gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Onde está o POLI?
Contribuído por chbm em 13-04-03 21:58
do departamento Saving-Private(tm)-POLI
POLI rsantos escreve "Alguém sabe o que se passa com o POLI - Projecto Português de Documentação Linux?
O projecto foi abandonado? Se foi, gostaria de saber se existe algo semelhante em curso.
Cumprimentos a todos. "

Patentes de Software (na UE) | Seminário sobre Grid Computing  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • POLI
  • Mais acerca POLI
  • Também por chbm
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    kde.poli.org (Pontos:1)
    por blacksheep em 14-04-03 0:19 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    Parece q nem o kde.poli.org, que é o site da equipa de tradutores do KDE, está a funcionar agora. Provavelmente é temporário.
    Re:kde.poli.org (Pontos:2, Informativo)
    por zebebado em 14-04-03 11:19 GMT (#13)
    (Utilizador Info)

    A página foi, de facto, desactivada. Neste momento, não se encontra disponível na Internet.

    Todavia, a equipa mantém-se no activo, se bem que também não têm existido mudanças a nível de traduções (a release 3.1 encontra-se estável em termos de aplicações), enquanto que a 3.2, em desenvolvimento actual, está demasiado instável em termos de traduções para valer a pena pegar nela para já.

    Em contrapartida, para ter uma página semelhante ao kde.poli.org, podem consultar um mirror em http://mynetpt.dyndns.org/kde.

    Status:INACTIVE (Pontos:1, Informativo)
    por racme em 14-04-03 2:45 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://rmitz.org/freebsd.daemon.html
    Domain Name:POLI.ORG
    Created On:13-May-1999 20:20:18 UTC
    Last Updated On:28-Mar-2003 16:57:21 UTC
    Expiration Date:13-May-2004 20:19:50 UTC
    Sponsoring Registrar:R63-LROR
    Status:INACTIVE


    Make World; Not War;
    Re:Status:INACTIVE (Pontos:1)
    por Kmos@TNO em 14-04-03 10:10 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://www.Kmos.tk
    heyas! parece que expirou e ninguem voltou a registar o domínio :)) é a crise.. LoL! Sem mais, Kmos@PTnet...
    " I'm a lost soul in this lost world... "
    Read my lips (Pontos:2)
    por Gamito em 14-04-03 11:04 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://www.dte.ua.pt/~gamito
    "parece que expirou e ninguem voltou a registar o domínio :))"

    "Expiration Date:13-May-2004 20:19:50 UTC"

    Mário Gamito
    my web shelter
    Re:Status:INACTIVE (Pontos:3, Interessante)
    por racme em 15-04-03 0:19 GMT (#26)
    (Utilizador Info) http://rmitz.org/freebsd.daemon.html
    Status:INACTIVE (Pontos:1, Informativo)
    Nao queria ofender ninguem, mas apenas constatei um facto.
    O projecto esta inactivo, e o hostaname tambem. Com o onus desta situacao ter sido alterada recentemente. E nao acredito que o tenha sido pelo registrar.
    Logo nao compreendo, porque pela mesma razao nao apresentam uma explicacao no site sobre esta situacao, o incomodo que possa ter causado para alguem esta minha opiniao. Opiniao que esta a acessivel a todos com um simples whois

    O portugues tem de ser mais aberto e mesmo na hora de passar a pasta sobre obra feita bem ou mal, e' necessario saber reconhecer, apontar direcoes, e sobretudo esclarecer.

    Senao lanca-se a duvia "o que e' feito?" e ficam todos a olhar uns pros outros .
    O que e' feito do trabalho realizado no poli ? O que e' feito da documentacao ja traduzida? o que e' feito dos contactos das equipas responsaveis pelas traduçoes?


    Make World; Not War;
    liderança (Pontos:2)
    por vaf em 14-04-03 3:06 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://students.fct.unl.pt/users/vaf12086/
    Qualquer equipa tem de ter um líder. O POLI tinha uma boa equipa, mas teve um problema de liderança.

    Como sem líder não há equipa, kaput.
    reason (Pontos:2)
    por ruben dig em 14-04-03 3:53 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://www.floppy.com.pt
    É dificil fazer o trabalho de tradução, normalmente as pessoas preferem fazer coisas mais produtivas do que documentação, e assim a tradução é daquelas coisas que ficam esquecidas.

    Proponho portanto a instituição do inglês como lingua oficial portuguesa para acabar com o problema da tradução

    PS
    Só aceito reclamações de utilizadores com assinaturas em Latim ;)
    Re:reason (Pontos:2)
    por Pink em 14-04-03 7:03 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://www.PinksWorld.8m.com
    A solução é engajar não-Tecnicos em Informática no processo. Deixem os programadores programarem, procuremos ajuda para tradução em outras áreas.

    Quanto à assinatura em Latim, que tal esta:

    Cochilatus sunt, enrabadus est!

    []s,
    Pink@Manaus.Amazon.Brazil.America.Earth.SolarSystem.OrionArm.MilkyWay.Universe

    Re:reason (Pontos:1)
    por Init em 14-04-03 7:23 GMT (#6)
    (Utilizador Info)

    Isso dá asneira, porque não sabem o que é que estão a traduzir.


    Re:reason (Pontos:3, Engraçado)
    por Gimp em 14-04-03 9:47 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    True, true. Depois temos que aguentar pérolas como "salvar", "usuários", "sistemas operacionais" e outros quejandos eheheheheh :-).


    "No comments"

    Re:reason (Pontos:1)
    por leitao em 14-04-03 10:40 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Isso quer dizer que os programadores que trabalham para empresas comerciais teem que ser poliglotas para poderem traduzir a documentacao criada ?


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:reason (Pontos:1)
    por Init em 14-04-03 19:51 GMT (#22)
    (Utilizador Info)

    Não têm que ser os proprios programadores a fazer a tradução, apenas deve ser pessoal com formação adequada para fazer a tradução, o que implica conhecimentos de linguas estranjeiras e conhecimentos tecnicos sobre o que traduzem.


    Re:reason (Pontos:2)
    por leitao em 15-04-03 9:14 GMT (#29)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    i.e., um tradutor tecnico...


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:reason (Pontos:1)
    por rsantos em 14-04-03 10:47 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Mas é precisamente para isso que existem os tradutores. Para traduzir.
    "não sabem o que é que estão a traduzir"
    Tiram cursos de, no mínimo, três anos. É mais que lógico que devem ser capazes de traduzir e ainda adaptar a tradução ao contexto (neste caso, informática).

    Is this the meaning of life?....Ah! It's Lear again!
    Re:reason (Pontos:3, Esclarecedor)
    por MavicX em 14-04-03 11:06 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://www.startux.org
    Há coisas que vale mais apenas não traduzir.

    Se não temos calinadas do estilo windows. Em que temos "porta de ligação" em vez de gateway. Estar a traduzir à letra certos termos só causa confusão.

    Pessoalmente tenho sempre So's em Inglês quer seja windows ou linux. Não só não tenho de levar com calinadas, como não preciso de andar a advinhar o que quer dizer em Inglês sempre que preciso de procurar ajuda na net.

    Pedro Esteves

    Re:reason (Pontos:2, Interessante)
    por rsantos em 14-04-03 12:39 GMT (#14)
    (Utilizador Info)
    Quando queremos que um dado processo funcione, não podemos basear esse funcionamento em eventuais defeitos, de algum dos intervenientes. Temos de partir do princípio que cada um faz a sua parte.
    Concordo que há traduções que mais valia não terem sido feitas. Mas isso é um problema da tradução e dos tradutores. São contas de outro rosário.
    Aquilo que está em causa, nesta discussão, é o facto da tradução ser feita por progamadores. E isso é incomportável.

    Is this the meaning of life?....Ah! It's Lear again!
    Re:reason (Pontos:2)
    por jazzy em 14-04-03 13:01 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://www.gildot.org
    Incomportável, é os programadores terem que validar a tradução feita pelos tradutores.
    Não vamos ser irrealistas: os tradutores em áreas técnicas são um desperdício de tempo e dinheiro.


    Jazzy
    Re:reason (Pontos:2)
    por leitao em 14-04-03 13:34 GMT (#16)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Não vamos ser irrealistas: os tradutores em áreas técnicas são um desperdício de tempo e dinheiro.

    Sweeping statements galore!


    "I triple guarantee you, there are no American soldiers in Baghdad.", Mohammed Saeed al-Sahaf, Iraqi Minister of Information

    Re:reason (Pontos:3, Esclarecedor)
    por Pink em 14-04-03 13:41 GMT (#17)
    (Utilizador Info) http://www.PinksWorld.8m.com
    Incomportável, é os programadores terem que validar a tradução feita pelos tradutores.

    Você nunca esteve numa palestra internacional, esteve? 8-P

    Tradutores tendem à se especializar em uma área. Logo, um tradutor com experiência em T.I. nunca é chamado para traduzir uma palestra de Medicina (e vice-versa).

    Tão logo um tradutor se familiaze com o assunto que traduz, o trabalho de validação (que sim, é feito sim por programadores!) se faz menos cansativo.

    Sem querer causar polêmica, mas desperdício é botar um programador pra fazer tradução, quando ele deveria é estar escrevendo código.

    Documentar != traduzir, logo não estou dizendo que programadores não devem escrever documentação.

    []s,
    Pink@Manaus.Amazon.Brazil.America.Earth.SolarSystem.OrionArm.MilkyWay.Universe

    Re:reason (Pontos:3, Informativo)
    por Pink em 14-04-03 13:45 GMT (#18)
    (Utilizador Info) http://www.PinksWorld.8m.com
    tradutores em áreas técnicas são um desperdício de tempo e dinheiro.

    Só um pensamento que me ocorreu...

    Me parece que vc não tem os tradutores em boa conta... O que IMHO é lastimável.

    A maioria absoluta dos usuários Linux (pelo menos aqui no Brasil) não compreendem Inglês. Não fosse o trabalho destes tradutores anônimos (e, confesso, nem sempre qualificados), Linux não teria chance aqui no Brasil.

    Sim, algumas traduções são terríveis. Mas ainda assim são melhores que o Inglês para quem não entende patavinas.

    IMHO, devemos tanto aos tradutores aqui no Brasil quanto aos próprios programadores : programa só é útil se é usado - e só se usa o que se compreende.

    []s,
    Pink@Manaus.Amazon.Brazil.America.Earth.SolarSystem.OrionArm.MilkyWay.Universe

    Re:reason (Pontos:1)
    por rsantos em 14-04-03 19:36 GMT (#21)
    (Utilizador Info)
    Isso reforça aquilo que eu disse. Se as traduções não são boas, temos um problema na área das traduções, e não na área da programação.
    É necessário formar, ou melhor, especializar os tradutores nesta área. Existem óptimos tradutores, especializados em tradução para informática que, com certeza, não se reveêm nas críticas que aqui têm sido feitas. Mas, infelizmente, existem muitas traduções feitas por pessoas que, de conceitos informáticos, percebem muito pouco.
    Reafirmo, por isso, que o problema não está nos programadores, mas sim nos tradutores - "A César o que é de César".
    Não sei onde está o maior desperdício. Se nos "tradutores em áreas técnicas", se nos programadores a fazer tradução.
    Is this the meaning of life?....Ah! It's Lear again!
    Re:reason (Pontos:2)
    por jazzy em 15-04-03 10:33 GMT (#30)
    (Utilizador Info) http://www.gildot.org
    Bingo!


    Jazzy
    Re:reason (Pontos:1)
    por rsantos em 15-04-03 15:54 GMT (#33)
    (Utilizador Info)
    O sistema de moderação do GILDot é interessante.
    Um comentário que não diz nada e sem uma única frase leva 2 pontos.
    Estou comovido

    Is this the meaning of life?....Ah! It's Lear again!
    Re:reason (Pontos:1)
    por Init em 14-04-03 19:54 GMT (#23)
    (Utilizador Info)

    Não têm de ser programadores, basta serem pessoas com um minimo de conhecimentos sobre o que traduzem. E já tive a experiência de contactar com alguns tradutores e eles não percebiam nada de informática, tive de ser eu a ajuda-los a traduzir documentos que até éram basicos.


    ideias precisam-se (Pontos:2, Engraçado)
    por buckley em 14-04-03 14:31 GMT (#19)
    (Utilizador Info) http://www.buckley.tk
    Boas.

    Bem, eu acho que para o ano vou por a caloirada toda a traduzir documentos... se cada um traduzir um mini-howto, sempre sao cerca 60 novos documentos num curto espaco de tempo.

    Alerta geral aos veteranos desse pais fora. (:

    cheers,
    Miguel Azevedo


    Early to bed and early to rise, makes a man or woman, miss out on the night life.
    Re:ideias precisam-se (Pontos:3, Esclarecedor)
    por jazzy em 14-04-03 15:25 GMT (#20)
    (Utilizador Info) http://www.gildot.org
    Pelo menos seria uma praxe com alguma utilidade, ao contrário das anormalidades que infelizmente se vão praticando por esse país fora.


    Jazzy
    Re:ideias precisam-se (Pontos:1)
    por bigs em 14-04-03 19:58 GMT (#24)
    (Utilizador Info) http://nunopereira.cjb.net
    nem todas, nem todas

    ==========
    Nuno Pereira
    Estudante de Engenharia de Sistemas e Informática
    Universidade do Minho
    Re:ideias precisam-se (Pontos:1)
    por rsantos em 14-04-03 20:01 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    Exacto! Há algumas que ainda são piores.
    Is this the meaning of life?....Ah! It's Lear again!
    Re:ideias precisam-se (Pontos:1)
    por bigs em 16-04-03 8:06 GMT (#34)
    (Utilizador Info) http://nunopereira.cjb.net
    e há as que são muito melhores...

    ==========
    Nuno Pereira
    Estudante de Engenharia de Sistemas e Informática
    Universidade do Minho
    O POLI morreu. (Pontos:2, Informativo)
    por rcruz em 15-04-03 1:02 GMT (#27)
    (Utilizador Info)
    Morreu e nunca mais se pôs de pé. O grande mal do POLI é que nunca chegou a ter massa crítica para ter pernas para andar e quem tinha as rédeas daquilo não as soube segurar.

    Era um projecto engraçado e os cursos de tradução que exixtem nas faculdades pelo país fora iam adorar contribuir para o POLI colocando os alunos de tradução de Inglês a trabalhar para uma boa causa.

    Sei do que falo porque sou dessa área. Fiz o design e estrutura de navegação do site em colaboração com outras pessoa e andei a manter os documentos no site `à pata` até que uma alma caridosa resolveu fazer uns scripts para manter aquilo automaticamente.

    De qualquer modo, o projecto não cresceu porque quem o mantinha não o alimentou. À parte disso, houve muito aproveitamento da documentação do POLI para fins comerciais sem que as pessoas que deram o litro a traduzir disso tirassem dividendos. Revistas houve que se aproveitaram do POLI e até houve quem publicasse livros... :)

    Vivam os projectos POLI deste país...

    Re:O POLI morreu. (Pontos:1)
    por Init em 15-04-03 4:08 GMT (#28)
    (Utilizador Info)

    Os documentos não estávam sobre a GNU FDL, ou algo do género?? A re-distribuição não éra livre?


    Onde está o.. (Pontos:1)
    por Utilizador Registado em 15-04-03 12:28 GMT (#31)
    (Utilizador Info)
    Viva,
    Onde está o Poli?
    Onde está o PLUG?
    Onde está o GIL?
    Basicamente, onde andam os links do Gildot para projectos portugueses?
    O Startux nao conta porque faz parte da mobilia da casa, e o Barrapunto a ultima vez que vi ainda era espanhol a não ser que o Minho tenha invadido aquilo.
    Secalhar existe mais "Cunhas" neste país que "Silvas". Mais vale ter o site desactualizado do que perder os links elitistas.
    Agora façam o costume... CENSUREM!
     
     
    O Gil está activo (Pontos:1)
    por rsantos em 15-04-03 13:23 GMT (#32)
    (Utilizador Info)
    O Gil está activo.
    Simplesmente, atravessa uma fase de renovação. O que é normal, já que se trata de um grupo de investigação cuja maioria dos membros são estudantes.

    Is this the meaning of life?....Ah! It's Lear again!

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]