gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
IBM acusa SCO de violação da GPL
Contribuído por ajc em 26-09-03 21:36
do departamento e-esta-hem?
IBM Não há dúvidas que vivemos em tempos interessantes.
Desde que a FSF criou a licença GPL que se aguarda que haja uma batalha jurídica decisiva que a ponha à prova. Imagino que nem nos seu sonhos mais rebuscados (e deve ter alguns) o Richard Stallman alguma vez imaginaria que num desses processos o queixoso - o defensor do software livre - fosse a IBM. Mas é assim mesmo.
A Big Blue acaba de acusar a SCO de violar a GPL.
A lógica é simples (sort of) ao dizer que é dona de parte do código do Linux, a SCO está a "não aceitar" a GPL do Linux. Assim não poderia te-lo distribuido, mas distribuiu, desde os tempos em que era conhecida como Caldera.
A IBM, que é a autora original de alguns componentes do kernel, vem agora acusa-la de ter distribuido ilegalmente esse código, uma vez que só a GPL lhe daria esse direito.

[vd: O link está cá, mas este artigo do AJC era só para os mais atentos. Ele certamente queria mostrar o seu lado mais juvenil ;) congratulando-nos com typos e um href ao contrário ;) - Mais um link da ComputerWorld]

MSN Chat vai acabar... mas apenas em alguns sítios | Vinte anos de GNU  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • ComputerWorld
  • acaba de acusar
  • Mais acerca IBM
  • Também por ajc
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Tinha piada... (Pontos:2)
    por leitao em 26-09-03 22:48 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/blogger.html
    ...se um juiz decidisse que a GPL nao e' enforcavel por lei.

    Pensando bem, prefiro nao pensar nessa possibilidade.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:Tinha piada... (Pontos:2)
    por BlueNote em 26-09-03 23:06 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    Ok, o artigo tem uma gralha (a "viloação" da GPL) mas também não era preciso inventar com o "enforçável"!! By Jove!! Quererias antes dizer aplicável, ou com cobertura legal, ou cabimentada à luz da lei, ou... agora "enforçável"!!! -- Nota: o mais interessante é que está escrito "enforcavel" o que envolve cordas...)
    Re:Tinha piada... (Pontos:3, Interessante)
    por spyder em 27-09-03 1:24 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    Isto pode vir a ser muito interessante. Se a IBM conseguir (e com os recursos deles, tanto financeiros como legais, o mais provavel e' que consigam) ganhar um caso em que a validade da GPL e' confirmada pelos tribunais, estabelecem um precedente, e a justica norte-americana gosta muito de precedentes...
    IMHO, ser a IBM a defender a GPL em tribunal e' a melhor forma de tirar as teimas de uma vez por todas. Tem claramente mais hipoteses que qualquer lojeca de vao-de-escada, projecto, ou programador individual.
    Por outro lado, se a GPL for desacreditada em tribunal com a IBM a defende-la... Bye, bye GPL.
    Re:Tinha piada... (Pontos:2)
    por leitao em 27-09-03 1:52 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/blog/blogger.html
    Por outro lado, se a GPL for desacreditada em tribunal com a IBM a defende-la... Bye, bye GPL

    Nao so' vai a GPL, como as licensas artisticas todas.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:Tinha piada... (Pontos:3, Esclarecedor)
    por Cyclops em 27-09-03 9:02 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    Se a GPL for considerada inválida em tribunal, então por extensão todas as outras licenças são inválidas. Isto porque a GPL não acrescenta restrições sobre o "copyright". Como não acrescenta, o máximo que pode acontecer caso seja considerada inválida é que ninguém tem uma cópia legal excepto o autor.

    Ninguém quer isto, nem mesmo os "violadores" da licença.

    Como todas as licenças proprietárias acrescentam restrições que não estão no "copyright" essas sim, podem bem ser inválidas.

    A GNU GPL, por outro lado, encaixa-se com tanta força sobre o "copyright", que é extremamente improvável que algo lá seja inválido. É precisamente a existência do "copyright" que faz com que a GPL tenha tanta força.

    Por estes motivos e por outros, todos os casos até agora foram resolvidos fora do tribunal, prevalecendo a liberdade de todos os utilizadores.
    Re:Tinha piada... (Pontos:1)
    por taf-7arte em 27-09-03 18:28 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://taf.net

    "Como todas as licenças proprietárias acrescentam restrições que não estão no "copyright" essas sim, podem bem ser inválidas."

    Não percebi o que queres dizer com isto.
    Podes explicar, p.f.?

    Re:Tinha piada... (Pontos:2)
    por Cyclops em 27-09-03 18:42 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Por exemplo nos países onde a engenharia reversa é protegida por lei... ou quando as licenças definem limitações no uso (discriminações, mordaças, ...)
    Re:Tinha piada... (Pontos:1)
    por taf-7arte em 27-09-03 19:16 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://taf.net

    "Como todas as licenças proprietárias acrescentam restrições que não estão no "copyright" essas sim, podem bem ser inválidas."
    (...)"Por exemplo nos países onde a engenharia reversa é protegida por lei... ou quando as licenças definem limitações no uso (discriminações, mordaças, ...)"


    Continuo sem perceber completamente qual a diferença para o caso da GPL.
    Se uma licença disser que não pode ser usada por mulheres, ou por muçulmanos, ou algo do género, claro que isso é ilegal.

    Mas nem _todas_ as licenças acrescentam restrições adicionais, pode o software pura e simplesmente não ser de distribuição gratuita, certo?

    Se há um ou outro aspecto de uma licença que se verifica que é ilegal, não é toda a licença que "vai ao ar", mas apenas esse aspecto.

    Parece-me que a liberdade de utilizar software sob GPL tem o mesmo valor que a liberdade de usar sw proprietário. E quando alguém não aceita uma licença basta não usar o sw. Não pode é rejeitar a licença e usar na mesma o sw...
    Re:Tinha piada... (Pontos:2)
    por spyder em 28-09-03 2:57 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    Estas a pensar no "utilizador", e a guerra aqui e' com o "developer".
    Levando as coisas ao absurdo: A seccao 2 da GPL (principalmente a 2b) dizem que qualquer pedaco de software que seja distribuido como parte de um "bolo" maior que seja GPL (por exemplo, codigo do Ze Manel dentro do kernel Linux) e' tambem distribuido sob a licenca GPL (sendo que a partir dai, as restantes clausulas da GPL se lhe aplicam). Isto e' uma das pedras base da GPL; o que acontece se um juiz decidir que "estao parvos, ou que? claro que uma licenca nao pode fazer override a outra! As partes da SCO sao cobertas pela licenca deles, e se eles so' querem que o SCO-Linux tenha a funcionalidade Xpto, e' com eles!"
    Ou o ponto 4, que diz: "Se fizeres merda depois de comecares a usar a GPL, perdes o direito de usar a GPL. Mas nao podes revogar nada do que distribuiste entretanto, e as pessoas que tiverem copias estao no seu direito de fazerem o que bem entenderem com elas dentro do espirito desta licenca". Juiz: "nao podem revogar o carago! Se a licenca expirou, ninguem pode usar a porra do software!".
    Claro que isto nao vai ser assim tao simples... Mas a GPL tem muito por onde ser dissecada em tribunal (enfim, como qualquer outra licenca)
    Re:Tinha piada... (Pontos:2)
    por Cyclops em 28-09-03 3:04 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    Isto e' uma das pedras base da GPL; o que acontece se um juiz decidir que "estao parvos, ou que? claro que uma licenca nao pode fazer override a outra!
    E a GNU GPL nunca faz isso. Isso seria a mera agregação. Agora a condição para poder incluir porções da obra original numa obra dita derivada é que o total deverá ser licenciado sob a GNU GPL. Se não gostam, azar. Não utilizem o original e criem outra solução para o mesmo problema.

    Têm sempre a opção de não utilizar...
    Re:Tinha piada... (Pontos:2)
    por Cyclops em 28-09-03 2:59 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    Mas nem _todas_ as licenças acrescentam restrições adicionais, pode o software pura e simplesmente não ser de distribuição gratuita, certo?
    Penso que tecnicamente sim, mas não te sei citar nenhuma licença que apenas se restrinja ao facto de uma pessoa ter uma cópia autorizada (estilo livros).

    Se há um ou outro aspecto de uma licença que se verifica que é ilegal, não é toda a licença que "vai ao ar", mas apenas esse aspecto.
    IANAL, mas acho que um acordo pode ser totalmente invalidado se tiver cláusulas inválidas ou de má fé. Penso que fica à discrição do lesado, exceptuando prováveis ocasiões. Novamente, IANAL.

    Parece-me que a liberdade de utilizar software sob GPL tem o mesmo valor que a liberdade de usar sw proprietário.
    A liberdade de utilizar o software para o que tu pretenderes vem depois da autorização para teres uma cópia. Nesse caso, a liberdade de utilizar o software para o que pretenderes depende do que vem depois disso. Há licenças que limitam o âmbito da utilização, embora não possa afirmar a 100% sobre a legalidade disso.
    Lembro-me de ter lido que a própria ASSOFT disse que a maioria ou todas as licenças de software em Portugal não são válidas, pelo que os clientes deveriam ter um contracto com o fornecedor. Agora, conhecendo a ASSOFT, não me admiraria que apenas estivessem a ter em conta o software não-livre quando afirmaram isto.

    Evidentemente que, se não for aceite a autorização da cópia que uma pessoa detém, então não pode ser válida a utilização, dado que é necessário ter uma cópia para utilizar (as web applications colocam um problema interessante, para o qual a licença Affero pode bem tratar-se de um "beta" testing para uma futura versão da GPL).
    Re:Tinha piada... (Pontos:1)
    por Init em 29-09-03 6:15 GMT (#18)
    (Utilizador Info)

    IANAL, mas acho que um acordo pode ser totalmente invalidado se tiver cláusulas inválidas ou de má fé. Penso que fica à discrição do lesado, exceptuando prováveis ocasiões. Novamente, IANAL.
    Isso so aconteceria se a cláusula tivesse um impacto muito grande sobre o resto do documento, porque o que vi em várias leis, incluindo o codigo de direito de autor é que o artigo em causa e apenas esse seria inválido.


    Re:Tinha piada... (Pontos:1)
    por taf-7arte em 27-09-03 20:54 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://taf.net

    " ...se um juiz decidisse que a GPL nao e' enforcavel por lei."

    Confesso que não estou a conseguir seguir completamente o vosso raciocínio.
    Mas por que razão é que não havia de ser válida?
    Eu sei que aquilo que parece lógico e natural para nós pode ser diferente nos USA... Mas ainda assim, julgo que se houvesse algum aspecto ilegal só esse aspecto específico é deixaria de ter valor, mas o resto da licença mantinha-se.

    Não estou a ver em que aspecto é que a GPL poderia estar a ir contra a lei americana. Qualquer entidade pode distribuir qq software nas condições que muito bem entender desde que não descrimine sexo, religião, que não distorça as leis do mercado, etc. Não estou a ver nada deste estilo na GPL. Mas quem sabe...
    Re:Tinha piada... (Pontos:1)
    por taf-7arte em 27-09-03 20:58 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://taf.net

    "...desde que não descrimine"

    Ooops... "discrimine". ;-)

    viloação??? (Pontos:1)
    por SlickFox em 26-09-03 23:41 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Já agora porque é que o artigo não cita fontes?

    Alguma «relagia» do editor?

    Já agora aqui fica um link do Yahoo
    Re:viloação??? (Pontos:1)
    por mms em 26-09-03 23:55 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    Já agora porque é que o artigo não cita fontes?

    tás parvo ou quê ? isto aqui não é gerido por putos imberbes :-) (ironia claro..)

    Obrigado pelo link de qualquer maneira.

    Re:viloação??? (Pontos:3, Esclarecedor)
    por ajc em 27-09-03 7:58 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Obrigado pelo link, mas ele já estava lá.
    Se passarem o rato pelas palavras "acaba de acusar" são capazes de o encontrar...
    Será que ... (Pontos:0, Despropositado)
    por Esqueleto em 27-09-03 16:31 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.tusofona.com
    não tem mulher em casa para se divertir .. em vez de andar às voltas coom as cenas simples !?!?!??!

    Quando será que isto vai acabar ?????

    (())
    Esqueleto

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]