gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
MySQL
Contribuído por BladeRunner em 20-05-01 7:34
do departamento how-to
Bases de Dados Ainda há muitas pessoas recém chegadas ao Linux que continuam a utilizar ferramentas Microsoft, como é normal.
O Access, a combinação Excel/Aceess, ou pior ainda, tentar fazer do Excel uma base de dados, é algo muito comum.
Em Linux (e outros *nixs) existem algumas propostas de bases de dados (SQL) bem interessantes. Uma delas é o MySQL.
Este artigo ensina a instalar, configurar e utilizar (basics) o MySQL.
Outra coisa muito interessante, é a possibilidade de se utilizar um front-end para o MySQL, que permita em conjunto com o Apache e uma linguagem dinâmica (como o par PHP/phpMyAdmin), criarmos as nossas bases de dados e utilizá-las a partir de um browser.
O MySQL também tem um manual completíssimo, que além do software em si, ajuda também no SQL.
Aqui há semanas onde trabalho, apareceram-me uns alunos que me pediram para os ajudar. Queriam meter mais de 300 respostas a uns questionários que fizeram, no Excel e depois que eu os ajudasse a sacar/cruzar informação.

Fiz-lhes uma proposta alternativa do género da descrita em cima:
Criei-lhes uma base de dados muito simples, meti-lhes o phpMyAdmin num directório com um .htaccess, ensinei-os a utilizar o browser para preencherem o formulário dos questionários, meia dúzia de dicas de SQL, e eles ficaram... maravilhados.
Entre outras benesses, puderam cada um em sua casa pela net, simultaneamente preencher os formulários e cada um tirar as suas conclusões descançadinho e depois em grupo discutirem.

Nunca mais vão querer outra coisa e eu, se perdi no total 30 minutos com eles, foi muito.

Isto é algo muito fácil de se fazer em casa para utilização pessoal.
Eu diria que virtualmente todas as distros trazem o software descrito em cima.

Culture Clash | A Matemática e a Física...  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • MySQL
  • Este artigo
  • manual
  • Mais acerca Bases de Dados
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Perda de tempo (Pontos:2)
    por nmarques em 20-05-01 10:56 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://nmarques.xpto.org

    Meus amigos, o mySQL com o tempo tende a desaparecer se não resolver muito rapidamente certos problemas... O MySQL aguenta-se relativamente bem para Web porque neste tipo de utilizaçao, 90% sao select's e 10% insert's... Numa perpectiva mais real, numa aplicação em que sopunhamos temos 60% inserts e 40% de selects, o mySQL despedaça-se por completo enquanto outras bases de dados como a Oracle, o suberbo PostgreSQL se aguentam maravilhosamente... Portanto, quem usa Web, força o MySQL ainda dá para os gastos, quem nao usa para Web... comece a pensar numa de PostgreSQL ou tão fuckados!!... ;)

    --------------------------------------------
    If there is such a thing as too much power...
    I've not discovered it...

    Re:Perda de tempo (Pontos:1)
    por [WaR] em 20-05-01 15:04 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://www.GenHex.org/
    Nem mais. Para trabalhar a sério o MySQL é muito fraco. Nested queries anyone ?
    Para pequenas coisas, até não se porta muito mal. Para coisas mais a sério o postgreSQL bate-o aos pontos, embora pela minha experiência seja mais pesado.

    Só uma correcção, nao estamos a falar de "Bases de Dados" mas sim de "Sistemas de Gestao de Bases de Dados" (a.k.a SGBD ou DBMS). São coisas distintas.

    -- [WaR]
    ACKnowledge my SYNs
    Re:Perda de tempo (Pontos:2)
    por buffer em 20-05-01 15:31 GMT (#4)
    (Utilizador Info) http://www.coders-pt.org
    Já agora, fica aqui um comparativo entre MySQL e PostgreSQL

    http://www.phpbuilder.net/column s/tim20000705.php3

    -- what was my problem with man You ask? No.. I ask you what was man's problem with me..

    Esclarecer (Pontos:1)
    por BladeRunner em 20-05-01 15:18 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://www.gildot.org
    Homens!

    Eu só escrevi isto numa perspectiva de mostrar a eventuais newbies/utilizadores domésticos que por aqui andem, que há alternativas muito poderosas e para quem quiser com interfaces gráficas, ao (yuck!) Access a que vêm habituados.
    Reparem que eu comecei o artigo com erferência ao link que explica como ensinar a instalar e utilizar o MySQL, mas rapidamente mudei de assunto,uma vez que o cerne do artigo não era realmente o MySQL em si.

    Se quiserem, leiam postgres/Oracle/whatever, onde está escrito MySQL.

    Mário Gamito
    educação, ensino
    Re:Esclarecer (Pontos:2)
    por nmarques em 20-05-01 21:32 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://nmarques.xpto.org
    Er... Poix, nesse aspecto entao tens uma toolzeca em TK para o PostgreSQL que bate isso aos pontos... E para que ensinar pessoal a trabalhar com um dos piores produtos do mercado quando tens alternativas muito mais poderosas e com _MUITO_ mais features, e com as mesmas facilidades ? er... Pessoalmente axo que é perda de tempo... ;)

    --------------------------------------------
    If there is such a thing as too much power...
    I've not discovered it...
    Re:Esclarecer (Pontos:1)
    por Eraser em 21-05-01 10:08 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    O MySQL não é o pior do mercado. É só mais uma base de dados com as suas características próprias. Por isso, continua tão utilizado em ligação com sites que não precisam de funções avançadas de bds mas que precisam de uma bd leve, rápida e bem documentada (principalmente para iniciados). Cada macaco nos seu galho. O MySQL ainda vai continuar por aí durante muito tempo. Ele tem o seu nicho próprio. :)

    Fiquem bem!
    JP

    PS: eu não sou um defensor do MySQL. Só acho que as bases de dados quando se diferênciam suficentemente são adequadas para soluções específicas. Quando isso acontece, em vez de serem concorrentes directos, as diferentes bases de dados comlementam-se.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]