gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Spam em Portugal - Quais são os limites?
Contribuído por scorpio em 14-01-02 20:02
do departamento pragas
Spam Juggler escreve "Estava a ler o artigo da CNN na Slashdot sobre utilizadores que andam a processar e a ganhar casos de Spamming nos US. No outro o dia vi também aqui a discussão sobre a Milenar... E a verdade seja dita Portugal está cheio de Spammers e de campanhas não permissivas por E-Mail, muitas delas provenientes de empresas grandes e de renome. Como é que Portugal está em termos legislativos nestes assuntos da privacidade do E-mail, o que é que pode um utilizador revoltado e com razão fazer, e quais são as hipóteses de conseguir alguma justiça? "

SMS: O pacto do Diabo ou O Dia da Dependência | Bases de dados "caseiras"  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • gildot
  • CNN
  • Juggler
  • artigo da CNN
  • Mais acerca Spam
  • Também por scorpio
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    EuroCAUCE (Pontos:3, Informativo)
    por MacLeod em 14-01-02 21:23 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    Olá. Para começar, podes dar uma olhada na secção sobre Portugal no site da EuroCAUCE (European Coalition Against Unsolicited Commercial Email). Não tenho a certeza se o que lá diz está actualizado, pelo que podes ir directamente à fonte, que neste caso é a Comissão Nacional de Protecção de Dados (CNPD).

    Em relação ao SPAM por parte de companhias nacionais, acho que é muito pouco. Os poucos emails de SPAM português que me chegaram eram mandados mesmo da empresa, e com um reply da típica mensagem anti-spam, fui removido de todas as bases de dados em que tinha sido incluido. Nada que se compare ao SPAM estrangeiro, onde os emails são enviados na sua maioria por ip's de fornecedores internet nos sitios mais estranhos, com um email falso, etc... Curiosamente, há uns tempos que ando a reparar que algum do SPAM vem de endereços (forjados) do tipo user4535@mail.pt ou @clix.pt, embora o conteúdo do mail seja todo em Inglês, bem como a tal "empresa".

    Não há problemas (Pontos:1)
    por Astrónomo em 14-01-02 21:36 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    O spam em Portugal está longe de ser um problema.
    Por Email, porque em newsgroups pt.* chegou a ser elevadíssimo (isto antes da entrada da task force).
    Uma resposta de um abuse@...pt (Pontos:1)
    por Nunones em 15-01-02 7:03 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://www.fe.up.pt/~ee99043
    Infelizmente o meu mail da faculdade tem sido um pouco abusado ultimamente (é númerico e sequencial com um esquema relativamente simples).

    Depois de receber várias mensagens da mesma empresa, e já que não tinha nada a perder, pois o raio da empresa sabe que os alunos utilizam aquele endereço para tudo o que for assuntos curriculares, arrisquei-me a fazer um reply a dizer que não queria mais nada daquilo.

    Passado umas semanas, novo mail.

    Mandei-o para o spamcop, tirei os responsáveis, e mandei para lá uma queixa mais personalizada (do que a automática do spamcop)
    A resposta (de um dos que responderam) (os responsáveis pelo email de retorno e pela www page, não responderam) foi a seguinte :

    Caro Cliente,
    Informamos que deverá, antes de mais, informar o remetente das mensagens não solicitadas e incomodativas, que não tem interesse em receber este tipo de comunicação e que não quer receber mais mensagens daquele endereço, esclarecendo que em caso de reincidência irá reportar esta situação ao fornecedor de acesso, por forma a que adopte as medidas necessárias para impedir a utilização indevida do serviço.
    Se apesar de tudo, continuar a receber este tipo de mail do mesmo remetente, agradecemos que nos comunique esta situação para o endereço abuse@vivazzi.pt, relatando-nos o sucedido e remetendo-nos as respectivas mensagens com full-headers( no minimo 3), por forma a podermos actuar no sentido de impedir este tipo de prática.
    O nosso Serviço de Apoio a Clientes encontra-se à sua disposição através do endereço ajuda@vizzavi.pt ou através do número 16913 (outras rede e rede móvel VODAFONE).
    Cumprimentos,
    Luís Simões
    ajuda@vizzavi.pt
    De notar que a queixa que fiz foi para o "abuse" e não para o "ajuda", disse que já tinha tentado o "opt-out" e fiz o copy&paste da mensagem completa.

    Recebo uma mensagem também de copy&paste com o típico "try again" ?!

    A mim chegava-me que os responsáveis pelos responsáveis dos mails, dessem um toque aos responsáveis dos mails para dizer "- já chega!".

    Não me preocupa muito, (é +- um "delete" a cada mês) mas por ser pouco, também os responsáveis conseguiriam limitá-lo facilmente.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]