gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Saiu o Kernel 2.4.2
Contribuído por scorpio em 22-02-01 13:57
do departamento kernel-corner
Linux Daneil Saccilotto escreve "Nesta nova versao do kernel (extremamente aconselhada a atualizacao pois contem severos bug-fixes) possui diversas atualizacoes de drivers, entre muitas correcoes de bugs, entre elas, uma na IDE que, segundo o ChangeLog, pode trazer problemas posteriormente ao usuario do 2.4.1 " [scorpio: Downloads no sítio do costume (mirrors do kernel.org)]

Projecto "LyX em Portugal" | FSF Europa em fase de lançamento  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Daneil Saccilotto
  • Mais acerca Linux
  • Também por scorpio
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    loopback (Pontos:1)
    por Strange em 22-02-01 16:10 GMT (#1)
    (Utilizador Info)

    Infelizmente parece que o 2.4.2 herdou um problema com o driver loopback do 2.4.1-acxx...

    O problema que tenho tido com o loopback, e' que simplesmente nao funciona, bloqueando o processo que o acede (nem kill -9 funciona...)

    Ja' experimentei ate' em duas maquinas diferentes...

    Enquanto nao resolverem o problema, vou continuar a usar o 2.4.1

    btw, enviei uma mensagem c/ o prob 'a lkml, e recebi agora mesmo um email de resposta para aplicar uns patches em http://www.kernel.org/pub/linux/kernel/people/axboe/patches/

    hugs

    Strange

    Usuário? (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 22-02-01 16:57 GMT (#2)
    Faz lembrar os velhos tempos em que os manuais do DOS vinham em brasilês.

    Fosga-se!

    Re:Usuário? (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 23-02-01 15:00 GMT (#4)
    Estava preparando uma resposta para o comentário infeliz sobre "os manuais de DOS em brasilês"...

    Mas não vale muito a pena.

    Já trabalho em Lisboa desde 1991 em grande porte IBM e M$Window$. (O Linux fica em casa e nas tentativas de evangelização que faço sempre que posso...).

    Quem fala mal dos "manuais do DOS escritos em brasilês" deve, num passado não muito distante, ter lido os ditos manuais.

    Nestes quase 10 anos tenho sempre me deparado com comentários deste tipo. Mas, sempre que procuraram com dúvidas, eu as soube dirimir em bom "brasilês". Sempre que me pediram literatura técnica, manuais "xerocados" (é fotocopiados que se diz em portugês), manuais feitos nas horas vagas por colegas e compilações de erros frequentes e um sem fim de documentação que sempre nos acompanha e se vai juntando (desde 1982 que estou nesta vida)... em nenhum destes momentos o "brasilês" incomodou ninguém.

    Sempre que treinei colegas portugueses mais novos, foi com exemplos e suportes trazidos do Brasil. (Temos sempre esta mania besta e terceiro-mundista de auxiliar a quem nos pede auxílio, sem pensar em concorrência e em brilhar mais que o colega...).

    ........

    Soube da notícia do kernel 2.4.2 ontem, às 10:00 da manhã ao visitar o pontobr.org, em que o Eitch postava a notícia às 06:29 da manhã!!! O cara divide com a comunidade que fala "brasilês" (uns 163 milhões de terceiro-mundistas) e "português", uns 11 milhões do educado e avançado primeiro-mundo) uma notícia destas ainda de madrugada no Brasil.

    No começo da tarde a notícia sai aquí, no Gildot, contribuído pelo scorpio parafraseando o Daneil Saccilotto (o nome é italiano, mas o e-mail é ...@..com.br).

    ......

    De vez em quando (de vez em sempre?!?!?!) aparece um comentário infeliz deste tipo que nos faz pensar se vale a pena...

    Eu, de minha parte, vou continuar como sempre. A disposição de quem precisar de ajuda, fazendo o meu trabalho todos os dias, junto aos 'usuários' da empresa onde trabalho. E tudo isto em bom "brasilês".

    Atte, JB.

    Re:Usuário? (Pontos:1)
    por su- em 23-02-01 15:44 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://projecto-oasis.cx:81/~su-
    Correndo o risco de gerar um guerra, aqui vai a minha opinião:

    O problema nem é o Brasilês propriamente dito, mas sim a quantidade de nomes que os chamados Brasileses inventam a toda a hora, quando já existem palavras na lingua Portuguesa/Brasileira que serviam perfeitamente:

    Exemplos:

    Usuario -> utilizador
    multimida -> multimédia (a palavra já existia)
    escopo -> (scope em inglês) domínio

    Cá deste lado também há quem invente palavra destas, mas na minha opinião, felizmente há o bom senso de não as deixar proliferar muito.

    Exeplos: Printar -> Imprimir
    Codar -> Escrever código
    Burnar -> Queimar CDs.

    Re:Usuário? (Pontos:1)
    por CrLf em 23-02-01 17:41 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Tas a confundir a questão, o problema não é não entender o "brasilês", nem é não o aceitar como lingua mãe de quem o fala. O problema é que chateia que as os produtos sejam vendidos em Portugal só com manuais em português do Brasil assumindo que é o que cá se fala. Nós defendemos a nossa língua e exigimos que os manuais venham em _Português_. Não somos obrigados a saber o que é um usuário ou um micro, apesar de serem poucas as vezes que não compreendemos um Brasileiro (as telenovelas brasileiras afinal até servem para alguma coisa) o que ao contrário já não é sempre assim.

    -- Carlos Rodrigues

    - "I think my men can handle one little penguin!"
    - "No, Mr. Gates, your men are already dead!"
    Re:Usuário? (Pontos:1)
    por MacLeod em 24-02-01 2:04 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Caro JB,

    Acho que o que sem põe em causa não é a boa vontade das pessoas que traduzem, e se dedicam a traduzir as coisas. O problema é um problema de base. É claro que todos compreendemos (minimamente) o "Brasilês", mas não é o nosso "dialecto". E se nos for dada a hipótese de escolher entre as duas versões do PT, é obvio que escolhemos sempre a que está mais próxima de nós. Passar-se-ia o mesmo se fosse no Brasil, e começassem a haver traduções em Português europeu.

    O brasilês é incómodo, digam o que disserem. Eu prefiro ler em inglês do que em brasileiro. Porquê? Porque sei o que cada palavra a expressão realmente significam, e não tenho de estar a pensar no contexto ou no que quereria dizer esta ou aquela palavra. Não perco tempo. Sad but true... E não me quero habituar porque não tenho de me habituar ao brasileiro. Se fosse trabalhar para o Brasil, aí era diferente. Mas eu sou português, falo português e porque raio hei de ser obrigado a compreender uma outra maneira de comunicar em português? Quantos brasileiros seriam capazes de dizer o significado de expressões "nossas"?

    E atenção, isto nunca foi duvidar da boa vontade das pessoas, ou categorizá-las, primeiro, terceiro mundo. Só uma visão muito mais racista, elitista, e tudo o mais é que levaria a esse ponto. Eu gosto de encarar os problemas com frontalidade e não inventar problemas onde eles não existem.

    Let the flames begin... (Pontos:2)
    por leitao em 22-02-01 19:31 GMT (#3)
    (Utilizador Info)

        Hummm...

        nao e' por nada, mas o bug acima mencionado parece ser demasiado obvio para se deixar passar numa "minor" nova... nao ?

        Oh well...

    -- "Why waste negative entropy on comments, when you could use the same entropy to create bugs instead?" -- Steve Elias

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]