gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Linux, e Suites de Ofimática
Contribuído por BladeRunner em 18-12-01 15:25
do departamento tecla-tecla-tecla
Linux buckley escreve "Aproveitando o lançamento do KOffice 1.1.1, e o (não tão recente assim) lançamento do novo StarOffice, e também da thread que falava da questão de usarmos ou não *mesmo* Linux em desktop, aproveitava para lançar a questão: Afinal, em termos de office, eh-se viável utilizar ferramentas em linux em deterimento das ferramentas que estão "do outro lado do dual boot"?
E, apesar de achar que sim, embora numa conversa recente tenha sido extremamente "flamado" por dizer isto, o Linux pode comparar-se com Windoze em termos de utilização em Desktop? O que falta?
Mais uma vez, neste Âmbito, volto a frisar que já está disponível uma versão para download da nova distro portuguesa, desenvolvida pela equipa da Caixa Mágica.
Farewell, Miguel Azevedo "

Vírus em Linux? | Red Hat or not Red Hat  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • buckley
  • KOffice 1.1.1
  • questão de usarmos ou não *mesmo* Linux em desktop
  • nova distro
  • Mais acerca Linux
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    o que falta? (Pontos:1)
    por grumpy bulgarian em 18-12-01 16:20 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://oink.com/bizarrity/bizarrity.html
    falta-me ligar ao PC a minha maquina fotografica, o meu handspring visor, a minha placa de TV e mais uns electrodomesticos que tenho la em casa e aquilo funcionar à primeira, em vez de ser preciso andar a ler quilos de instruções e nem sempre lá chegar.

    já não tenho idade nem saúde :)

    o windows é a referência. é por isso que tudo o que fica bem feito em termos de desktop chega mais tarde ao linux... o staroffice de hoje é preferivel ao Office95, mas nao aos seguintes.


    Grumpy B)

    Re:o que falta? (Pontos:2)
    por chbm em 18-12-01 18:30 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://chbm.nu/
    o visor deve funcionar sem problemas com gnome-pilot.
    Re:o que falta? (Pontos:1)
    por paulino em 18-12-01 18:54 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    E se a placa de tv for uma baseada no chip bttv ( Bt848/848A/849/878/879)
    Esse texto pode te ajudar.

    Re:o que falta? (Pontos:2)
    por fog em 18-12-01 20:18 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://www.fog.nu/
    É pena é o texto não explicar o mais importante ;)

    O video das placas com os Bt848 e afins é sempre o mesmo, o problemas estás em descobrir que linhas de I/O é que cada fabricante de placas usa para o audio e aí acho que os textos mais importante estão em:

    file:/usr/src/linux/Documentation/video4linux/bttv


    Re:o que falta? (Pontos:1)
    por paulino em 19-12-01 0:56 GMT (#13)
    (Utilizador Info)
    Pensei em abordar esse topico, mas achei avançado demais para um texto direcionados a iniciantes.
    Experts não precisam de textos assim. Eles os escrevem. :)
    Isto já começa a ficar chato! (Pontos:2, Esclarecedor)
    por mlopes em 18-12-01 16:32 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    Do outro lado de qual dual boot?
    As ferramentas existentes para Linux são tão utilizáveis como quaisquer outras, quem não tiver que comer com formatos proprietários da M$ (e mesmo alguns destes formatos não são problema) pode perfeitamente utilizar Linux para fazer aquilo que lhe vier à cabeça!
    Não sei porquê que o pessoal que usa Windows acha tão estranho que haja outros que consigam fazer tudo o que precisam com o Linux.
    O que falta? (Pontos:1)
    por bofh em 18-12-01 17:48 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Não falta nada, eles é que são chatos.

    perl -e 'printf "Estou %x\n",15782352' - JP
    Re: (Pontos:1)
    por techn0id em 18-12-01 21:39 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    "...do outro lado do dual boot".. heheh.

    Bom, nao e' que eu tenha grande experiencia/necessidade de aplicações de ofimatica.. Ainda assim penso que ha' que dizer que o Linux nao esta' ah altura do Windows em termos de office com a mesma frontalidade com que dizemos que o Linux deixa o Windows a anos-luz em termos de servidores, ferramentes de desenvolvimento, e por ai' fora. Nao me interpretem mal, sou um supporter do Linux a 200% :)

    Perdoem-me os apaixonados do StarOffice mas sinceramente, por muito boa vontade que tenhamos, continua a ser pesado e com muito menos usabilidade que o Office da concorrência. Olhei assim de repente para a suite do KDE e pareceu-me simpatica.. at best. Nao digo que o Linux nao evolua neste campo, longe disso, mas tb e' certo que para a esmagadora maioria dos utilizadores o que o Linux oferece chega e sobra para as encomendas... E tambem, convenhamos, nao e' prioritário que o Linux seja state-of-art a esse nivel, pois nao?

                -- Paulo Andre'

    Re: (Pontos:2)
    por CrLf em 19-12-01 1:11 GMT (#15)
    (Utilizador Info) http://students.fct.unl.pt/~cer09566
    (...)E tambem, convenhamos, nao e' prioritário que o Linux seja state-of-art a esse nivel, pois nao?

    Ufff, finalmente alguém que concorda comigo...

    Realmente o Linux ainda está longe de ter a usabilidade que o Windows tem em certas áreas (mas é bastante melhor em outras), mas acho que o pessoal dá demasiado ênfase a isso. O Linux tem capacidades (actualmente) para dominar os servidores, sistemas embebidos (realtime menos mas também lá chega) e clientes empresariais, mas quando chegamos ao desktop ainda tem algumas deficiências, mas não me incomoda nada um mundo em que os servidores são Linux, o pessoal usa o Linux para navegar na web, mandar mails, usar os clientes da BD da empresa, desenvolver aplicações, etc. e o Windows para jogar e escrever textos no Word. Acho que o maior erro é dizer o "Linux serve para tudo", isso tira-lhe toda a razão e credibilidade, nada serve para tudo...

    -- Carlos Rodrigues
    Explica lá melhor isso (Pontos:1)
    por Astrónomo em 20-12-01 20:07 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    Depois de ter usado o MS Office até à versão 2000, passei a usar o StarOffice. Mais em Windows do que em Linux, é certo.

    A minha conclusão é que o StarOffice é tão versátil e tão fácil de utilizar como o Microsoft Office. É certo que há coisas em que o Office é superior (Equation Editor, por ex) mas há outras em que o StarOffice é claramente superior (Drawing, por ex.).

    Muitas vezes deparo com utilizadores a reclamarem que o StarOffice não faz isto ou aquilo. Na verdade, o que acontece é que eles não se deram ao trabalho de procurar como isso se faz em StarOffice. Meramente esperavam encontrar as funções localizadas nos mesmos menus e caixas de diálogo em que as encontram no MS Office.

    O StarOffice 6, do qual já se pode importar a versão beta, está muito mais leve e abandonou o conceito de desktop integrado que fazia alguma espécie a alguns utilizadores. Como é beta, ainda tem alguns bugs (mas muito poucos, na verdade). Experimentem!

    Saquem depressa (Pontos:2)
    por MavicX em 18-12-01 22:10 GMT (#9)
    (Utilizador Info)
    De acordo com o site da sun o staroffice vai ser a pagar.

    "Customers have until December 31st midnight to download StarOffice 6.0 or StarSuite 6.0 Beta software. Take this opportunity to obtain a sneak preview of StarOffice 6.0 or StarSuite 6.0 - a fully-featured, multiplatform, affordable office suite. "

    Depois numa note diz:

    "Note: StarSuite 6.0 Beta software in Chinese (Traditional and Simplified) will still be available for download after December 31"

    Ou seja se não quiserem o staroffice em chines saquem agora.

    http://www.sun.com/software/star/
    Re:Saquem depressa (Pontos:2)
    por Gimp em 19-12-01 0:15 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Ummm, a começar a ficar com sono(rais parta os backups à lá pata), é impressão minha ou existe algo chamado OpenOffice?


    "Gingó béu, gingó béu, gingó ól duei!" Gimp zZzZz

    Re:Saquem depressa (Pontos:2)
    por MavicX em 19-12-01 11:42 GMT (#20)
    (Utilizador Info)
    yahh mas não deve ter o ultimo code do staroffice 6.0 final :-)
    Ofimática e preciosismos (Pontos:2)
    por Gimp em 19-12-01 0:17 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    O pessoal farta-se de ler revistas de nuestros hermanos traduzidas à maluca e começam a repetir barbaridades. Ofimática? Que raio é isso? Ou tou enganado?


    "Gingó béu, gingó béu, gingó ól duei!" Gimp zZzZz

    Re:Ofimática e preciosismos (Pontos:2)
    por André Simões em 19-12-01 0:43 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://hesperion.catus.net
    Pois, também me cheira a portunhol. Mas, ainda que me pareça escusado usar portunholismos, francamente choca-me menos que ouvir dizer coisas como "meitrix" (matrix), "multimídia" e alarvidades do género, tomando por inglesas palavras latinas. Mas disso já tenho falado bastante.
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)
    Re:Ofimática e preciosismos (Pontos:1)
    por Astrónomo em 20-12-01 20:38 GMT (#24)
    (Utilizador Info)
    "Ofimática" incomoda-me muito menos do que:
    • "Por defeito", em vez de "Por omissão"
    • "Librarias", em vez de "Bibliotecas (de rotinas)
    • "Inicializar", em vez de "Iniciar"
    • "Allocar", "Linkar", etc., etc.

    Re:Ofimática e preciosismos (Pontos:2)
    por André Simões em 21-12-01 1:17 GMT (#27)
    (Utilizador Info) http://hesperion.catus.net
    Essa das "librarias" é arrepiante!!!! Realmente haveria algum interesse em ter cuidado nas traduções em português macarrónico que por aí circulam. Já sei que os patrioteiros me vão cair em cima, mas aconselhava uma vista de olhos aos sitios (por que raio se há-de usar "site"?) espanhóis. Quem tiver alguma noção de ortografia e gramática castelhanas ficará espantado por ser quase impossível de ali encontrar um erro de ortografia e de tradução que seja. Bom, tirando a tenebrosa "ofimática", que realmente é aberrante mesmo em castelhano.


    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)

    ffice take II (Pontos:3, Interessante)
    por André Simões em 19-12-01 1:03 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://hesperion.catus.net
    Eu continuo a achar que é exactamente no campo das aplicações office que o Linux continua deficitário. Não é que não se possa fazer (quase) tudo, mas convenhamos: num processador mais modesto, como o meu (P-233 MMX), é exasperante a lentidão do star office (o koffice ainda tem muito a progredir, nem sequer o considero aqui). É mais rápido um reboot e um clik no word que o star office a abrir (cronometrado). Mas isso até passaria, não fosse haver ainda (muitas) falhas a outros níveis. Apesar de já ter conseguido pôr o meu rh 7.2 a usar as fontes true type do Winblows (graças à ajuda que me foi dada aqui, em post anterior), a verdade é que quando toca a fontes muito específicas, como as gregas (não, a symbol não serve, faltam-lhe os acentos e outras sinalefas) ou as latinas com quantidades vocálicas, aparecem uns quadradinhos muito bonitos, é verdade, mas perfeitamente inúteis.
    Apesar de fazer uma propaganda anti-M$ e pró-Linux em todo o lado (até nas minhas aulas de latim, vejam bem), fico sempre sem resposta quando os meus colegas me dizem "e dá para passar este bocadinho de Platão" ou "posso marcar as quantidades nas vogais em latim?". É que o winblows até traz muitas destas fontes de raiz...
    Com limitações destas não posso abdicar, para grande desgosto meu, do winblows a 100%. É verdade que já só vou lá precisamente para usar o word. Mas para quem, como eu, trabalha na área de letras e ainda por cima no latim e no grego, não há hipótese: ou aparecem fontes daquelas funcionais e um office que as suporte (que eu saiba ainda não há nada disso), ou que remédio, terei de continuar a usar o office da M$. Que, btw, não é assim tão mau.
    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)
    Re:ffice take II (Pontos:1)
    por Gimp em 19-12-01 1:21 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    Relativamente a esses quadradinhos acho que tens que "forçar" a codificação a nível de caracteres...ummm...como é explico isto mais claramente? Alguém disponível entre o público?


    "Gingó béu, gingó béu, gingó ól duei!" Gimp zZzZz

    LaTeX?? (Pontos:2)
    por BlueNote em 19-12-01 10:24 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    O LaTeX não suporta isso?
    Re:LaTeX?? (Pontos:2)
    por André Simões em 19-12-01 21:22 GMT (#22)
    (Utilizador Info) http://hesperion.catus.net
    Já tentei há uns tempos, e não consegui nada. Mas - ressalvo - pode muito bem ser azelhice minha.


    Omnia aliena sunt: tempus tantum nostrum est. (Séneca)

    Office e afins (Pontos:1)
    por nsp em 19-12-01 9:37 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    Quem disse que o Linux tem que servir para tudo?

    Não é por o Linux ser o nosso sistema operativo que tem de ser melhor em tudo. Realmente há coisas, como ferramentas Office em que o Linux está a anos luz da M$. E eu não me preocupo minimamente com isso.

    Cada pessoa deve usar o que lhe dá maior produtividade nas suas tarefas e esse deverá ser o factor decisivo de escolha e ferramentas. Claro que todos nós gostamos de explorar as ferramentas que vão surgindo para Linux, mas se estas forem inferiores a outras, não devemos defende-las só por serem para Linux. Este erro, é meio caminho andado para o Linux perder credibilidade.

    Para terminar a questão de ferramentas Office, penso que um utilizador experiente consegue fazer em Linux tudo o que se consegue fazer em Windows, mas na maior parte das vezes demora muito mais tempo.

    Bye !
    Re:Office e afins (Pontos:2)
    por mlopes em 19-12-01 10:54 GMT (#19)
    (Utilizador Info)

    Para terminar a questão de ferramentas Office, penso que um utilizador experiente consegue fazer em Linux tudo o que se consegue fazer em Windows, mas na maior parte das vezes demora muito mais tempo.

    I don't really think so!!!

    I recently spent a day helping a co-author edit an article that had been written using a popular Windows(R) word processor. Rather than using the rich symbolic environment of the keyboard to perform editing, the designer has trapped the user on a rodent treadmill, in which every operation requires two or three clicks and a lot more than one big drag. For purposes of comparison, I wrote down all the revisions that it took one hour to perform, and then compared the number of keystrokes required to perform the same tasks using GNU Emacs, a freeware text editor available at no cost to everyone on the planet thanks to the dedication of one man--Richard Stallman. That hour of rodent movement could have been reduced to ninety-six keystrokes, requiring conservatively two minutes of operator time. A 3000% penalty in time and frustration is too much to pay for all the pretty pictures.

    Restante texto disponivel aqui

    Por isso é que são utilizadores experientes!!!!
    Em Office é onde o Linux está mais próximo! (Pontos:1)
    por Astrónomo em 20-12-01 20:57 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    Não é por o Linux ser o nosso sistema operativo que tem de ser melhor em tudo. Realmente há coisas, como ferramentas Office em que o Linux está a anos luz da M$. E eu não me preocupo minimamente com isso.

    Pois é precisamente nas aplicações tipo "Office" que o Linux está mais perto do Windows! Pouquíssimo o separa.

    Onde está mais longe é em aplicações como: Corel Draw! e quase tudo o que fazem a Adobe, Macromedia e Autodesk.

    So' o office? e o resto (Pontos:2)
    por cao_negro em 19-12-01 14:09 GMT (#21)
    (Utilizador Info)
    Ninguem referiu que em termos de Linux em PT e' fundamental haver programas que as pessoas/empresas/instituições utilizem diariamente.
    Falou-se e fala-se muito na caixa magica, mas ninguem explicou qual o interesse de haver mais uma distro, mesmo que esta seja em portugues, porque na minha humilde opinião e' uma perca de tempo e recursos que deviam ser utilizados na feitura de aplicacoes.
    Por exemplo os programas utilizados nas Juntas de Freguesia poderam facilmente ser feitos em linguagens suportadas pelo Linux, ora se o programa de, por exemplo Caes custa a' Junta 90 contos, por mais um pouco comprasse um computador so para correr Linux e o dito programa, pois nao se pagaria o software (SO+Aplicacao), e este e' so' um exemplo das vantangens de existirem aplicacoes.

    Re:So' o office? e o resto (Pontos:1)
    por Astrónomo em 20-12-01 20:59 GMT (#26)
    (Utilizador Info)
    Subscrevo a opinião acerca da Caixa Mágica.
    Como todo o respeito pelas pessoas envolvidas, acho esse projecto uma perda de tempo.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]