gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Software detecta pedófilos na Internet
Contribuído por npf em 08-08-02 16:44
do departamento mr-Smith-@-the-web
News Filipe escreve "Segundo este artigo da TSF, a polícia inglesa desenvolveu um programa de computador que permite seguir o rasto dos pedófilos que navegam na Internet. O software está a ser utilizado há seis meses e já ajudou a deter vários suspeitos. "

O futuro do PC... mais uma vez. | freeVSD gives you 250 development sandboxes on Linux  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Filipe
  • artigo
  • Mais acerca News
  • Também por npf
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2, Interessante)
    por jorgelaranjo em 08-08-02 16:58 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://www.naecum.com/fueg0/

    "A polícia inglesa desenvolveu um software para seguir o rasto de pessoas que consultam sites de pedofilia na internet. O programa instala na internet sites «isco» que aparentemente contêm pornografia infantil."

    Vamos voltar ao mesmo?
    "Se não fosse a polícia eles não iam ver esses sites porque não eram tão visiveis... " etc, etc.etc...

    "Contudo, em vez de acederem a material pedófilo, os utilizadores que acederem aos sites depositados pela polícia encontram uma lista das punições que podem enfrentar, ao mesmo tempo, o programa localiza o local de onde o utilizador está a aceder à Web."

    Quero ver isso a funcionar com proxys + firewalls...

    "As páginas «isco» da polícia estão construídas de maneira a ser detectadas pelos motores de busca através das palavras- chave normalmente utilizadas pelos pedófilos."

    É a questão do agente provocador...

    " «É muito simples mas funciona como um truque de magia», afirmou o inspector detective Darren Brookes, da polícia inglesa. «Os sites estão detalhadamente programados e ninguém lá pode ir parar por engano», acrescentou. "

    Não?? De certeza ?? Então e os JOE useres que clicam em tudo ??

    "Darren Brookes acrescentou que o programa já está a funcionar há seis meses e ajudou a deter vários indivíduos. A informação recolhida é depois difundida por toda a polícia do Reino Unido e pelo resto do mundo."

    Então e em Portugal ?



    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2)
    por Dehumanizer em 08-08-02 18:02 GMT (#3)
    (Utilizador Info)

    "As páginas «isco» da polícia estão construídas de maneira a ser detectadas pelos motores de busca através das palavras- chave normalmente utilizadas pelos pedófilos."

    É a questão do agente provocador...

    Claro, os gajos nem sequer eram pedófilos, passaram a sê-lo porque os sites isco existiam.

    Hello!?!? Estamos a falar de aparecer nos motores de busca quando alguém já está a procurar pedofilia!


    "To underestimate one's self is as much a departure from truth as to exaggerate one's own powers"
    - Sherlock Holmes

    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2, Esclarecedor)
    por jorgelaranjo em 08-08-02 18:20 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://www.naecum.com/fueg0/

    Tens razão Dehumanizer. Eu não me fiz entender...

    O que eu queria dizer era: Se os pedófilos vão procurar algo e não encontram... não vão para lá e talvez seja uma forma de pararem...
    Mas sei lá! Acho bem que os apanhem... mas será esta a melhor forma ? É porque há sempre uma maneira de fugir ao controle...
    E a pedofilia nos pear 2 pear ??
    Não existe ? Existe ? Alguém sabe ?



    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:0, Engraçado)
    por Anonimo Cobarde em 08-08-02 18:40 GMT (#6)
    peer to peer isso com pêras não vai la.
    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2)
    por zaroastra em 09-08-02 10:13 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    E a pedofilia nos pear 2 pear ??
    Existe, tive um colega q detectou um pdf em varios cpu's sempre com o mesmo nome.
    Resulta que eram sempre pdf's pedofilos (sim senhor, em formato standart), o referido colega contactou a interpol+netcop's e ajudou a apreender 1/2 duzia de pessoas.
    Um exemplo a seguir?

    Z
    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2)
    por Strange em 08-08-02 18:26 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://strange.nsk.no-ip.org/

    "já está a procurar pedofilia!"

    E os que não procuram pedofilia mas informações sobre pedofilia? Não terão tantas probabilidades, se não mais, de lhes aparecer na sua pesquisa os sites isco?

    Quanto a mim, não gosto das tácticas de armadilhas por parte das autoridades.

    hugs
    Strange

    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2)
    por higuita em 09-08-02 6:09 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025/
    " «É muito simples mas funciona como um truque de magia», afirmou o inspector detective Darren Brookes, da polícia inglesa. «Os sites estão detalhadamente programados e ninguém lá pode ir parar por engano», acrescentou. "

    Não?? De certeza ?? Então e os JOE useres que clicam em tudo ??



    acho que a ideia nao e' apenas aceder ao site, mas sim registar-se, acessos multiplos e sistematicos, uso dos foruns, upload e download de coisas, etc

    para alem de que o simples acesso a uma pagina ao prova nada, e' preciso provar que o pedofilo anda a fazer... um simples registro ou um email a pedir acesso as partes "fechadas" do site ja' deve chegar

    Higuita
    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2)
    por ribeiro em 09-08-02 6:16 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    E depois... e se alguém andar a ver sites com criancinhas quer dizer que vai violar criancinhas? ?????
    Onde é que está a máxima de inocente até prova em contrário?
    Por outro lado, compreendo a fixação do uk de registar os pedófilos, desde o desastre de Dunblane.
    Rui
    --
    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2)
    por leitao em 09-08-02 9:56 GMT (#22)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    E depois... e se alguém andar a ver sites com criancinhas quer dizer que vai violar criancinhas? ????? Onde é que está a máxima de inocente até prova em contrário?

    Nao -- mas quer dizer que e' susceptivel de o fazer -- e como tal deve ser investigado.


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:Mais uma caça às Bruxas...? (Pontos:2)
    por ribeiro em 09-08-02 11:25 GMT (#27)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    Bem, eu andei a ler material sobre como fazer bombas... *grin*
    Será que pertenço ao AlQaeda?
    --
    gosto desta frase (Pontos:2, Interessante)
    por Mulder3 em 08-08-02 17:58 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    "(...) ao mesmo tempo, o programa localiza o local de onde o utilizador está a aceder à Web."
    Big Bluff! Gostava de saber como raio fazem eles isso, o programa não localiza nada, só loga o IP do user, grande coisa, para saber a localização tem que ter acesso á base de dados do ISP, no caso de dial-up ainda tem que aceder á BD do operador de telefone fixo, não tou a ver o programa a aceder a essas base de dados, alem disso depois era preciso uma carrada de autorizações do tribunal para aceder a elas, e essas ordens valem zero em alguns paises, mas pronto, mesmo que isso fosse possível, um criminoso que se prese não seria tão estupido ao ponto de não usar um proxy.
    Re:gosto desta frase (Pontos:2)
    por ribeiro em 09-08-02 6:13 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    Chiu... não fales muito em acessos à BD... Eles também não falam para não chatear os defensores de privacidade no UK ;->
    --
    Re:gosto desta frase (Pontos:2)
    por Maeglin em 09-08-02 10:16 GMT (#24)
    (Utilizador Info)
    Aconselho-te a leres alguns livros sobre "crimes informaticos" , que vais acabar por descobrir que é mais facil do que pensas. Particularmente este classico :
    "Cuckoo's Egg: Tracking a Spy Through the Maze of Computer Espionage"

    "When I answered where I wanted to go today, they just hung up" (Unknown Author)
    Re:gosto desta frase (Pontos:1)
    por Mulder3 em 09-08-02 14:35 GMT (#41)
    (Utilizador Info)
    estou a referir-me a acessos legais
    Re:gosto desta frase (Pontos:2)
    por Maeglin em 09-08-02 15:57 GMT (#47)
    (Utilizador Info)
    Ps : Eu também !

    "When I answered where I wanted to go today, they just hung up" (Unknown Author)
    Santa Virgem Maria! (sim, esta é para os padres) (Pontos:3, Esclarecedor)
    por Psiwar em 08-08-02 19:45 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Há poucas coisas piores do que a pedofilia neste mundo mas esta história em si é uma anedota.

    "A polícia inglesa desenvolveu um software para seguir o rasto de pessoas que consultam sites de pedofilia na internet"

    A policia inglesa é mesmo l33t. Apanham um IP de um gajo e quanto muito o user agent e já é muito bom. Como já alguem disse, para se achar alguem é preciso ir falar com o ISP que fornece Internet a esse IP e depois já levanta questões de privacidade, etc, etc. Sem falar das proxies e outro software que ajuda o pessoal andar anónimo.

    «É muito simples mas funciona como um truque de magia», afirmou o inspector detective Darren Brookes, da polícia inglesa. «Os sites estão detalhadamente programados e ninguém lá pode ir parar por engano», acrescentou.

    Deve ser magia lá para o departamento "de não percebemos nada disto por isso temos que passar uma mensagem de que é magia que é para os pedófilos que são todos morons com QI de 80 não arranjarem maneira de furar o esquema".

    E se eu quiser ir ao site de propósito dado que a Internet ainda é livre, não? Sou pedófilo? Posso querer ir ver o sistema l33t a funcionar. E se eu pesquisar por "pedophile portugal" (para saber sobre casos destes em Portugal) ou lolita irons (para procurar o filme lolita com o jeremy irons e não qq coisa S&M com crianças) e for parar a um desses sites? Também sou pedófilo? E quem lhes dá o direito de vir violar a minha privacidade para saber se eu sou pedófilo, só pq eu fui parar a um site desses?

    A maior parte do pedófilos "duros" não utiliza sites para distribuir o "material" mas sim usenet, mailing list anónimas, ftp's locais, etc, etc. Vão mesmo entrar num site com montanhas de neons a dizer que podem ser presos se virem este site... yeah right. Se querem apanhá-los é meterem-se na mesma rede que eles porque isso de armadilhas em sites é só para apanharem alguns tótós que podem ser pervertidos mas estão longe de ser pedófilos ou fazer mal a crianças. Se calhar deviam falar com alguns padres ou visitar a Madeira... apanhavam pedófilos muito mais depressa.
    Re:Santa Virgem Maria! (sim, esta é para os padres (Pontos:2)
    por ribeiro em 09-08-02 6:11 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    Bem, na realidade o QI médio é 90, portanto deves estar a favorecer os pedófilos. ;-> Mas nem é preciso ir para a Madeira, basta em lx ir para os estúdios da SIC... Rui
    --
    Re:Santa Virgem Maria! (sim, esta é para os padres (Pontos:2)
    por MavicX em 09-08-02 8:17 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    o QI é um indice com base 100, logo o Qi médio é 100 :-) Com um QI de 90 já são estupidos com 75 são deficientes mentais.

    Pedro Esteves

    Re:Santa Virgem Maria! (sim, esta é para os padres (Pontos:2)
    por ribeiro em 09-08-02 9:38 GMT (#20)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    Então também costumava julgar isso, mas tenho lido em muitos lados que o mais comum é um QI de 90.
    A não ser que a maior parte das pessoas seja estúpida.
    --
    Re:Santa Virgem Maria! (sim, esta é para os padres (Pontos:2)
    por xeon em 09-08-02 12:03 GMT (#30)
    (Utilizador Info) http://pthelp.org
    Ha' 2 coisas infinitas:

      - O universo (*)
      - A estupidez humana

    (*) nao tenho a certeza.


    -- Reading the FM
    DUH (Pontos:2)
    por raxx7 em 09-08-02 1:25 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://raxx7.no.sapo.pt/
    Mas o DUH não é dedicado à policia inglesa mas sim ao que fazem comentários à cerca dos méritos e deméritos do sistema baseados num artigo com duas dúzias de linhas da TSF sem sequer pensarem um bocado.
    É claro que nenhum juíz vai aceitar o facto de visitares um site esporadicamente como prova de pedofilia. Mas se as visitas forem constantes talvez conceda à policia um mandado de busca.
    Mas a utilidade dos "sites isco" não se limita a indicar directa e imediatamente suspeitos. Também pode servir como ponto de partida para seguir o percurso na internet de possiveis pedófilos.
    Claro que é sempre possivel esconder o rasto na internet. Mas é sabido que a maioria das pessoas têm uma falsa noção de segurança na internet. E nem todas escondem o rasto. Até porque havendo dinheiro envolvido (e muitas vezes há dinheiro envolvido na pedofilia) o rasto torna-se mais dificil de apagar.
    O sistema pode não ser uma solução milagrosa para apanhar todos os pedófilos, mas desde que apanhe mais do que outro sistema que consuma os mesmos recursos, é uma boa ideia.
    Um reparo final à questão de obter a identidade de um cliente de um ISP a partir do IP. Os ISPs podem não gostar da ideia de compilar este tipo de informação. Mas se a tiverem, não estou a ver nenhum ISP a opor a menor resistência a um mandato judicial.

    Remember to be the Killer, not the Victim! (Nuklear Girl)
    Re:DUH (Pontos:1)
    por Psiwar em 09-08-02 8:00 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    É claro que nenhum juíz vai aceitar o facto de visitares um site esporadicamente como prova de pedofilia. Mas se as visitas forem constantes talvez conceda à policia um mandado de busca.

    De certeza que não? A História tem ensinado que por alturas de caça às bruxas/inquisição, o que é preciso é preencher a quota de "bruxas" para dar outra vez alguma sensação de segurança ao povo. Queimem-se inocentes ou não. E que maluquinho é que vai constantemente a um site que diz "que é ilegal consumir pedofilia, etc, etc?" página após página?

    Mas a utilidade dos "sites isco" não se limita a indicar directa e imediatamente suspeitos. Também pode servir como ponto de partida para seguir o percurso na internet de possiveis pedófilos.

    Achas bem passares a ser investigado só porque foste parar a um site desses? E se a policia vier a tua casa fazer perguntas acerca disso? Já estou a ver os vizinhos a comentar. E tendo em conta a relação promíscua entra certos polícias à procura de fama e os jornalistas, quem te garante que o teu nome não vai aparecer nos jornais como suspeito de pedofilia? Coisas destas podem destruir a vida a pessoas inocentes e é por isso que se deve criticar este tipo de sistemas de combate ao crime.

    Claro que qualquer método que ajude a apanhar criminosos é sempre bem vindo mas no momento em que existe a possibilidade (e neste caso bem grande) de "enforcar" inocentes, esse método deixa de ser viável.
    Re:DUH (Pontos:2)
    por raxx7 em 09-08-02 13:58 GMT (#38)
    (Utilizador Info) http://raxx7.no.sapo.pt/
    A questão da caça às bruxas tem a ver com o bom funcionamento ou não do sistema judicial. Daqui a nada estás a ficar preocupado em ser preso porque todos os dias olhas para o jardim-escola por onde passas a caminho do trabalho *g*
    Segundo, a polícia não é em caso algum infalivel. E às vezes pode de facto incomodar cidadãos inocentes. É uma verdade simples.
    Mas à luz da declaração universal dos direitos humanos somos todos inocentes até prova encontrário. Se vais dar prioridade absoluta à protecção da privacidade dos presumivelmente inocentes não vais conseguir provar que ninguém é culpado.
    Além do mais, é preciso ter alguma boa fé nas autoridades, senão o melhor é aboli-las.
    No caso em particular, esperemos que a policia tenha o bom senso de ir direitinho a casa de toda e qualquer pessoa que se cruze com o site. Nem que seja pelo facto de que a discrição também é útil à investigação.
    Mas aqueles que ficarem para ver as fotos todas são capaz de merecer um bocadinho de atenção...

    Remember to be the Killer, not the Victim! (Nuklear Girl)
    Re:DUH (Pontos:1)
    por Psiwar em 09-08-02 15:09 GMT (#44)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    "esperemos que a policia tenha o bom senso de ir direitinho a casa de toda e qualquer pessoa que se cruze com o site"

    Presumo que queiras dizer "...tenha o bom senso de NÃO ir direitinho...". Se é assim, a tua opinião é a mais sensata de todas as que tenho visto a defender este método. Até te dava uns pontinhos se pudesse. :|

    Apenas não assumas o bom senso das autoridades. Porque apenas as regras impedem que a autoridade se tranforme em autoritária e neste caso (pelo menos pelo que vi), não demostraram estar a respeitar nenhuma regras.
    Re:DUH (Pontos:2)
    por raxx7 em 09-08-02 16:40 GMT (#48)
    (Utilizador Info) http://raxx7.no.sapo.pt/
    Eheh.. maldito sono :-)
    Mas quais regras é que eles violaram?

    Remember to be the Killer, not the Victim! (Nuklear Girl)
    Re:DUH (Pontos:1)
    por Psiwar em 13-08-02 19:14 GMT (#53)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Não estou a dizer que violaram nenhuma regra directamente. Apenas que deveriam instalar algumas para garantir que este método não ande a assediar inocentes.

    A noticia em si é muita vaga em explicar a parte de "Os sites estão detalhadamente programados e ninguém lá pode ir parar por engano". Aparentemente (na minha opinião) é muito fácil ir lá parar por engano.


    Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por mlemos em 09-08-02 1:43 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://www.ManuelLemos.net/
    Nada de pessoal, mas sinceramente parece-me que é muita arrogância criticar algo que já está funcionar com sucesso.

    Obviamente não vão apanhar todos os pedófilos do mundo, mas certamente vão chegar muito mais facilmente a uns que usam a Internet para o tráfego de material de incentivo à pedofilia e isso vai ajudar a diminuir muito uma actividade criminosa que cresceu muito precisamente devido à Internet.

    Claro que pelo IP não se sabe exactamente quem são as pessoas, mas com isso é muito fácil conseguir a sua identificação com um mandato que obrigue os respectivos ISPs a revelá-la.

    Isto são coisas que depois de ditas parecem óbvias e como funcionam como nada antes funcionava para combater a pedofilia, parece-me completamente descabido ver várias pessoas com a mania de criticar um esforço que não só funciona como é altamente louvável e por isso deveria ser copiado por todo mundo.

    Quem não entende isto, talvez quando tiverem filhos pequenos se comecem a preocupar e chegar à conclusão que a ideia é brilhante.
    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:1)
    por Psiwar em 09-08-02 8:34 GMT (#17)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Nada de pessoal, mas sinceramente parece-me que é muita arrogância criticar algo que já está funcionar com sucesso.

    De certeza que está a funcionar com sucesso? Tal como no mundo da droga, existem 3 tipos de pessoas associadas ao crime da pedofilia. O consumidor, o traficante e o produtor. A mim parece-me que este método só apanha consumidores de pedofilia (pondo de lado os casos onde se apanham inocentes). E como a droga já nos ensinou, prender consumidores em nada ajuda a resolver o problema. E não percebo porque criticar este método, que pessoalmente considero ineficaz, é considerado arrogância.

    Obviamente não vão apanhar todos os pedófilos do mundo, mas certamente vão chegar muito mais facilmente a uns que usam a Internet para o tráfego de material de incentivo à pedofilia e isso vai ajudar a diminuir muito uma actividade criminosa que cresceu muito precisamente devido à Internet.

    De facto, a Internet agravou em muito este problema porque trouxe um novo grupo de consumidores a uma "droga" que geralmente não estava assim tão acessivel ao cidadão comum. E de facto essa nova procura catalizou a necessidade de haver mais oferta. Mas agora que a pedofilia se generalizou achas que é por prender uns quantos consumidores que se vai resolver o problema?

    Os maiores produtores de pedofilia são os próprios pais das crianças. E mais uma vez é o frio e cruel mundo capitalista que dita as regras. Quero-te ver a impedir familias pobres na Ásia, Africa ou América do Sul, com um extenso agregado familiar, de vender os seus filhos a pedófilos, para conseguir sobreviver.

    É por isso que não acho a ideia brilhante. Para mim, essa "magia", é atirar areia para os olhos. E quando certas sociedades modernas querem proteger a pedofilia tratando-a como doença, então tenho a certeza que o problema está aqui para durar. É só desculpas...


    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por leitao em 09-08-02 9:54 GMT (#21)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    De certeza que está a funcionar com sucesso?

    Pa', nao fazes um caralho duma ideia do que estas a falar. Sim *esta'* a funcionar com sucesso. A policia no UK e' talvez a mais eficiente a combater a pedofilia. Alem de nao saberes do dominio tecnologico deste problema, tambem nao fazes a minima das implicacoes legais. Estas apenas a mandar uns bitaites sem saberes do que realmente se passa ou como as coisas funcionam.

    E como a droga já nos ensinou, prender consumidores em nada ajuda a resolver o problema.

    Queres comparar um consumidor de droga com um pedofilo ? Deves estar parvo!

    Os maiores produtores de pedofilia são os próprios pais das crianças. E mais uma vez é o frio e cruel mundo capitalista que dita as regras. Quero-te ver a impedir familias pobres na Ásia, Africa ou América do Sul, com um extenso agregado familiar, de vender os seus filhos a pedófilos, para conseguir sobreviver.

    Os maiores problemas de pedofilia nao teem nada a ver com extrato social -- prova-se isso vendo a forma como os paises precisamente mais preocupados com o problema sao os ricos. Um pedofilo nao "compra" criancas para abusar, encontra-as nos sitios normais onde as criancas comuns. A vitima pode ser qualquer um -- a tua filha ou o meu filho.

    Mas agora que a pedofilia se generalizou achas que é por prender uns quantos consumidores que se vai resolver o problema?

    A pedofilia e' um problema social e ao mesmo tempo uma doenca. Como e' que vais evitar ? Nao e' como a droga onde se perturbares o mercado afectas o consumo -- nao ha' um mercado para a pedofilia -- nao ha' vendedores e consumidores.

    É por isso que não acho a ideia brilhante. Para mim, essa "magia", é atirar areia para os olhos. E quando certas sociedades modernas querem proteger a pedofilia tratando-a como doença, então tenho a certeza que o problema está aqui para durar. É só desculpas...

    Pa' -- ouvindo isto apenas tenho um comentario para te fazer: vai-te tratar.


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:1)
    por Psiwar em 09-08-02 11:12 GMT (#26)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Pedófilo = Pessoa que sente atraída sexualmente por crianças. Certo?

    O João de 35 anos sente-se atraído sexualmente pela Joana que tem 5 anos. O João é pedófilo. Mas o João nunca iria distribuir material sexual com a Joana (por ser ilegal), nem nunca iria abusar sexualmente da Joana (por ser imoral e ilegal). É o João um criminoso?

    Continuemos...

    A policia no UK e' talvez a mais eficiente a combater a pedofilia.

    Estando tu convertido ao UK passas logo por suspeito e sim, tb mais informado. Mas como já referi anteriormente, o eficiente é subjectivo. Eu classificava de diligente. Isso pq o UK vive em estado de trauma relativamente a esses assuntos. Sempre foram raptadas crianças em todos os países, a todo o momento e por todas as razões. Mas nunca como agora se viu esses casos a abrir noticiários.

    Alem de nao saberes do dominio tecnologico deste problema, tambem nao fazes a minima das implicacoes legais.

    Huh?!

    Um pedofilo nao "compra" criancas para abusar, encontra-as nos sitios normais onde as criancas comuns.

    nao ha' um mercado para a pedofilia -- nao ha' vendedores e consumidores.

    Só porque não encontras esse mercado à tua porta, não quer dizer que ele não exista noutros pontos do globo. Faz uma viagem à Tailândia, Cambodja ou Vietname por exemplo. Vendem-se sexo com crianças à portas dos cafés com perfeita normalidade e sabes quem são os maiores consumidores? É o branco ocidental, geralmente rico (inglês, alemão, americano, etc). Aquele que fica muito escandalizado quando esses casos batem à sua porta mas que à séculos visita esses países à procura de prazeres proibidos.

    Sou o primeiro a mergulhar o orgão de um pedófilo criminoso em ácido mas detesto falso moralismos de quem não os deve dar. É por isso que considero estas acções anedotas, com o objectivo de mascarar o verdadeiro problema e fingir que isso resolve a situação.

    Pa' -- ouvindo isto apenas tenho um comentario para te fazer: vai-te tratar.

    Eu já segui o teu conselho anterior e inscrevi-me na tropa "para eles me emanciparem as ideias". :)
    Olha... e toma lá a tocha e o bidão de gasolina. Boa caçada!
    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por leitao em 09-08-02 11:29 GMT (#28)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    O João de 35 anos sente-se atraído sexualmente pela Joana que tem 5 anos. O João é pedófilo. Mas o João nunca iria distribuir material sexual com a Joana (por ser ilegal), nem nunca iria abusar sexualmente da Joana (por ser imoral e ilegal). É o João um criminoso?

    Nao -- mas e' susceptivel de se tornar num. E quando tal acontecer, quem vai pagar por isso e' uma familia inocente. Agora, a pergunta e': se alguem faz download de material pedofilo, deve ser investigado ? Tu achas que nao, eu acho que sim.

    Estando tu convertido ao UK passas logo por suspeito e sim, tb mais informado. Mas como já referi anteriormente, o eficiente é subjectivo. Eu classificava de diligente. Isso pq o UK vive em estado de trauma relativamente a esses assuntos. Sempre foram raptadas crianças em todos os países, a todo o momento e por todas as razões. Mas nunca como agora se viu esses casos a abrir noticiários.

    Nao -- nao e' uma questao de trauma. E' uma questao de aceitar e resolver um problema social grave, em vez de o tentar varrer para debaixo do tapete.

    A questao fundamental e': alguem que activamente lida com material pedofilo deve ter direito 'a privacidade ? Na minha opiniao a resposta e' um redundante nao.

    Só porque não encontras esse mercado à tua porta, não quer dizer que ele não exista noutros pontos do globo. Faz uma viagem à Tailândia, Cambodja ou Vietname por exemplo.

    Nesse caso cabe 'as entidades Tailandesas, Cambodjianas ou Vietnamitas resolver o problema -- nao a mim. A mim cabe-me resolver o problema no meu pais. A razao porque estes casos ocorrem e' precisamente por os paises que referes nao estarem interessados em resolver o problema.

    Sou o primeiro a mergulhar o orgão de um pedófilo criminoso em ácido mas detesto falso moralismos de quem não os deve dar. É por isso que considero estas acções anedotas, com o objectivo de mascarar o verdadeiro problema e fingir que isso resolve a situação.

    Desculpa -- entao qual e' na tua opiniao o verdadeiro problema, e como e' que o resolverias ?

    Eu já segui o teu conselho anterior e inscrevi-me na tropa "para eles me emanciparem as ideias". :) Olha... e toma lá a tocha e o bidão de gasolina. Boa caçada!

    Obrigado! Mas nao me acredito em bruxas -- acredito sim que uns anos na prisao resolviam a maioria das manias de certas pessoas.


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por BlueNote em 09-08-02 11:58 GMT (#29)
    (Utilizador Info)
    Nao -- mas e' susceptivel de se tornar num. E quando tal acontecer, quem vai pagar por isso e' uma familia inocente. Agora, a pergunta e': se alguem faz download de material pedofilo, deve ser investigado ? Tu achas que nao, eu acho que sim.

    Meu, tu também devias seguir o conselho que dás aqui abundantemente e consultar um psicólogo clínico. E não estou a brincar.

    Estás cada vez mais extremista. E não pensas nas consequências do que preconizas.

    Por exemplo, todas as pessoas são susceptíveis de matar alguém. A capacidade de matar está codificada nos nossos genes, é uma condição necessária à sobrevivência na selva, é Humana. Se formos pelos teus pontos de vista, todos devemos andar sempre com um polícia atrás de nós.

    Todos os utilizadores masculinos da net já devem ter feito download de algum tipo de material porno (senão não são Humanos!) quanto mais não seja quando eram teenagers.

    Se esse pessoal for parar a um site pedófilo, achas que deve passar automáticamente a estar sob suspeita?? É que não é por nada, mas é extremamente fácil fazer uma busca com palavras que não têm nada a ver e ao seguir o link dar com um site porno!

    Isto para não falar de todos os truques usados por sites porno, como montar páginas isco sobre mp3 e fazer auto-loading dos sites porno com javascr1pts ou redirect! Se o dito sistema policial fizer destas "magias" também está tudo bem??

    As pessoas não podem passar a estar vigiadas por pensar em cometer actos! Pensar não pode ser crime! Perpetrar sim, é crime. Mas daí a provocar a perpetração de um acto criminoso, para depois o punir, vai uma grande diferença!

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por MavicX em 09-08-02 12:07 GMT (#31)
    (Utilizador Info)
    Apoiado

    Pedro Esteves

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por leitao em 09-08-02 14:41 GMT (#42)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Estás cada vez mais extremista. E não pensas nas consequências do que preconizas.

    Portanto -- eu estou/sou extremista ? Esta' aqui a ser criticado o facto de a policia de um pais Europeu usar um metodo para localizar potenciais pedofilos -- esta' a ser criticado por pessoas que nao conhecem os problemas desse pais, nao conhecem os metodos da policia nem o sistema legal desse mesmo pais ? Nesse caso, eu sou extremista -- e as pessoas que criticam a iniciativa sao arrogantes.

    Por exemplo, todas as pessoas são susceptíveis de matar alguém. A capacidade de matar está codificada nos nossos genes, é uma condição necessária à sobrevivência na selva, é Humana. Se formos pelos teus pontos de vista, todos devemos andar sempre com um polícia atrás de nós.

    Estas-me a dizer que toda a gente e' susceptivel de molestar sexualmente criancas ? E que isso e' normal ?

    Todos os utilizadores masculinos da net já devem ter feito download de algum tipo de material porno (senão não são Humanos!) quanto mais não seja quando eram teenagers.

    Pedofilia nao e' material porno. Pornografia e' mais que normal, pedofilia nao.

    Se esse pessoal for parar a um site pedófilo, achas que deve passar automáticamente a estar sob suspeita??

    Nao -- claro que nao -- nem a policia espera isso. Mas se o fizeres todos os dias, entao achas que e' sempre por "engano" ?

    As pessoas não podem passar a estar vigiadas por pensar em cometer actos! Pensar não pode ser crime! Perpetrar sim, é crime. Mas daí a provocar a perpetração de um acto criminoso, para depois o punir, vai uma grande diferença!

    Claro que nao devem ser vigiadas -- nem ninguem disse isso. A policia nao esta' a sniffar o que andas a fazer, esta' sim a procurar padroes de comportamento que indiquem que es um potencial pedofilo. Qual e' o problema disso ?


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:1)
    por Psiwar em 09-08-02 13:32 GMT (#36)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Nao -- mas e' susceptivel de se tornar num. E quando tal acontecer, quem vai pagar por isso e' uma familia inocente. Agora, a pergunta e': se alguem faz download de material pedofilo, deve ser investigado ?

    Então sempre concordamos que por si, ser pedófilo não é crime. Relativamente à pergunta, eu respondo: Sim... e Não. Se eu te disser para ires visitar o site www.noticiafixe.com que tem lá uma noticia interessante e tu fores redirecionado para um site onde te aparecem imagens pedófilas, mereces ser investigado? É que acabaste de fazer o download de imagens pedófilas para o teu computador.

    A questao fundamental e': alguem que activamente lida com material pedofilo deve ter direito 'a privacidade ? Na minha opiniao a resposta e' um redundante nao.

    Também concordo que sim. E quanto às pessoas que vão parar ao engano a esses sites ou sentem curiosidade (profissional ou não) em investigar o tema? Também não tém direito à privacidade? São os perigos que estava a tentar explicar.

    A mim cabe-me resolver o problema no meu pais. A razao porque estes casos ocorrem e' precisamente por os paises que referes nao estarem interessados em resolver o problema.

    Mas as outras criancinhas também não tem direito? Como queres resolver um problema de escala mundial, se te limitares ao teu quintal? Além disso, esses países só não resolvem esses probs porque precisam do dinheiro do "turismo". E entre morrerem à fome ou venderem as suas crianças ao sexo, penso que eles não hesitam muito. Eu não os tou a defender, apenas estou a mostrar que nem sempre é preto no branco.

    Desculpa -- entao qual e' na tua opiniao o verdadeiro problema, e como e' que o resolverias ?

    Muito bem. Assim já nos entendemos.

    Por exemplo, relativamente a este tema dos sites, em vez de estar a montar mais sites de pedofilia (nem que seja para servir de isco) porque não se concentram em fechar, manter fechados e impedir novos de sites com material desse? Isto, aos sites alojados em solo britânico (por exemplo). E já que não podem fechar sites noutros países, podem obrigar, por lei, os ISP's a bloquear o acesso a esses sites. Claro que não é infalível mas pelo menos ia dificultar o acesso a um grande número de pedófilos. E, relativamente à liberdade de expressão, era só uma questão de atribuir a uma comissão o poder para decidir o que era legal e ilegal porque por exemplo, os naturistas, não tem problemas de nenhuma ordem em andar com as suas crianças nuas em público. E existe sempre espaço para o nú artistico.

    E porque não contribuir para os cofres dos países pobres, para eles marcarem os pedófilos internacionais, em vez de deixarem os seus cidadãos pagarem por actos pedófilos nesses países?

    Porque não recompensar hackers que andem atrás e destruam redes pedófilas na net? Há alguns que o fazem só por serem bons cidadãos mas por vezes falta a motivação... E quando eles próprios são tratados como criminosos a torto e a direito.

    acredito sim que uns anos na prisao resolviam a maioria das manias de certas pessoas.

    Voltaste a descanbar. Então fizeste-me perder tempo a ingressar no exército para agora me quereres meter na prisa? Pronto, eu vou ver se o Tarrafal ainda tem uma vaga para mim...
    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por leitao em 09-08-02 15:14 GMT (#45)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Então sempre concordamos que por si, ser pedófilo não é crime. Relativamente à pergunta, eu respondo: Sim... e Não. Se eu te disser para ires visitar o site www.noticiafixe.com que tem lá uma noticia interessante e tu fores redirecionado para um site onde te aparecem imagens pedófilas, mereces ser investigado? É que acabaste de fazer o download de imagens pedófilas para o teu computador.

    Ou nao les o que tenho estado a dizer ou estas confuso. A policia nao vai prender ninguem porque fizeste download de material pedofilo uma vez ou duas. A policia vai-te sim investigar se tiveres um comportamento indicativo de um pedofilo -- i.e., se regularmente acederes a conteudo pedofilo.

    Também concordo que sim. E quanto às pessoas que vão parar ao engano a esses sites ou sentem curiosidade (profissional ou não) em investigar o tema? Também não tém direito à privacidade? São os perigos que estava a tentar explicar.

    E de que forma e' que a privacidade destas pessoas e' violada ? A policia (na realidade a Scotland Yard) apenas te ira' investigar se mostrares comportamentos indicativos de estares a agir criminalmente. Nao vai automaticamente te bater 'a porta. Porra, e' dificil de perceber isto ?

    Por exemplo, relativamente a este tema dos sites, em vez de estar a montar mais sites de pedofilia (nem que seja para servir de isco) porque não se concentram em fechar, manter fechados e impedir novos de sites com material desse?

    Porque muitas vezes a policia nao tem jurisdicao para o fazer, e porque provavelmente aparecem sites novos todos os dias.

    E já que não podem fechar sites noutros países, podem obrigar, por lei, os ISP's a bloquear o acesso a esses sites.

    Mesma razao que a anterior.

    E porque não contribuir para os cofres dos países pobres, para eles marcarem os pedófilos internacionais, em vez de deixarem os seus cidadãos pagarem por actos pedófilos nesses países?

    E esta contribuicao vinha de onde ? Dos teus impostos ? Ja' agora porque nao subsidiar a recuperacao dos consumidores de droga nestes paises ? Ou a criacao de habitos de higiene ? Cada pais tem a responsabilidade do bem estar da sua populacao. Se vamos por esse caminho entao um dia destes estavas a subsidiar o que mais ?

    Porque não recompensar hackers que andem atrás e destruam redes pedófilas na net? Há alguns que o fazem só por serem bons cidadãos mas por vezes falta a motivação... E quando eles próprios são tratados como criminosos a torto e a direito.

    A isso chamam-se milicias -- normalmente as milicias alem de nao terem autoridade, nao agem racionalmente.


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por Psiwar em 13-08-02 20:32 GMT (#54)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Ou nao les o que tenho estado a dizer ou estas confuso. A policia nao vai prender ninguem porque fizeste download de material pedofilo uma vez ou duas. A policia vai-te sim investigar se tiveres um comportamento indicativo de um pedofilo -- i.e., se regularmente acederes a conteudo pedofilo.

    Andamos aqui numa conversa de surdos e estás a ser redundante porque em nenhum lado te diz que só vais ser investigado se fores utilizador "frequente".

    E relativamente às ideias que dei, estás a ser muito esquisito. Pensei que o objectivo fosse resolver o problema. E se apoias a utilização do método da armadilha para apanhar estes criminosos ainda parece mais estranho...

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por Maeglin em 09-08-02 13:54 GMT (#37)
    (Utilizador Info)
    "Pedófilo = Pessoa que sente atraída sexualmente por crianças. Certo? "

    Mais ou menos :

    Pedofilia = substantivo feminino
                            atracção sexual mórbida do adulto pelas crianças;

    Pedofilo= adjectivo ; relativo à pedofilia.
    substantivo masculino:
    aquele que se sente sexualmente atraído por crianças;

    A unica questão é a atracção ser considerada Mórbida...


    "When I answered where I wanted to go today, they just hung up" (Unknown Author)
    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:1)
    por Psiwar em 09-08-02 14:15 GMT (#40)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    De facto a utilização da palavra mórbida para definir pedofilia torna a coisa interessante.

    Ora se a pedofilia é uma atracção doentia por crianças, como se chama a uma atracção não doentia por crianças? Não existe?

    Quer dizer que qq pessoa que tenha o minimo interesse sexual por crianças é candidato ao hospital psiquiátrico?

    Isso levanta muitas questões relativamente ao modo de funcionamente do cérebro humano. E por isso, requer algum cuidado na abordagem. Não vamos começar a prender pessoas só por pensarem, né? Tornar-se-ia num precedente perigoso.
    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por mlemos em 09-08-02 12:26 GMT (#33)
    (Utilizador Info) http://www.ManuelLemos.net/
    A tua comparação da pedofilia com o a droga é descabida porque as vítimas da pedofilia são crianças inocentes enquanto as vítimas da droga são os próprios que a consomem.

    Nenhum inocente vai consumir material pedófilo. Pedofilia é um disturbio mental para o qual tanto quanto sei não existe cura. A única solução é capturar pedófilos activos e afastá-los da sociedade até que se ache uma cura que os recupere ao ponto de serem considerados seguros para as crianças.

    Não tens provas que o método é ineficaz, e por isso os teus comentários são ainda mais descabidos porque defendes o que não tem defesa possível, que é a passividade perante a evidência de se terem encontrados suspeitos de pedofilia através de um método proactivo que custa muito menos que a maior parte das investigações feitas depois de se terem descoberto as vítimas.

    Perante a imbecilidade dos teus comentários que só servem para mostrar que é mais importante para ti ter razão no Gildot, do que resolver um problema que repugna todo mundo, não vale a pena continuar a discutir contigo. Aliás, infelizmente esse é o mal de alguns que frequentam o Gildot com mentalidade sindicalista, porque só sabem ser do contra, mesmo que isso signifique usar argumentos completamente descabidos como os teus.


    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:1)
    por Psiwar em 09-08-02 14:02 GMT (#39)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Comparação != Igualdade

    Só por comparar este problema com o problema da droga, não quero dizer que sejam iguais. Apenas quero dizer que existem termos de comparação. Ora ninguém está a comparar as vítimas, mas até na droga, geralmente as vítimas acabam por ser as pessoas da família ou então os coitados que são assaltados e mortos por toxicodependentes à procura de euros.

    Pedofilia é um disturbio mental para o qual tanto quanto sei não existe cura.

    Pessoalmente sou contra a considerar a pedofilia uma doença. O cérebro humano é demasiado complexo para o fazer. Há pessoas que gostam de sexo em grupo, outras que gostam de sexo com animais, outras gostam de sexo com maquinaria e outros objectos inanimados, outros ainda gostam de sexo... com parceiros do mesmo sexo. Pois é, alguns séculos atrás a homosexualidade era considerada "um disturbio mental" e olha hoje em dia... Há alguns séculos atrás, a nobreza casava jovens de 12,13 e 14 anos com adultos... e por vezes muito adultos. A própria cultura asiática é muito mais tolerante ao sexo com crianças do que no ocidente.... enfim.
    Doença? Por favor... não inventemos desculpas. Eu mergulhava o orgão de qq pedófilo criminoso em ácido e estava o assunto arrumado. Mas pelo menos, eu sei que não sou dono da verdade e estou disposto a discutir esse tema.

    Não tens provas que o método é ineficaz, e por isso os teus comentários são ainda mais descabidos porque defendes

    Não sei porque partes do principio que estou a defender algo ou alguém. Quando se critica algo (construtivamente), o objectivo é melhorar ou arranjar alternativas mais eficazes. Se consideras estas acções suficientes para garantir a segurança dos teus filhos, então estás no teu direito. Mas eu estou no meu direito de achar que não e já indiquei porquê.

    Perante a imbecilidade dos teus comentários que só servem para mostrar que é mais importante para ti ter razão no Gildot, do que resolver um problema que repugna todo mundo, não vale a pena continuar a discutir contigo. Aliás, infelizmente esse é o mal de alguns que frequentam o Gildot com mentalidade sindicalista, porque só sabem ser do contra, mesmo que isso signifique usar argumentos completamente descabidos como os teus.

    Não percebo porque hoje em dia se falta ao respeito por tudo e por nada. Só porque tenho uma opinião e ideias diferentes que estou disposto a discutir, passo logo a ser imbecil, sindalista, de esquerda e narcisista? Santa paciência...

    Continuamos a ter medo do escuro e do desconhecido? Temos que catalogar tudo o vemos para fingir que percebemos e dar-nos uma (falsa) sensação de segurança? Ao menos, esperem até chegarem à terceira idade para se daram como vencidos. Entendam a condição de se ser humano antes de se atirarem à garganta uns dos outros.

    E garanto-te que se fosse um problema que "repugna o mundo todo", esse problema não existia...
    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por leitao em 09-08-02 15:25 GMT (#46)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Há alguns séculos atrás, a nobreza casava jovens de 12,13 e 14 anos com adultos... e por vezes muito adultos.

    Isso e' uma falacia -- 'a seculos atras o periodo de infancia era extremamente curto. Uma pessoa de 13 anos em 1700 estava ja' perto do meio da esperanca media de vida (ou ate' para la' de).

    Hoje em dia o periodo de infancia de uma crianca e' cada vez mais longo, e ainda se segue a adolescencia.

    Não percebo porque hoje em dia se falta ao respeito por tudo e por nada. Só porque tenho uma opinião e ideias diferentes que estou disposto a discutir, passo logo a ser imbecil, sindalista, de esquerda e narcisista? Santa paciência..

    Ninguem te criticou por isso -- critico-te sim por insistires que conheces bem a realidade, enquanto a policia nao. Ja' pensaste em ir dizer 'a policia como e' que deviam resolver o assunto ? Pode ser que saibas mais do que eles.

    Doença? Por favor... não inventemos desculpas.

    Diz-me, entao e' o que ? Comportamento obcessivo talvez... que no foro psiquiatrico e'... adivinha, uma doenca!

    Continuamos a ter medo do escuro e do desconhecido?

    No comments.


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por leitao em 09-08-02 17:55 GMT (#50)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Por esse ponto de vista, tinhamos de considerar pedófilos todos os homens que voltam a cabeça na rua ou na praia para ver apreciar as meninas de 16, 17 e 18 anos.

    Nao -- nao disse isso. O exemplo que dei foi de uma crianca de 13 anos. Tas a ver a diferenca ?

    Legalmente podes ter um parceiro sexual que tenha um minimo de 16 anos -- e' problema teu se gostas de carne fresca ou nao. Ja' e' problema da policia se decidires que 13 anos e' uma idade apropriada.

    Como nas sociedades urbanas com o retardar na entrada na vida activa, a adolescência psicológica se prolonga cada vez mais, teríamos de levar a pedofilia até aos 25 ou 26 anos!!

    Nao me parece que a vida activa e a adolescencia psicologica tenha relacao. O factor relevante e' sim se alguem (seja crianca ou nao) e' molestada e afectada por alguem a abusar sexualmente.


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:2)
    por leitao em 10-08-02 0:40 GMT (#51)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    Pessoalmente sou contra a considerar a pedofilia uma doença. O cérebro humano é demasiado complexo para o fazer. Há pessoas que gostam de sexo em grupo, outras que gostam de sexo com animais, outras gostam de sexo com maquinaria e outros objectos inanimados, outros ainda gostam de sexo... com parceiros do mesmo sexo.

    Olha -- vou-te dar um exemplo extremo, mas que espero exemplifique como alguem que ou foi vitima, ou conhece vitimas de pedofilia se sentiria ao ler esta tua posicao pseudo-libertaria.

    Imagina que eu tinha a tara da necrofilia (subgrupo da tara por objectos inanimados como tu descreves). Imagina agora que um dia sodomizava o cadaver da tua mae e colocava o home-movie num site qualquer para necro's. Achavas piada ? Achas-te revoltado ? Pois olha que do ponto de vista meramente racional esta situacao e' mais aceitavel (visto ser um "objecto inanimado") do que o abuso de uma crianca de 13 anos, nao achas ?

    Mas nao achas piada, pois nao ? Nao achas piada porque agora mentalmente colocas uma cara na vitima. Percebes ?

    E agora diz-me: achas sinceramente que a privacidade absoluta de alguns individuos vale destruires a vida de dezenas ou centenas de vitimas ?


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:1)
    por Psiwar em 13-08-02 20:40 GMT (#55)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Por muito que respeite a dor de pessoas que já passaram por este problema e sem a menor dúvida de como me sentiria e agiria se o problema me batesse à porta, isso não invalida uma discussão aberta, sem emoções, em torno de uma questão problemática.

    Para além disso aqui ninguém anda a exigir privacidade absoluta para criminosos, apenas estava a alertar que existem falhas nos cuidados a ter para não implicar pessoas inocentes. Sem falar que também estava em discussão a relativa ineficácia deste método...

    Tivemos um bom exemplo de eficácia neste fds... e tudo começou com uma ONG que andou a ver videos pedófilos, vindo a descobrir a identidade de um criminoso e que levou à captura de uma rede internacional,
    Re:Mania de criticar o que funciona (Pontos:1)
    por Mulder3 em 09-08-02 14:41 GMT (#43)
    (Utilizador Info)
    Claro que pelo IP não se sabe exactamente quem são as pessoas, mas com isso é muito fácil conseguir a sua identificação com um mandato que obrigue os respectivos ISPs a revelá-la.

    Olha que não sei se uma ordem judicial no UK vale muito por paises com irao, iraque, ilhas caemoes, etc..
    PS-até mesmo no UK há um sitio desses, li á tempos numa pseudo-revista de informatica(PCformat) que havia uma especie de ilha do UK independente que não era abrangida pelas leis do UK, chama-se sealand (www.sealandgov.com)
    Pages (Pontos:0, Interessante)
    por Anonimo Cobarde em 09-08-02 9:00 GMT (#19)
    Que tal fecharem estas pages antes ?

    http://www.freelola.net//enter.html

    http://free-lolita.org/

    http://www.viplolita.com/

    Não são muito dificeis de encontrar e todos tem fotos de raparigas menores e milhares de link para outros sites. Naveguem 5 minutos nesses links e popups para verem o peso da pedofilia na Net.


    20 Pedófilos presos (Pontos:1)
    por Psiwar em 11-08-02 21:29 GMT (#52)
    (Utilizador Info) http://www.netcode.pt
    Apesar desta discussão já estar morta, esta noticia que aparece no fds a seguir a este artigo, mostra o mal e o bem que a Internet trouxe a este problema. Por isso, deixo aqui o link para a noticia completa para ficar arquivado com esta discussão.

    É interessante ver como uma ONG dedicada a este tema não precisou de armadilhas para apanhar os criminosos e apenas analisou o cruel material pedófilo para apanhar um deles e assim chegar aos outros 20.

    O que é mais triste nestes casos é que para além do trauma que estas crianças enfrentaram, agora também passaram a ser orfãos...

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]