gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Tarifas planas, notícias ainda mais planas
Contribuído por jmce em 07-09-01 11:45
do departamento back-to-the-future
Portugal Chegou Setembro e voltou a recordação de uma promessaciupman escreve "nada como agora .. acesso ilimitado, boa velocidade de navegação, o stress desapareceu... estamos no ano 2345.. e finalmente a flat rate chegou ;D [...] já que isto tem sido um pouco esquecido nos ultimos tempos... o que é que se passa?". E avalon escreve "Depois de largos meses de espera, continuamos sem a tão prometida flat-rate. Acho que chegou a hora de protestar em massa junto das entidades competentes... Alguém tem notícias sobre este tão esperado dia de S. Nunca?"
Já há mais de um mês que não há deliberações novas do ICP, embora haja um despacho de Agosto para descodificar, com palavras como "parteneriado". Será bom sinal, sinal de férias, ou sinal de uma "melhor qualidade de vida"? (Nota para os adeptos das viagens no tempo: o mês de Dezembro ali mencionado é o de 2000).

Software Free-for-All | Negócio Compaq+HP pode ser bom para o Linux  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • promessa
  • ciupman
  • deliberações
  • despacho de Agosto
  • "melhor qualidade de vida"
  • 2000
  • Mais acerca Portugal
  • Também por jmce
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Monopólios (Pontos:2, Interessante)
    por avalonagain em 07-09-01 13:03 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    Acabo de ler na DIGITO, uma notícia sobre a entrada do ISP Inter.Net no mercado português. Qual o meu espanto (já devia estar habituado...) ao ver que a PT já está a meter a colherada por causa da legalidade do uso ou não do prefixo 808 para acesso? Enviaram um pedido de explicações ao ICP sobre o assunto. Será que vamos ver a entrada do Inter.Net adiada como a flat-rate? Caros ISP's, aprendam: enquanto não empalarem (ugh!) a PT, nem ponham cá os pés! Eles vão sempre lixá-los de alguma maneira... Só mesmo visto... Vergonha de morar num país assim. Só espero que não tarde uma infraestrutura de comunicações nova a nível nacional, para ver o muro a cair...

    ~avalon~ -- "Oh my gawd, they killed Tux! Bastards!"
    Re:Monopólios // offtopic (Pontos:3, Esclarecedor)
    por buffer em 07-09-01 15:18 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://xpto dot org
    Vergonha de morar num país assim.

    Oh well..
    Eu não sou patriota, mas, fico algo curioso quando leio este tipo de afirmações.
    Mas.. alguém te obriga a morar em Portugal?
    Se tens vergonha de cá morar, muda-te porra. Vai para um país que não te envergonhe.
    Ou então faz alguma coisa para que isto deixe de te 'envergonhar' ..
    Vergonha.. Vergonha.. mas ninguém te obriga a morar cá.

    Não podemos escolher a nossa familia, MAS.. podemos escolher os nossos amigos, e o sitio onde vivemos ..

    -- what was my problem with man You ask? No.. I ask you what was man's problem with me..

    Re:Monopólios (Pontos:0, Interessante)
    por Anonimo Cobarde em 07-09-01 15:33 GMT (#12)
    A PT a meter a colherada ?? O meu nabo, se vires bem a questao da flat rate, os ISP's e' que vao meter a mao demasiado nos bolsos da PT, os preços que avançaram a publico sao os preços que os ISP's pagam a PT e nao o que tu vais pagar!! A questao é que os ISP's podem pagar 6000$ a' PT e cobrarem-te 60 a ti... percebes ? Se tens vergonha de portugal, a circulaçao livre de pessoas existe na comunidade europeia, poe-te na alheta, eu pessoalmente aconselhava-te a ires para israel com um cartaz ás costas a dizer
    "I hate jews, long live palestina"...
    808 (Pontos:1)
    por k em 07-09-01 17:35 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Mas qual é a novidade? A jazztel já usa o prefixo 808 à uns 2 meses (verificar em http://www.jazzn et.pt/produtos/index.php?html_page=h_jazzduet.html) e ninguém se queixou!
    --
    k
    Re:Monopólios (Pontos:1)
    por AliAli em 07-09-01 17:44 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    Penso que a PT apenas gosta de atrapalhar as coisas. Para quem nao sabe, eu tenho internet paga pela JAzztel e uso um 808 para aceder. Nao é borla, é verdade mas é (quase) uma flat-fee. xau!
    Portugal (Pontos:3, Interessante)
    por Gamito em 07-09-01 13:14 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    É preciso ver que isto é Portugal.
    O povinho quer é novelas e BBs.
    Os putos do IRC também não vão reclamar, porque são os pais que pagam as contas, tanto com flét-reite como sem ela. O que interessa é que eles estejam fechados no quarto sem chatear.

    Por outro lado, o pessoal aqui do Gildot (eu incluido) denuncia muitas situações, fala de muita coisa, mas normalmente nunca se chegam a organizar verdadeiros protestos.
    Quantos de nós já mandaram mails ao ICP, ISPs, Ministro da Ciência, etc., a perguntar pela flét-reite ?

    Há tanta coisa mal neste reino do absurdistão.

    Ainda ontem dei com esta: usem os vossos Mozzilas, konquerors, Galeons, whatever e tentem visitar a página da Direcção Regional de Educação do Norte, aqui.

    Mário Gamito
    educação, ensino
    DREN (Pontos:2)
    por Strange em 07-09-01 15:50 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://strange.nsk.yi.org/

    http://www.dren.min-edu.pt/frmindex.htm

    É visão curta da parte deles...

    hugs
    Strange

    Re:DREN (Pontos:2)
    por Gamito em 07-09-01 16:10 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    Pois, mas ainda assim, não vês nem metade do site (também não prdes grande coisa, pois é das coisas mais azeiteiras qu já vi), por causa dos beloved ActiveX e quejandos.

    Mário Gamito
    educação, ensino
    A promessa nunca será finalizada. (Pontos:1)
    por Confidencial Souce em 07-09-01 13:30 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://www.zdnet.pt
    A tarifa plana é uma grande dor de cabeça para a PT, porque simplesmente em Portugal, não existem condições para "oferecer" sem grandes contrapartidas, a Internet aos portugueses. Tal como já se verificou em todo o mundo, a Internet gratuita desapereceu ou tende a desaparecer.

    Eu preferia que dissessem a "verdade" do que andarem a mentir e a prometer o que não podem oferecer.


    "I don't even know the lady and she calls me a son of a bitch! I DON'T NEED THIS SHIT"

    Re:A promessa nunca será finalizada. (Pontos:2, Engraçado)
    por avalonagain em 07-09-01 13:38 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    É preciso não confundir "Internet Grátis" (sim, concordo que tenderá a desaparcer segundo o modelo económico global da actualidade, simplesmente não é rentável o suficiente...) com "Flat Rate".
    A Flat Rate continua a resistir em muito lado e prende-se com um custo fixo de acesso. Já a Internet Gratuita fica mais cara ao cidadão comum. Irónica escolha de nomes :-)
    ~avalon~ -- "Oh my gawd, they killed Tux! Bastards!"
    Re:A promessa nunca será finalizada. (Pontos:3, Engraçado)
    por jmce em 07-09-01 14:03 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://jmce.artenumerica.org/

    Se a questão é uma dor de cabeça, a contrapartida pode ser um pacote de acetilsalicilato de lisina. Mas genérico, nada de marcas para ficar mais barato. Por outro lado, só o que eu paguei já este ano (ainda por cima com tráfego baixo a maior parte do tempo em que estou a aceder à rede por modem) dava para eles comprarem muitos quilos até de Aspirina da Bayer, provavelmente mesmo depois de pagar todos os custos associados às comunicações. Se isso não chega para manter o sorriso do intocável Murteira Nabo e eles querem incluir nos custos da MINHA ligação um anúncios da PT Prime com uns fulanos de touca laranja e azul na cabeça a correr não se sabe para onde, ou umas compricas no Brasil, azar (meu, claro).

    Não faltam violinos com a música de "não dá para fazer", mas ninguém tem hormonas ou números para o justificar. Faltarão hormonas ou faltarão números? Estou naturalmente a falar dessa coisinha frágil chamada PT, que nem sequer se pareceu (ou parece ainda?) com um monopólio...

    Re:A promessa nunca será finalizada. (Pontos:1)
    por Vx em 07-09-01 14:36 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Meus Caros amigos, por muito que eu goste do meu pais e o ache grandioso (porque acho) tenho de admitir que temos sempre de ver as coisas ao nosso nivel. E não por sermos de baixo nivel, mas sim por sermos poucos. Se nos estados unidos é possivel um operador oferecer taxa fixe ou free net, é porque provavelmente um nicho do mercado infimo terá os habitantes todos de portugal. De qualquer forma não é justificação ao que a Portugal Telecom ganha. Claro que não é. Mas seria interessante apontarem canhões para outros alvos também, mas no entanto, verão que são tantos que não ha canhões que aguentem.

    Eu propunha o seguinte. Falaram em criar um grupo de pressão (odeio o nome lobby) num post anterior a este que eu não consigo reencontrar mas até gostaria pq tenho umas ideias para avançar e precisava de mais pessoas para o fazer.

    Peço-vos apenas para me enviarem, então, o contacto da pessoa que lançou esse repto no outro dia, ou que me enviassem o vosso contacto directamente para podermos todos iniciar um brainstorm.

    Nada ha a perder

    valfreixo@netcabo.pt


    Vx
    ----------------------------------------
    Accept that some days you are the pigeon and some days the statue.

    Re:A promessa nunca será finalizada. (Pontos:2)
    por buffer em 07-09-01 15:09 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://xpto dot org
    Eu propunha o seguinte. Falaram em criar um grupo de pressão (odeio o nome lobby) num post anterior a este que eu não consigo reencontrar mas até gostaria pq tenho umas ideias para avançar e precisava de mais pessoas para o fazer.
    Peço-vos apenas para me enviarem, então, o contacto da pessoa que lançou esse repto no outro dia, ou que me enviassem o vosso contacto directamente para podermos todos iniciar um brainstorm.

    Penso que é este post do Leitão:
    http://www.gildot.org/ comments.pl?sid=01/09/03/1325223&cid=1

    -- what was my problem with man You ask? No.. I ask you what was man's problem with me..

    Re:A promessa nunca será finalizada. (Pontos:3, Esclarecedor)
    por nmarques em 07-09-01 15:39 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://nmarques.xpto.org
    Sabias 40% das linhas da PT estao ocupadas por transmissoes de dados ?? Com a porcaria da Flat Rate isso ia ser o diabo... Espero bem que seja adiada por algum tempo, pelo menos até a PT garantir qualidade de serviço quando isso acontecer... Todos odeiam a PT, oh meu caro jovem, tudo custa dinheiro mas ninguem quer pagar... Pessoalmente sou da opiniao que o ICP devia ser desmembrado e enterrado, quando o monopolio estava nas maos da PT justificava-se para eles nao abusarem, agora com concorrencia, cada 1 que se avie... se os outros ISP's nao teem capacidade e estrutura para serem concorrencia á PT, entao azar o deles, eles sao a concorrencia, devem ser tratados como tal... Quem nao acompanha o ritmo, fica para tras... A Maxitel ja foi, a Teleweb tambem, a proxima vai ser a jazztel... enfim...

    --------------------------------------------
    If there is such a thing as too much power...
    I've not discovered it...
    Re:A promessa nunca será finalizada. (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 07-09-01 21:16 GMT (#22)
    Viva! Primeiro a existência do ICP, tem uma lógica definida, a de manter uma concorrência "saudável". Muitas das infra-estruturas de que falas foram pagas com dinheiros da UE antiga CEE. Logo podemos dizer que são "quase" do domínico público, assim sendo todos devem ter direito a utiliza-las pagando para tal um justo valor. Por fim, porque é que dizes que a próxima a falir será a Jazztel? É um grupo espanhol, com uma visão ibérica do seu mercado, logo nao me parece que seja a nossa "província" que lhes irá arruinar o negócio. Cumprimentos: Pedro Coelho. P.S.: Isto é apenas a minha opinião. E desta vez penso que o problema da "flat-rate" está do lados dos ISP e não do lado da PT. Apesar de esta ter criado as maiores dificuldades e querer ir para tribunal contestar o valor da ligação. Esperemos que isto avance.
    Erro crasso (Pontos:3, Interessante)
    por mvalente em 07-09-01 14:43 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://www.ruido-visual.pt/
    A flat rate é um erro crasso de intervenção socialista/colectivista no mercado.

    A curto prazo é (aparentemente) benefica para o consumidor. O "povinho" pensa, é claro, na conta que tem para pagar no fim do mês.

    Mas a médio/longo prazo é o consumidor que sai prejudicado. Ao ser definado um valor para a flat rate, fica definido um valor minimo. Abaixo do qual NUNCA se descerá. Ora um dos objectivos de um mercado concorrencial é precisamente permitir o abaixar de preços. Com a flat rate isso NUNCA acontecerá.

    A PT torce-se e espreme-se contra a flat rate porque comercialmente é chato. Mas a longo prazo a flat rate também a beneficia: impede de vez que seja feito o unbundle do local loop (oferta do lacete local... %-) o que garante o desaparecimento dos operadores concorrentes.

    Aos ministros e institutos responsaveis e aos consumidores com 3 dedos de testa: esqueçam a flat rate; obriguem a PT a fazer o unbundle do local loop; o preço, apesar da PT querer complicar, é facil de obter já que é o mesmo que o aluguer da linha ao consumidor final; agora só falta dar uma stickada na PT para não se por com palhaçadas no acesso ao par de cobre nas suas centrais.

    Cumprimentos

    Mario Valente

    -=Aplause=- (Pontos:1)
    por Vx em 07-09-01 14:56 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    EXACTAMENTE!

    É exactamente por aí. Onde a PT deverá recuar é no lancete que permitirá outros operadores entrar na guerra dos preços e oferecer produtos atractivos e comercialmente interessantes.


    Vx
    ----------------------------------------
    Accept that some days you are the pigeon and some days the statue.

    Re:Erro crasso (Pontos:1)
    por avalonagain em 07-09-01 15:25 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Parece-me sempre um pau de dois bicos. O outro bico de que falo é o facto de se a PT for para a frente com a flat-rate, exista um número significativo de utilizadores que abusivamente (contudo, no seu total direito) usarão a rede em plena largura de banda 24/7/365.
    Ora significa isto que a qualidade geral da largura de banda a nível nacional irá piorar, o tempo de acesso para ter uma linha livre vai piorar e pior que tudo, para voltar a normalizar a situação só vejo duas saídas:
    -Acabar com o flat-rate e deixar tudo como antes;
    -Subir o preço do flat-rate por forma a poder compensar eventuais investimentos em mais largura de banda
    Este último parece-me particularmente porreiro :-) tirando o facto do preço da flat-rate tender para o infinito num futuro não muito longínquo.Aí teríamos excelentes acessos e niguém para os usar, dados os preços.
    Espero estar errado...
    De qualquer forma, as coisas não podem continuar como estão. Abrir oportunidades para que a concorrência se possa mexer a sério, urge. Só assim se chegará a um bom compromisso qualidade/preço para todos. Para quem usa a net para ver email 1 vez por dia e para quem se dedica a 24/7/365 de downstream DivX...

    ~avalon~ -- "Oh my gawd, they killed Tux! Bastards!"
    Re:Erro crasso (Pontos:1)
    por jmce em 07-09-01 17:31 GMT (#17)
    (Utilizador Info) http://jmce.artenumerica.org/

    Tudo bem em termos das stickadas que seriam mais apropriadas... antes chegar-lhe pela evolução da concorrência do que pela imposição de cima, com tudo a passar à mesma por torneiras controladas pela PT. O problema é o (ainda?) monopólio na prática. Será que sem flat rate na paisagem o unbundling avança mais depressa e com ela mais devagar?

    Enfim, talvez o Problema (com P maior) seja o bananismo de quem faz leis bonitas mas só consegue fazer cumprir ordens se-inguém-grande-e-gordo-se-incomodar-muito. Assim nem colectivismo nem nenhum outro ismo se safa quando se propõe fazer qualquer mudança que se note: a PT continua a torcer-se e a espremer-nos, a curto prazo e a todos os prazos.

    Re:Erro crasso (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 07-09-01 17:57 GMT (#20)
    Eu tenho umas quantas duvidas relativas as tuas afirmações... (que deviam ter uma justificação para serem melhor compreendidas por todos... mas ok)

    "Ao ser definado um valor para a flat rate, fica definido um valor minimo. Abaixo do qual NUNCA se descerá. Ora um dos objectivos de um mercado concorrencial é precisamente permitir o abaixar de preços. Com a flat rate isso NUNCA acontecerá."

    Abaixo do qual nunca descera? Apesar de existirem valores minimos, existe o ICP que esta para regular as coisas... e eu acho que esses valores são só utilizados quando os outros operadores tem q alugar circuitos a telecom (basta os operadores construirem a usa propria rede... e os preços minimos já não se aplicam)

    "Mas a longo prazo a flat rate também a beneficia: impede de vez que seja feito o unbundle do local loop (oferta do lacete local... %-) o que garante o desaparecimento dos operadores concorrentes."

    Eu não concordo... a oferta lacete local só se refere aos ultimos km que vão até a casa dos consumidores... o que acontece neste caso é q há um preço fixo (2ct e qq coisa) em q os operadores pagam a telecom, devido a ela ser a empresa q ficou com o contracto de fazer manutenção das linhas etc etc... os operadores se tiverem rede propria só tem q por a rede propria até a central da PT e dai tiram partido do local loop e só pagar os 2ct e qq coisa a telecom...

    Quanto a tua ultima afirmação eu acho q ninguem te garante q os outros operadores vão implementar flatrate... existir concorrencia é tudo muito bom... mas é preciso q exista alguem q esteja disposto a lançar pacotes tipo flatrate... o que pelo q até agora vimos... não há ninguem disposto a arriscar...

    Re:Erro crasso (Pontos:2, Esclarecedor)
    por pmsac em 08-09-01 1:53 GMT (#24)
    (Utilizador Info) http://2130706433/
    Não posso deixar de discordar... principalmente quando se misturam alhos com bugalhos, escrevendo que a flat-rate acabaria de vez com o "unbundle" do lacete local (que belíssima tradução).
    A flat-rate regula (ou melhor dizendo, devia regular) as tarifas máximas a cobrar pelo operador histórico (a queriducha PT) aos ISPs, numa modalidade em que o consumidor final paga uma taxa fixa: isto, claro está, se o consumidor final utilizar linhas controladas pela PT. É um produto que não tem interesse para os ISPs (nomeadamente os associados a operadores de telecomunicações licenciados para o serviço fixo), porque limita enormemente as margens que os mesmos poderiam praticar... como tal, mesmo que a legislação fosse imposta (à PT), seria ainda opção dos ISPs formularem (ou não) uma oferta. A ideia não é má de todo, os preços propostos é que quase parecem piada...
    http://www.icp.pt/interligacao/interligacao_internet_2.html

    No caso de um utilizador final ter uma linha de acesso directo a outro operador, quer seja através do lacete local "unbundled", quer seja através de outros meios de acesso directo (ex: FWA), podem existir tarifas flat-rate abaixo dos preços regulados pelo ICP, se assim o entenderem os operadores (mesmo sendo tarifas mais baixas, as margens dos novos operadores seriam concerteza mais elevadas neste caso).

    "Penso eu de que"...

    -- pmsac.oO(Cogito sumere potum alterum)
    808 vs. 67 XXXX XXX (Pontos:1)
    por Lowgitek em 07-09-01 19:27 GMT (#21)
    (Utilizador Info) http://www.ideiasdigitais.co.pt
    Afinal qual é a difrença em termos de numeros entre o 67 e o 808 e que sempre pensei que saisse mais barato em horario economico ligar a internet via 67 pelo menos no meu operador que possue yest net.

    This post contains, or may contain, but is not limited to: sarcasm, stupidity, humor, and techno-babble. This post may also be adversely affected by hunger.
    Flat (Pontos:2)
    por Gimp em 07-09-01 22:05 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    A minha barriga é mais plana que a flat rate!

    Divagando um pouco: não seria o máximo o Gov ficar na posse da red novamente e dizer: Querem um grande pedaço de bolo? Então também têm de distribuir em zonas menos favorecidas. _Quem der mais ganha.


    "Os meus 2 caragos" Ferrenho Gomes zZzZz

    À sua memória (Pontos:1)
    por wysiwyg em 08-09-01 11:00 GMT (#25)
    (Utilizador Info) http://www.eternos.org
    Em memória da defunta flat rate, criei esta página. Seria interessante se os webmasters aderissem à iniciativa. Talvez se os responsáveis por esta situação andassem a navegar pela web e encontrassem a maioria dos sites nacionais com um banner daqueles, acabassem por ter vergonha na cara...
    - what ye see is what ye get -
    ICP contra a PT (Pontos:1)
    por gggm em 09-09-01 1:11 GMT (#26)
    (Utilizador Info)
    Esta aqui um artigo da digito onde se pode ler que o ICP defende que a gestão das infraestuturas de rede básica devem passar para o estado, de forma a tornar as " regras mais cristalinas para o mercado", não acredito que numa época de contensão de despesas o façam, sabendo a priori como são os gestores públicos...

    Mesmo se isto acontece muito dificilmente a flate-rate andaria para a frente, para mim, neste momento a flate-rate não passa de uma utopia e penso que a maior parte das pessoas tambem não deve estar a espera de grandes novidades, pois mesmo que venha a ser implantada, o seu preço não será certamente convidativo.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]