gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Astronomia com webcam
Contribuído por Xmal em 05-01-03 21:13
do departamento coupled
Marte RedBot escreve "No slashdot saiu um artigo que fala de um português que conseguiu adaptar uma quickcam para captar imagens digitais de planetas atraves de 1 adaptação a um telescópio. Mais um caso fantastico de aproveitamente de hardware antigo para tarefas actuais e cada vez mais complexas. A página está aqui "

PC Vintage | Extremistas do copyright não devem controlar a informação  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • gildot
  • RedBot
  • um artigo
  • aqui
  • Mais acerca Marte
  • Também por Xmal
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Já que falamos de Astronomia... (Pontos:2, Interessante)
    por Daren em 05-01-03 21:47 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    Recomendo vivamente uma visita à pagina de outro grande
    astronomo amador português: Pedro Ré.

    Podem aceder a sua pagina em http://astrosurf.com/re/

    Julgo que tanto o Antonio Cidadao como o Pedro Ré já tiveram
    artigos publicados na revista Sky&Telescope.

    Daren
    Re:Já que falamos de Astronomia... (Pontos:2)
    por racme em 06-01-03 15:20 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://rmitz.org/freebsd.daemon.html
    Recomendo vivamente uma visita à pagina de outro grande astronomo amador português: Pedro Ré.

    Grande em que aspecto? :) ... de espirito sempre!

    o que é engraçado é q tal como o Antonio Cidadão, embora tenham ambos relação com a UL nao tem qualquer relação com o OAL como se poderia pensar. Ambos profilam-se como Astronomos Amadores. Para quem ouve falar em Enfenheiros Espaciais, Astronomos Portugueses, e Doutorados em Metereologia é engraçado ver o reconhecimento mundial pelo seu trabalho, que de *amador* para mim nao tem nada.

    Gostava de deixar a pergunta. Os astronomos *amadores* deste pais tem acesso a equipamento de Instituições, Universidades, Empressas para a observação dos Astros?


    B0rn to frag!
    ph34r da powa of da daemon =)
    Re:Já que falamos de Astronomia... (Pontos:2)
    por MacLeod em 06-01-03 17:17 GMT (#9)
    (Utilizador Info)
    (...) embora tenham ambos relação com a UL nao tem qualquer relação com o OAL como se poderia pensar.

    E porque havia de ter? O OAL, para além de não ter telescópios é uma organização sectarista gerida por pessoas que têm uma mentalidade de há uns séculos atrás.

    (...) é engraçado ver o reconhecimento mundial pelo seu trabalho, que de *amador* para mim nao tem nada.

    Esta parte não percebi. O "trabalho" do Pedro Ré é bastante bom (não conheço o outro), mas não é profissional do ponto de vista de que a astronomia não é a sua actividade profissional. Não é astronomia profissional na medida em que as imagens que tira não servem para nada senão para a beleza. Em astronomia as imagens CCD são tratadas, retiram-se magnitudes, distâncias... dados importantes que posteriormente são alvo de um estudo científico. A astronomia amadora pelo contrário não precisa de ter um objectivo específico, e move-se pela procura de imagens de objectos astronómicos.

    Gostava de deixar a pergunta. Os astronomos *amadores* deste pais tem acesso a equipamento de Instituições, Universidades, Empressas para a observação dos Astros?

    Convém deixar uma coisa clara. Não existem telescópios em Portugal. Existem alguns brinquedos e peças de museu. Por isso as Instituições, Universidades e Empresas que falas não têm praticamente equipamento nenhum. Existem alguns C14, a maior parte deles privados e outros que são do estado (IGEOE, por exemplo). No caso do instituto geográfico do exercicio as pessoas responsáveis pelo telescópio são bastante simpáticas e abertas a visitas de fora e à utilização do equipamento por parte de astrónomos amadores. De resto, varia um bocado.

    Quanto aos telescópios a sério, muitos deles (por exemplo o ESO) fazem visitas e tem algum do tempo de telescópio dedicado à promoção da astronomia com pessoas não profissionais. Mas só em quantidades de tempo muito pequenas, e ainda bem! A procura por telescópios de grande porte (maiores que 1m) anda cada vez mais concorrida, e muitos projectos científicos válidos acabam por ficar de fora todos os anos.

    Re:Já que falamos de Astronomia... (Pontos:2)
    por racme em 07-01-03 1:27 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://rmitz.org/freebsd.daemon.html
    E porque havia de ter? O OAL, para além de não ter telescópios é uma organização sectarista gerida por pessoas que têm uma mentalidade de há uns séculos atrás.

    estes "senhores" "trabalham" para a UL mas em areas completamente diferentes do estudo astronomico, dai a referencia.

    Sobre o sectarismos e as pessoas da OAL. Pelos vistos conheces as pessoas da OAL, eu nao, por isso evito comentar. Porquê a referência da OAL? talvez porque me apeteceu ou pelo significar Observatório Astronómico de Lisboa, ou talvez porque embora nao conheça as pessoas em questão, mas apenas o seu trabalho, conheço a instituição. Mas ao contrario do que afirmas a oal possui telescopios de observação.
    Mesmo assim merece a referência pelo facto de ser a OAL a Entidade que determina a Hora Legal em Portugal pelos seus relogios atomicos de cesio, dai o meu respeito pela instituição em causa.
    (ja que nao consigo meter o video, ou o microondas pelo menos tenho a garantia de os meus 5 PCs estao a dar horas certas, ja nao falo em configurar um ntpd mas 1 ntpdate nos crons nunca fez mal a ninguem)

    (...) é engraçado ver o reconhecimento mundial pelo seu trabalho, que de *amador* para mim nao tem nada.
    Esta parte não percebi. O "trabalho" do Pedro Ré é bastante bom

    ...qual é o contrario de amador? Pois para mim é assim que vejo o trabalho destes 2 senhores.


    Convém deixar uma coisa clara. Não existem telescópios em Portugal. Existem alguns brinquedos e peças de museu. Por isso as Instituições, Universidades e Empresas que falas não têm praticamente equipamento nenhum. Existem alguns C14, a maior parte deles privados e outros que são do estado (IGEOE, por exemplo). No caso do instituto geográfico do exercicio as pessoas responsáveis pelo telescópio são bastante simpáticas e abertas a visitas de fora e à utilização do equipamento por parte de astrónomos amadores. De resto, varia um bocado.


    Conheco muito bem o Instituto Geográfico do Exército e os seus produtos cartograficos. O exemplo de como uma Instituição Publica consegue viver e fazer dinheiro no Mundo Privado. Dinheiro esse bem legitimo por sinal. E sem concorrentes a altura, uma vez q importar cartas cartograficas dos states ainda é um negocio muito pouco rentavel por sinal. E assim com alguns cobres sempre da pra pagar o gasoleo dos Lockheed H30 c130 :P

    Gostava de deixar a pergunta. Os astronomos *amadores* deste pais tem acesso a equipamento de Instituições, Universidades, Empressas para a observação dos Astros?

    so pela pergunta ves q sou um leigo nesta materia, confesso que o ultimo contacto q tive com a astronomia, telescopios etc foi ha 4-5 anos quando passava ferias no Algarve e em Faro tive a excelente oportunidade de participar no projecto Ciência Viva. Por sinal um projecto muito bem recebido pela população, e mais um exemplo de como interesse existe, so falta é colocar a disposição os instrumentos e fomentar a sua prática.


    B0rn to frag!
    ph34r da powa of da daemon =)
    Correu male... (Pontos:2)
    por Psiwar em 05-01-03 22:14 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    O site dele foi linkado no Slashdot? Coitado... :(
    Agora só daqui a uns dias é que vamos poder consultar o site.
    Re:Correu male... (Pontos:2)
    por leitao em 05-01-03 23:50 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Funciona perfeitamente. Desde ja' os meus parabens ao Antonio Cidadao, do qual se nao me engano tenho um livro. Alias, foi gracas ao Antonio Cidadao que me interessei seriamente em astronomia e comprei o meu humilde ETX-125.


    "Arguing on the Internet is like running in the Special Olympics -- Even if you win you're still retarded."

    Re:Correu male... (Pontos:2)
    por slug em 06-01-03 4:04 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    real men use the MANUAL stuff :)

    também foi graça aos livros dele e de outros autores portugueses, nos quais incluo o Guilherme de Almeida e o Máximo Ferreira, que me decidi a investir no meu 8''. e quem esteve no ENIA há relativamente pouco tempo, encontrou lá todos os famosos , com instrumentos fabulosos, como os dobson de 60cm!

    Evil (Pontos:2)
    por nmarques em 06-01-03 8:51 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://morgul.xpto.org
    Isso e' evil, tanto quanto sei os CCD's utilizados pela Philips nas webcams deles tambem sao utilizados em telescopios... :D Nao e' nada de novo.

    --------------------------------------------
    If there is such a thing as too much power...
    I've not discovered it.../I
    Re:Evil (Pontos:2)
    por MacLeod em 06-01-03 16:44 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    Só se forem telescópios amadores. Nos telescópios a sério os CCDs são muito mais complexos (e no mínimo estão a -20ºC).

    De resto o artigo não é nada de novo, esse tipo de adaptações já há muito tempo que são conhecidos pelos astrónomos amadores. Geralmente o problema é fazer bem a adaptação, de modo que o CCD fique exactamente no foco do telescópio, o que leva a que muitas tentativas falhem.

    "Good Luck, Mr. Gorsky!" (Pontos:2, Engraçado)
    por Montanelas em 10-01-03 10:22 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://www.war-zone.net
    A 20 de Julho de 1969, na qualidade de comandante do Modulo Lunar Apollo 11, Neil Armstrong foi o primeiro homem a andar na Lua.

    As suas primeiras palavras depois de caminhar sobre o satélite "That's one small step for a man, one giant leap for mankind", foram transmitidas por televisão para a Terra e ouvidas por milhões de pessoas.

    Mas imediatamente antes de reentrar no módulo, proferiu a enigmática observação "Boa sorte, Mr. Gorsky!".

    Muitos na NASA pensaram que se uma piada de circunstância visando um qualquer cosmonauta soviético rival.

    No entanto, e depois de se ter investigado, não havia nenhum Gorsky tanto no programa espacial Soviético como no Americano.

    Ao longo dos anos, muita gente questionou Armstrong a respeito do seu "Boa sorte,Mr. Gorsky!" ao que ele apenas sorria.

    Em 5 de Julho de 1995, em Tampa Bay, Florida, enquanto respondia a perguntas depois de uma conferência, um jornalista trouxe de novo a velha questão de 26 anos.

    Mas desta vez, finalmente, Neil, dado que Mr.Gorsky já tinha morrido, achou que já podia revelar o mistério:

    "Em 1938, quando era um miúdo e vivia numa pequena cidade de Midwest, estava a jogar baseball com um amigo nas traseiras da casa.
    O meu amigo bateu uma bola que voou e aterrou no jardim do lado junto à janela do quarto dos vizinhos.

    Os vizinhos eram o casal Gorsky. Quando me aproximei da janela para apanhar a bola, ouvi Mrs. Gorsky gritar para Mr. Gorsky:

    -Sexo oral!? Tu queres sexo oral?! Pois vais ter sexo oral quando o puto aqui do lado andar na Lua!"
    O Chico-Esperto pensa sempre em cima do joelho, incapaz de levantar a cabeça para ver ao longe, pois tem a espinha partida e os olhos cravados no umbigo.
    Re:"Good Luck, Mr. Gorsky!" (Pontos:2)
    por GdoL em 14-01-03 15:13 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://www.gazetadolinux.com
    A história tem piada mas éfalsa.

    eBoX:email

    Leiam a Linux Gazette

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]