectos, sabe como as coisas sao, que o dinheiro demora a chegar, logo o projecto deve ser viável, tendo sempre em conta uma data incerta para receber esse dinheiro. Isto é um conselho gratuito e extremamente importate para quem se quer candidatar a qq tipo de apoios (a maioria dos casos, sao deste tipo, com atrasos enormes de pagamentos!).
    Ja agora, é muito facil tornar um projecto no papel independente de financiamentos externos. Isso é apenas manipulacao de numeros entre outras coisas (arranjas quem te empreste o dinheiro a ti, e metes tu no projecto, logo cumpres o criterio da tua % do investimento ; o problema, é que podes ter que devolver esse $ numa dada data, a contar com o financiamento, e ele nao chega, e logo tens um problema).
    Este é o cenario deste pais, onde muita gente roubou milhoes de contos aos fundos, porque na altura em que começaram, faziam-se projectos para qq coisa, e o dinheiro vinha. Agora a coisa pia mais fino, consegue-se fazer na mesma projectos, e desviar uns trocos, o unico problema, é que a massa demora mais tempo a chegar :)
    Para terminar, se o Estado viola um contrato, mete-o em tribunal. No entanto, tens outro problema, justiça lenta e cara. É este o país que temos, logo temos que apelar à nossa famosa capacidade de improviso, e dar a volta as coisas!
    P.S.: So falta mencionar a mentalidade do tipico empresario tuga, que ao fim de 1 ano ou 2 ja quer comprar um benz ou um bmw :)
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:2)
    por sincronia em 19-01-04 18:32 GMT (#42)
    (Utilizador Info) http://www.haxmen.org/
    Pois, mas fico lixado por só o contribuinte ter de estar em dia, o estado nem tenta.

    Cumprimentos, Tonidosimpostos.

    :)

    Tenho dito.

    Been there, done that, didn't wake up with the t-shirt...
    Re:Pois, pois... DEVES! (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 19-01-04 23:08 GMT (#55)
    (Utilizador Info)
    Acredita... Infelizmente é uma dualidade de criterios. E supostamente o povo é que tem o poder numa democracia e isto deveria funcionar melhor ! Mas infelizmente nao funciona e temos que dar a volta de outra maneira.
    Se tu assinaste um contrato de comparticipacao, podes ter a certeza que o recebes. Aconselho-te é a fazer barulho (se calhar mais do que ja fazes) ate que os gajos livrem isso.
    É por estas e por outras, que os investidores estrangeiros torcem o nariz a Portugal, e também porque os jovens empresários e empreendedores não têm um oasis em Portugal.
    Ou seja... (Pontos:3, Interessante)
    por leitao em 19-01-04 12:32 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/
    O Governo vai investir mais de mil milhões de euros na ciência, tecnologia e inovação até 2006, anunciou, esta tarde, o primeiro-ministro no final da reunião de Conselho de Ministros. De acordo com Durão Barroso, o investimento irá ser concretizado através de dois programas de apoio e incentivo à ciência e às novas tecnologias, da atribuição de bolsas de formação nestas áreas e do mecenato científico.

    Por outras palavras, vai-se criar uns fundos para as universidades criarem uns projectos idiotas de pesquisa inutil, juntamente com a criacao de bolsas para os alunos "de escolha" irem tirar uns doutoramentos e fazerem teses idiotas.

    Se calhar revitalizar o IAPMEI e dar dinheiro a quem merece (ao inves de dar pastel a cafes, cabeleireiros e restaurantes) tinha melhores resultados... digo eu de que...


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por joaorf em 19-01-04 13:34 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    É provável que tenhas razão.
    Mas o teu diagnóstico não deixa de me surpreender, quando habitualmente a tua postura é a de um fervoroso defensor das capacidades lusitanas.
    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por moonrider em 19-01-04 14:04 GMT (#20)
    (Utilizador Info) http://127.0.0.1
    Felizmente as "capacidades lusitanas" nada têm a ver com os truques governamentais... o leitão não deixa de ter razão e os lusitanos continuam a ter as suas capacidades...
    Os jogos por detrás dos subsídios, as teses ridículas e a inutilidade dos investimentos, são uma dura realidade...
    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por joaorf em 19-01-04 17:48 GMT (#37)
    (Utilizador Info)
    Os jogos por detrás dos subsídios, as teses ridículas e a inutilidade dos investimentos, são uma dura realidade...

    Mas isso que invocas não serão motivos para questionar as "capacidades lusitanas"?

    Nunca entendi bem o velho argumento "Têm capacidade, mas não têm condições". Se têm capacidade criam as condições!
    Há, sem dúvida, condições adversas quem, num dado momento da História, podem condicionar o desenvolvimento. Mas a mesma desculpa não pode ser dada ao fim de 9 séculos. Ou pode?

    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por moonrider em 19-01-04 17:57 GMT (#38)
    (Utilizador Info) http://127.0.0.1
    Se têm capacidade criam as condições

    Concordo contigo, mas ninguém está a colocar isso em causa... eu apenas referi que há um grande investimento que cai em saco roto, que é mal direccionado... que vai fazer com que o facto de "criar as condições" seja muito menos linear...
    Re:Ou seja... (Pontos:3, Esclarecedor)
    por sincronia em 19-01-04 14:39 GMT (#22)
    (Utilizador Info) http://www.haxmen.org/
    Nada disso contradiz as capacidades lusitanas. Assume por um momento que existem essas capacidades, é um dado do problema.

    Agora pondera o país em que te encontras. Considera que és empresário e que queres romper o status quo. Ou seja, queres criar produtos de tecnologia, em vez de tentar vender serviços de consultoria, queres ter e desenvolver quem colabora contigo por forma a especializá-los em àreas que as nossas universidades não conseguem porque os regentes das licenciaturas ainda não tiraram a cabeça da cavidade anal. Pensa em manter uma estrutura *fabril* que vai desde o coder de drivers ao tipo que aparafusa as caixas do *produto X* que tu fabricas. Pensa em desenvolvimento de produto.

    Já pensaste em tudo? Pronto, agora diz-me quanto dinheiro achas que é preciso? Tens esse dinheiro? Pois bem, nem eu. Não me digas que se pode chegar a ele por X ou por Y, porque não consegues, eu tenho a experiência práctica disso.

    Agora transefere esse mindframe para a realidade, onde pessoas como eu, são casmurros e lançam um ou outro produto, com produções condicionadas à disponibilidade orçamental.

    Acompanhaste-me até agora?

    Pronto, tudo para chegar à conclusão que, para os cromos, as coisas fazem-se, mas há uma diferença entre fazer as coisas num país em que não tens ajudas do estado mas o mesmo não te chateia (o que não acontece em portugal - experimenta abrir actividade, experimenta pedir um reembolso de IVA). Dizia eu há uma diferença entre os países *liberalistas* onde o estado pode não ajudar, mas não chateia, não cria obstáculos, e um como o nosso em que os grandes entraves à actividade empresarial vêm da sociedade, do estado. Mais ainda quando o estado cria mecanismos, por vezes na figura de incentivos, apenas para compensar os problemas que o próprio gera (vide os apoios ao investimento em tecnologia, que apenas são necessários porque apesar de ser um sector de "prioridade" do governo, continuamos a levar com os agravamentos fiscais decorrentes do nosso sector).

    Hah, e antes que me esqueça... mesmo esses apoios chegam tarde e a más horas. Quando chegam. Conheço pessoas a quem o FP em questão garantiu as tranches de apoio nas alturas próprias para o investimento *sazonal* e que hoje quase um ano depois ainda não recebeu um tusto, apesar de se ter enterrado até ao pescoço num sector "prioritário".

    São giras estas "prioridades" do estado.

    (E antes que comecem a pensar coisas, não sou adepto deste ou daquele partido, sou independente, acho essa coisa de votar por tradição no mesmo partido de sempre uma verdadeira burrice numa república. Se fosse para votar sempre no mesmo podíamos/devíamos ser uma monarquia. O que quero e defendo pessoalmente é a eficiência e eficácia na actuação central. Se não se adequa a participação do estado à economia, o mesmo é inútil - porque gasta demais, porque cobra demais, porque cria entraves, porque perde a essência do convénio social que o criou e que lhe dá poder, porque o estado somos nós.)

    Tenho dito.

    Been there, done that, didn't wake up with the t-shirt...
    Re:Ou seja... (Pontos:3, Interessante)
    por leitao em 19-01-04 18:12 GMT (#39)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/
    Como o moonrider disse e bem, capacidades!=governo. Na minha opiniao um dos problemas recorrentes dos governos de .pt e' que sempre tiveram uma atitude de (em bom Portugues) "nem fodem nem saiem de cima" -- isto e', as mudancas (fiscais, macro-economicas, infraestructura, educacionais, etc.) necessarias ficam sempre a meio.

    Como tal, ficou-se sempre com declaracoes de boas intencoes, mas a implementacao acaba por ser sempre uma valente mer*a -- isto claro porque sempre que se tenta fazer alguma coisa que mude as coisas para a positiva algum grupozinho intervem e vai dizer mal para os jornais (sindicatos e as figuras de esquerda sao um exemplo, mas os grupos industriais tambem bloqueiam as coisas regularmente).

    Como ainda uma grande percentagem do povo portugues tem uma mentalidade de "se o Dr. Isto e Aquilo disse dever ser verdade" (ou seja, sao um bando de carneiros sem vontade propria) qualquer cagalhao que seja barulhento o suficiente consegue fazer estragos a qualquer plano de mudanca que tenha um minimo de credibilidade.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:Ou seja... (Pontos:1)
    por Kmos em 19-01-04 22:37 GMT (#54)
    (Utilizador Info) http://Kmos.TondelaOnline.com
    Belas e Duras palavras, contudo verdadeiras e objectivas =)

    I'm a lost soul in this lost world...
    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por TarHai em 19-01-04 16:56 GMT (#33)
    (Utilizador Info) http://www.dilbert.com
    Apesar de tudo, estas sao boas noticias depois da razia que foi o ultimo concurso de bolsas. Esta muita gente a trabalhar para o curriculo (um eufemismo para ocupação de tempos livres em regime exploratorio) enquanto espera do proximo concurso de bolsas.

    Quanto as universidades, já que são autonomas do estado para tudo menos financiamento, que o estado financie as universidades em proporção ao numero de doutorados contratados e em proporcao inversa ao numero de anos no estabelecimento do pessoal docente. Havia de ser giro :D


    ## I should be working...
    Re:Ou seja... (Pontos:1)
    por liberdade em 19-01-04 21:11 GMT (#52)
    (Utilizador Info) http://www.gildot.org/

    Pode ser que futuros *idiotas* como o Damásio ou o (jovem) Magueijo, passem a fazer os seus projectos inúteis cá por terras lusitanas.

    Eu cá não me importava..


    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por leitao em 19-01-04 23:34 GMT (#56)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/
    Essa foi desnecessario -- claro que eu nao estava a falar na raridade de pessoas como o Antonio Damasio ou o Joao Magueijo. Para pessoas de calibre havera' sempre lugares para bolsas -- refiro-me sim 'as centenas de incentivos que se dao a estudantes de Doutoramento e que no maximo sao mediocres (fazendo teses de "template" dadas por professores ainda mais mediocres).

    Como exemplo serve aquele badalado caso em 1997 (? penso eu) dos estudantes da Universidade do Minho que receberam uma bolsa (e uma *grande* bolsa) para estudar um efeito paranormal qualquer.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por hununu em 20-01-04 1:25 GMT (#57)
    (Utilizador Info)
    Essa foi desnecessario -- claro que eu nao estava a falar na raridade de pessoas como o Antonio Damasio ou o Joao Magueijo. Para pessoas de calibre havera' sempre lugares para bolsas -- refiro-me sim 'as centenas de incentivos que se dao a estudantes de Doutoramento e que no maximo sao mediocres (fazendo teses de "template" dadas por professores ainda mais mediocres).

    Mais uma estatística tirada do cu? Venham estudos a esse respeito que possamos consultar.

    Se os alunos portugueses são tão maus como é que conseguem lugares nas melhores universidades do mundo? E sim, esses alunos muitas vezes não conseguem fazer nada cá.

    Por outro lado a tua noção de mediocridade deriva de onde? Da nota final? Posso informar-te que neste momento para fazeres dout tens q ter 16 e um bom padrinho. Por outro lado, posso-te informar também de uma pessoa que acabou com 11 em portugal e esteve cá uns anos a tentar fazer algo. Obviamente que nunca iria conseguir. Fez um PhD brilhante em inglaterra e ganhou recentemente um concurso entre 200 pessoas de topo mundial para um lugar numa prestigiada instituição mundial de investigação em frança.

    Falar de gajos conhecidos depois de anos de carreira também é muito fácil... o problema é termos um país cujas oportunidades são tão baixas que imagino a quantidade de damásios que não ficaram já pelo caminho. É preciso criar condições críticas de existência de massa cinzenta para atrair empresas high-tech para este país. Imagino que para este fórum, high-tech sejam empresas de software e afins. No entanto, o futuro vai passar por outras áreas muito mais rentáveis. Pena é que mais uma vez estejamos a perder o comboio.

    Pior que as pessoas terem que ir para fora para fazerem algo é eu ver que este país não faz nada para atrair excelência científica portuguesa lá fora para cá de novo.

    ps: peço desculpa n ter respondido mais cedo mas n tenho lido o gildot. Só respondi mesmo depois de ver o nuno a falar de ciencia como se fala de empresas. A filosofia tem q ser diferente. Tenho pena q ao final destes anos no uk ainda n tenha apreendido a visão de futuro q a uk tem em apostar em ciencia a serio...
    http://www.absolutbsd.org/
    Re:Ou seja... (Pontos:3, Interessante)
    por leitao em 20-01-04 2:03 GMT (#58)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/
    Se os alunos portugueses são tão maus como é que conseguem lugares nas melhores universidades do mundo? E sim, esses alunos muitas vezes não conseguem fazer nada cá.

    Engracado -- ao dizeres isso estas a concordar comigo, muitos alunos portugueses brilham no estrangeiro, mas muito, muitos poucos brilham em portugal.

    A mediocridade e' imposta e deriva do sistema.

    Por outro lado a tua noção de mediocridade deriva de onde? Da nota final? Posso informar-te que neste momento para fazeres dout tens q ter 16 e um bom padrinho.

    E a nota reflecte exactamente o que ? Quando fiz o meu curso acabei com uma media de 13 -- um dos meus colegas que acabou exactamente a quando eu com uma media de 17 -- ele hoje trabalha na empresa do pai a manter os PC's dos gajos (nao te vou dizer o que eu faco para tu nao pensares que me estou a armar).

    Por outro lado, posso-te informar também de uma pessoa que acabou com 11 em portugal e esteve cá uns anos a tentar fazer algo. Obviamente que nunca iria conseguir. Fez um PhD brilhante em inglaterra e ganhou recentemente um concurso entre 200 pessoas de topo mundial para um lugar numa prestigiada instituição mundial de investigação em frança.

    Continuas a me dar razao...

    Falar de gajos conhecidos depois de anos de carreira também é muito fácil... o problema é termos um país cujas oportunidades são tão baixas que imagino a quantidade de damásios que não ficaram já pelo caminho.

    Tens toda a razao...

    É preciso criar condições críticas de existência de massa cinzenta para atrair empresas high-tech para este país. Imagino que para este fórum, high-tech sejam empresas de software e afins. No entanto, o futuro vai passar por outras áreas muito mais rentáveis. Pena é que mais uma vez estejamos a perder o comboio.

    Continuas a me dar razao -- se leres os meus posts acima vais ver que nunca duvidei dos portugueses (como individuos), o que duvidei foi da capacidade da catastrofe de governos consecutivos que tivemos desde os anos 80 (nao digo antes porque era demasiado miudo para me aperceber das coisas), e de muitos dos nossos dirigentes "academicos" e "cientificos", ja' para nao falar dos "homens de estado" (tipo, Mario Soares -- que ao fim de 30 anos continua a bater na merda da mesma tecla, e as pessoas ainda pensam nele como um grande "homem de estado").

    ps: peço desculpa n ter respondido mais cedo mas n tenho lido o gildot. Só respondi mesmo depois de ver o nuno a falar de ciencia como se fala de empresas. A filosofia tem q ser diferente. Tenho pena q ao final destes anos no uk ainda n tenha apreendido a visão de futuro q a uk tem em apostar em ciencia a serio...

    Jovem -- a ciencia nao e' uma empresa -- mas uma coisa sao os Estados Unidos ou a Gra-Bretanha onde se pode dar ao luxo de fazer "ciencia pela ciencia", outra coisa e' portugal onde a coisa e' diferente. Espero que consigas ver essa distincao.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:Ou seja... (Pontos:3, Informativo)
    por leitao em 20-01-04 2:28 GMT (#59)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/
    Outra coisa que me esqueci de referir -- quando estava na Universidade um colega meu (o Rui Ribeiro) fez o melhor projecto de fim de curso do ano: um emulador de Spectrum que na altura (e ainda hoje) era provavelmente a melhor coisa que andava ai.

    O projecto estava muito bem feito -- na altura ele tinha usado uma metodologia orientada ao objecto (nao so' em linguagem, mas tambem no desenho do software) o que era literalmente "cutting edge" em 1995.

    O codigo era incrivel, e a emulacao era perfeita.

    No fim ele tirou (se nao me engano) um 14 -- o projecto merecia um 18 ou 19 -- e qualquer prof com um minimo de cabeca via logo o potencial do gajo em areas como sistemas embebidos, sistemas operativos, automacao e robotica, etc.

    Mas, como o tipo nao era particularmente popular (nao era parte do "sistema") e como os avaliadores nao viam um caneco do potencial do projecto (nao tinha um backend de Informix, nem corria em AS/400) ele levou com uma nota muito abaixo da merecida. Para os profs que o avaliaram aquilo nao passava de uma coisa "onde se carregavam uns joginhos" e esqueceram-se que era uma emulacao virtualmente perfeita de um micro-computador completo.

    Outros projectos desse ano foram os tais que descrevo como de "template" -- projectos recorrentes de anos anteriores que sao faceis de avaliar e nao exigem conhecimentos de coisa nenhuma (excepto de saberes o numero de telefone do gajo que o fez o ano passado), muitos desses levaram notas mais altas.

    E' esta falta de visao de que falo.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por hununu em 20-01-04 2:57 GMT (#60)
    (Utilizador Info)
    Ainda bem que concordas no potencial portugues, igual ou melhor a qualquer outro povo do mundo. Devo então ter percebido mal as tuas palavras iniciais, mea culpa.

    Relativamente à ciência no UK e US, tenho uma ideia um pouco diferente em relação ao tipo de ciência que se faz, em particular em relação à ciência básica - a tal "ciência pela ciência". Gostaria só de dizer que a ciência básica é essencial para o avanço da ciência e respeito-a muito, embora não me motive particularmente do ponto de vista pessoal, mas ainda bem que não gostamos todos de azul.

    Isto foi o preambulo para dizer que ao contrário do que eu próprio pensava há uns tempos, o UK e os US não andam propriamente a gastar muito $ em ciencia basica. Quase toda a ciencia tem objectivos claros de um ponto de vista global e aplicado. Sinceramente, cada vez mais tenho a ideia (eu, pessoas em portugal e portugueses no estrangeiro) que cá em Portugal é que se faz mais ciencia básica, o que não deixa de ser paradoxal. O problema é que temos ciencia básica que nunca vai dar mesmo em nada pois as pessoas apoiam-se no facto de ser ciencia básica para n terem objectivos ambiciosos.

    Ainda bem que não és adepto da catalogação de pessoas pela média do curso. Por momentos pensei que fosses.. A média de um curso pode dizer muito conversando com a pessoa, mas tende a dizer 0 apenas olhando para as notas como é hábito português.

    ps: Já agora não acho que dizer o que cada um faz seja armar. A inveja só surge normalmente da parte de mentalidades menores, no entanto, também é preciso ser-se humilde no discurso pois nunca se sabe quando não se apanham pessoas que sabem muito mais do que nós... e há sempre essas pessoas. :> Sinceramente, só espero é que faças o que mais gostas na vida e que espalhes se for possível o facto de portugal formar pessoas competentes. Outra nota curiosa é que no âmbito cientifico, os "putos novos" portugueses sao mto bem vistos lá fora por algumas qualidades intrinsecas do nosso povo. :-)

    http://www.absolutbsd.org/
    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por McB em 27-01-04 14:37 GMT (#72)
    (Utilizador Info)
    Outra nota curiosa é que no âmbito cientifico, os "putos novos" portugueses sao mto bem vistos lá fora por algumas qualidades intrinsecas do nosso povo. :-)

    Pegando no título do thread... OU SEJA, de um modo geral, a falta de organização de um Português reflecte-se numa capacidade de "desenrascar" que o típico metódico alemão, por exemplo, não tem!

    É nisto que nós somos bons! :)

    Yours,
    McB!
    They told me it need Windows 95 or better, so I chose Linux
    Re:Ou seja... (Pontos:1)
    por liberdade em 20-01-04 9:28 GMT (#61)
    (Utilizador Info) http://www.gildot.org/
    WSpecEm is a 48k ZX Spectrum exact-speed emulator for Windows. I developed it at the University of West of England, in Bristol, UK.

    Mas foi numa universidade inglesa ou portuguesa?


    Re:Ou seja... (Pontos:2)
    por leitao em 20-01-04 16:58 GMT (#68)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/
    Foi desenvolvida 50% em Portugal, 50% em Bristol -- mas foi avaliada em Portugal apenas.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:Ou seja... (Pontos:0)
    por tonidosimpostos em 20-01-04 16:30 GMT (#67)
    (Utilizador Info)
    A maioria das teses made in Portugal sao um lixo ! Para nao falar das teses de mestrado, que isso entao é um degredo. Agora teses feitas por Portugueses em Universidades estrangeiros, a coisa é bastante diferente. Porque razao será ? Estará o nosso ensino superior assim tao mal ? De quem é o defeito ? Nao exigimos qualidade ?

    1 bilião... (Pontos:1)
    por liberdade em 19-01-04 21:13 GMT (#53)
    (Utilizador Info) http://www.gildot.org/

    Alguém ouviu a genialidade do Burroso ao anunciar "1 bilião de euros..".. Já só pensa em "Americano"


     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]