gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Building Grid computing apps
Contribuído por js em 07-11-02 0:09
do departamento Teias
Tecnologia Anonimo Cobarde escreve "Here is a good introduction of the Grid architecture and information about the Globus toolkit for building applications for information exchange on the Grid and help for developers who want to integrate Web services and Grid computing. "

Comparação de software com "fast food" | 101 Razões para usar o Mozilla em vez do IE  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • introduction of the Grid architecture
  • Mais acerca Tecnologia
  • Também por js
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:2)
    por ribeiro em 07-11-02 7:07 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    Viva,
    Se alguém me conseguir explicar a diferença entre a computação distribuida e o "grid computing", agradeço.
    he, e cá para os meus botões, as coisas não passam a ser novidade só porque mudam os nomes...
    Abraços,
    Rui
    --
    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:0, Engraçado)
    por Anonimo Cobarde em 07-11-02 9:31 GMT (#2)
    as coisas não passam a ser novidade só porque mudam os nomes

    não percebes nada de markting nem de vender pois não? :)

    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:2)
    por ribeiro em 07-11-02 10:24 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    "não percebes nada de markting nem de vender pois não? :) "
    Não é a minha àrea, mas percebo muito bem que é uma treta andarem a inventar 500 nomes para a mesma coisa, só para parecer mais "in".
    --
    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:3, Engraçado)
    por mlopes em 07-11-02 11:17 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Olha que o weblog gildot é muito melhor do que o fórum gildot, essa coisa dos fóruns era ontem, hoje isso já não é bem!

    If you don't have time to do it right, where are you going to find the time to do it over?

    Blogs versus Forums (fora?) (Pontos:2)
    por joaobranco em 07-11-02 14:25 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    Penso que o gildot não é um (We)blog. Um blog é geralmente uma página actualizada diáriamente (como o gildot) com comentários, rants e raves (como o gildot), e apresentando ligações às matérias discutidas (como o gildot), mas geralmente aquilo que é apresentado tem alguma lógica interna (pelo menos para o responsável do mesmo ;-)

    Brincadeiras à parte, o que destingue geralmente um webforum dum weblog é a participação dos utilizadores num forum ser directa, enquanto num blog aquilo que aparece é sempre moderado à priori pelo mantedor do blog. Um blog é sempre uma obra mais individual que um forum.


    Cumps, JB

    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:4, Esclarecedor)
    por Tintim em 07-11-02 11:36 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://paulo.trezentos.gul.pt
    Viva!

    Antes de mais tínhamos de tentar estabelecer a divisão entre computação paralela e computação distribuída... Mas deixando de lado aspectos mais existencialistas, Grid Computing é de facto um conceito "velho" com uma dinâmica nova.
    O conceito propriamente dito passa por teres acesso a recursos computacionais sem saberes necessariamente de que máquina é que esses recursos vêm. Quanto a recursos entenda-se: Storage e CPU. (Para mais informações ler o Livro do Ian Foster, "A blueprint for a grid infrastructure".)
    Assim, existe um forte paralelo entre esta grid computacional e a rede de fornecimento de energia electrica (power grid). Na rede eléctrica, tb não sabes de que central vem a electricidade para a tua torradeiras, apenas que tem umas determinadas caracteristicas asseguradas pelo teu contrato com a EDP.

    Eu chamei "velho" ao conceito porque na verdade já existem realidades tecnológicas que o implementam.
    Vejam o Napster, Gnutella e afins (na perspectiva de storage)... Nós procuramos um determinado ficheiro e ele chega-nos sem que tenhamos que nos preocupar de que computador é que ele provem. Este conceito peer-to-peer é muito caro ao Grid Computing.
    Por outro lado, como exemplo de grid computing centrada no CPU, vejam os esforços tipo SETI.

    Estes sistemas (Gnutella e Seti) são grids num sentido lato.
    Com vista a estabelecer uma estratégia que sirva os objectivos do conceito que apresentei, existem hoje dois grandes grupos dentro das grids:

    • Global Grid Forum (http://www.globalgridforum.org/)- um grupo de standardização
    • Globus (http://www.globus.org)- uma implementação de middleware que segue as normas emitidas pelo GGF.

    Reparem que não estamos a falar de vaporware, mas software que existe em produção na NASA, CERN, etc...
    Os americanos estão especialmente avançados nisto. Vejam este exemplo: imaginem que são um investigador americano que precisa de capacidade de CPU para simulações climáticas. Em vez de comprarem um cluster que vais estar iddle na maior parte do tempo, candidatam-se a tempo de CPU numa Grid nacional (https://hotpage.npaci.edu/ ou http://www.teragrid.org).
    tudo de uma forma organizada com job dispatchers, contabilização de tempo, etc..Se transpusermos isto para Portugal... Glup..Glup...Temos 4 Duals AMD MP num centro de I&D e vamos com muita sorte. Nem os manifestos nos valem Manifesto TI - Ponto 1.

    Outra questão que se costuma levantar é a relação entre Grid Computing e clusters beowulf. Como se lembram o conceito de clusters vinha do Donald Becker e consistia em ter um conjunto de PCs construídos a partir de commodity components (componentes vulgares adquiridos em qualquer loja de esquina). Punha-se uma aplicação a correr nos PCs (com PVM / LAM para comunicar entre os "nós") e já estava. O problema é que tínhamos de ter as máquinas montadas por NFS e arranjar maneiras artilhadas (com shell scr1pts) para por os binarios e fazer o retrieve do output. Com o Globus e outros middleware para Grids, temos uma camada intermédia com: resource management (podemos por o binario a correr nas maquinas a partir de uma máquina central sem preocupacoes de FTP ou job dispatcher - serviço GRAM do Globus), storage distribuido (podemos ter FTPs com streams paralelos de alta performance para transferência de ficheiros, catálogos de metadata que evitam que tenhamos de saber em que máquina é que estão os ficheiros, etc...- serviço GASS do Globus), informação agregada (temos um servidor LDAP com informação sobre todos os nós: CPU, load, memória, versões de software... serviço MDS do Globus) e, por fim, Segurança (uma infra-estrutura de segurança que me permite single sign-on na Grid, assinar as minhas aplicações, alocar recursos diferentes a diferentes utilzadores, etc...).

    Isto tudo integrado permite coisas giras.
    Nós na ADETTI/ISCTE temos agora um protótipo de uma aplicação do CERN em que temos os dados distribuídos e numa unica maquina lançamos um binário em todos os nós que tenham com uma capacidade de storage (por exemplo) acima de 30 GB e CPU >= 1 Ghz (requisito). A aplicação corre em cada nó e devolve o output ao programa original que a agrega e devolve ao utilizador. Isso utilizando os 4 serviços Globus de que atrás falei.
    .
    Ainda acham que é a mesma coisa com outro nome? :-)
    A IBM também não. Vejam no site do Globus as perspectivas para a versão 3.0.

    Abraços.

    Para os interessados:
       Segurança em Grids
       Leve introdução a Grids e à nova série Z da IBM (z800 e z900)

    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:3, Interessante)
    por MavicX em 07-11-02 12:14 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    Exelente resposta.

    Mas se o grid computing é tão exelente porque é que ainda se gasta milhoes de comtos em Mainframes ?

    Achas que o grid computing alguma vez vai passar de programas como o Seti ou aquele do cancro (aplicações com interesse para todos), para investigação especifica e com fins lucrativos ?

    Não tou a ver uma universidade a gostar de ver os seus computadores a serem usados por um laboratório privado ou para aplicações militares.
    Na minha opinião o grid computing nos proximos tempos nunca vai passar de redes publicas a processar investigação publica.

    Pedro Esteves

    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:1)
    por Psiwar em 07-11-02 12:32 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Dado que deste o erro duas vezes e podes achar que se escreve assim...

    s/exelente/excelente/


    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:2)
    por MavicX em 07-11-02 13:12 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Obrigado pela correção :-)

    Pedro Esteves

    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:2)
    por Tintim em 07-11-02 15:14 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://paulo.trezentos.gul.pt
    Viva!

    Os mainframes (como a série Z da IBM ou os UltraEnterprise 10000 da Sun) parecem-me fazer sentido existir para certo tipo de utilizações e provavelmente não irão ser substituídos por Grid Computing.
    Um grande servidor transaccional que precise de uma baixa latência no acesso a I/O não é bem servido por um conjunto de máquinas distribuídas sobre uma rede Ethernet ainda com latências altas (comparando por exemplo com myrinet ou outras...).
    Ainda nessa perspectiva, qual é a Grid que consegue substitur placas dedicadas de criptografia num Z900 que conseguem servir 3600 SSL handshakes por segundo..?
    Mas por outro lado, temos uma série de aplicações comerciais que correm em máquinas com 2,4 ou 8 processadores que podem ser portadas para uma rede Grid (transformando threads em processos, utilizando MPICH-G2 para troca de mensagens, etc...).

    Em conclusão, parece-me que cada tipo de aplicação tem plataformas de hardware que se adaptam melhor às suas especificades, mas claramente hoje em dia andamos a utilizar sistemas de grande porte proprietários para aplicações que poderiam correr sobre grid computing com maiores vantagens. Penso que é isso que a IBM, Sun e outros estão a descobrir como oportunidade de negócio.


    Re:Computação distribuida vs "grid computing" (Pontos:2)
    por mlopes em 07-11-02 12:48 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    O teu comentários está informativo, esclarecedor e dissipa qualquer duvida que houvesse sobre a diferença entre clusters e "grid computing"!

    If you don't have time to do it right, where are you going to find the time to do it over?

    Em português... (Pontos:1)
    por ssn em 07-11-02 10:05 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Quase não tem conteúdo, mas fica a referência: GridPT
    Re:Em português... (Pontos:2)
    por Tintim em 07-11-02 10:42 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://paulo.trezentos.gul.pt
    Ou com um pouco mais de conteudo:

    http://adetti.gridpt.org


     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]