gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Fora-do-Tópico
Contribuído por BladeRunner em 05-05-02 17:03
do departamento be-my-guest
Gildot Anonimo Cobardíssimo escreve "É a propósito do artigo "Roger Waters hoje e amanhã" /e não só!/ que vos submeto um pseudo-artigo.

Poizé, como devem ter todos reparado no dito artigo, a maioria dos comentários não era propriamente a manifestar a admiração do Gildotiano pelo Roger Waters, mas sim a admiração do quão extenso o "e não só!" do Gildot começa a ser. De facto concordo com a maioria dos comentários submetidos, eu, sinceramente não fazia a mais pequena ideia de quem era o senhor (sim, sou inculto, e sim, tenho vivido numa caverna durante os últimos 20 anos). Há até quem fale de abuso de poder.. será? não me pronuncio àcerca de tais afirmações, mas venho aqui propor então uma abordagem diferente da habitual a este tipo de artigos:

Em vez de os encherem com 10/15 comentários cheios de raiva, (que são mais do que o habitual nos artigos que realmente interesam), peço-vos que simplesmente ignorem o artigo em questão e tenham o prazer de o ver com 0 (zero) comentários até desaparecer de vez da página inicial.
Já todos reparámos que protestar não leva a nada, penso eu de que, seria agora uma boa altura para mudar de estratégia, e deste modo tentar fazer realmente entender aos editores que este tipo de artigos não interesam a ninguém e que o único trato que merece é o desprezo completo.
A teoria é muito engraçada não é? interrogo-me quantos Gildotianos serão capaz de conter a sua raiva e serem (por uma boa causa, e para o interese de todos) minimamente civilizados. ;-)

Muito obrigado.

ps: o mais certo é o artigo cair em saco roto, ou nem sequer ser aprovado, mas pronto, aqui está a minha contribuição para o espaço Gildot"

Guerra nas consolas vista pelo Paulo Laureano | EVMS 1.0.0 e eLiza  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Mais acerca Gildot
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Nao me vou repetir... (Pontos:2)
    por jorgelaranjo em 05-05-02 17:56 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://naecum.com/
    Mas aqui fica o link para mais um comment off topic meu... LINK
    regards,
    Jorge Laranjo
    Webprof
    Contra-Exemplo (Pontos:2, Interessante)
    por ptome em 05-05-02 18:38 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    Estás enganado, o número de comentários não indica o grau de interesse de um artigo.

    O meu contra-exemplo é este. Um artigo sobre o futuro do mozilla (pelo BladeRunner) que originou 0 comentários. Pelas tuas métricas os editores deveriam ignorar todos os futuros artigos sobre mozilla porque não são interessantes.

    Se os editores forem coerentes não aprovam artigos baseados na sua (possível) popularidade. Parece-me que o teu problema não é o conteúdo desses artigos mas sim o facto de serem criados pelos editores (e não sugeridos por outros e aprovados pelos editores). Se esse é o caso, devias ter tornado isso mais claro, essa é outra discussão.

    Re:Contra-Exemplo (Pontos:1)
    por ptome em 05-05-02 20:41 GMT (#14)
    (Utilizador Info)
    Repara que cada utilizador é que define o que é "fora de tópico". Para isso existe a opção "personalizar página", onde podes excluir artigos dentro de certos tópicos e de certos editores.

    Talvez as pessoas que protestam contra os artigos fora de tópico não a utilizem. O argumento usado é: e se houver um artigo que eu excluí mas afinal me interessava?. Isto acontece quando existe uma ambiguidade no tópico.

    Vou dar-te uma ajuda: podias ter sugerido aos editores uma forma de resolver ambiguidades. Vou deixar aqui a minha sugestão, usando um exemplo.

    Este artigo é sobre Linux e Portugal. Quem ignorar o tópico "Portugal" acaba de excluir um artigo sobre Linux. A minha sugestão seria colocá-lo no tópico Linux, porque este é o assunto principal no Gildot.

    Claro que podes argumentar: e se o editor não cumprir as regras, ou se se enganar? Neste caso tens de ver o que é mais importante para ti: perder um artigo sobre Linux ou "gramar" um artigo que não te interessa.

    Todas as sugestões são bem vindas. Se eu dei a impressão contrária, fica aqui o meu esclarecimento: este assunto é importante para os utilizadores do gildot, e como tal faz todo o sentido ser discutido.

    Se tenho lingua é para falar (Pontos:2)
    por Filipe em 05-05-02 18:39 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://www.mamasumae.net/
    Eu prefiro não ficar calado, há editores que estão a prestar um mau serviço ao Gildot.
    Re:Se tenho lingua é para falar (Pontos:1)
    por overflow em 05-05-02 19:05 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    Se sim então porque não expões as tuas ideias sobre o que está bem e o que está mal antes de dizeres que é um "mau serviço"?
    Além disso um mau serviço para ti pode não corresponder ao mesmo para outro.
    Sugiro que antes de dizeres que está mal, que isto, que aquilo, penses um bocado.

    p.s. - o mundo não roda à volta de ti :)
    DUH
    p.s.2 - e agora já não posso moderar para baixo.. :(

    Re:Se tenho lingua é para falar (Pontos:2)
    por Filipe em 05-05-02 19:16 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://www.mamasumae.net/
    Para mim, um editor está a prestar um mau serviço quando autoriza artigos de má qualidade ou quando os artigos autorizados não têm nada a ver com o objecto do Gildot, o Linux e a tecnologia em geral.
    Re:Se tenho lingua é para falar (Pontos:1)
    por scorpio em 05-05-02 19:23 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://eurotux.com/
    Meu caro amigo, não será a sua noção de objectivo do GilDot diferente da dos editores (ou de um subconjunto de); e portanto esta a razão do seu descontentamento?

    Supondo que sim, qual estará correcta? É que, as opiniões são como certas coisas... toda a gente tem uma.
    Re:Se tenho lingua é para falar (Pontos:1)
    por scorpio em 05-05-02 19:47 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://eurotux.com/
    Atenção: o subconjunto de... acima não me demarca da noção de objectivo do editor em causa, apenas salvaguardei a possibilidade - altamente provável - de existirem opiniões quanto ao assunto relativamente diferentes.
    Re:Se tenho lingua é para falar (Pontos:1)
    por overflow em 05-05-02 22:17 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    Ai é.. e eu considero o comentário acima de má qualidade e de uma estupidez a toda a prova..
    Segundo o raciocínio do autor do mesmo, automaticamente o autor está a prestar um mau "serviço" ao gildot e como tal, deveria era seguir a seguinte filosofia de vida...
    Mais vale estar calado que dizer asneiras.

    over(flow) and out

    Re:Se tenho lingua é para falar (Pontos:2)
    por vaf em 06-05-02 17:13 GMT (#17)
    (Utilizador Info) http://students.fct.unl.pt/users/vaf12086/

    p.s.2 - e agora já não posso moderar para baixo.. :(

    O post que querias moderar exprime uma opinião de forma clara sem entrar em ofensas graves. NMO seria um erro moderá-lo para baixo.

    Vale mais a pena ir pela positiva, como em tudo na vida. :-)


    Passividade? Era o que faltava... (Pontos:1)
    por JohnnyBigodes em 05-05-02 19:09 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    "peço-vos que simplesmente ignorem o artigo em questão"

    Básicamente digo: era o que faltava! O teu conselho é algo do tipo: "epáaaa, eles não fizeram bem mas não foi nada de mal, a sério... deixa lá anda o problema, tá-se bem..."

    "...até desaparecer de vez da página inicial."

    Pois é, pena é haver artigos de outros utilizadores que nem sequer chegam à página inicial para serem ignorados.

    "Já todos reparámos que protestar não leva a nada"

    *cof* 25 de abril *cof* *cof* Gandhi *cof*... Conforme dizia um comentário acima, "se tenho boquinha é para falar"

    "...serão capaz de conter a sua raiva..."

    Pois aqui está a falácia: não é raiva, é protesto contra um abuso (neste caso, do editor BladeRunner).

    "ou nem sequer ser aprovado"

    Foi aprovado, foi... E vejam lá por quem!... Enfim. I rest my case.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]