gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Google restringe acesso à rede
Contribuído por AsHeS em 28-10-02 13:05
do departamento problemas-legais
Internet Segundo esta notícia do Diário de Notícias, num estudo levado a cabo por dois investigadores da Universidade de Harvard, foi demonstrado que os resultados de uma pesquisa no google variam consoante a localização geográfica. Os utilizadores não sabem desta restrição que varia de país para país de acordo com o conteúdo pesquisado. O responsável pelo google diz que esta é uma forma de evitar responsabilidades legais em países onde a legislação é clara sobre determinados assuntos. Será que o google, mesmo sendo uma empresa privada, tem legitimidade para filtrar alguns conteúdos nas suas pesquisas ? Não nos podemos esquecer que o google é o maior motor de busca da internet e como argumenta um dos responsáveis pelo estudo "privada ou não, a empresa Google tem de ter consciência de que tem uma vasta responsabilidade enquanto fonte de difusão de informação".

Os usos idiotas do Bluetooth | Monopólio da Autodesk  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • notícia
  • Mais acerca Internet
  • Também por AsHeS
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Eles não têm outra opção (Pontos:3, Interessante)
    por jneves em 28-10-02 13:33 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://silvaneves.org/
    Por exemplo, o que é protegido pela Liberdade de Expressão nos Estados Unidos pode ser banido em França. Mesmo em Portugal, associações de extrema-direita são inconstitucionais, enquanto que noutros países, como a Holanda, podem até estar no governo. Numa Internet que deixou de ser apenas para "cromos" e "hackers" as legislações afectam cada vez mais qualquer projecto internacional, especialmente se o objectivo é lucrar com ele.

    Este tipo de "localização" vai ser cada vez mais habitual, especialmente quando as empresas começam a olhar para mercados como o chinês que tem alguma legislação, como hei-de dizer, "interessante".
    Imagina... (Pontos:2)
    por leitao em 28-10-02 13:48 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Será que o google, mesmo sendo uma empresa privada, tem legitimidade para filtrar alguns conteúdos nas suas pesquisas ?

    Nahp... claro que tem responsabilidade...


    "Monogamy is for guys that can't get pussy." --Steve-O.

    Eu mostro o que quiser!!! (Pontos:3, Interessante)
    por jazzy em 28-10-02 14:28 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://www.gildot.org
    O Google, como qualquer outra empresa, faz aquilo que quiser, dentro dos limites legais, obviamente. Isto significa que dado um qualquer input, o output gerado é definido como eles quiserem.
    A relevância, o interesse, a exactidão das respostas e o seu interesse para quem deu o input é que fazem crescer e morrer um motor de busca (o altavista, por exemplo, já foi durante muito tempo a referência em termos de pesquisas na internet). A isto, normalmente chama-se a lei do mercado.
    Se as diferenças de resultados levarem os internautas a procurarem outros motores de busca, azar... era uma vez o Google (ou talvez não...).

    De qualquer maneira, enquanto empresa privada, o Google faz aquilo que quiser, não há xi nem mi!


    Jazzy
    Começou com a china... (Pontos:2, Informativo)
    por .nuno em 28-10-02 14:54 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://matthaus.blogspot.com
    Se forem aqui podem ver (algures) os sites bloqueados na china - e o Google, que já foi bloqueado, agora dá resultados "filtrados"...
    Nos dias de hoje em que algo só existe se se encontrar via Google, pergunto-me como será viver num desses países com resultados alterados...

    .nuno
    .nuno

    Re:Começou com a china... (Pontos:2)
    por Branc0 em 28-10-02 15:04 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://www.syners.org
    A vida nesses países é encontrar proxys estrangeiros e outras coisas que tais que servem para fugir à censura.

    Não me lembro agora do nome do projecto, mas havia há pouco tempo um programa que te permitia "emprestar" um IP a um chinês bloqueado pela censura e que através desse IP conseguia-se aceder à internet sem restrições.

    Vou tentar encontrar um link.


    "Se vi mais além do que outro, é porque estava nos ombros de gigantes."
    Sir Isaac Newton

    Real Time Testing of Internet Filtering in China: (Pontos:1)
    por .nuno em 28-10-02 15:24 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://matthaus.blogspot.com
    Seria isto? http://cyber.law.harvard.edu/filtering/china/test/
    .nuno
    Re:Real Time Testing of Internet Filtering in Chin (Pontos:3, Engraçado)
    por Branc0 em 28-10-02 16:45 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://www.syners.org
    Era mais o PeekABooty mas mesmo assim acho que não era bem disto que eu estava a falar ... isto quando não se sabe do que se fala é uma chatice :)


    "Se vi mais além do que outro, é porque estava nos ombros de gigantes."
    Sir Isaac Newton

    Re:Real Time Testing of Internet Filtering in Chin (Pontos:2)
    por Strange em 28-10-02 17:10 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://strange.nsk.no-ip.org/
    Uma noticia relacionada e' a do lancamento da versao 0.5 do projecto Freenet

    hugs
    Strange

    Re:Real Time Testing of Internet Filtering in Chin (Pontos:2, Interessante)
    por .nuno em 28-10-02 17:17 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://matthaus.blogspot.com
    Pois, realmente...

    Agora que reli o teu post com mais atenção percebi o que querias dizer... isto de ler artigos a correr tem que acabar.

    Chega de estar off-topic. O facto do Google alterar resultados em função do local de acesso acaba por ser uma boa política (para o google) que lhe permite continuar a ter hits de todos os países e assim ganhar mais alguns dólares. Nos dias que correm não deixa de ser suícidio para qualquer empresa global fechar as portas a países de grande potencial, como por exemplo a China.

    Isto abre então caminho a outras discussões, mais sobre a liberdade de uso da Internet etc, mas, IIRC, nunca o google tentou ser um defensor da liberdade de expressão. O próprio sistema de ranking do Google é questionável... mas têm todo o direito de modificar os resultados. Só usa quem quer (ou quem pode).

    Todos se lembram concerteza do proble ma do Yahoo! com o governo francês no ano passado. Penso que na altura o Yahoo! acabou por banir todo e qualquer conteúdo que pudesse ser ligado a grupos neo-nazis, ao KKK, etc, por considerarem muito complicado e praticamente impossível bloquear o acesso apenas aos utilisadores franceses (e qualquer um de nós com mais de 5 anos de sysadmin pode confirmar que não é simples).

    Isto tudo para dizer que se o Google quer ser legal em todos os países do mundo, deixá-lo. Que seja legal e feliz por muitos anos e que eu possa continuar a confirmar ou negar a existência de tudo e mais alguma coisa pelo sistema de PigeonRanking (TM) que eles usam.

    .nuno
    .nuno

    Re:Começou com a china... (Pontos:2)
    por BuBbA em 28-10-02 16:27 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://www.BuBix.net
    Não é , é aqui;)
    Re:Começou com a china... (Pontos:2)
    por BuBbA em 28-10-02 23:05 GMT (#17)
    (Utilizador Info) http://www.BuBix.net
    Repetindo (mas alterando):

    Não é , é aqui;)

    Hijack (Pontos:2)
    por MavicX em 28-10-02 18:58 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    Por falar em Google.com

    Parece que ontem á tarde todas as pessoas que usavam os DNS servers da netcabo (pelo menos) tinham o seu link redirecionado para a pagina http://acydburne.com.pt/

    O problema é que já não foi a primeira vez que isso acontece, há ums meses tambem tinha acontecido com o redirecionar para outra page. Parece que há alguem que não anda a controlar os DNS servers.

    Pedro Esteves

    Re:Hijack (Pontos:3, Informativo)
    por spyder em 28-10-02 19:30 GMT (#13)
    (Utilizador Info)
    De acordo com um post numa lista, foi um portugues que hackou o Google ;-)
    Re:Hijack (Pontos:2, Engraçado)
    por leitao em 28-10-02 20:04 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Que orgulho!


    "Monogamy is for guys that can't get pussy." --Steve-O.

    Re:Hijack (Pontos:2)
    por MavicX em 28-10-02 21:35 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    É claro que não foi hakado o google.com como é obvio. O que se passou foi que alguem hackou o bind da Netcabo ou o Web cache e mudou o redirect do google.com para aquela pagina.

    As unicas pessoas que se tem de orgulhar são os sysadmin da netcabo pela sua incompetencia.

    Pedro Esteves

    Re:Hijack (Pontos:3, Engraçado)
    por spyder em 28-10-02 23:24 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Duh! No shit! :-)
    E eu a pensar que tinha sido mesmo alguem a subornar os pombos com milho lusitano para alterar o backend... :-P
    Re:Hijack (Pontos:0, Interessante)
    por Anonimo Cobarde em 29-10-02 0:16 GMT (#19)
    Durante a tarde de ontem, não foi só para esse site que o Google esteve a fazer redirect, eu apanhei 2 sites diferentes, esse e uma página pessoal de um espanhol. Tirei screenshots dos 2. Liguei para a netcabo, e perguntei o que se passava, o Sr. Dr. da assistencia, disse-me que ia verificar... e digitou.. "google.com" passado uns segundos, "aparece-me... aparece-me... realmente há aqui um erro, mas não posso aceder pela rede local porque estamos a instalar um sistema operativo novo, de qualquer forma fica registado o erro, obrigado" E pronto... é este o serviço que temos
    Re:Hijack (Pontos:2)
    por Psiwar em 28-10-02 21:56 GMT (#16)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    E já não é a primeira vez...
    Já apanhei o google.com a redirecionar para um site qq espanhol de webmail.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]