gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Microsoft sabotou software da Caldera
Contribuído por AsHeS em 03-08-01 21:22
do departamento old-time-tricks
Microsoft wysiwyg escreve "Um artigo no The Register mostra como a Microsoft sabotou, na altura do Windows 3.1, o DR-DOS da Caldera (concorrente do seu MS-DOS e mais barato). Segundo este artigo, numa das técnicas usadas, o Windows detectava em qual OS estava a correr, e caso detectasse uma versão do DR-DOS em execução, dava uma mensagem de erro do género "Interface de Controlador Inválido". "

Final Fantasy | Mozilla 0.9.3 já anda por aí  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • wysiwyg
  • The Register
  • Mais acerca Microsoft
  • Também por AsHeS
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Em abono da verdade (Pontos:2)
    por jneves em 03-08-01 21:46 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://silvaneves.org/
    Era uma versão beta e a mensagem dizia para contactar o suporte técnico da Microsoft devido a um erro no sistema operativo. A Microsoft já perdeu o caso em tribunal.
    Re:Em abono da verdade (Pontos:2)
    por higuita em 06-08-01 20:51 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025
    pode ter sido uma versao beta, mas foi o suficiente para impor a ideia errada que o dr-dos nao era compativel com todos os programas da mesmas forma que o m$-dos era (como a derrota em tribunal demonstrou)

    nessa altura toda a gente usava versoes betas dos windows em casa (distribuidas pelos amigos) e os poucos que usavam o dr-dos (tipo eu) tiveram de mudar para o m$-dos para poder usar o maravilhoso window$ (nessa altura ainda gostava dele 8)

    como na altura ter 2 sistemas operativos era praticamente desconhecido, uma vez instalado o m$-dos apenas dava muito trabalho voltar a testar o dr-dos pois implicava reinstalar tudo (a partir de disquetes 8)

    eu na altura gostei muito do dr-dos, e fiquei sempre a espera da apanhar um nova versao com o problema do windows resolvido, pois nao me adiantava usar o dr-dos que tinha se nao podia usar o "novo" windows
    nunca mais conheci ninguem que tivesse o dr-dos e so' muitos anos mais tarde com o processo e' que soube que o problema era da M$

    Higuita
    Isso nos inícios e depois... (Pontos:1)
    por NT em 03-08-01 23:03 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://pt-scripters.PTlink.net
    Esse exemplo é uma gota de água no oceano, ainda há muito mais, outro exemplo (em 1998) que tenho em memória é o da Real Networks que acusou a Microsoft de ter sabotado o RealPlayer G2.
    Basicamente a ideia era impedir a instalação do software apresentando mensagens de erros ou incompatibilidades para as pessoas utilizar o Media Player. No mesmo ano um caso semelhante se aplica ao Quicktime como se pode ler neste artigo.
    Os exemplos são bastantes desta prática comum da Microsoft, baseiam-se no facto de que se é dificil instalar qualquer coisa o utilizador vai pelo caminho mais simples e... continua a utilizar o software deles.
    Re:Isso nos inícios e depois... (Pontos:2)
    por jneves em 04-08-01 9:31 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://silvaneves.org/
    O caso mais conhecido é o do Lotus 1-2-3 (uma folha de cálculo anterior ao excel, para quem não tiver conhecido) em que se dizia, sobre os MS-DOS 5: "DOS isn't done until Lotus won't run". E o facto é que o Lotus 1-2-3 não corria no MS-DOS 5.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]