gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Agora nós tambem vendemos software!
Contribuído por chbm em 07-12-02 13:31
do departamento formatos-abertos-?-consultas-?-ahhaahhahahaah
Portugal cao_negro escreve Recebi um mail de uma software house que nos fornece software de gestao, a mostra a sua indignacao por (penso eu) a Camara dos Tecnicos Oficiais de Contas, pretender obrigar os seu associados a utilizar um programa ou uma norma chamada ATD para efectuaram as contabilidades, fazendo com que as produtores de software tenham de tornar as suas aplicações compativeis com dito programa é claro que a médio prazo a malta passa a usar o programa da CTOC. No site da CTOC há menções ao ATD. Junto segue o teor da carta da ASSOFT em nome das ditas produtoras enviaram à CTOC.
Gostaria de saber o que a malta pensa de ambas as atitudes. "

Os Chineses Já Voam! | Que consola comprar?  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • cao_negro
  • site da CTOC
  • Mais acerca Portugal
  • Também por chbm
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Hammm... (Pontos:3, Interessante)
    por leitao em 07-12-02 13:40 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Se pudesses explicar a situacao melhor talvez as pessoas percebessem do que raio estas a falar...


    "Monogamy is for guys that can't get pussy." --Steve-O.

    Re:Hammm... (Pontos:2)
    por leitao em 07-12-02 18:46 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Boca ? Diz-me uma coisa, le o artigo -- e diz-me se consegues perceber alguma coisa se nao perceberes de software de contabilidade ? Seria mais util se o artigo (que ate' e' interessante) explicasse qual e' a situacao, e a razao do problema... me thinks.


    "Monogamy is for guys that can't get pussy." --Steve-O.

    Re:Hammm... (Pontos:4, Interessante)
    por macphisto em 07-12-02 22:10 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Li um artigo sobre o assunto embora não me recorde aonde, mas básicamente a Camara dos Tecnicos Oficiais de Contas (todas as empresas necessitam de contabilidade feita por TOC que por sua vez tem que estar ligados à camara) lançou-se também no negócio do software de Contabilidade. Os TOC utilizam software para transferir dados entre os sistemas dos clientes que representam e o seu próprio software onde depois tratam os dados, lançam os mapas ofciais,etc. Existiam diversos formatos, e a maioria das aplicações no mercado obdeciam a estes formatos, difundidos aos interessados através da AASoft.

    A Camara vislumbrou aqui uma interessante oportunidade de negócio fazendo-se valer da enorme legião de associados que possui (dezenas de milhares) O que fez ? Em parceria com uma SoftwareHouse da área, criou e distribui um novo software de Contabilidade. Sendo já um pouco suspeito a Camara meter-se no negócio de sofware, parece que ainda por cima o fizeram com a introdução de um novo formato de dados (obrigatório), que por "coincidência", não foi fornecido às software house's em tempo oportuno.

    A ideia é talvez imitar o sucesso de décadas duma situação / monopólio que existe com as farmácias. Todo o negócio de software,equipamentos, distribuição e logistica de qualquer farmácia é controlado pela Associação Nacional de Farmácias. Monopólio invejado por outros interesses corporativos....
    Re:OT: Moderadores (Pontos:2)
    por MavicX em 07-12-02 18:41 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    É a outra parte ...

    "Monogamy is for guys that can't get pussy." --Steve-O.

    Pedro Esteves

    Bah (Pontos:3, Engraçado)
    por Branc0 em 07-12-02 15:35 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://www.syners.org
    Tu deves ser novo aqui no GilDot!

    Não viste que o homem falou na ASSOFT?!?!?!?
    Está visto que isto é mau... o que quer que seja.


    "Se vi mais além do que outro, é porque estava nos ombros de gigantes."
    Sir Isaac Newton

    Normas (Pontos:1, Interessante)
    por Anonimo Cobarde em 07-12-02 16:23 GMT (#3)
    Parece-me obvio que deve haver uma norma par standardizar a informacao guardada pelos programas de contabilidade e facturação, porque é extremammente fácil escrever programas com pequenos truques para falsificar os dados fornecidos pelos relatorios (estatisticas, etc).

    Assim. se houver uma norma, é facil escrever programas externos para auditar as bases de dados utilizadas realmente e detectar possiveis falhas.

    Além disso, se as bases de dados estiver todas normalizadas, no futuro podera ser possivel passar a enviar a nossa base de dados para o ministério das financas, que poderiam processar a informacao em computadores proprios para fazerem fiscalizacoes e auditorias de forma automatizada.

    Re:Normas (Pontos:1)
    por lbruno em 07-12-02 18:29 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://click.here.for.something.useful.yi.org/
    no futuro podera ser possivel passar a enviar a nossa base de dados para o ministério das financas


    Os tecnicos de contas nao devem estar interessados em tal coisa; afinal, o ganha pao deles é o trabalho de intermediario

    Cheers,
    Luis Bruno

    Boa... (Pontos:1, Redundante)
    por Psiwar em 07-12-02 17:07 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    ...e como não deverá ficar de graça, aumentará os encargos para os TOC e consequentemente quem paga somos nós (empresas, que são obrigadas a ter TOC e que são obrigadas a pagar um minímo (taxa) para utilizar os seus serviços).

    Os monopólios continuam a fazer das suas...
    Não é bem isso (Pontos:4, Informativo)
    por MavicX em 07-12-02 17:17 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    O ATD é um Schema/dtd de XML para permitir a exportação/importação de dados das diversas aplicações de contabilidade. Não é nenhum standart para aplicações ou uma aplicação.

    Em principio não tem nada de mal e quem quiser usar que use. Já existem varios DTD's de contabilidade por ai. Não me parece que a CTOC tenha algum peso para impor alguma coisa em portugal, quando a maior parte das grandes empresas usam produtos estrangeiros para contabilidade. As software houses portuguesas mesmo as maiores como a primavera só riscam nas PME's .

    Parece uma atitude de louvar tentar meter algum senso no panorama confuso que são as softwarehouses portuguesas de programas de contabilidade. O que este novo schema/dtd de XML vem fazer é permitir mudares de uma aplicação para outra e poderes exportar os teus dados sem problemas. Hoje em dia é quase impossivel mudares de aplicação de contabilidade sem perderes os dados quase todos.

    Pedro Esteves

    Re:Não é bem isso (Pontos:2)
    por Karlus em 07-12-02 23:58 GMT (#12)
    (Utilizador Info) /dev/null
    Em principio não tem nada de mal e quem quiser usar que use.

    Errado, nao tas a perceber. Os associados da CTOC vao "obrigar" os clientes(PMEs) a dar-lhes a info no formato que o programa lançado pela CTOC usa, quando já ha um formato usado por todos que e controlado pera Dir-Geral de Informatica Tributaria e Aduaneira.

    Não me parece que a CTOC tenha algum peso para impor alguma coisa em portugal,

    Pois nao, só são a maior associacao profissional portuguesa com 65 mil membros. :-)
    Se nao houvesse problemas as softwares houses Portugas nao estavam ja a mandar cartaspra AASOFT e afins a reclamar.

    Este problema ja existe nas farmacias onde 90% do mercado do software usado e controlado por uma unica empresa(Consiste), detida adivinha por quem... pela Associacao Nacional de Farmacias.
    Tas a ver onde a CTOC foi buscar a ideia ? ;-)

    Problema complicado (Pontos:3, Informativo)
    por Karlus em 08-12-02 0:21 GMT (#13)
    (Utilizador Info) /dev/null
    Sobre isto, saiu na semana passada um excelente artigo na revista Exame.
    O problema é mesmo grave(a meu ver) e envolve uma software house, que lhes(CTOC) está a fazer o programa(ATD) e que tem ligacões previligiadas com a CTOC. Parece que são os patrocinadores exclusivos da Revista oficial da CTOC e dos seus congressos. A Sage.

    Basicamente o standard que existe para transmissão da info entre as PMEs e os TOC já existe, e é controlado pela D.G. de Inf. Tributaria e Aduaneira que o dá a conhecer a AASOFT que por sua vez o transmite as software houses.

    Segundo o mesmo artigo a maioria das softwares houses Portuguesas(menos a Sage claro está) já se reuniram com a AASOFT para dizerem que não concordam nada com isto. Sendo a Sage a unica que diz que os seus programas vão estar aptos a exportar info no novo formato já este mes. :-)
    Já parece aquela historia do ADSL entre o SAPO e a PT Comunicaões(relacoes priveligiadas) e quando a PT comunicacões lanca o ADSL só SAPO tinha um produto para por no mercado.

    Basicamente a AASOFT diz que a posição da CTOC foi correcta pq em vez de apresentar algo já feito, comunicou o formato(do ATD) a AASOFT para ela o divulgar pelos associados.
    Os associados ao que parece não gostaram da forma como tudo foi feito em colaboracão estreita com a Sage que patrocina a tal revista em exclusividade, em que os outros nao podem publicitar.Consiste que por sua vez é detida pela Associacao Nacional de Farmacias. Aqui o problema parece ser maior já que não permite concorrencia pq o formato usado é fechado.

    O problema do ATD e as imposicões da CTOC estão em que não se restrigem a uma unica area de actividade mas sim a todas as PMEs(que não são poucas) já que todas vão ter que comunicar com o software da CTOC.

    Re:Problema complicado (Pontos:2)
    por humpback em 08-12-02 0:34 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://www.felisberto.net
    Providencia cautelar ? Os Tribunais existem para alguma coisa. Espetam uma providencia cautelar na Sage por possivel violação de uma cadeia de transferencia d informação. Enquanto isto se resolve e não resolve a Sage não pode colocar o produto no mercado e as outras casas resolvem o problema da compatibilidade dos seus produtos.
    Gustavo Felisberto
    72ef1d7183eb2ea89420b94c0cf3e1f1
    apt-get install anarchism
    Re:Problema complicado (Pontos:2)
    por MavicX em 08-12-02 12:05 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    Deves estar a passar-me alguma coisa ao lado nesta história toda.

    Em primeiro lugar sabes o que é o XML? E um DTD ou um schema em XML ? Senão investiga. Basicamente um schema é uma extensão do XML neste caso para exportar dados em relativos a contabilidade. Não é nenhum programa nem um standart para programas. A unica coisa que influencia os programas é que eles tem de estar preparados para exportar os dados em XML e baseados nesse schema.

    Segunda questão os associados da CTOC não tem nada a ver com isso, a unica coisa que eles fazem é escolher os programas de contabilidade que existem no mercado. Esse é um problema das software houses portuguesas vs CTOC.

    Comparar o mercado de soluções de contabilidade com as farmacias é pura demagogia. A associação nacional de farmacias tem o peso que tem porque é ela que paga aos seus associados. Ou seja o dinheiro do estado para pagar as farmacias passa todo pela associação nacional de farmacias e só depois é que vai para as farmacias. Já existem algums projectos em estudo para acabar com essa situação.

    Não sei qual é o teu conhecimento do mercado. Mas deixa-me elucidar-te. Em primeiro lugar as grandes empresas usam sistemas de contabilidade ou In-House ou de grandes empresas estrangeiras como a SAP,Oracle ou Siebel entre outras num esquema integrado de e-business/ERP/contabilidade adaptados as suas necessidades e não são para aqui chamadas.

    As PME's é que usam produtos da Sage, primavera, e milhentos outros made in portugal. Das duas uma ou são empresas de médio porte e tem um sistema de contabilidade próprio com programas de contabilidade deles proprios e com contabilistas proprios. Ou são empresas pequenas que tem a sua contabilidade feita fora da empresa por pequenas empresas de contabilidade ou TOC isolados. De qualquer maneira a contabilidade dessas pequenas empresas processa-se dos seguintes modos. As empresas entregam os papeis (facturas, recibos etc...) aos contabilistas e são eles que metem nos programas de informatica a contabilidade. Infelizmente não circula informação das empresas pequenas para os TOC em formato digital. Só em casos muito isolados é que isso acontece e ambos, as empresas e TOC usam o mesmo programa.

    Os TOC a unica coisa que fazem é prestar contas ao estado (http://www.dgci.gov.pt/). Quer com os rembolsos do IVA quer com o IRC ao final do ano, e todos os programas de contabilidade estão mais ou menos prontos para isso.

    Não tou a ver onde é que pode andar a circular esse ATD em nenhum lado a não ser na migração de um programa de contabilidade para outro.

    Esta é uma guerra software houses portugas vs CTOC/sage mas que influencia muito pouco os TOC e as empresas em geral.

    Pedro Esteves

    Re:Problema complicado (Pontos:2)
    por Karlus em 09-12-02 1:06 GMT (#16)
    (Utilizador Info) /dev/null
    Em primeiro lugar sabes o que é o XML? E um DTD ou um schema em XML ? Senão investiga. Basicamente um schema é uma extensão do XML neste caso para exportar dados em relativos a contabilidade. Não é nenhum programa nem um standart para programas. A unica coisa que influencia os programas é que eles tem de estar preparados para exportar os dados em XML e baseados nesse schema.

    Yah... mas o que o artigo diz é que para alem de um novo formato de exportacao dos dados(nao sei se é em XML, tu é que os estas a dizer) a Sage está a criar um "programa" que ira ser o programa oficial e que eles irao "recomendar". Se o jornalista chama "programa" a um DTD, isso já nao sei.

    Segunda questão os associados da CTOC não tem nada a ver com isso, a unica coisa que eles fazem é escolher os programas de contabilidade que existem no mercado. Esse é um problema das software houses portuguesas vs CTOC.

    Ter têm... pq se a associacao define que o novo formato que eles devem aceitar é este(o que o artigo sugere) novo definido por eles, eles vao-se virar para as PMEs e vao dizer que so aceitam a info naquele formtado. A PMEs das duas uma, ou muda de TOC ou compra um programa que suporte o novo formato.

    Não sei qual é o teu conhecimento do mercado. Mas deixa-me elucidar-te. Em primeiro lugar as grandes empresas usam sistemas de contabilidade ou In-House ou de grandes empresas estrangeiras como a SAP,Oracle ou Siebel entre outras num esquema integrado de e-business/ERP/contabilidade adaptados as suas necessidades e não são para aqui chamadas.

    Nao se se percebeste, mas deixa-me elucidar-te. Estamos a falar de PMEs... nao de grandes empresas que usam Siebel, SAP ou Oracle... essas ate podem ter um TOC in-house.
    Estamos desde o inicio a falar de PMEs, que usam Primaveras e PHCs.

    Não tou a ver onde é que pode andar a circular esse ATD em nenhum lado a não ser na migração de um programa de contabilidade para outro.

    Nao conheces empresas que usam um programa x de contabilidade onde metem todas os dados da conta corrente da empresa e que depois os passam ao TOC. Salarios, etc. ?

    Esta é uma guerra software houses portugas vs CTOC/sage mas que influencia muito pouco os TOC e as empresas em geral.

    Tou ? O CTOC entra ao barulho... influencia os TOCs associados todos aos quais emite recomendacaoes e normas(ie, obriga ao uso da nova norma) e tu dizes que isso nao influencia os TOCs e as empresas para quem eles trabalham, que sao obrigadas a usar o novo formato ?

    Re:Problema complicado (Pontos:2)
    por MavicX em 09-12-02 10:01 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    "Nao conheces empresas que usam um programa x de contabilidade onde metem todas os dados da conta corrente da empresa e que depois os passam ao TOC. Salarios, etc. ?"

    Nop a maior parte das empresas que conheço apenas passam as empresas de contabilidade (TOC) os papeis. Quem tem de meter no prog de informatica sou eu. Se sou o contabilista da empresa por que carga de agua é que alguem mete as coisas na contabilidade sem ser eu. Não anda a circular dados digitais entre empresa e contabilista.

    "Tou ? O CTOC entra ao barulho... influencia os TOCs associados todos aos quais emite recomendacaoes e normas(ie, obriga ao uso da nova norma)"

    Não percebi essa. Porque que é que eu quero mandar os dados para o CTOC ou outro organismo qualquer sem ser o dgci ? E apenas mando os rembolsos do IVA, e IRC e pagamentos por conta do IRC etc... Não tenho de mandar a contabilidade da empresa para nenhum lado. Ainda não percebes-te essa norma não é obrigatória para niguem.

    Se quiser até faço a contabilidade num livrinho como ainda muitos TOC fazem, nem preciso de ter contabilidade informatizada. Nem sequer preciso ter contabilidade organizada para micro empresas.

    Esta discução é uma tempestade num copo de agua.

    "
    a Sage está a criar um "programa" que ira ser o programa oficial e que eles irao "recomendar". "

    Isso já é outra história e poderá ser considerado concorrencia desleal e pode até ser ilegal. Duvido que a CTOC se envolva nisso.


    Pedro Esteves

    Re:Problema complicado (Pontos:2)
    por Karlus em 09-12-02 10:45 GMT (#18)
    (Utilizador Info) /dev/null
    Não percebi essa. Porque que é que eu quero mandar os dados para o CTOC ou outro organismo qualquer sem ser o dgci ? E apenas mando os rembolsos do IVA, e IRC e pagamentos por conta do IRC etc... Não tenho de mandar a contabilidade da empresa para nenhum lado. Ainda não percebes-te essa norma não é obrigatória para niguem.

    Eu nao disse que mandavas para o CTOC... disse que mandas pros TOCs. Se o CTOC emitir uma recomendacao aos associados(o que o artigo diz que vai fazer) para que eles so aceitem a nova norma, adivinha o que vai acontecer ?
    Nao sabes que qualquer empresa tem de ter um TOC responsavel pela contabilidade?

    Isso já é outra história e poderá ser considerado concorrencia desleal e pode até ser ilegal. Duvido que a CTOC se envolva nisso.

    Ouve lá, a discussao é isto mesmo! :-)
    É o envolvimento da CTOC/Sage(Infologia) na criacao destes programa/norma. O problema para as software houses esta nesta "parceria", nao no squema ou noutra coisa qualquer. Se fores ao Goole e procurares por CTOC e ADT vais ver n links para sites de software-houses portugas com o seu comunicado à AASOFT a reclamar disto mesmo.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]