gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
window$ xp será um problema para a aceitação do Gnu
Contribuído por BladeRunner em 08-07-01 21:20
do departamento XP-vs-Linux-in-the-real-world
Linux quantic_oscillation escreve "Este ano vai sair o window$ XP.
Em principio é bem mais estável que os win 9.x, os utilizadores habituados aos encrencanços vão ficar mais satisfeitos.
Não será mais uma dificuldade acrescentada ao "Gnu/linux world domination" na medida que a maioria dos utilizadores de window$ que já ouviram falar do Gnu/linux, geralmente ouvem falar em grande estabilidade e pouca facilidade de utilização enquanto que o bill com o novo XP lhes promete a estabilidade e a facilidade de utilização??"

Servirá a Internet para escrever livros ? | Quem frequenta o IRC no Brasil?  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • Mais acerca Linux
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Sim, mas... (Pontos:3, Esclarecedor)
    por higuita em 09-07-01 2:29 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025
    o win chispe vai comer muitos recursos que nem todos estao dispostos a aceitar pois nem todos querem/precisam de um computador mais rapido(geralmente sao os jogos a locomotiva dos upgrades), vai ter os drivers do win2k que sao mais raros (mas a aumentar rapidamente), vai correr os jogos muito mais lentamente que a serie 9x (e sao os jogos que movem muitos dos computadores... se ja' correm o U.T. com 80fps, para que por o chispe e ter de actualizar o hardware para ter 80fps ou menos?!)

    o novo ambiente grafico vai afastar tambem muita gente que apenas esta' habituada com o mesmo de sempre...
    alem de perda de controle para o pessoal que percebe mais...

    alem de que os fabricantes nao gostaram da ideia que teem de pagar a M$ para incluir os seus drivers no windowsupdate senao eles sao instalados com 20 avisos que os drives nao sao autorizados e que provocam instabilidade no winchispe
    isto pode levar a muitos fabricantes a apoiarem mais o linux para poderem ganhar forca contra a M$

    para alem de que o pessoal esta' a ficar mais esperto, para que' usar a ultima versao que ja' fazem tudo o que querem com a anterior?!
    ainda ha' muitos atraz da ultimas versoes, mas ja' nao sao tantos como ha' uns anos

    os sistemas de protecao de copia tambem vao dar dores de cabeca a alguns e acabam por voltar ao win2k ou win98
    dito para o bloquei dos mp3

    eu pessoalmente nao acredito que o chispe vai ter um grande sucesso, nao vai substituir os win9x e que muitos ate' vao acabar por passar para o linux devido aos custos (estou a pensar nas empresas, mas alguns privados tambem)

    maioria dos utilizadores de window$ que já ouviram falar do Gnu/linux, geralmente ouvem falar em grande estabilidade e pouca facilidade de utilização

    aqui e' que temos de fazer umas campanhas publicitarias para reforcar a ideia que e' estavel, mas tambem facil de usar, que ja' tem offices e ate' jogos

    acho que e' uma oportunidade de ouro 8)
    eu vou preparar um linux bonitinho com o kde2, openoffice, mozilla, gnucash, xmms, mozilla mais uns jogos e o que mais me lembrar para demonstrar como o linux substitui o windows
    o wine e talvez o win4line o WMware podem vir a dar jeito para as coisas mais estranhas (ie: programas de contabilidade)
    Higuita
    Vamos ser realistas... (Pontos:1)
    por mduarte em 09-07-01 8:51 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    Já esteve mais longe, mas mesmo que prepares um linux bonitinho vai ser uma questão de aspecto. A facilidade de utilização não tem, em minha opinião, a ver com o aspecto. Se reparares as aplicações 'desktop' em linux não têm um comportamento consistente (drag n' drop, resposta ao rato, teclas de atalho....) Quanto ao Office, lamento, mas o que mais perto chega é o staroffice. E se reparares consome *muito* mais recursos que o office.... Se juntares a isso o mozilla então.... é bom que tenhas memória :-). um p166 com 128 mb de ram é mais performante e estavel (estou a referir-me à estabilidade das aplicações) com NT 4.0 + office + i.e. Tenta o mesmo com o staroffice e o mozzila no linux. Miguel :-)
    save the wales, feed the poor, free the mallocs
    Re:Vamos ser realistas... (Pontos:2)
    por MacLeod em 09-07-01 12:22 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    É verdade, o staroffice é pesadíssimo. Mas será uma opção? Se queres entrar no mundo unix, é melhor pensares nas vantagens que as aplicações de Unix têm, e não tentares portar offices da M$ para Linux. Vamos por partes.

    Word: Escrever textos, por figuras, equações, etc. Sugestão: experimenta o TeX. Muito mais potente que o Word, formatação automática, facilidade incrível em escrever expressões matemáticas. Não gostas de editar o TeX pata? Experimenta o LyX.

    Excel: este aqui depende que tipo de uso é que se vai dar ao Excel. Se é uma coisa ocasional, o gnumeric é uma boa solução (muito mais rápido que o Staroffice), por agora não faz é gráficos, é o seu principal problema. Se for uma coisa mais a sério, existem vários programas especializados.

    Access: Base de dados. Aqui tens muita variedade... MySQL, PostgreSQL, and so on... O MySQL tem um GUI bastante bom, o PostgreSQL nunca experimentei. Mas comparando com o Access, nem a rapidez nem a eficiência se compara.

    Outlook: Bem, para a função do Outlook existem literalmente dezenas de programas que fazem as coisas que o Outlook faz (embora não tenham tudo junto). Se quiseres um autêntico port do Outlook para *nix, experimenta o Evolution.

    Powerpoint: bom, aqui é que acho que reside uma das (poucas) vantagens da M$. Nunca encontrei um progama para Linux que se portásse à altura do Powerpoint. Existe uma coisa que é o FoilTeX, mas tem objectivos diferentes. Por isso é que ainda tenho Windows no portátil ;)

    Quanto ao Mozilla, é pesado. Mas olha que nas ultimas versões tem melhorado muito em rapidez. Experimenta e vê! Eu tenho o Mozilla a correr num MMX 233 com 64 de RAM e dá razoavelmente bem. Quanto ao XP, pelo que tenho ouvido o sistema mínimo para aquilo correr é um PIII a 500 com 128 de RAM. Bastante diferente, não?

    Re:Vamos ser realistas... (Pontos:2)
    por TarHai em 09-07-01 18:42 GMT (#16)
    (Utilizador Info) http://www.dilbert.com
    \begin{grumpy}

    (La)TeX e um sonho comparado com o word!!!!

    Acabei agora de depurar bookmarks/refs/links de um documento word a pata. O filho da $\Pi$ (nao ha outro nome para ele) ao passar temporariamente por um pc rebentou todas as referencias cruzadas feitas com LINK. Tive de editar os field codes a mao para eleminar o "refencia nao valida".

    O mais engracado e que com essas referencias nao resolvidas, o documento nao se pode gravar como .doc (tive de converter a .rtf).

    Se isto e um editor de texto poderoso e facil de usar, entao enfiar faipas de bambu debaixo das unhas e canja. Pelo menos nao apareceu o clip (nos macs e um caixote com uma mao a abanar) senao ai e q me tinha passado.

    Suponho q o word seja um editor de memorandos de meia pagina poderosissimo. Mas isso ate eu posso fazer a mao.

    \end{grumpy}
    ---
    Re:Vamos ser realistas... (Pontos:2)
    por higuita em 09-07-01 13:44 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025
    como bonitinho era mais a funcionar com tudo afinado, instalado de forma a nao ser apanhado desprevenido (tipo perguntas se podem usar o ICQ ou o (m)IRC ou o queixas que as fontes sao feias (instalar as fontes true type usuais))

    Se reparares as aplicações 'desktop' em linux não têm um comportamento consistente

    sim e' verdade, mas tem melhorado muito, o kde 2 por exemplo e' um salto enorme desde o kde 1.2
    e' claro que ainda tem problemas, mas vai melhorando todos os dias
    mas ja' esta' facil o suficiente para captar o pessoal... muitos nem sequer usam o teclado e o drag&drop usam apenas para os ficheiros
    Quanto ao Office, lamento, mas o que mais perto chega é o staroffice.

    o openoffice ja' esta' usavel, mesmo em beta, mas podes tambem usar o ultimo koffice que ja' esta' muito bom (mas tambem nao tao completo como o staroffice) e consome muitos menos recursos

    o mozilla ja' melhorou muito desde uns meses atras, ainda consome muita memoria, mas ja' nao e' o exagero da serie M??
    mas tambem ainda nao sabemos os consumos de memoria do Iexploder 6.0

    um p166 com 128 mb de ram é mais performante e estavel com NT 4.0 + office + i.e

    bem mas isto e' um NT 4.0, nao um win chispe
    para este usaria talvez o koffice e o opera (ou mesmo o mozilla, o cpu e' bom o suficiente para ser usavel, tal como o iexploder 5.5 nesse cpu

    Higuita
    O OpenOffice está o quê? (Pontos:1)
    por McB em 20-07-01 14:47 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    o openoffice ja' esta' usavel, mesmo em beta, mas podes tambem usar o ultimo koffice que ja' esta' muito bom (mas tambem nao tao completo como o staroffice) e consome muitos menos recursos

    Uso de momento o openoffice build 632 p/ Linux e a única vantagem em relação ao 6276 é o facto de já não precisar daquela aberração chamada xprint (ou whatever), porque de resto... acho que nenhuma aplicação em Linux me deu tantos amargos de boca! Ainda bem que não fiz o uninstall do SOfffice!

    Vejo tanta gente a queixar-se do mozilla... Criei noutro dia um template no openoffice (extensao stx, salvo erro), que agora o dito OpenOffice se recusa a abrir. Desde ontem que também não abre powerpoints. (não lhe deve apetecer, coitado)
    Phear! :)

    Yours, McB!
    They told me it need Windows 95 or better, so I chose Linux
    Re:O OpenOffice está o quê? (Pontos:1)
    por McB em 20-07-01 14:49 GMT (#26)
    (Utilizador Info)
    s/6276/627

    As minhas desculpas,

    Yours,
    McB!
    They told me it need Windows 95 or better, so I chose Linux
    nada disso... (Pontos:0, Gozão)
    por grumpy bulgarian em 09-07-01 9:03 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://oink.com/bizarrity/bizarrity.html
    sempre com a mania do confronto windows e linux... tsk tsk tsk

    eu acho que este windows vai ser tao revolucionario que nem vai haver esse confronto no mercado de consumo... revolucionario não por causa de novas features tecnicamente espantosas, mas por levar o povão a adoptar uma nova postura perante o software.

    como o proprio sistema vai querer controlar o hardware que tenho e o software que lá corre, o pirata ocasional vai ter demasiado trabalho na sua busca por material gratis. vai valer-lhe mais a pena comprar os jogos (que até agora motivavam investimentos elevados em hardware) para correr na consola e não no PC.

    e também vai fazer mais sentido contratar os famosos ASPs para fornecerem acesso remoto às aplicações que até agora residiam (ilegalmente muitas vezes) nos discos rigidos do utilizador final. esse acesso vai ser feito como? com internet explorer. com que hardware? com telemoveis winCE, x-Boxes e PCs com windows. continua a não haver linuxes no desktop. dá demasiado trabalho e vai ser mais caro (sic).

    temos pena(tm).
    Grumpy B)

    Re:nada disso... (Pontos:2)
    por higuita em 09-07-01 13:23 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025
    mas por levar o povão a adoptar uma nova postura perante o software.

    e' precisamente este o seu maior ponto fraco...
    as revolucoes nao sao coisas simples, requerem uma conjuntura a seu favor (que nao me parece ter, toda a gente agora desconfia da M$ para lhe dar mais poder)

    se resultar vai implicar que a M$ vai reforcar o seu monopolio e a sua forca, pois ai sim ela vai controlar todos os computadores com o win chispe
      ficando os farbicantes de hardware, produtores de software e os consumidores finais sobre apertado controlo

    se nao resultar quer dizer que o .net vai ser mais dificil, que o pessoal perdeu a fe' na M$ e que o linux, *BSD e Mac OS X vao aumentar a quota

    revolucao por revolucao, pode tanto acontecer com o win chispe ou com o linux

    quanto ao ASP, quanto tivermos ligacoes a net decentes talvez possa resultar, mas ate' la' e' um falhanco (aqui e no resto do mundo nas mesmas condicoes)

    e nem estou a falar de problemas tecnicos do chispe nem do .net que quase de certeza vao aparecer, desviando pessoal para outras plataformas

    quanto ao linux ser dificil, o windows tambem o e'... o que e' importante e' que seja bonito, consistente, facil de usar e tenha o que o pessoal precisa...
    com o kde 2, gnome, o koffice, openoffice, konqueror, opera, mozilla as coisas estao a melhorar rapidamente
    ainda nao atingiu o nivel do windows, mas para la' caminha

    e lembra-te que por exemplo o mandrake pode ser instalado com para ai 5 cliques, ainda mais simples que o windows

    e e' claro que nao estou a dizer que de um dia para o outro o linux vai tomar conta do mundo, vai ser lentamente, mas quantos mais usarem, mais vao comecar a usar

    Higuita
    Re:nada disso... (Pontos:1)
    por grumpy bulgarian em 09-07-01 15:56 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://oink.com/bizarrity/bizarrity.html
    [...]as revolucoes nao sao coisas simples, requerem uma conjuntura a seu favor (que nao me parece ter, toda a gente agora desconfia da M$ para lhe dar mais poder)[...]

    toda a gente? toda a gente no gildot? toda a gente em Portugal? lamento... continua a ser pouca gente.

    ja houve outras ocasioes em que MS anunciou "agora é que vai ser! um windows mais facil, mais rapido, mais leve e com menos encravadelas!" e foi ver o ppl por esse mundo fora a fazer fila nas lojas...

    [...]M$ vai reforcar o seu monopolio e a sua forca[...] foi o que eu disse e chamaram-me gozão - vou amuar :p

    se nao resultar quer dizer que o .net vai ser mais dificil, que o pessoal perdeu a fe' na M$

    [...]nao me cheira. acho que esta historia dos pinguins é um bocado como a música alternativa. é chique dizer "nao gosto disso ... é demasiado comercial".

    [...] quanto ao ASP, quanto tivermos ligacoes a net decentes talvez possa resultar, mas ate' la' e' um falhanco [...]

    se o objectivo é executar remotamente um processador de texto, o que é que precisas para uma ligação à net ser boa? latência baixa e uns 3Kbps a passar sem soluços... se consigo ouvir a megafm, tb consigo isso...

    e nem estou a falar de problemas tecnicos do chispe nem do .net que quase de certeza vao aparecer, desviando pessoal para outras plataformas

    eu hoje estou do contra mesmo... acho que a unica malta que reage a um ecran azul como um consumidor exigente faria noutros contextos, é a malta que à partida nao estaria a usar windows. malta dos Macs e afins... quando eu tenho um windows a frente, eu sou tão compreensivo com relação às falhas do sistema, como a malta do linux é compreensiva quanto à falta de features no seu software gratix.

    [...]o que e' importante e' [..] tenha o que o pessoal precisa...

    é verdade, já há suporte para USB no linux. vou ressuscitar aquela partição que tenho lá perdida em casa... :)
    Grumpy B)

    Re:nada disso... (Pontos:2)
    por Gimp em 09-07-01 16:25 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    "[...]nao me cheira. acho que esta historia dos pinguins é um bocado como a música alternativa. é chique dizer "nao gosto disso ... é demasiado comercial""

    EHEHEHEHEHEHAHAHAHAHAHAHAH! Felizmente o linux não é um cd de música tipo êxito de Verão.

    "se o objectivo é executar remotamente um processador de texto, o que é que precisas para uma ligação à net ser boa? latência baixa e uns 3Kbps a passar sem soluços... se consigo ouvir a megafm, tb consigo isso..."

    Vou estar mesmo a usar a net para aceder a um processador de texto AHAHAHAHAHAHAH! Sem fleite-reite e uma linha super-sónica....

    "eu hoje estou do contra mesmo..."

    Eu também.

    " acho que a unica malta que reage a um ecran azul como um consumidor exigente faria noutros contextos, é a malta que à partida nao estaria a usar windows. malta dos Macs e afins..."

    Fala com um dos meus users quando ao fim de 1 hora o word ou o excel explodem...

    "quando eu tenho um windows a frente, eu sou tão compreensivo com relação às falhas do sistema, como a malta do linux é compreensiva quanto à falta de features no seu software gratix"

    Eu sou compreensivo. Quando comprava coisas sem primeiro ver se havia suporte só dizia fod e caralh merd e batia forte no teclado. Com o windows a explodir(ultimamente desliga-me o PC sem mais nem menos) faço o mesmo. Sou muito compreensivo.

    Os meus 2 Paus zZzZz
    Re:nada disso... (Pontos:2)
    por higuita em 09-07-01 20:40 GMT (#17)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025
    toda a gente? toda a gente no gildot? toda a gente em Portugal? lamento... continua a ser pouca gente.

      8)
    caso nao tenhas reparado um pouco em todo o mundo criou-se um sentimento de desconfianca na M$... ainda ha' gente que e' fiel e acredita, mas tambem existem os que a odeiam profundamente
    (eu comecei a odiar pouco antes de conhecer o linux, quanto na vespera da data limite de entrega de um relatorio o windows (3.11) estourou e levou o disco com ele... de 150Mb de disco recuperei +- 10Mb, entre os quais estava um temporario de 4 dias atras... directa e um relatorio foleiro foi o que ganhei)

    se nao fosse assim nao seria possivel e viavel um processo de monopolio contra a M$, pois iria contra toda a opiniao geral
    foi o que eu disse e chamaram-me gozão - vou amuar :p
    8)
    isso nao ha' duvidas, se o chispe for um sucesso, a M$ vai controlar muito de perto milhoes de PCs
    se te chamaram gozao e' porque talvez tambem nao acreditem que isso aconteca

    é um bocado como a música alternativa
    ate' poderia ser, mas nao te esquecas que a musica alternativa tambem vende bem, e ja' tem uma boa quota de mercado... ja' nenhuma editora ignora este tipo de musica
    as coisas teem de crescer aos poucos...

    latência baixa e uns 3Kbps a passar sem soluços... se consigo ouvir a megafm, tb consigo isso..
    o problema nao e' a qualidade da ligacao, em principio de casa ate' ao servidor do ISP tens sempre uma boa ligacao (em teoria!! 8)
    o problema e' o custo!!!
    pensa bem quanto e' que pagas de net para fazer um relatorio, um livro, etc...
    compensa e muito usar outra coisa
    nem que seja o notepad, ligar a net, copy&paste para o word gravar e voltar a desligar... voltar ao notepad, etc
    e' exactamente com ouvir radio... se teem a net de graca, ouvem, senao ligam o radio, nem que tenham de comprar, pois fica muito mais barato e nao torna o resto da net mais lenta

    e' porque nunca perdeste um trabalho importante com isso... para jogos, quero la' saber, mas perder trabalhos e' demasiado importante

    pessoal, quem perdeu alguma coisa importante devido a um erro do windows que levante o braco...
    (xxiii, parece uma floresta de bracos 8)

    ataques de virus, tambem nao deves ter tido...
    felizmente eu nunca o tive, mas um colega meu apanhou o chernobyl, ficou sem Motherboard e todos os dados no disco
    imagina que o iloveyou incluia o chernobil!!
    ou conta quantos PC ainda estao infectados com o branca de neve (que tem uma backdoor) e os utilizadores nem sabem

    a falta de pormenores no linux e' isso mesmo, um pormenor, que em 90% dos casos nao sao usadas (ja' usaram tudo o que o work/excel trazem?!) e/ou consegue-se fazer de modo alternativo (e simples) ate' que seja implementada (cada vez mais depressa)
    mas nunca perdi ou deixei de fazer algum trabalho por falta de alguma funcao

    já há suporte para USB no linux. vou ressuscitar aquela partição que tenho lá perdida em casa... :)
    entao vais ver como as coisas evoluiram...
    tenta instalar uma distro recente (slackware 8, redhat 7.1, mandrake 8, a pre-beta do debian)

    Higuita
    Re:nada disso... (Pontos:1)
    por grumpy bulgarian em 10-07-01 10:42 GMT (#19)
    (Utilizador Info) http://oink.com/bizarrity/bizarrity.html
    caso nao tenhas reparado um pouco em todo o mundo criou-se um sentimento de desconfianca na M$...

    é será daquela desconfiança que leva as pessoas a mudar de sistema? quando eu escrevi acerca de aceitarmos as fraquezas do sistema, referia-me ao seguinte: se eu for a um restaurante e encontrar uma falha grave, eu deixo de frequentar o restaurante. em outros tipos de serviços o consumidor reage mais ou menos desta forma. creio que até hoje o utilizador de windows nao procede desta forma - e não é por falta de interface WIMP no linux, como sugeriste anteriormente («bora juntar o mozilla, o staroffice, o KDE e prontos, é o fim do chispe»)

    é um bocado como a música alternativa ate' poderia ser, mas nao te esquecas que a musica alternativa tambem vende bem, e ja' tem uma boa quota de mercado...

    e o Billy Corgan tb disse na MTV music awards que ganhar o premio para melhor disco alternativo com o "mellon collie & the infinite sadness" era um bocado desajustado.

    se a AOL adaptar um linux, achas que vai continuar a ser o que era?

    o problema nao e' a qualidade da ligacao, em principio de casa ate' ao servidor do ISP tens sempre uma boa ligacao [...]

    nos paises mais desenvolvidos, as pessoas dispoem de ligações permanentes à internet, a um custo razoavelmente baixo (suspiro). os serviços de net gratis demonstraram ao grande publico que é util ter esse acesso, o ponto de partida para o desnvolvimento de serviços de ASP é posterior a essa fase da evangelização para o novo media.

    se o email e os JPEGs de gajas nuas foram as aplicações que chamaram as pessoas para a net de banda estreita, serão provavelmente as transmissões de futebol e os MPEGs de gajas nuas que conduzirão esses e outros públicos para a net de banda larga.

    quando chegarmos aí já deverá ser evidente que "a rede é o computador", e os terminais magrinhos terão a forma de smartphones ou consolas multimedia com internet explorer.

    acho que o papel do windows chispe nos clientes gordos, vai ser atraves dos seus registos de hard e software, separar a malta que quer ter as aplicações residentes no disco, da malta que prefere o pay-as-you-go.

    quanto aos piratas e crackers, esses vão ter que melhorar os circuitos de distribuição, porque o mercado é cada vez mais vasto.

    [...] (cortei a parte dos violinos, e da fiabilidade do windows vs. linux. não está em causa :) [...]

    (ja' usaram tudo o que o work/excel trazem?!)

    não, mas até agora quem os comprou, pagou por inteiro; era melhor ir pagando por utilização, não era?

    e assim o Gimp poderá deixar de cantar os "Sysadmin Blues" se lhe for suficiente manter terminais que acessam programas remotamente (que se explodirem, fazem-no em servidor alheio, dentro dos SLAs contratados :)
    Grumpy B)

    Re:nada disso... (Pontos:2)
    por Gimp em 10-07-01 18:09 GMT (#22)
    (Utilizador Info)
    "quando chegarmos aí já deverá ser evidente que "a rede é o computador","

    Curtes à brava os discursos do Bill não?:)))

    " e os terminais magrinhos terão a forma de smartphones ou consolas multimedia com internet explorer." "

    Isto leste onde? Na Exame Informática(passe a pub)?

    "acho que o papel do windows chispe nos clientes gordos, vai ser atraves dos seus registos de hard e software, separar a malta que quer ter as aplicações residentes no disco, da malta que prefere o pay-as-you-go."

    Read my lips: Disponibilizar largura de banda para aceder a aplicações é uma idiotice!

    Essa do pay-for-everything é uma buzzzzzzz que tentam impingir de qq maneira.

    "nos paises mais desenvolvidos, as pessoas dispoem de ligações permanentes à internet, a um custo razoavelmente baixo (suspiro)."

    Pffff eheheheh.

    "os serviços de net gratis demonstraram ao grande publico que é util ter esse acesso,"

    Para ver gajas nuas?

    " o ponto de partida para o desnvolvimento de serviços de ASP é posterior a essa fase da evangelização para o novo media"

    UH? Não percebi patavina. Média? Mas que raio é que a média tem a ver com o ASP? Gostava de saber o êxito que a Telepac tá a ter com o seu querido ASP...

    não, mas até agora quem os comprou, pagou por inteiro; era melhor ir pagando por utilização, não era?

    "e assim o Gimp poderá deixar de cantar os "Sysadmin Blues" se lhe for suficiente manter terminais que acessam programas remotamente"

    Vá lá que consegui uma réplica da Lucile EHEHEHEHEHEH (pra quem não sabe a guitarra que acompanhou o B.B. King por quase toda a carreira. Quase porque quem agora a toca é o Papa)

    " (que se explodirem, fazem-no em servidor alheio, dentro dos SLAs contratados :)"

    AHAHAHAHAHA desculpa mas esta é de morte. um ASPword explode e o user fica feliz porque não foi no PC AHAHAHAHAH.


    Os meus 2 Paus zZzZz
    mais uma noticia (Pontos:2)
    por higuita em 10-07-01 12:04 GMT (#20)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025
    acabaram-me de enviar esta noticia, vinda o wall street journal

    http://ptech.wsj.com/archive/ptech-20010705.html
    achas que isto fica bem para os homens de negocios, empresas e privados...

    toda a gente sabe que o windows no mercado caseiro e' na grande maioria pirata, salvando a honra do convento os PCs con o windows pre-instalado(pre-comprado)
    so' quando todos comprarem um computador novo e' que o chispe vai comecar a entrar neste mercado (tirando os fanaticos)

    isto pelo menos ate' os cracker furarem os sistemas de proteccao, mas depois duvido que se consiga actualizar o XP

    Higuita
    Re:nada disso... (Pontos:2)
    por CrLf em 09-07-01 21:05 GMT (#18)
    (Utilizador Info) http://students.fct.unl.pt/~cer09566
    (...)sempre com a mania do confronto windows e linux... tsk tsk tsk(...)

    É inevitável.

    (...)eu acho que este windows vai ser tao revolucionario que nem vai haver esse confronto no mercado de consumo... revolucionario não por causa de novas features tecnicamente espantosas, mas por levar o povão a adoptar uma nova postura perante o software.(...)

    Qual nova postura? Aceitar a porcaria que a MS lhe larga nas mãos sem reclamar... lamento informar-te mas essa postura já é velha.

    (...)como o proprio sistema vai querer controlar o hardware que tenho e o software que lá corre, o pirata ocasional vai ter demasiado trabalho na sua busca por material gratis. vai valer-lhe mais a pena comprar os jogos (que até agora motivavam investimentos elevados em hardware) para correr na consola e não no PC.(...)

    Duvido muito, os grupos que se dedicam a fazer cracks para jogos vão e voltam do fim-do-mundo só para crackar um jogo que não interessa a ninguém, quanto mais difícil é mais gozo eles têm.

    (...)e também vai fazer mais sentido contratar os famosos ASPs para fornecerem acesso remoto às aplicações que até agora residiam (ilegalmente muitas vezes) nos discos rigidos do utilizador final. esse acesso vai ser feito como? com internet explorer. com que hardware? com telemoveis winCE, x-Boxes e PCs com windows. continua a não haver linuxes no desktop. dá demasiado trabalho e vai ser mais caro (sic).(...)

    ASP? Isso é uma ideia tão estapafúrdia como os idosos NetPCs do Larry Ellison... Embora lá todos voltar atrás 15 anos na velocidade e qualidade das aplicações só para as poder correr a partir da rede (ligações à net da ordem dos Gbps não andam para aí aos pontapés e com menos do que isso não se corre nada melhor do que se corre localmente). Quanto aos linuxes no desktop... não me parece que vão aumentar muito no mercado doméstico, mas nas empresas isso pode mudar da noite para o dia, é só haver vontade.

    -- Carlos Rodrigues

    - "I think my men can handle one little penguin!"
    - "No, Mr. Gates, your men are already dead!"
    XP é algo bom, ms xispe nem por isso... (Pontos:1)
    por k em 09-07-01 12:13 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Se nós usarmos o nosso poder de aconselhamento (ou consultoria para alguns) e não recomendarmos o xispe muita gente não lhe vai pegar. E argumentos não faltam:
    • Não gosto de um SO que me obriga a ligar ao passport para ligar o PC. Sim, o mesmo passport q dizia à tempos atrás que toda a informação que por lá passar passa a ser propriedade da microsoft.
    • Não gosto de um SO que não me deixa ouvir mp3 à vontade e que os corrompe propositadamente. Se eu não me apetece estar a mudar CDs e ter toda a minha colecção ripada em mp3 no disco para escolher e ouvir legalmente nada me impede de o fazer. Quem é a microsoft para mo impedir?
    • Não gosto de um SO que consome recursos por achar que temos demasiada memória ou um processador demasiado rápido :)
    • Não gosto de um SO que me obriga a telefonar à microsoft a justificar-me por ter aumentado a memória, mudado de processador, placa gráfica ou outro hardware qualquer. Devem querer ser a nova pide ou coisa assim parecida...
    • Ah e não gosto de um SO que não trás nada de novo realmente útil para quem o vai usar. Se os outros querem ter remote login, vários users ao mesmo tempo que o usem. Ou melhor usem linux que já faz isso à uns tempos mais eficientemente.

    Claro que há casos pontuais, mas não passam disso.
    --
    k
    "lhes promete" (Pontos:2, Esclarecedor)
    por japc em 09-07-01 11:28 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://japc.no.sapo.pt
    Promete alguma coisa que não tenha já prometido antes?
    japc.
    o XP VAI ser de facto o standard no mercado (Pontos:2, Interessante)
    por joaobranco em 09-07-01 13:25 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Podemos todos achar que o XP é pior que o anterior numa série de pontos, que consome muito, que põe tudo nas mãos da M$, etc, etc.

    Nada disto invalida o facto simples que daqui a 2 a 4 anos o XP será o verdadeiro standard do mercado para computadores pessoais.

    O problema de muitos dos criticos "ingénuos" da M$ é assumirem que um SO é adoptado ou não através dos updates (curto prazo). O XP será o standard principalmente através da aquisição de novas máquinas (médio-longo prazo) e em muito menor número através dos updates. Se daqui a 2 anos a M$ ainda estiver a vender (retail e OEM) o Me ou o 98, então o XP terá falhado, mas se nessa altura as opções de quem quiser instalar um SO M$ forem apenas XP ou W2K, o XP terá ganho.

    Agora, se isto será ou não um ataque grande aos SO livres (GNU/linux e outros) vai depender principalmente da evolução destes. O W2K tem um conjunto de caracteristicas que o tornam muito adequado para certas tarefas, mas (principalmente devido a questões de $$$) o Linux está a crescer mais na área de servidores que ele. No entanto o W2K workstation cresce mais do que o Linux na área de clientes empresariais.

    O XP dirige-se principalmente a um outro mercado, o caseiro, que posso afirmar frontalmente o Linux não está (neste momento) capaz de servir. Se a evolução do Linux (ou de algumas distribuições deste - AOLinux, anyone?) nesta área forem realmente competitivas, pode ser que o Linux venha a ter hipoteses...

    JB

    Re:o XP VAI ser de facto o standard no mercado (Pontos:2)
    por Gimp em 09-07-01 15:45 GMT (#12)
    (Utilizador Info)
    Tava a prometer a mim mesmo não comentar as 2-3 últimas submissões mas a esta não resisti. Quantas pessoas que conhecem passaram a usar windows ME? Quem experimentou vomitou com as dores de cabeça causadas pelos drivers compatíveis(not)... O ME passou tão despercebido que neste momento não conheço amigo win user que o tenha. Como ingénuo que sou, digo e afirmo que todo o pessoal que comprar máquinas novas assim que quiserem pôr a placa XPTO-bonitinha ou mais MEGAS-rápidas etc,etc,etc, e verificar que vai ter MUITO TRABALHO a ligar para a micro(sim, porque usar cópias pirata vai ser difícil senao impossível) a berrar que a merd#$%&"! do PC tá todo chinado, a primeira coisa que vai fazer é pedir ao amigo para lhe formatar o disco. O win98 tá tão bom para os users que tão-se a borrifar para o ME. E essa do win2k no desktop empresarial é de rir. Esse tá instalado no chefe que gosta da última novidade. Proque para os users os sys admin não tão para dar-se ao trabalho de estar a configurar as várias contas além de que é mais caro. E digo frontalmente que o Linux está preparado para o desktop(aprendi que é bom para o Linux adoptar as tácticas de FUD da micro eheheheh! Aqui o ppl tá todo borrado com o que tenho dito do XP AHAHAHAHAH(gargalhada diabólica))
    Os meus 2 Paus zZzZz
    Nota (Pontos:2)
    por Gimp em 09-07-01 15:47 GMT (#13)
    (Utilizador Info)
    Quando digo "2-3 últimas submissões" refiro-me óbviamente aos artigos e não opiniões.
    Os meus 2 Paus zZzZz
    Window$ ME ( r d a ) (Pontos:2)
    por higuita em 11-07-01 3:06 GMT (#23)
    (Utilizador Info) http://raff.fe.up.pt/~eq92025
    recentemente a minha namorada comprou um portatil que claro esta' vinha com o ME... eu torci logo o nariz, criei a particao de linux para mim ($#%#$ para os winmodens)

    devido ao modem tenho de usar muito o ME para ir para a net e ja' estou farto de problemas "estranhos" sempre a aparecer num PC novo com pouca coisa instalada alem da que vem de origem

    em desktops com o 98SE com 20x mais lixo nao tenho metade dos problemas....

    o que mais me espantou a' dias foi a namorada a queixar-se do ME e a dizer que o 98 nao dava tantos problemas... e que estava a pensar em pedir-me para trocar o ME pelo 98 (bem podia ser por linux... 8)

    tambem tenho um colega maluco por instalar as ultimas versoes do que arranja ( e ficar todo contente mesmo que tenha problemas ou fique muito lento) e uma semana depois de sair o ME ele ja' estava a instalar-lo...
    passados 3-4 dias ele disse-me que estava a re-formatar o disco para voltar ao 98se pois o ME so' lhe dava problemas e nao trazia nada de novo

    e' precisamente este colega meu que me leva a crer que o chispe nao vai ter sucesso, o ME ao ter falhado fez quebrar a imagem perfeita da M$ em muita gente, o chispe de tao complicado que vai ser vai aumentar essa imagem e levar a descobrir OS alternativos (ou voltar ao 98)

    o windows ganhou sucesso com a pirataria e com distribuicao entre conhecidos, agora vai perder por dificultar a distribuicao e porque os conhecidos comecam cada vez mais a queixar-se do windows e a falar do linux
    (basta ver as LIPs publicas, onde aparece sempre gente que mal de computadores percebe mas ja' ouviu falar do linux e quer ver como e')

    Higuita
    XP 0wnz j00 ! (Pontos:1)
    por NT em 10-07-01 14:15 GMT (#21)
    (Utilizador Info) http://pt-scripters.PTlink.net
    -Windows XP and Office XP will discourage casual copying by limiting the number of times you can use a single Product ID to install these products.

    -From the Search Engine Watch is the observation that the new version of Internet Explorer to be included with Windows XP will force keywords on any Web site to automatically become a link back to a Microsoft site thereby encouraging users to visit Microsoft sites. This is all done under the guise of "helping" Web surfers. Web developers will have to recode there pages to prevent this "helpful" feature so that readers of their pages won't be encouraged to leave their page for a Microsoft page.

    "window$ xp será um problema para a aceitação do G (Pontos:1)
    por quantic_oscillation em 11-07-01 19:57 GMT (#24)
    (Utilizador Info)
    Penso que o meio para levar mais pessoas a usarem o GNU/Linux e os outros *nix's opensource como os *BSD, principalmente a nível empresarial são os estudantes que agora se encontram nas faculdades e mais tarde vão entrar no mercado de trabalho. é claro que o que afirmei anteriormente só funciona principalmente com os estudantes de informática, e mesmo com estes a maior parte das vezes não é assim, visto que continuam a usar nas faculdades e politécnicos portugueses o software do bill. quanto aos outros estudantes de cursos não ligados à área da informática então aì é que é praticamente impossível encontrar um estabelecimento de ensino onde os utilizadores usem outro software que não o do bill, e falo por mim próprio que estudo engª civil e que todos os pc´s que eu vi até agora no local onde estudo (ISEL) têm o window$ e companhia, e penso que as pessoas que neste estabelecimento estudam informática e electrotecnia só usam produtos micro$oft. penso que o único local no ISEL onde é usado o GNU/Linux é no servidor que é usado na ligação ao exterior que penso ser o mesmo do irc etc. aqui à tempos tive uma conversa com uma pessoa ligada ao pedagógico sobre a utilização do GNU/Linux nos diversos pc´s que são agora usados para fazer as inscrições nas turmas, a pessoa nem sabia que existia vida para além do bill. como Portugal é um país riquissimo continuamos a gastar milhões em software, enviando divisas para fora do país nomeadamente para os EUA, e depois admiram-se que o NASDAQ é que manda nas bolsas de todo o mundo. quanto a este assunto de gasto de milhões aconcelho-vos a ler a entrevista do professor Tribolet que ele deu à revista valor, uma destas semanas, em que afirma que foram gastos à bem pouco tempo um milhão de contos em software que nem estava a ser usado. ainda quanto á falta de conhecimento por parte das pessoas de que existe o gnu/linux e outros isso muito se deve e falando de Portugal às nossas pseudo-revistas de informática, e digo pseudo porque para elas informática é sinónimo de micro$oft e vice-versa. nos últimos meses tanto a BIT como a Exame Informática fazem manchete com o win XP ou com o office XP, produtos que só sairam recentemente ou ainda como o XP faltam meses para saír mas estes senhores todos os meses encontram motivos para escrever uma propagandazinha ao bill, quanto ao opensource quando reservam algum espaço ou é para virem com parangonas que o linux tb tem vírus ou então notícias de mais uma distribuição que fechou as portas. nos posts só falam do staroffice do koffice e do openoffice, é certo que são opensource mas tb não se deveria falar no corel wordperfect 2000, nunca usei mas presumo que seja um bom produto, e é comparado com os pacotes do bill bem mais acessível, já alguém por aqui o experimentou?? quanto aos browsers desde 1998, altura que conheci o GNU/Linux na expo98 sempre usei e uso tanto em windowze como desde que sairam as 1ªs betas o opera, para mim o único problema é não ser opensource, o que só o prejudica em termos de evolução. tenho usado o staroffice no GNU/Linux e tenho gostado bastante, só que a minha impressora é uma fã do bill e logo tenho de voltar ao win para imprimir. quanto aos window managers sou viciado no window maker, é super rápido levezinho e no GNU/Linux Debian, quando estou em ambiente gráfico com o xserver+windowmaker com uma bela foto da charlize theron só gasta cerca de 6Mb. quantic_oscillation
    Re:Very smart... as usual (Pontos:2)
    por Gamito em 08-07-01 22:43 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    Viva!

    Tens razão.
    Foi assim um bocado ao correr da pena.
    Já pus um Dpto. mais a propósito.

    Obrigado pelo reparo.

    Mário Gamito
    educação, ensino

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]