gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Linux vs FreeBSD na BYTE.
Contribuído por AsHeS em 06-02-01 22:38
do departamento head-to-head
Linux leitao escreve "Vi no Slashdot uma referencia a um artigo na BYTE comparando o ultimo Linux 2.4.0 ao FreeBSD 4.1.1 em coisas como webserving, bases de dados e acessos concorrentes. Vale a pena ver. O vencedor no final foi o FreeBSD... "

Desinformação no Correio da Manha | Flatrate: O engenheiro zangou-se  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • gildot
  • Slashdot
  • artigo
  • BYTE
  • FreeBSD 4.1.1
  • Mais acerca Linux
  • Também por AsHeS
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    OpenBSD (Pontos:4, Interessante)
    por Dehumanizer em 07-02-01 0:16 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    O FreeBSD é sem dúvida excelente... mas ando a adorar recentemente o OpenBSD. É absolutamente "delicioso". :)

    1- tudo ocupa muito menos memória. É impressionante ter um sistema (sem X, e sem grandes coisas a correr) a ocupar apenas 15 MB de RAM, não é? Um Linux mais ou menos c/ as mesmas coisas em memória ocupa uns 48-64 Mb.

    2- tem as melhores man pages que já vi. Try them. :)

    3- a instalação default é super-minimalista. Não tens de passar horas a descobrir o que raio é que está instalado. Tudo o que instalares tens de ser TU a mandar.

    4- devido a 3-, a instalação é rapidíssima. Particionar discos, definições de rede, escolha de partes a instalar (só há umas 10 partes, não umas 5000 como numa distro de Linux), esperar uns 3-5 minutos, e já está.

    5- a "ports tree" (como no FreeBSD).

    cd /usr/ports/databases/mysql
    make
    make install

    ... e pronto. Sim, ele vai buscar, aplica patches, compila e instala. É lindo. :)

    6- secure by default. Nos outros Unixes, depois de instalares, fechas coisas. Neste, ABRES coisas. Tudo o que está aberto, foi aberto por TI, e sabes o quê, como, e porquê. Nada de teres o sistema "hackado" por um buraco em algo que nem te lembravas que tinha sido instalado.


    "How are you gentlemen !!
    All your base are belong to us." - Cats, "Zero Wing"
    Re:OpenBSD (Pontos:2, Interessante)
    por Storm em 07-02-01 1:21 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    > 1 - tudo ocupa muito menos memória. É
    > impressionante ter um sistema (sem X, e sem
    > grandes coisas a correr) a ocupar apenas 15 MB > de RAM, não é? Um Linux mais ou menos c/ as
    > mesmas coisas em memória ocupa uns 48-64 Mb.

    Bem, eu tenho a minha gateway com squid (para transparent http proxying :), bind e sshd e seti e as vezes rodo X remoto com netscape e tudo em 48MB de RAM. O comando free da 16MB livres, so .... :)

    > 2- tem as melhores man pages que já vi. Try
    > them. :)

    Isso nao posso comentar, mas de qq maneira um cp resolve o problema :) e eu nao gosto de alguns pormenores das utils BSD. Sao mto "strict" na avaliacao das opcoes e o ls nao tem o --color :)

    > 3- a instalação default é super-minimalista.
    > Não tens de passar horas a descobrir o que
    > raio é que está instalado. Tudo o que
    > instalares tens de ser TU a mandar.

    Instala a Slackware e seleciona so o set A (base).

    > 4- devido a 3-, a instalação é rapidíssima.
    > Particionar discos, definições de rede,
    > escolha de partes a instalar (só há umas 10
    > partes, não umas 5000 como numa distro de
    > Linux), esperar uns 3-5 minutos, e já está.

    Ve acima. E qto as 5000 escolhas no linux, nao acho isso uma desvantagem, podes sempre fazer como na slack. Instala a base e depois instalas so o que precisas.

    > 6- secure by default. Nos outros Unixes,
    > depois de instalares, fechas coisas. Neste,
    > ABRES coisas. Tudo o que está aberto, foi
    > aberto por TI, e sabes o quê, como, e porquê.
    > Nada de teres o sistema "hackado" por um
    > buraco em algo que nem te lembravas que tinha > sido instalado.

    Ok. Isso e uma filosofia que eu tb acho que o linux devia ter. Ainda hoje nao percebo pq raio aqueles serviços arrancam todos por default. So me obrigam a ir fechar tudo.

    Por outro lado, tb nao vejo ser possivel nos BSDs jogar Quake3 :)

    Tudo tem as suas vantagems e desvantagens.
    Re:OpenBSD (Pontos:3, Informativo)
    por Dehumanizer em 07-02-01 2:04 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    >> 2- tem as melhores man pages que já vi. Try
    >> them. :)
    >
    >Isso nao posso comentar, mas de qq maneira um cp
    >resolve o problema :)

    Não exactamente, uma vez que os comandos / utilitários não são iguais. Algumas opções existem numas versões e noutras não. Os utilitários numa distro de Linux são da GNU, os num BSD são... BSD.

    Por exemplo, o make em BSD é diferente do GNU make, que é chamado como "gmake" para sources que usam versões primitivas do autoconf e que esperam o GNU make e mais nada...

    > e o ls nao tem o --color :)

    cd /usr/ports/misc/gnuls
    make
    make install
    alias ls = "gnuls --color"

    Pronto! :)

    >Instala a Slackware e seleciona so o set A
    > (base).

    Muito bem! O Slackware é realmente o mais "BSD-like" dos Linuxes. Desde a configuração minimalista até aos ficheiros de configuração (/etc/rc.network, etc.).

    > Por outro lado, tb nao vejo ser possivel nos
    > BSDs jogar Quake3 :)

    Eu próprio ainda não experimentei, mas já ouvi muita gente dizer que consegue. Sim, com aceleração 3D. Afinal, o FreeBSD (por ex.) corre binários de Linux...


    "How are you gentlemen !!
    All your base are belong to us." - Cats, "Zero Wing"
    Re:FreeBSD ls (Pontos:1)
    por slug em 09-02-01 13:09 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    O ls de base do fbsd já suporta cores...ls -G
    Re:OpenBSD (Pontos:1)
    por jmce em 07-02-01 15:47 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    15 versus 48-64 MB em que condicoes? A diferenca nao sera' sobretudo aparente?

    Quanto a 5000 "partes": pelo menos a distribuicao Debian tem uma divisao razoalvemente "fina" do material em packages (em certos casos ate' para programas isolados, como o tcpdump) de forma a poder-se controlar com algum cuidado o que se instala. Nao tem tudo "fechado" na configuracao de base mas nao e' tao "aberta" como outras distribuicoes. De qualquer forma isto nao tem tanto a ver com Linux vs BSD mas mais com filosofias de distribuicao (embora na BSD suponha que os mecanismos de distribuicao sao mais restritos e controlados centralmente).

    Quanto `a ports tree, tambem o apt-get e' lindo :-)


    Disponibilidade (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 07-02-01 13:09 GMT (#4)
    Apesar de tudo o que se possa dizer entre um e outro, o certo e' ke e' mto mais facil arranjarmos uma distro de Linux do que de *BSD, mais que nao seja pela maior divulgação dada ao sistema do pinguim. -- Paulo Andre'
    Re:Disponibilidade (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 07-02-01 14:27 GMT (#5)
    OpenBSD, FreeBSD, NetBSD
    Onde esta' a dificuldade?
    Re:Disponibilidade (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 07-02-01 17:41 GMT (#9)
    Oba oba! Emprestas-me o teu ADSL ou cabo por um dia?
    Re:Disponibilidade (Pontos:2)
    por Dehumanizer em 07-02-01 16:25 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Sem dúvida que há mais pinguins do que "daemons". Mas também há mais paperclips (ugh!) do que pinguins... :(


    "How are you gentlemen !!
    All your base are belong to us." - Cats, "Zero Wing"
    Re:Disponibilidade (Pontos:1)
    por hununu em 07-02-01 21:59 GMT (#10)
    (Utilizador Info)
    Se me disseres que há mtos mais home users com linux acredito, agora se falares de ambientes profissionais, se calhar é mais ela por ela... começa a ver o que grandes sites correm e podes ter surpresas :-)
    hununu, LTI-DEQ@IST, Portugal
    FreeBSD e Desenvolvimento (Pontos:1)
    por MavicX em 07-02-01 17:27 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    Parece-me que a melhor velocidade e estabilidade do FreeBSD em relação ao Linux situa-se no modo como os dois são desenvolvidos. Enquanto o FreeBSD assente no kernel 4.4 BSD já com muitos aninhos de vida, tem um desenvolvimento mais sério e coerente, não é a salganhada de inovações e avanços que o linux ultimamente tem presenciado o que o tornam mais pesado e lento e tambem instavel.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]