gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Microsoft "deve" comprar a Corel Linux
Contribuído por AsHeS em 13-03-01 0:04
do departamento e-a-opiniao-de-mais-um
News Segundo a opinião de Rich Castagna's "a Microsoft deve comprar a Corel Linux (deve, não significa que vai)".Este artigo (opinião) interessante pode ser lido aqui. De salientar a comparação que ele faz com a economia Portuguesa (NOT).
Que acham os leitores do gildot que aconteceria caso a Microsoft comprasse a Corel Linux ?

Proxy da Netvisão trabalha a lenha verde | Nautilus 1.0 is Out  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • aqui
  • Mais acerca News
  • Também por AsHeS
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Licoes de economia e geografia... (Pontos:2)
    por leitao em 13-03-01 9:45 GMT (#1)
    (Utilizador Info)

    ...e' o que o tipo esta' a precisar...

    O GDP Portugues e' de cerca de $150 bilioes (ver http://www.cia.gov/cia/publ ications/factbook/geos/po.html) -- o que e' cerca de 2x o turnover da M$...

    Regards,


    -- "Why waste negative entropy on comments, when you could use the same entropy to create bugs instead?" -- Steve Elias

    Re:Licoes de economia e geografia... (off-topic) (Pontos:1)
    por asoares em 13-03-01 19:17 GMT (#5)
    (Utilizador Info)
    <smile> <ingles>$150 billion</ingles> = <portugues> $150 mil milhoes </portugues></smile>.

    Não quero ser desmancha prazeres mas 150 biliões não é, em Portugues de Portugal o mesmo que 150 biliões em Português do Brasil...

    ;-)

    Atentamente,

    António Soares

    -- "Only two things are infinite, the universe and human stupidity, and I'm not sure about the former. " - Albert Einstein
    Conspiracao! (Pontos:1)
    por TarHai em 13-03-01 11:16 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    O que a microsoft devia era comprar Portugal.

    Poderia vender coisas como:

    Leitoes da Bairrada for Workgroups
    Porto NT (Not Tawny)
    Porto 2000 -- Para empresas. Deveria substituir a Expo 98.

    Em troca os Portugueses tinham maquinas da coca-cola gratuitas em todas as esquinas e um governo Free to Inovate.

    As possibilidades sao imensas!
    Re:Conspiracao! (Pontos:1)
    por mlopes em 13-03-01 11:40 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Mas a microsoft já não comprou Portugal? Estava convencido que sim.
    Re:Conspiracao! (Pontos:1)
    por BipBip em 13-03-01 14:42 GMT (#4)
    (Utilizador Info) Http://BipBip.XpTo.OrG
    não pa, tamos nós aqu para lhes fornicar o juizo


    Do not phear them, phear me because i'm lame. ~:o)=
    Re:Conspiracao! (Pontos:1)
    por Endymion em 14-03-01 23:52 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Bah. Tornava-me rebelde e ia pas montanhas no norte dirigir ataques guerrilheiros.
    Pffff (Pontos:1)
    por CrLf em 13-03-01 23:03 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    É óbvio que o tipo não sabe do que está a falar, primeiro com aquela referência a Portugal (que ele provávelmente pensa que é algum país da América Latina) e depois com a ideia absurda que apoiar o Linux traria algum benefício à micro$oft. Maior parte das receitas deles vêm da venda do Windows ou de software intimamente ligado com ele, se a micro$oft subitamente passasse a fazer ou controlar uma distribuição de Linux apenas estaria a admitir que este tem valor, logo, estaria a dar uma facada no Windows e em todo o $$ que este acarreta em favor de algo que nunca lhes iria trazer tantos lucros. O senhor refere ainda que há muita gente por aí que pensa que a chegada da M$ ao Linux iria prejudicar este, eu digo que NÃO, iria era prejudicar a micro$oft, e bastante!
    Outro pormenor é a ideia mais do que batida e IMHO mais do que errada de que o Linux tem de chegar ao mainstream. O Linux é uma variante do UNIX e o UNIX em mais de 30 anos nunca chegou ao mainstream. O Linux é um sistema complexo e é da sua complexidade (complexidade, não "complicação") que vem o seu poder, a simplificação ou "estúpidificação" do Linux não traria bem a ninguém. O único desktop onde o Linux alguma vez poderá chegar em força é ao desktop de quem sabe o que faz ou de quem não precisa de saber (servidores variados, developers, power users no primeiro caso, computadores em empresas ou embedded devices no segundo), ao desktop do comum utilizador doméstico não (para isso existe o Windows e, bem... já sabemos a porcaria que é). Lembrem-se da velha máxima: UNIX is user friendly, he's just picky about who his friends are. Mas já estou a ficar off-topic...

    -- Carlos Rodrigues

    - "I think my men can handle one little penguin!"
    - "No, Mr. Gates, your men are already dead!"

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]