gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Blogging.pt
Contribuído por chbm em 19-06-02 19:32
do departamento querido-diário
Internet ssn escreve "Parece que o conceito de blogging veio para ficar. Até o prestigiado curso de Jornalismo da Universidade de Berkeley criou uma cadeira sobre o assunto.
Cá por Portugal existem alguns pioneiros e últimamente têm aparecido uns quantos novos: ciberjornalismo, webjornalismo, impressões digitais, na-cama.com, etc, etc.
Também na educação há algumas movimentações e eventos.
Gostava de saber o que pensa a comunidade do Gildot sobre o assunto. Será uma moda? Qual o impacto no jornalismo? Conhecem mais algum caso interessante em .pt? "

KPNQuest -- ainda nao e' desta. | OpenSource Strategies  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • blogging
  • Jornalismo da Universidade de Berkeley
  • cadeira
  • pioneiros
  • ciberjornalismo
  • webjornalismo
  • impressões digitais
  • na-cama.com
  • etc
  • etc
  • movimentações
  • eventos
  • Mais acerca Internet
  • Também por chbm
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Blogs portugueses no No Minimo (Pontos:1)
    por CRPilger em 19-06-02 21:09 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://charles.pilger.inf.br
    O jornalista Pedro Dória esses dias escreveu um artigo muito bom (o que é normal, em se tratando dele) sobre blogs portugueses para a revista eletrônica No Mínimo ( Ponto pt, ou seja, Portugal ), justamente falando sobre os ótimos blogs portugueses que ele encontrou e a reação à leitura deles feita pelos brasileiros. Vale a pena dar uma conferida.
    blogs (Pontos:3, Informativo)
    por buckley em 19-06-02 21:50 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://www.buckley.tk
    Boas...

    Gostava de afirmar, antes de tudo, que o conceito de blogging está bastante longe do conceito de jornalismo... principalmente, como o vejo em portugal. Há dias deu um programa na BBC sobre o blogging, e a sua vertente jornalistica é bastante mais explorada nos estados unidos do que na europa/américa do sul.

    Em portugal, imho, os blogs existentes de destaque são blogs de pessoas que falam do que pensam, normalmente jovens "independentes" entre os 15 e os 25 anos. De destaque, blogs como a idioteca, como o quartos fechados (virados para o mundo), como Ele faz o pino ou Uma amante estilista.

    Anyway... tudo isto *muito* longe da informática em geral. Há exemplos de blogs nacionais que lidem com esses temas?

    Um abraço,

    Miguel Azevedo
    Are you in? \00/
    Re:blogs (Pontos:1)
    por ssn em 19-06-02 22:37 GMT (#6)
    (Utilizador Info)

    Anyway... tudo isto *muito* longe da informática em geral. Há exemplos de blogs nacionais que lidem com esses temas?

    Conheço o do Miguel Vitorino, o do Paulo Querido (não diário) e o bzLog,...


    Re:blogs (Pontos:2)
    por jmce em 20-06-02 15:51 GMT (#17)
    (Utilizador Info) http://jmce.artenumerica.org/
    ... que só não estão *muito* longe, mas... :-)
    Infoblogs portugueses? Não sei. Já brasileiros... (Pontos:1)
    por CRPilger em 19-06-02 23:03 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://charles.pilger.inf.br
    Há aqui no Brasil uma quantidade até razoável de blogs que tratam principalmente de assuntos relacionados à informática, cibercultura ou midia digital. Para os interessados aí vai uma listinha:
    Ah, claro! (Pontos:1)
    por CRPilger em 19-06-02 23:25 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://charles.pilger.inf.br
    Esqueci de avisar: não reparem se, mesmo se tratando de blogs que falam principalmente de informática, aparecerem muitas notas sobre futebol. Coisa de brasileiro ;)
    Blog e Jornalismo (Pontos:2)
    por GdoL em 19-06-02 22:46 GMT (#8)
    (Utilizador Info) http://www.gazetadolinux.com
    Blog não é jornalismo mas sim redistribuir ideais, novidades, pontos de vista, factos, ...
    Blog é conversar num só sentido.

    eBoX:email

    Leiam a Linux Gazette

    Re:Blog e Jornalismo (Pontos:3, Interessante)
    por joao em 19-06-02 23:21 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://www.nonio.com
    Jornalismo também é ir aos sítios e verificar os factos. Isto para quem acredita que os factos existem. Mas o Bloger não faz nada disso. Usa informações obtidas por jornalistas a sério. O máximo que um Bloger pode fazer é analisar e discutir as notícias. Mas os Weblogs colectivos como o Gildot são muito mais eficientes que um Blog porque há mais gente a discutir e a apresentar pontos de vista.

    Se algum site tem o potencial para mudar o jornalismo em Portugal, esse site é o Gildot porque tem massa crítica suficiente para o conseguir.

    Um Blog poderá ter influência se pertencer a alguém que já é influente, como é o caso de alguns dos Blogs citados, mas isso não constitui nenhuma revolução. São apenas os mesmos de sempre que agora têm influência por novos meios. É significativo que só se comece a falar em Blogs a partir do momento em que alguns jornalistas passam a ter um. Ou seja, o sonho de que as massas poderão um dia ter influência e opinião é um sonho que rapidamente passa a ser controlado pelas elites.

    O Público e o Expresso estão lentamente a evoluir para o formato Weblog e vão tentar controlar essa forma de comunicação centralizando-a e submetendo-a às suas agendas próprias.

    ----
    joao
    nonio.com - ciência, tecnologia e cultura

    Re:Blog e Jornalismo (Pontos:3, Engraçado)
    por chbm em 19-06-02 23:25 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://chbm.nu/
    Jornalismo também é ir aos sítios e verificar os factos.
    Totalmente desnecessário. Se está na Internet é porque é verdade!
    Re:Blog e Jornalismo (Pontos:3, Interessante)
    por jmce em 20-06-02 9:50 GMT (#16)
    (Utilizador Info) http://jmce.artenumerica.org/

    ... Mas nem sempre o autor do blog é mais ignorante sobre os assuntos de que fala do que os jornalistas que cita ou não cita. Não apenas no domínio especializado "livresco" de algumas matérias mas também, por vezes, no contacto directo com os factos.

    E nem todos os "blogs" pessoais estão isentos de feedback. Alguns, mesmo dos mais... pessoais, acabam por ser mini-fóruns com mais participação que alguns fóruns a la slashdot que vivem praticamente abandonados.

    Quanto ao jornalismo a sério, parece haver infelizmente poucos jornalistas a fazê-lo. Ainda me lembro do "big boss" do Correio da Manhã (ou do grupo de publicações dele) dizer há uns anos que não havia necessidade nenhuma de o CM ter correspondentes a cobrir acontecimentos no estrangeiro; para isso havia as agências noticiosas. Fast food jornalística, portanto. Enfim, trata-se do jornal que publicou títulos de primeira página como "Cientistas chineses descobrem que há vida no universo" (e bom seria se este fosse dos piores...). Mas mesmo onde há mais "prestígio" a situação parece pouco brilhante, começando pela abundância da opinião e pela escassez de factos.

    Blogs et al (Pontos:3, Informativo)
    por ribeiro em 20-06-02 6:48 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://ruka12.tripod.com
    Eu sugeria que chamassem as coisas pelos nomes em vez de inventar novos termos porque está na moda. Acho que já existem termos que cheguem.
    Disclaimer: isto é uma opinião pessoal

    --
    blogs são o suprasumo da cibercultura (Pontos:2, Interessante)
    por macTeK em 20-06-02 16:08 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Desculpem estar em inglês mas esta é a minha opinião sobre os blogs. Fiz FWD de uma mensagem que enviei para uma mailing-list internacional, a nettime. Está um bocado filosófico pois foi escrito na perspectiva de um potencial futuro teórico dos novos media ;-), mas acho que interessa para a comunidade GilDotiana:

    Despite the momentary hype and all the folklore, trendism and hysteria that surrounds them, we must reckon thar blogs are here to stay. In my mind, they embody - often in primitive ways, for sure - the concept of Collective Intelligence coined by Pierre Lévy. The problem with the debate about blogs is that normally the discourse is very basic, centered in questions like: Are bloggers journalists? Is the information that they publish accurate and ethical? Are blogs compared to a news outlet?

    These questions are useless and vain if we don't dare to go beyond the surface level and explore new ways of blogging, enlarge the range of cultural and political options offered by these new technologies that help us create in half an hour our own information channel. Here we have in front of us the chance to materialize complete freedom of expression in a time were culture and communication are being bought by big multimedia corporations. Is there anything more DoItYourself than blogs?

    On the other side, I see blogs as the personal diaries of the 21st century. The big difference is in the openess of the information stored in each "media", compared with the closeness of the manuscr1pt diary. Blogs are something like a collective construction, albeit personal in its essence. And that is profoundly post-modern, sorry for the cliché. Its core ideas are the same of open-source software and Peer-to-Peer Networks.

    In the end, it doesn't matter if blogs are journalistic publications, gossip-makers, joint collections of essays or even confessions of a teenager. We do what we want AND what technology enable us to do with media. Blogs should be more examined in their technological, aesthetical and cultural terms, taking in account its durable effects and long term context in media history. As like other communications technologies, if they are considered as a temporary trend, the analysis is going to be short-sighted and trivial.

    Re:Blogs? neologismo? (Pontos:0, Engraçado)
    por Anonimo Cobarde em 19-06-02 23:27 GMT (#14)
    Diagmos que o problema aqui não foi o teclado, mas sim a interface entre ele e a cadeira ;)

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]