gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Why do Web Services?
Contribuído por BladeRunner em 23-04-03 19:24
do departamento este-é-para-o-Mário-Valente-comentar
News Anonimo Cobarde escreve "In 2001, less than 20% of new AD [application development] involved Web Service application programming models such as .NET and Java 2 Enterprise Edition (J2EE). By 2005, however, Web services will be the predominant programming model, used for at least two-thirds, and perhaps as much as 80%, of new applications -- Gartner, Inc., Web Services are the next evolution of the Web and are almost guaranteed to be the future of distributed applications worldwide. The following reference collection represents the "editor's choice" of the 100 most representive and popular articles selected from a list of more than 300 from the Web Services Zone."

Verdade vem ao de cima... | Modem ADSL RDIS USB do Sapo em Linux  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • reference collection
  • Mais acerca News
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    ummm.... (Pontos:2)
    por TarHai em 23-04-03 20:35 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://www.dilbert.com
    Com o beneficio da duvida diria que o jornalista condensou e deturpou o texto original.

    A frase 'cómica' parece demasiado estranha.
    ## I live the way I type; fast, with a lot of mistakes.
    e? (Pontos:2, Interessante)
    por liberdade em 23-04-03 22:07 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    ...e?
    Algum esforço na edição dos artigos seria interessante. não?
    20% (Pontos:2)
    por leitao em 24-04-03 6:48 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    O que seriamente duvido e' que actualmente seja apenas 20%.

    Os "web-services" nao passam de o culminar da evolucao e morte de determinadas tecnologias que ja' andam por ai 'a anos: Corba, RMI, middleware (OAQ, mQueue, ...), application servers, etc.

    Se considerarmos estas um percursor de tecnologias como o J2EE e o .NET entao verifica-se que o mundo tem andado a virar-se para os "web-services" ja' 'a um tempo consideravel.

    A verdadeira revolucao que os novos paradigmas como o J2EE trazem e' que finalmente podemos unir linguagens e paradigmas de modelacao (UML) como deve ser -- coisa que nunca aconteceu no tempo do SSADM e outros.


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:20% (Pontos:3, Engraçado)
    por Gimp em 24-04-03 10:05 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    "coisa que nunca aconteceu no tempo do SSADM e outros." Não soubesse do que estás a falar, julgaria que falavas do SADDAM e outros, levado ainda por cima pela tua assinatura eheheheh.


    "No comments"

    Estudos da treta (Pontos:2)
    por Gimp em 24-04-03 10:03 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    É engraçado como estes artigos parecem ser do tipo "reinventar a roda". Do género "comprem ouro que vai estar em alta" a meio da Guerra do Iraque. As web apps andem aí há muito tempo, e quem as paga já viu os benefícios...


    "No comments"

    Re:Estudos da treta (Pontos:3, Informativo)
    por spyder em 24-04-03 18:16 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Estamos a falar de web-services, nao web-apps.
    Web-apps sao aplicacoes que correm sobre HTTP, e em que a comunicacao e' "user to application"
    Web services sao, de uma forma sumarizada, APIs para RPCs que usam HTTP como meio de transporte, e a comunicacao e' "application to application", usando WSDL e um protocolo de RPC (SOAP, XML-RPC). Apesar de ja andarem por ai ha algum tempo (a massificacao comecou ha volta de 1 ano, que eu tenha notado), nao andam se pode dizer que seja muito tempo.
    Como o leitao ja' disse, o conceito de "aplicacao-objecto" ja existe ha bastante tempo. Para pisar territorio familiar, o GNOME usa CORBA para comunicacao entre aplicacoes. O CORBA teve, no entanto, um par de desvantagens:
    O layer de comunicacao (IIOP) tinha poucos defensores (e pouca gente a percebe-lo :)), e as primeiras implementacoes "abertas" (MICO, ORBit), de Corba apareceram muito tarde. IMHO, foram estes oversights que levaram `a promocao do SOAP em detrimento de CORBA...
    As opiniões da Gartner sobre Web Services (Pontos:3, Interessante)
    por sab em 24-04-03 14:04 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://virtual.inesc.pt/~sab/
    Na minha opinião os Web Services estão a pegar porque são relativamente simples de entender. Associado a isso usam tipicamente como canal de comunicação o SOAP sobre http que todos conhecemos e entendemos. Isto para concluir que tecnologicamente os Web Services fazem sentido e são mais "simples" ou "cross-platform" que as tecnologias equivalentes (Corbas, RMI e afins).

    Contudo em termos de negócio os Web Services são um problema complicado. Há umas semanas atrás estive numa apresentação da Gartner sobre Web Services. Para além de dizerem aquilo que todos sabemos, eles chamaram atenção para alguns pontos que eu achei extremamente interessantes:

  • 1)A M$ e a IBM estão numa lua de mel em relação aos Web Services (o quer permitiu uma convergência tão grande nos Standards que suportam os Web Services). É no entanto expectável que num futuro não muito distante a lua de mel acabe e as divergências comecem.
  • 2) Os fornecedores de Software que começaram a expor o modelo de objectos dos seus produtos através de Web Services ainda não perceberam como é que vão fazer dinheiro (por exemplo se eu utilizar apenas uma parte pequenina de um dado Software através da integração com Web Services, não vou querer pagar a licença completa do Software, o que leva a que o fornecedor perca dinheiro por ter exposto o seu Software via Web Services).
  • 3) Finalmente uma coisa que o apresentador disse foi que nos próximos anos os grandes produtores de pacotes de software que não colocarem Web Services nos seus produtos, vão ver o seu mercado extremamente reduzido - o apresentador dizia que em 2004 não devíamos comprar pacotes de software que não tivessem a possibilidade de integração via Web Services.


    -Sab
    "Um mundo melhor é deixado como um exercício para o leitor, Paul Graham"

  •  

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]