gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Cybercafé condenado por pirataria
Contribuído por scorpio em 31-01-03 12:38
do departamento 5 libras???
News jazzy escreve "Segundo este artigo da Ars Techica a British Phonographic Industry ganhou um caso contra a easyInternetcafe por pirataria. A easyInternetcafe permitia que os seus clientes fizessem download de MP3s ilegais e os gravassem para CDs audio por 5£.

press release da BPI "

NVIDIA GeForceFX contra ATI Radeon 9700 Pro: mitos | Linux, o sucessor do AIX ?  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • artigo
  • Ars Techica
  • British Phonographic Industry
  • easyInternetcafe
  • press release da BPI
  • Mais acerca News
  • Também por scorpio
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    E os outros? (Pontos:2)
    por biduxe em 31-01-03 13:19 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://bdx.no-ip.info
    Agora falta fazer um traceroute para ver quem mais podem processar, e os construtores de computadores, assim como os fornecedores de gasolina para quem não foi ao cibercafé a pé
    ------ EOFim.
    Re:E os outros? (Pontos:2, Esclarecedor)
    por moonrider em 31-01-03 14:30 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    Não percebo... que outros ?... Não te esqueças que o cibercafé não só permitia o download dos mp3 como também os gravava e vendia em CD. Não foram simplesmente um "meio de transporte".
    Re:E os outros? (Pontos:1)
    por aknot em 31-01-03 15:37 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    E se os CDs eram daqueles que ate sao mais caros para pagar os direitos de autor?

    aknot

    Re:E os outros? (Pontos:4, Informativo)
    por Eraser em 31-01-03 15:04 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Boas!

    Pelo que percebi não existe nada a dizer que permitiam fazer download de material illegal. O que li foi que permitiam fazer download e gravar cds. Eles não são obrigados ater que fiscalizar o conteúdo. Os 5£ são pelo gravação do cd independentemente do seu conteúdo.

    Se comceçamos a processar todos os que não impedem que os seus serviços sejam utilizados para fins ilegais vamos chegar a duas situações (no meu ponto de vista, claro!):

    - todos os meios de transporte têm que verificar o que trasnportam: ISP, correio, telefone,etc.
    - deixa de ter transporte por que alguém vai acabar por falhar e ser processado. :)

    Alguém imagina os correios a serem acusados de terrorismo por terem sido utilizados para distribuir ANTRAX? Também não quero os correios a abrirem o meu correio só para depois não serem processados.

    Fica bem!
    JP


    Re:E os outros? (Pontos:3, Interessante)
    por biduxe em 31-01-03 15:16 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://bdx.no-ip.info
    Eu acho natural um cibercafé ter um serviço que permita fazer download de ficheiros da internet, e permitir gravar em cd's.
    Se eu fôr a um cibercafé e pagar 5 euros para sacar a ultima distribuição na moda do linux e gravar em cd's, porque não tenho banda larga em casa, a lei está comigo não acham?
    Se o pessoal do cibercafé quiser verificar que aquilo de que faço download são ficheiros que tenho direito de copiar implica que eles vejam quais são os meus downloads, o que considero um atentado à minha privacidade.
    Logo, o cibercafé não tem meios para verificar o que está nos cd's que gravam, logo quem deve ser responsabilizado é o cliente e não o cibercafé.

    É apenas a minha opinião e está aberta à discussão, o que quis dizer com o meu primeiro post é que, tanto como os outros intervenientes no "crime", o cibercafé não é culpado de cumplicidade.

    Claro que não sei os contornos específicos da situação, mas considero o cibercafé como um simples instrumento, como um gravador de cd's, que podes ser usado legalmente ou ilegalmente.
    ------ EOFim.
    Então e routers? (Pontos:2, Informativo)
    por wZ em 31-01-03 15:59 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    "Se eu fôr a um cibercafé e pagar 5 euros para sacar a ultima distribuição na moda do linux e gravar em cd's, porque não tenho banda larga em casa, a lei está comigo não acham?"

    Este exemplo não é dos melhores que podias ter dado. Sabes muito bem que podes fazer o download de qualquer distribuição de GNU/Linux. Agora mp3 já tenho as minhas duvidas.

    "Se o pessoal do cibercafé quiser verificar que aquilo de que faço download são ficheiros que tenho direito de copiar implica que eles vejam quais são os meus downloads, o que considero um atentado à minha privacidade. Logo, o cibercafé não tem meios para verificar o que está nos cd's que gravam, logo quem deve ser responsabilizado é o cliente e não o cibercafé."

    Errado. Basta configurarem um router para não deixarem passar *.mp3, ( e porque não *.vbs ou *.*.* [ficheiros aparentemente com duas extenções] ) para terem um controlo muito maior do fluxo de informação; não andarem ás aranhas com todos os virus, vermes, acaros, verrugas, chatos e afins que "andem" por aí e não andarem a "verificar o que está nos CDs".


    «Quando nem mesmo a vida se compreende, como poderia entender-se a morte?» Confúcio

    Re:Então e routers? (Pontos:2)
    por biduxe em 31-01-03 16:26 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://bdx.no-ip.info
    Sim, mas na teoria, mp3 != música ilegal
    assim com iso != distribuição open source do linux
    na prática dou-te razão, mas ninguém me pode impedir de fazer downloads de mp3's freewares ou para os quais eu tenha de alguma forma os direitos.
    ------ EOFim.
    Re:Então e routers? (Pontos:1)
    por wZ em 31-01-03 16:39 GMT (#9)
    (Utilizador Info)
    Verdade, biduxe.
    Claro que não consegues combater a pirataria filtrando mp3. Então e o streaming de audio? =)
    Eu sou apologista de mp3.. tenho GB e GB deles..

    «Quando nem mesmo a vida se compreende, como poderia entender-se a morte?» Confúcio

    Só que ... (Pontos:2)
    por rollerball em 31-01-03 16:27 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    ... nem todos os MP3's são ilegais, logo ...
    seria sempre um atentado às tuas liberdades !

    Nuno Paulino aka Rollerball
    Re:Só que ... (Pontos:1)
    por wZ em 31-01-03 16:40 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Metias a tua inteligencia prática a funcionar e ias para outro cyber ou para casa de um amigo.
    Mais de 50% do trafego que faço são mp3..

    «Quando nem mesmo a vida se compreende, como poderia entender-se a morte?» Confúcio

    Re:Só que ... (Pontos:2)
    por rollerball em 31-01-03 16:43 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Não deves ter percebido a sequencia da thread pois não ?


    Nuno Paulino aka Rollerball
    Re:Só que ... (Pontos:1)
    por wZ em 31-01-03 16:59 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    Eu não comentei o que o jazzy disse.
    Eu fiz um comentário ao que o biduxe escreveu sobre a verificação ou não dos conteudos especificos de cada utilizador. O que eu disse e estou convicto que ele percebeu foi que com um router podes filtrar á partida trafego indesejado, não tendo então, de verificar o que o melro está a por para o CD. Se todos os mp3 são ilegais ou não, acaba por ser secundario porque ninguem te obriga a ires áquele cyber, e se lá vais das duas uma: a) pertences ao grupo de pessoas que utilizas seja lá o que for sem leres as condiçoes de adesão; b) concordas com os termos de adesão.
    O resto que escrevi foi para dar a entender que eu sou apologista de mp3 e afins ao contrario do que poderia estar a dar entender. Pelos vistos, rollerball, não me fiz entender.
    Eu proprio já estive a garantir o funcionamento de um cyber com dez postos e eles descarregavam o que bem quisessem, salvo excepçoes de .vbs e afins. Se eu quisesse comentar o que o jazzy disse, o meu comentario não estaria naquele sitio da arvore hierarquica.
    Fiz-me entender?

    «Quando nem mesmo a vida se compreende, como poderia entender-se a morte?» Confúcio

    Re:Então e routers? (Pontos:1)
    por tOkIo em 01-02-03 13:06 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    E se as pessoas tivessem ido ao mp3.com buscar musicas sem direitos de autor?isso nao e ilegal q eu saiba ...
    __tOkIo
    Re:Então e routers? (Pontos:1)
    por foo em 01-02-03 15:54 GMT (#20)
    (Utilizador Info)
    Errado. Basta configurarem um router para não deixarem passar *.mp3

    não me digas que acreditas mesmo nisso? onde eu trabalho têm o proxy configurado dessa forma e posso sacar toda a música que me apetecer (inclusivé .mp3 porque aquilo está mal configurado) se bem que o que costumo fazer é levar cd's de casa já com mp3.
    e já reparei que existem muitos sites que fornecem os mp3 não como .mp3 mas com outras extensões como por exemplo .zip

    Re:Então e routers? (Pontos:1)
    por wZ em 01-02-03 19:01 GMT (#21)
    (Utilizador Info)
    "não me digas que acreditas mesmo nisso?"
    Acredito em mim, não em quem configura a tua rede.

    1) disseste tudo com a frase "porque aquilo está mal configurado".
    2) não há medidas infaliveis; podes sim reduzir probabilidades.

    «Quando nem mesmo a vida se compreende, como poderia entender-se a morte?» Confúcio

    mentes preocupadas ? (Pontos:0, Esclarecedor)
    por Anonimo Cobarde em 31-01-03 20:22 GMT (#13)
    so um achega acerca deste assunto que pode ate ser util para ajudar algumas mentes.

    Este cyber cafe nao é um cybercafe qualqer de esquina ou de bairro :P (se é q isso existe)
    Este cybercafe easyinternet é o MACDonald's dos cybercafes. Por isso considero isto mais um puxao de orelhas do que sinceramente uma entrada da Industria Fonografica nos designios e nas liberdades do acesso a internet, a la MPAa ou Riaa.

    Este senhores sob as tecnicas de franchising, possuem uma grande cadeia de cybercafes worldwide, especialmente na euroland e de outros designios do turismo como os rent a cars ou voos charter. Tou me pouco maribando com esta noticia, pois estes senhores fazem rios de dinheiro, cada Cyber pode ir de 20 postos de acesso a Internet a 2000 :D, fora os extras em bebidas cafeinecas picocas e tremoços.
    Re:mentes preocupadas ? (Pontos:2)
    por Eraser em 01-02-03 0:07 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    Viva!

    Desculpa mas não concordo. Não é pelo facto de eles terem um negócio lucrativo que são culpados dos crimes de outrem ou que lá por terem dinheiro devem ser condenados a indemnizar pessoas lesadas por outrem. Se eles fornecem um serviço de acesso a internet e cópia de cds a mim parece-me bem. É a venda de um serviço legal. Mais uma vez volto ao exemplo dos correios e do ANTRAX. Querem processar os correios por terrorismo?

    Fica bem!
    JP


    mentes preocupadas ? (Pontos:0, Informativo)
    por Anonimo Cobarde em 31-01-03 20:39 GMT (#14)
    so um achega acerca deste assunto que pode ate ser util para ajudar algumas mentes.

    Este cyber cafe nao é um cybercafe qualqer de esquina ou de bairro :P (se é q isso existe)
    Este cybercafe easyinternet é o MACDonald's dos cybercafes. Por isso considero isto mais um puxao de orelhas do que sinceramente uma entrada da Industria Fonografica nos designios e nas liberdades do acesso a internet, a la MPAa ou Riaa.

    Este senhores sob as tecnicas de franchising, possuem uma grande cadeia de cybercafes worldwide, especialmente na euroland e de outros designiso do turismo como os rent a cars ou voos charter. Tou me pouco maribando com esta noticia, pois estes senhores fazem rios de dinheiro, cada Cyber pode ir de 20 postos de acesso a Internet a 2000 :D, fora os extras em bebidas cafeinecas.
    Re:mentes preocupadas ? (Pontos:1)
    por wZ em 01-02-03 2:02 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    "Este cyber cafe nao é um cybercafe qualqer de esquina ou de bairro :P (se é q isso existe)"
    Mal era se o Capote não podia fritar um ovo.

    «Quando nem mesmo a vida se compreende, como poderia entender-se a morte?» Confúcio

    E a seguir... (Pontos:1)
    por poepoe em 01-02-03 14:06 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    E as seguir são escolas e universidades?

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]