gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
"Bracara" virtual
Contribuído por BladeRunner em 29-08-02 20:44
do departamento já-que-o-ppl-do-Minho-não-aprova-aprovo-eu
Portugal André Simões escreve "O Minho está mesmo numa boa onda. Desta vez sob a forma de um CD que propõe uma viagem virtual à cidade romana de Bracara Augusta (leia-se "brácara augusta"), a moderna Braga, lançado pela Fundação Bracara Augusta e com a direcção técnica de Maria Manuela Martins, da Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho. O CD foi agora lançado, e apesar de ainda não o ter consultado (o que pretendo fazer o mais depressa possível) acho que é de saudar esta iniciativa. É que não é frequente este tipo de projecto em Portugal, infelizmente. Pelo contrário, universidades estrangeiras lançam regularmente CD's e mesmo páginas com visitas virtuais a monumentos e escavações. Por isso é de aplaudir a iniciativa presente, e que sirva de motivação para muitas mais.
É que a defesa dos valores nacionais, tantas vezes aqui gritada nem sempre pelos melhores motivos, passa muito pelo conhecimento e pela divulgação do nosso passado, e nesse sentido estas instituições bracarenses estão a prestar-nos um serviço inestimável, ao divulgarem o património de uma cidade que foi durante séculos um grande centro político e cultural de todo o Noroeste peninsular. Isto para não falar do facto de ter sido a grande capital religiosa de todo o Noroeste Ibérico, durante o estertor do Império Romano do Ocidente e durante a Alta Idade Média.

Parabéns, Fundação Bracara Augusta e Unidade de Arqueologia da Universidade do Minho.

Notícia do Público

Visita virtual a Bracara Augusta, da Unidade de Arqueologia da UM.

Fundador do Linux Xbox abandona o projecto | Site da RIAA sofre face-lifting :-)  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Notícia do Público
  • Visita virtual a Bracara Augusta, da Unidade de Arqueologia da UM
  • André Simões
  • Mais acerca Portugal
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    yeah right, roger waters (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 29-08-02 21:44 GMT (#1)
    sem links nem nada?
    e mais uma coisa... duvido que corra em Linux.
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:0, Interessante)
    por Anonimo Cobarde em 29-08-02 21:45 GMT (#2)
    ok, retiro o que disse em relação aos links... MAS NÃO CORRE EM LINUX!
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:3, Esclarecedor)
    por André Simões em 30-08-02 1:07 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://hesperion.catus.net
    Partilho a tua decepção, mas dificilmente se achará um produto deste género que corra em linux, tendo em conta dois factores:
    1. é um produto comercial;
    2. tendo em conta que se destina ao público em geral, sabe-se bem que na maior parte dos casos já será uma sorte se souberem instalar no winblows.
    Às vezes é útil afastarmo-nos um bocadinho do nosso círculo de amigos e colegas mais chegados, olharmos de uma forma distanciada o que nos rodeia, e percebemos às vezes com choque que grande parte das pessoas mal sabe ligar e desligar um PC. É que no nosso meio (e sobretudo no dos estudantes da área, que já percebi serem a maioria neste forum) parece-nos tudo muito simples e óbvio. Eu a grande parte dos meus colegas quando digo que deviam fazer uma segunda partição no windows para meterem backups, olham para mim como se estivesse a declamar poemas japoneses e perguntam assustados "partir o quê?". Agra lá por compreender não quer dizer que concorde, claro. É como a velha história de passar do windows para linux. Eu faço uma campanha tremenda nesse sentido, já me conhecem como o taradinho do linux, mas é difícil quando 80% das pessoas com quem contacto entram em pânico se vier uma nova versão do word com uma troca de posição dos ícones, ou não sabem gravar os documentos que acabam de fazer no disco e têm de os imprimir imediatamente. Juro, já assisti.
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:2)
    por Cyclops em 30-08-02 8:11 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://www.1407.org
    1. é um produto comercial;
    E depois? Isto é motivo para não funcionar em GNU/Linux? Não!
    Aliás, o ter sido feito com dinheiros públicos e ser explorado comercialmente a um custo que não é decerteza o custo de replicação causa-me vários arrepios... afinal os Portugueses vão pagar duas vezes por esse producto.

    Já agora, será esse o magnífico e fabuloso cd que a Universidade do Minho estava para ter pronto já à uma quantidade significativa de anos?

    2. tendo em conta que se destina ao público em geral, sabe-se bem que na maior parte dos casos já será uma sorte se souberem instalar no winblows.
    Mais um bom motivo para que devesse ter sido feito, por exemplo, com html, css e imagens. Funcionaria na porcaria do windows e noutros sistemas operativos.

    De resto a estupidez crónica de algumas pessoas não é desculpa para nada. Por acaso quando comem usam babetes?
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:2)
    por André Simões em 31-08-02 11:19 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://hesperion.catus.net
    Mais uma vez saliento que também acho que devia funcionar a em Linux e noutros SO. Hás-de é explicar-me como se faria isso sem ser em duas versões distintas. E em duas versões distintas não é economicamente rentável (mais uma vez saliento que não concordo que tenha de ser). Em html, css e imagens tem um "pequeno" problema (pelo menos do ponto de vista de quem faz aquilo): o código passaria a estar aberto, além de não permitir muitas funcionalidades normalmente associadas a este tipo de cd's.
    Há ainda um problema adicional. Normalmente as pessoas da área da informática que trabalham com faculdades e institutos da área das letras e humanidades não percebem a ponta de um corno de linux. É que normalmente quem os contrata nem sequer sabe da existência de Linux, e como tal não exigem esses conhecimentos quando fazem o concurso. Os informáticos da minha faculdade, por exemplo, só sabem trabalhar com windows, e o panorama é geral nos outros lados. Não estamos numa faculdade de ciências ou de engenharia. Eu já me debati com um problema semelhante, quando "encomendei" juntamente com 3 colegas um CD didáctico, que concebemos os 4. Acabou por ser feito em vbasic e só corre em windows, porque quem fez só sabia trabalhar com windows (nenhum de nós sabe programar), e porque 99,9% dos nossos alunos só sabe usar (muito mal) windows. Não são estudantes da área da informática nem da de ciências nem engenharias. Quando lhes falo em linux nas aulas olham para mim como quem diz "este andou a fumar coisas que não devia". Embora o CD de Bracara se dirija a um público mais amplo, é óbvio que uma parte muito significativa desse público será constituído por pessoas da área das letras e da história.
    Tal como disse no artigo, é preciso olhar "de fora", mesmo que não concordemos - e eu não concordo.
    Em resumo, claro que é lamentável que não funcione em Linux. Mas não é motivo para criticar um projecto importantíssimo para o conhecimento e valorização da nossa história. É que um CD idêntico sobre Lisboa, Évora ou mesmo a mediática mas pouco relevante Conímbriga não teria metade da importância deste sobre Bracara. E mais vale um CD que só funciona em windows do que um que não existe e portanto que não funciona em nenhum SO.
    Dinheiros públicos? Deve ter custado uma fortuna sim... Faço ideia, já nem se construiriam 20 hospitais, se o dinheito tivesse vindo do Estado. Tendo em conta a miséria que o Estado dá às Universidades, que no caso da minha só dá para salários e pouco mais... Oh rapaz, as Universidades não vivem só à custa do Estado, se não onde é que estaríamos neste momento. Não é por acaso que a lei dos despedimentos da função pública não se lhes aplica (ia mais de 80% do corpo docente para o olho da rua, incluindo muitos doutorados), as Universidades têm uma autonomia que se reflecte também nos dinheiros. As revistas que o meu departamente e centro de investigação publicam, por exemplo, são financiadas por nós mesmos, com receitas que fazemos com a venda dessas mesmas revistas e de outras publicações, e com patrocínios. O mais natural é que o dito CD também tenha sido feito com patrocínios. Como isto é mais ou menos a mesma coisa em todo o lado, fica descansado que ninguém te foi ao bolso para fazer o CD. E mesmo que fosse! Então os impostos afinal servem para quê? Que maçada estas tiradas sobre o dinheiros dos contribuintes! E muitas vezes quem mais berra isso é também quem ganha salários principescos e declara que ganha o salário mínimo. Falta de coerência...
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:2)
    por jorgelaranjo em 02-09-02 14:00 GMT (#18)
    (Utilizador Info) http://fueg0.tk/
    FLASH! É a única forma.
    Mas para quê ser fundamentalista?
    Só porque estamos em Setembro?
    Só corre em Windows? É essa a pergunta?
    A resposta é: Pelo menos existe e corre num SO utilizado pelas massas!
    Nem tudo ao mar nem tudo à terra!

    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    http://fueg0.tk
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:2)
    por André Simões em 02-09-02 14:19 GMT (#19)
    (Utilizador Info) http://hesperion.catus.net
    Exacto, existe, e esse é o ponto fundamental. Estar aqui a discutir se corre em linux, windows ou mac ou raio.que.o.parta parece-me, neste caso particular, irrelevante. É que já há tanta pouca coisa destas em Portugal (eu nem conheço mais nenhuma, o que não quer dizer que não haja) que deitar abaixo só porque não corre num sistema operativo excepcional mas minoritário...
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:1)
    por Xf em 30-08-02 2:59 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    "pergunta: porque raio aparece este artigo no GILDOT!?"

    E porque não?

    PS-Não percebi é porque é que o Roger Waters foi para aqui chamado, mas tá bem ;)

    Shake dreams from your hair my pretty child, my sweet one...
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:2)
    por joao em 30-08-02 9:39 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://www.nonio.com
    Já é uma tradição do Gildot protestar contra os artigos aprovados pelo Blade Runner:

    Roger Waters hoje e amanhã

    O caso Roger Waters

    Actualmente só há duas notícias ma primeira página com a palavra Linux. Há uma dedicada ao Windows, outra à Amazon, outra à Agencia espacial Europeia, outra aos Palms, outra ao MP3, outra ao software livre, outra à RIAA e esta a Braga Virtual. Não creio que esta esteja a destoar.

    ----
    joao
    nonio.com - ciência, tecnologia e cultura

    Re:yeah right, roger waters (Pontos:2)
    por dINAMItE em 30-08-02 10:45 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://www.ferro.eu.org
    Talvez seja por isso que o "Title" da página inicial do Gildot é: "Notícias sobr Linux... e não só!"
    Gildot life !! (Pontos:3, Esclarecedor)
    por rollerball em 30-08-02 10:51 GMT (#9)
    (Utilizador Info)
    Roger Waters é um simbolo dos artigos aprovados pelo BladeRunner. Um dos que mais polemica gerou aqui no gildot foi sobre o Roger Waters.
    Embora por vezes tome proporções desmesuradas, não consigo deixar de achar piada a este "picanços" aqui no gildot quando são bem feitos. Especialmente quando são por nicks conhecidos e não por AC's.
    Neste caso, foi um ligeira referencia que muitos perceberam, sendo subtil e com alguma piada. Embora não conheça o BladeRunner, quase que aposto que, se tiver capacidade de encaixe, até ele achou piada!


    Nuno Paulino aka Rollerball
    Re:Gildot life !! (Pontos:3, Engraçado)
    por Gamito em 30-08-02 11:40 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://www.gamito.org/
    "Embora não conheça o BladeRunner, quase que aposto que, se tiver capacidade de encaixe, até ele achou piada!"

    Como dizia o outro, "falem mal de mim, mas falem" :-)

    Mário Gamito
    www.gamito.org
    Re:Gildot life !! (Pontos:2)
    por rollerball em 30-08-02 13:10 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    Eu não estava a falar mal! Apenas acho que teve piada. Foi uma forma engraçada de mandar uma boca!
    Eu pessoalmente não faria, até porque já não tenho idade para essas coisas.
    E concordo com mlopes, quando ele diz que abusam de falar mal de ti e do leitão. Eu tb não tinha paciencia para isso!
    Mas se este comentário fosse um acto isolado ou pelo menos disperso no tempo, se tivesse no teu lugar, teria achado piada!

    Nuno Paulino aka Rollerball
    Re:Gildot life !! (Pontos:2)
    por mlopes em 30-08-02 11:56 GMT (#11)
    (Utilizador Info)

    não consigo deixar de achar piada a este "picanços" aqui no gildot

    O problema é que muitas vezes os "picanços" contra dois dos utilizadores registados do Gildot (Gamito aka BladeRunner e Leitão) torna-se excessivo, sinceramente não sei como eles têem paciência para aturar alguns AC's (ou users registados a passarem-se por AC's)!


    If you don't have time to do it right, where are you going to find the time to do it over?

    Re:Gildot life !! (Pontos:2)
    por Gamito em 30-08-02 22:48 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://www.gamito.org/
    "sinceramente não sei como eles têem paciência para aturar alguns AC's (ou users registados a passarem-se por AC's)!"

    Tenho paciência porque sabendo quem são os 3 ou 4 engracadinhos que clicam no submeter anonimamente não estou para me chatear.

    Mário Gamito
    www.gamito.org
    Re:yeah right, roger waters (Pontos:2)
    por André Simões em 31-08-02 15:23 GMT (#16)
    (Utilizador Info) http://hesperion.catus.net
    Porque é um artigo relacionado com tecnologia?
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]