gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Estou? Onde estás?
Contribuído por BladeRunner em 05-08-02 9:11
do departamento he-is-watching-you
Big Brother is watching you André Simões escreve "No Público de hoje (2002-08-04) um artigo bastante interessante sobre a futilidade da maioria das conversas telefónicas, bem como do controlo apertado que muitos paizinhos começam a exercer sobre a sua prole, telefonando de 10 em 10 minutos com a irritante pergunta "onde estás, com quem estás, quando voltas para casa?". O telemóvel ameaça tornar-se (e não se terá já tornado?) uma espécie de Big Brother, um autêntico par de algemas nos bolsos de muita gente. Lembram-se da polémica que foi aquele pacote da defunta telecel que ameaçava com a possibilidade de o patrão poder saber por onde andava o empregado (legítimo, como o consentimento do empregado; escandaloso, sem o seu consentimento)? Prepara-se o round 2, com o GPS incorporado... O sonho de qualquer paizinho controlador, a bênção divina de qualquer patrão sem escrúpulos.
Pegando nas palavras da autora do artigo, começo a imaginar como teria sido a minha adolescência com todo o controlo que os paizinhos actuais impõem sobre os seus filhos. Graças aos deuses que não havia telelés na altura!
Estes e outros problemas aqui."

Clientes de telemóveis ultrapassam os 8 milhões | Quero controlo sobre o meu domínio!  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • André Simões
  • aqui
  • Mais acerca Big Brother is watching you
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    como dizia o outro (Pontos:3, Interessante)
    por racme em 05-08-02 9:53 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    quem nao tem nada a temer... ;)

    nao sinceramente, o teu artigo levanta algumas questoes pertinentes e muito interessantes.
    Nao ha nada mais penoso que um pai ausente na educacao de um filho, pela forca psicologica que podera representar "o pai" no crescimento de uma criança.

    Talvez aqui se esteja a extremar um pouco, deixa-se de acompanhar um filho para se passar ao control sistematico dos seus passos e isso é na minha opiniao errado.
    Se os telemoveis etc, providenciam essa funcionalidade o mal nao estas nesses dispositivos electronicos pq se nao forem os telemoveis sao outros aparelhos semelhantes criados pro efeito. (Ja acontecia o mesmo com os bips etc.)

    Os pais é que tem de ter uma formação adequada para o serem, eu nao me importava nada, e deveria ser obrigatorio que quem é futuro pai, umas aulinhas depois do horario pos-laboral numa escola perto da sua residencia. Patrocionado pelo estado, mas com os encargos a serem suportados pelos pais.

    Quanto a historia dos patroes/empregados control do patrao nao, control da empresa sim. Se tenho de ficar enfiado num escritorio, sou monotorizado pelo meu superior de x em x tempo, uma simples ida ao meu gabinete para conversar sobre determinado assunto, etc.
    Porque raio por exemplo quem anda na estrada/fora da empressa/etc nao o deve ser tb ?!
    Mas obviamente isso depende muito do emprego, do contracto, etc etc,

    agora nao providenciar, disponibilizar uma funcionalidade ou dispositivo electronico pra sociedade porque este tera efeitos sociologicos, isso então é que ta errado. Senao vamos ver qual o papel da TV na formacao de um jovem e por ai fora..


    ...no reino de Quelthalas...
    im awake, im awake!
    Re:como dizia o outro (Pontos:2)
    por Gimp em 05-08-02 13:32 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    "Os pais é que tem de ter uma formação adequada para o serem, eu nao me importava nada, e deveria ser obrigatorio que quem é futuro pai, umas aulinhas depois do horario pos-laboral numa escola perto da sua residencia. Patrocionado pelo estado, mas com os encargos a serem suportados pelos pais."

    Formação adequada para o serem? Faz-me lembrar os padres que dão conselhos sobre o casamento... Ehehehehh, que é que andas a fumar?


    "No comments"

    Re:como dizia o outro (Pontos:2)
    por Gimp em 05-08-02 22:28 GMT (#29)
    (Utilizador Info)
    Fazer 2 exames não implica que passes a ser um bom condutor, pelo contrário, pode significar mais um trolha na estrada! Ser pai implica muita responsabilidade e paciência (eu que o diga), e assim como ninguém nasce ás do volante mas pode aprender a conduzir, ninguém nasce pai e muito menos aprende a sê-lo num cursozinho de formação. Lugares-comuns... e mais ainda agora que depois de ser pai compreendo algumas frases chatas dos meus.


    "No comments"

    Re:como dizia o outro (Pontos:3, Interessante)
    por Dehumanizer em 05-08-02 23:18 GMT (#30)
    (Utilizador Info)
    Até aceito que não se aprende "num cursozinho de formação", mas qual é a tua alternativa?

    Há muita diferença entre ter um filho, e ser pai - e é óbvio que muita gente tem filhos sem ter capacidade para os ter, muitas vezes até sem realmente os querer ter.

    Ou achas que qualquer um que uma noite não use preservativo com a namorada/mulher, e depois espere nove meses, é automaticamente um "bom pai"?


    "To underestimate one's self is as much a departure from truth as to exaggerate one's own powers"
    - Sherlock Holmes
    Re:como dizia o outro (Pontos:2)
    por Gimp em 06-08-02 8:33 GMT (#34)
    (Utilizador Info)
    Como a coisa já tá a fugir do post original vou ser breve. Ter um filho por, eufemisticamente, azar, não é sinónimo de ter que tirar curso para pai, mas sim educação sexual e/ou cabeça fria (eheheh). P.S. : aprender que os bonecos das fraldas é para a frente até se aprende num cursozinho, o resto...bem, é no dia a dia.


    "No comments"

    Re:como dizia o outro (Pontos:1)
    por jorgelaranjo em 06-08-02 1:07 GMT (#32)
    (Utilizador Info) http://www.naecum.com/fueg0/
    "Fazer 2 exames não implica que passes a ser um bom condutor, pelo contrário, pode significar mais um trolha na estrada!"

    Trolha:pedreiro ordinário ou servente de pedreiro; in Dicionário UNIVERSAL da Língua Portuguesa



    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    Re:como dizia o outro (Pontos:2)
    por Gimp em 06-08-02 8:28 GMT (#33)
    (Utilizador Info)
    Trolha: tradução livre da minha parte para troll, néscio, chico esperto, acelera,etc,etc,etc regards


    "No comments"

    Re:como dizia o outro (Pontos:2)
    por Dehumanizer em 06-08-02 17:12 GMT (#40)
    (Utilizador Info)
    Não é boa idéia redefinir termos já existentes... :)

    Troll: 1. v.,n. [From the Usenet group alt.folklore.urban] To utter a posting on Usenet designed to attract predictable responses or flames; or, the post itself. Derives from the phrase "trolling for newbies" which in turn comes from mainstream "trolling", a style of fishing in which one trails bait through a likely spot hoping for a bite. The well-constructed troll is a post that induces lots of newbies and flamers to make themselves look even more clueless than they already do, while subtly conveying to the more savvy and experienced that it is in fact a deliberate troll. If you don't fall for the joke, you get to be in on it. See also YHBT. 2. n. An individual who chronically trolls in sense 1; regularly posts specious arguments, flames or personal attacks to a newsgroup, discussion list, or in email for no other purpose than to annoy someone or disrupt a discussion. Trolls are recognizable by the fact that they have no real interest in learning about the topic at hand - they simply want to utter flame bait. Like the ugly creatures they are named after, they exhibit no redeeming characteristics, and as such, they are recognized as a lower form of life on the net, as in, "Oh, ignore him, he's just a troll." Compare kook. 3. n. [Berkeley] Computer lab monitor. A popular campus job for CS students. Duties include helping newbies and ensuring that lab policies are followed. Probably so-called because it involves lurking in dark cavelike corners.

    Some people claim that the troll (sense 1) is properly a narrower category than flame bait, that a troll is categorized by containing some assertion that is wrong but not overtly controversial. See also Troll-O-Meter.

    The use of `troll' in either sense is a live metaphor that readily produces elaborations and combining forms. For example, one not infrequently sees the warning "Do not feed the troll" as part of a followup to troll postings.


    "To underestimate one's self is as much a departure from truth as to exaggerate one's own powers"
    - Sherlock Holmes
    Re:como dizia o outro (Pontos:1)
    por jorgelaranjo em 05-08-02 13:45 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://www.naecum.com/fueg0/
    Alguém me disse que com o 'NETMONITOR' instalado nos NOKIA 6210 dá para ver onde estamos, onde está o outro telefone, a RX a TX e muito mais...

    Até com o PDA dá para instalar... :)

    Quer dizer... disseram-me...

    You know what i mean...

    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    Re:como dizia o outro (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 05-08-02 18:32 GMT (#23)
    Os alcatel tb dão desde que se saiba os códigos das antenas e sem nada mais adcional :)

    Ops.. de outro telemovel nao sei mas pelo menos do proprio telemovel da.

    000000*

    Trace
    Abaixo os telemoveis (Pontos:2)
    por TarHai em 05-08-02 10:44 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://www.dilbert.com
    Viva os toques diferentes e a identificacao de numero. E quase como um firewall no telemovel. A unica chatice e q ainda se gasta bateria com os mip-mip das chamadas.

    So mesmo neste pais e q se liga o telemovel ao aumento de produtividade. Existem locais onde e impossivel trabalhar porque todos os 10 minutos um telemovel toca e todos os trabalhadores da sala param, primeiro de susto, depois a pensar q e o seu telemovel a tocar e finalmente, para ouvir a conversa do outro.

    ... gostava de ter um bloqueador de telemoveis portatil.
    ---
    Re:Abaixo os telemoveis (Pontos:1)
    por pedro em 05-08-02 13:16 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    procura cellphone jammer no google
    -- bgp is for those who can't keep it static long enough
    Re:Abaixo os telemoveis (Pontos:2)
    por TarHai em 05-08-02 15:13 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://www.dilbert.com
    Ummm, suspeito que o ICP nao me deixara usar isso.
    ---
    Re:Abaixo os telemoveis (Pontos:1)
    por slug em 05-08-02 16:27 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    uma coisa é deixar (legal), outra é impedir (prática) ;)
    If people buy it, it will come. (Pontos:4, Esclarecedor)
    por leitao em 05-08-02 10:44 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://scaletrix.com/nuno/
    O telemóvel ameaça tornar-se (e não se terá já tornado?) uma espécie de Big Brother, um autêntico par de algemas nos bolsos de muita gente. Lembram-se da polémica que foi aquele pacote da defunta telecel que ameaçava com a possibilidade de o patrão poder saber por onde andava o empregado (legítimo, como o consentimento do empregado; escandaloso, sem o seu consentimento)? Prepara-se o round 2, com o GPS incorporado... O sonho de qualquer paizinho controlador, a bênção divina de qualquer patrão sem escrúpulos.

    Isso cabe 'a escolha de qualquer um -- se nao gostas nao compres, e se nao concordas com a politica do empregador -- nao aceites o telemovel, ou entao desliga-o e faz redirect das chamadas para o teu telele' pessoal.

    Actualmente a tecnologia permite fazer coisas destas, mas isso nao e' necessariamente mau -- cabe a cada um fazer o seu juizo e implementar ou nao os cenarios "Orwellianos".

    Regards,


    echo '[dO%O+38%O+PO/d00]Fi22os0CC4BA64E418CE7l0xAP'|dc

    Re:If people buy it, it will come. (Pontos:2)
    por ribeiro em 05-08-02 10:51 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    eh, Não se esqueçam que os redirects pagam-se... ;->
    Por cá, temos de aceitar telele para trabalho, mas nem tudo são espinhos. Temos um plafond, que podemos gastar como entender.

    --
    Telemóveis? (Pontos:2)
    por Dehumanizer em 05-08-02 14:08 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    Acho que se está a culpar a tecnologia, quando o problema são papázinhos inseguros e possessivos. Em resumo, maus pais.

    Um telemóvel é uma coisa *muito* útil, e pessoalmente nunca me chateou estar contactável em qualquer sítio ou altura. Se não quero que me chateiem (ex. cinema) desligo o telemóvel (mau exemplo, eu sei, já o desligaria pela razão óbvia de não incomodar).


    "To underestimate one's self is as much a departure from truth as to exaggerate one's own powers"
    - Sherlock Holmes
    A mim nao... (Pontos:1)
    por jorgelaranjo em 05-08-02 14:22 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.naecum.com/fueg0/

    "Pegando nas palavras da autora do artigo, começo a imaginar como teria sido a minha adolescência com todo o controlo que os paizinhos actuais impõem sobre os seus filhos. Graças aos deuses que não havia telelés na altura!"

    Interessante... eu tive telefone na minha juventude e nao tive esse tipo de problemas...
    Mas cada um é como cada qual.
    Não é por te telefonarem e te perguntarem onde andas que és obrigado a dizer a verdade.
    Podes muito bem mentir... e é tão fácil porque os telefones não têm cams .)
    É tudo uma questão de educação. Assim sendo só há uma solução: Tem de se aprender em casa, junto dos pais, o que é certo e errado!
    O que nos pode ajudar e o que nos pode prejudicar

    Enfim... senso comum!



    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    Re:A mim nao... (Pontos:2)
    por racme em 05-08-02 14:29 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Podes muito bem mentir... e é tão fácil porque os telefones não têm cams .)

    nao te preocupes q ja pensaram nisso ;)
    esse bug ja foi corrigido e sai na proxima versao 3.0G do GSM q por sinal vai mudar de nome pra UMTS

    vase la entender esta industria, que com tanto nome como raio querem eles que os telefones se implementem em Portugal.

    ainda no outro dia li num artigo que em Portugal so 8 mil Habitantes possuiam telele.
    nao admira estarmos sempre na cauda da europa :??


    ...no reino de Quelthalas...
    im awake, im awake!
    Re:A mim nao... (Pontos:2)
    por Dehumanizer em 05-08-02 14:40 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    Mentir? Ná.

    É muito mais inteligente *e* produtivo (pelo menos a longo prazo) dizer algo do género de "mãe, não é nada saudável estares sempre a controlar-me. Não confias em mim?"

    Se um filho nunca chama a atenção do pai/mãe para como este/a último/a está a ser ridículo/a, os pais vê-lo-ão sempre como uma criança. Tanto aos 5 como aos 15 como aos 25 como...


    "To underestimate one's self is as much a departure from truth as to exaggerate one's own powers"
    - Sherlock Holmes
    Re:A mim nao... (Pontos:2)
    por Gimp em 05-08-02 17:01 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    A solução é não dar um télélé ao minino/minina. Pelos comentários vejo que há pessoal que precisa de psicanálise para resolver problemas pendentes... :-).


    "No comments"

    Re:A mim nao... (Pontos:2)
    por Dehumanizer em 05-08-02 17:20 GMT (#20)
    (Utilizador Info)
    O problema não está no télélé, nem no minino/minina, nem no facto de este/esta ter um daqueles.

    Está no papá e/ou na mamã.


    "To underestimate one's self is as much a departure from truth as to exaggerate one's own powers"
    - Sherlock Holmes
    Re:A mim nao... (Pontos:2)
    por Lowgitek em 05-08-02 18:41 GMT (#25)
    (Utilizador Info) http://www.ideiasdigitais.co.pt
    ou mesmo no minino/minina que leva a que os pais sejam desconfiados.

    Acho que o problema é das duas partes devem sempre procurar um entendimento e uma relaçao de amizade.

    Btw. Não sabia que o Gildot tinha virado consultório de psicanalize, entretanto artigos propostos como o meu (2002-08-03 22:43:04 Era uma vez a privacidade... (articles,)) Não se veem aprovados... enfim..

    Re:A mim nao... (Pontos:1)
    por jorgelaranjo em 05-08-02 21:39 GMT (#28)
    (Utilizador Info) http://www.naecum.com/fueg0/

    parece que não és o único...

    E a lista é grande...

    2002-07-31 13:09:55 ICANN obrigado por tribunal a permitir acesso a ar (articles,internet)
    2002-07-31 19:35:49 M$ anti P2P (articles,microsoft)
    2002-08-01 00:21:46 Viciados em Internet em Portugal (articles,internet)
    2002-08-02 23:28:33 Tecla Ctrl no IE pode abrir a porta a intrusos (articles,bug)
    2002-08-02 23:34:03 Clientes de telemóveis ultrapassam os 8 milhões (articles,telecom) (aceite)
    2002-08-04 15:26:49 Vírus: ameaça real ou virtual? [Uma pedrada no WIN (articles,webfire)
    2002-08-04 15:30:38 O fim do mundo em 2019... (articles,espaco)
    2002-08-04 21:04:34 Wireless nas Universidades (articles,wireless)



    Cumprimentos,
    Jorge Laranjo
    01100110 01110101 01100101 01100111 00110000
    Re:A mim nao... (Pontos:2)
    por Lowgitek em 05-08-02 18:39 GMT (#24)
    (Utilizador Info) http://www.ideiasdigitais.co.pt
    Concordo plenamente contigo pelo menos até os novos telefones chegarem mas mesmo assim a maneiras para tudo.

    Acho que antes de pensar no telefone para dar aos filhos para pensar que sabe onde eles estão o melhor mesmo é educá-los abertamente para que estes não tenham que ser exprimidos para dizer onde estão e com quem andem mas que falem com os pais abertamente da sua vida e tenham estes como verdadeiros amigos e não como o vigario da esquina ou o padre ou qualquer outro agente que lhes metam respeito por obrigação ou opressão.

    Os pais e os filhos antes demais devem ter uma amizade que permitam um aos outros confiarem mutuamente e não viverem num jogo de eu faço aquilo que tu não sabes e eu sei aquilo que tu fazes em todo o momento (pelo menos pensam que sabem). Na minha adolescencia nunca tive desses problemas porque felizmente tive uma educaçao aberta e sem problemas e e essa que irei dar tb aos meus filhos, antes de pais amigos e confidentes.

    Os telemoveis só são mais um objecto do pseudo controlo que alguns pais pensam que tem sobre os filhos, visto que se elhes quiserem se meter em alhadas ou trabalho acabam por ir fazer a mesma com ou sem telemovel ou qualquer outro dispositivo de rastreamento utilizado pela CIA, FBI or whatever
    por falar em teleles... (Pontos:3, Informativo)
    por racme em 05-08-02 14:37 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    -OT-

    no outro dia, liguei pro 112 pra comunicar um acidente que tinha acabado de assitir na IC19.

    e embora tenha o "caller id" desactivado na TMN (vinha assim da loja e assim acabou por ficar)

    o rapaz do outro lado da linha, respondeume
    "voce é o numero 96-xxx-xxxx, nao é!?"
    "sou"
    "entao nao se preocupe nos tomamos conta da ocorrencia, se ouver necessidade entramos em contacto consigo"
    "..."

    Acabei por ficar a saber deste modo e para todos os efeitos, que o meu numero é disponibilizado as autoridades, quer para meu bem quer para meu mal.




    ...no reino de Quelthalas...
    im awake, im awake!
    Re:por falar em teleles... (Pontos:2)
    por mlopes em 05-08-02 15:37 GMT (#14)
    (Utilizador Info)
    o rapaz do outro lado da linha, respondeu-me "voce é o numero 96-xxx-xxxx, nao é!?"
    "sou"
    "entao nao se preocupe,
    all your base are belong to us"

    "They that can give up essential liberty to obtain a little temporary safety deserve neither liberty nor safety."

    -- Benjamin Franklin, 1759
    Re:por falar em teleles... (Pontos:2)
    por racme em 05-08-02 16:19 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    por falar nisso e visto tarmos mesmo numa de OT o bicampeao de Quake vai estar hoje na NTV :)

    All ur base belong to US
    a brincar a brincar tantas vezes a Joana levou o pote a fonte que acabram por partir o pote da Joana :P


    ...no reino de Quelthalas...
    im awake, im awake!
    Re:por falar em teleles... (Pontos:2)
    por Gimp em 05-08-02 16:58 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    Pois, que mauzinhos, imagina um brincalhão a ligar para o 112 e não ser identificado...


    "No comments"

    Re:por falar em teleles... (Pontos:2)
    por mlopes em 05-08-02 17:13 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    Sim, sim, telefona-lhes e espera por eles! O melhor é puxares uma cadeirinha, se não houver mais pessoas a participar a mesma ocorrência vais vê-los aparecer... é o apareces!

    "They that can give up essential liberty to obtain a little temporary safety deserve neither liberty nor safety."

    -- Benjamin Franklin, 1759
    Re:por falar em teleles... (Pontos:2)
    por Lowgitek em 05-08-02 18:45 GMT (#27)
    (Utilizador Info) http://www.ideiasdigitais.co.pt
    da ultima vez que tive que telefonar para o 112 o telefone tocou 25 vezes antes que me atendessem e dai depois demoraram 25 minutos para aparecerem e tudo por causa de um incendio em plena rua num caixote de lixo que ameaçava os carros estacionados, o mais grave disso tudo e que o quartel dos bombeiros está apenas a 200M do acontecido...

    O melhor mesmo e confiar e nas seguradoras... ou talves nao...
     

    Re:por falar em teleles... (Pontos:3, Interessante)
    por higuita em 05-08-02 23:31 GMT (#31)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025/
    da ultima vez que tive de usar o 112, eles atenderam passados uns 3 toques e apareceram em 10 minutos (embora pareca sempre uma eternidade, demorem 5min ou 30min...)
    posso garantir que fui o unico a telefonar.

    nao te esquecas que o carro, mesmo com sirenes, demora a chegar ao local devido ao transito...
    o pessoal bem que se desvia mas atrapalham sempre muito
    alem de que os proprios operadores teem de escolher os casos mais graves para mandar 1º as ambulancias/outros que estao mais proximos do local
    um gajo com uma perna partida vs um atropelamento grave quem achas que recebe 1º a ambulancia mais proxima?!

    neste caso aponto mais para a latencia que o 112 impoem e talvez um pouco de desleixo dos bombeiros (como era apenas um caixote do lixo, nao e' preciso correr, acaba-se o cafe e depois vai-se)

    depois de falares como 112, eles teem de procurar que posto dos bombeiros serve essa zona e telefonar para la', explicar a situacao e os bombeiros darem o alarme... depois de juntarem os bombeiros na viatura e verem onde fica o local, teem de se deslocar ao local com o transito que houver
    se estas a 200m de um quartel dos bombeiros, eu acho que teria mais logica ligar directamente para la' em vez de para o 112

    Higuita
    Re:por falar em teleles... (Pontos:1)
    por Mulder3 em 06-08-02 18:33 GMT (#41)
    (Utilizador Info)
    Se te quizeres armar em brincalhão telefonas para o 112 sem nenhum cartão SIM inserido, ai já não há identificação(a não ser que ele também tenham acesso ao IMEI)
    Re:por falar em teleles... (Pontos:2)
    por Lowgitek em 05-08-02 18:43 GMT (#26)
    (Utilizador Info) http://www.ideiasdigitais.co.pt
    E para num falar a uma chamada ao netfast onde o Sr tratou me directamente pelo meu nome completo mesmo com o número sem caller id vindo da rede vodafone, não foi coisa que tenha ligado muito mas achei estranho.

    Enfim já não ha mesmo privacidade.
    solucao simples (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 05-08-02 17:35 GMT (#21)
    Nao se atende o telemovel pura e simplesmente ou so se atende numeros conhecidos...É aquilo que faco.... Nao tou para ser controlado nem para aturar quem nao quero. Existe actualmente o vicio que pelo facto de as pessoas terem um telemovel tem que estar contactaveis 24h e quando a outra pessoa quer.
    Re:solucao simples (Pontos:2)
    por Eraser em 06-08-02 13:06 GMT (#35)
    (Utilizador Info)
    Viva!

    Para completar: alguns telemóveis suportam o mute só com o carregar de um botão. Assim se o telemóvel tocar mas não quiserem atender, seja qual for o motivo, podem simplesmente fazer mute em vez de desligar o telemóvel na cara da pessoa.

    Não se esqueçam é depois das desculpas do costume:
    - tinha desligado o toque
    - não ouvi o telefone, etc

    Fiquem bem!
    JP

    PS: eu tenho um telefone com essa funcionalidade mas nunca faço uso dela ;)
    GPS (Pontos:1)
    por Mulder3 em 06-08-02 14:14 GMT (#36)
    (Utilizador Info)
    Mas será sempre possivel alterar o firmware dos telelés para desligar o GPS, no meu caso, ao comprar um telelé desses era a primeira coisa que faria...

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]