gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
China: Aceder à Internet pode levar à morte
Contribuído por AsHeS em 28-11-02 22:49
do departamento rest in peace
News Filipe escreve "Segundo este artigo da TSF, navegar na Internet, na China, é um risco constante. Aceder à rede pode implicar detenção arbitrária, tortura e até execução. Apesar de 46 milhões de pessoas utilizarem a Internet nesse país, há mais de 60 regulamentos normativos sobre o seu uso. A denúncia chega num relatório da Amnistia Internacional, o texto faz alusão a 33 pessoas, desde activistas políticos, intelectuais, até membros da seita Falungong, que foram detidas por alegados crimes relacionados com o uso da Internet. "

Evento de divulgação Linux no Porto | Linux 2.5.50, 2.4.20 e 2.2.23 disponiveis.  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Filipe
  • este artigo
  • Mais acerca News
  • Também por AsHeS
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Como é? (Pontos:4, Informativo)
    por Psiwar em 29-11-02 0:01 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Aceder à Internet pode levar à morte!

    Isto agora é a TVI?! Que titulo mais sensasionalista e sem verdade. Aja alguma contenção por parte das pessoas que aprovam os artigos. Sem bem que a notícia até tem o seu interesse, devem ser evitados títulos com aquele teor. Depois daquela do AMD ainda matam mesmo alguém do coração.

    Não é aceder à Internet que é letal na China. Mas sim utilizá-la para fins "subversivos" como publicar conteúdo pró-democracia, contra o sistema, de teor religioso (budismo, seitas,...), etc. Apenas estão a ser extendidas as regras do governo chinês à Internet. Goste-se ou não, pelo menos tentam ser coerentes. Porém não estão a ter muito sorte porque mesmo com a Great Firewall of China, a Internet anda a fazer mais mal do que bem. E para já ainda ninguém foi executado por isso... se bem que uma mão cheia morreu durante a custódia policial. :\

    Interessante e também ligado a este assunto, é a critica que Amnistia Internacional faz a algumas empresas (Sun, M$, etc) do país que é o grande "paladino" do ocidente, que andam a vender software ao governo chinês para os ajudar a violarem os direitos humanos de mais chineses. (filtros, firewalls, tracers, spyware, etc) E esta huh Tio Sam?
    Re:Como é? (Pontos:1)
    por Psiwar em 29-11-02 0:05 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    s/fazer mais mal do que bem/fazer mais bem do que mal/
    ops :P
    Re:Como é? (Pontos:1, Redundante)
    por leitao em 29-11-02 10:03 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Interessante e também ligado a este assunto, é a critica que Amnistia Internacional faz a algumas empresas (Sun, M$, etc) do país que é o grande "paladino" do ocidente, que andam a vender software ao governo chinês para os ajudar a violarem os direitos humanos de mais chineses. (filtros, firewalls, tracers, spyware, etc) E esta huh Tio Sam?

    A minha empresa tambem usa uma firewall... esta' a quebrar os direitos humanos ?

    Nao e' o facto de existir e ser comercializada tecnologia que quebra os direitos fundamentais, e' sim o intuito do uso da tecnologia que esta' mal. A Amnistia Internacional devia-se preocupar com o uso desta, e nao a sua comercializacao.


    "Monogamy is for guys that can't get pussy." --Steve-O.

    Re:Como é? (Pontos:2)
    por raxx7 em 02-12-02 0:25 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://raxx7.no.sapo.pt/
    Pois, mas a cooperação de algumas empresas com o Governo Chinês no sentido de limitar o acesso dos chineses à informação é exagerada aos olhos de alguns -- creio que a Cisco chegou a desenvolver um modelo de router só para este fim.
    Contudo, em defesa das empresas, convém dizer que se o Governo Chinês não dispusesse destes meios, a Internet lá seria uma miragem. Ou seja, é mau mas é melhor que nada...
    Remember to be the Killer, not the Victim! (Nuklear Girl)
    Re:Como é? (Pontos:0, Informativo)
    por Anonimo Cobarde em 29-11-02 13:50 GMT (#6)
    Haja do verbo Haver, leva H.

    Aja, sem H, é uma forma do verbo Agir.

    Haja alguma contenção...

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]