gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
2.4.1 released! (e com reiserfs)
Contribuído por scorpio em 30-01-01 20:29
do departamento kernel-corner
Linux Cyclops escreve "Achei particularmente giro o que vi no final da documentacao in kernel do ReiserFS, pub não intrusiva!
Read www.namesys.com to learn more about reiserfs. Sponsored by Threshold Networks, Emusic.com, and Bigstorage.com. If you like it, you can pay us to add new features to it that you need, buy a support contract, or pay us to port it to another OS. "

Torvalds: The Guardian Speaks | Apache-1-3-17 is out  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Cyclops
  • Mais acerca Linux
  • Também por scorpio
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    reiserf (Pontos:1)
    por worldwide em 30-01-01 20:44 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://slackware.virtualave.net
    ainda acho que a reiserfs apesar de estar nos planos de ser a proxima file system do linux ainda nao esta nos moldes ideais para rodar. O bug que saiu recentemente na bugtraq eh uma das amostras que ainda ha muito o que melhorar antes de a reiser (para os intimos ehehe) se tornar o fs padrao.
    -- worldwide
    Re:reiserf (Pontos:1)
    por TarHai em 30-01-01 20:58 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    infelizmente, o ext2 nao e de maneira nenhuma comodo para discos grandes. Foram os fscks mais ou menos aleatorios e inoportunos que me levaram a mudar para o reiserfs.

    Pelo sim, pelo nao, so o tenho em usr e home (q esta em backup constante), mas nao tenho razoes de queixa... pelo menos ate agora.
    Re:reiserf[s] (Pontos:2)
    por chbm em 31-01-01 0:07 GMT (#6)
    (Utilizador Info) http://chbm.nu/
    Obviamente queres ext3 ;) pq
    1) é estável
    2) podes montar como ext2 ou ext3 sem conversões
    3) é estável
    4) não perde directórios, não perde ficheiros, é testado devidamente, é baseado numa base estável, não muda de formato todos os meses impares, é escrito por uma pessoa que efectivamente sabe o que é um filesystem e conhece o VFS
    5) é estável (ver o ponto 4)


    Re:reiserf[s] (Pontos:1)
    por bofh em 31-01-01 11:36 GMT (#13)
    (Utilizador Info)
    Assino por baixo!

    "I explicitly give people the freedom not to use Perl as God gives people the freedom to go to the devil if they so choose." - L. Wall
    Gotcha (Pontos:1)
    por scorpio em 31-01-01 11:42 GMT (#14)
    (Utilizador Info) http://gil.di.uminho.pt/~scorpio/
    Apoiado!

    Já o uso desde a release para o kernel 2.2.13 (há +/- 1 ano) e nunca me deu problemas nenhuns. Uns 2 meses depois de ter convertido as partições menos importantes para ext3 (ou seja criado o journal), passei a usá-lo tambem nas outras todas, dada a estabilidade da coisa.

    It's a must!
    Re:reiserf[s] (Pontos:2)
    por Cyclops em 31-01-01 16:12 GMT (#20)
    (Utilizador Info)
    > 2) podes montar como ext2 ou ext3 sem conversões
    De certeza? Qd o instalei no fim de semana passado referia na parca documentacao que ainda nao havia um metodo para reverter para ext2 com seguranca.

    > 1) é estável

    Ninguem disse que nao, mas por algum motivo o Linus nao o achou estavel o suficiente para entrar na source do kernel. Pergunta-lhe a ele.
    Re:reiserf[s] (Pontos:2)
    por chbm em 31-01-01 17:33 GMT (#21)
    (Utilizador Info) http://chbm.nu/
    >De certeza? Qd o instalei no fim de semana passado referia na parca documentacao que ainda nao havia um metodo para reverter para ext2 com seguranca.

    mount -t ext2. parece-me seguro.
    Se leres com atenção e perceberes o que diz lá descobres que podes simplesmente montar um ext3 limpo como ext2 e ter ext2. Quando montares outra vez como ext3 tens outra vez ext3.
    No caso de crash (filesystem sujo) o mount *não deixa* montar como ext2. Montas como ext3, ele faz replay do log, o filesystem fica limpo, desmontas, montas como ext2. voilá. Depois se por algum motivo que me ultrapassa quiseres fazer e2fsck tb podes.
    (btw, a "parca documentação" é mais que a necessária. se achas a documentação do ext3 parca talvez devesses ficar pelos kernels que veem nas distribuições - como diz no topo da documentação "If you can't apply kernel patches, stop reading this now. Right now!")

    >Ninguem disse que nao, mas por algum motivo o Linus nao o achou estavel o suficiente para entrar na source do kernel. Pergunta-lhe a ele

    Esta frase implica que o KingPingHead fez merge do reiserfs no 2.2, o que é mentira. Se leres este thread todo descobres que há boas razões para ainda não haver ext3 para 2.4
    Re:reiserf (Pontos:1)
    por Strange em 31-01-01 0:25 GMT (#8)
    (Utilizador Info)

    Bem, podes sempre experimentar o ext3 (440 Kb + 400 Kb rpm c/ e2fsprogs), infelizmente apenas para o kernel v2.2 (por enquanto), que me esta' a funcionar bastante bem.

    Em relacao ao reiserfs, devido aos sucessivos problemas que teve e das dificuldades iniciais do proprio Linus Torvalds e do Alan Cox, fiquei-lhe com uma aversao (ao reiserfs) que me impede de sequer o experimentar.

    Em relacao ao ext2, ha' um patch que altera o algoritmo de alocacao dos blocos para que o proprio fsck seja bastante mais rapido.

    E em relacao ao xfs da SGI, nao cheguei a experimentar ainda porque ainda nao saiu o patch para o kernel 2.4.1 (btw, o patch para o 2.4.0, descompactado, ocupa qualquer coisa como 24 Mb (incluindo programas auxiliares)).

    Vou agora ver que tal o jfs da IBM (3,7 Mb), e depois digo qualquer coisa se o achar interessante :).

    Entretanto, aqui aguardo pacientemente pela release do ext3 ao 2.4 ou pelo tux2.

    hugs

    Strange

    hugs

    Strange

    Re:reiserf (Pontos:2)
    por chbm em 31-01-01 0:47 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://chbm.nu/
    >Bem, podes sempre experimentar o ext3 (440 Kb + 400 Kb rpm c/ e2fsprogs), infelizmente apenas para o kernel v2.2 (por enquanto), que me esta' a funcionar bastante bem.

    É verdade :( O sct está à espera que os bocados relevantes parem quietos no 2.4 para lançar a versão para o 2.4. Entretanto o merge do reiserfs, as inevitaveis marteladas no VFS e uns problemas de namespaces atrasaram um bocadito as coisas :\
    O 2.4 é uma das maiores fontes de instabilidade do reiserfs (além do proprio reiser .. erm :))

    btw, os patches "oficiais" do ext3 tão nos *kernel.org (ftp://tux.cprm.net/pub/linux/kernel/people/sct/ext3 por exemplo). também estão no ftp.uk.linux.org mas às vezes aparecem por lá uns patches em testes.
    Re:reiserf (Pontos:1)
    por Strange em 31-01-01 1:07 GMT (#10)
    (Utilizador Info)

    Apenas uma sugestao em relacao a /usr:

    Eu mantenho-a como ext2, e a meu ver nao existem razoes para mudar para journaling fs, pois visto bem, o seu conteudo raramente muda. Por isso deixei-a como ext2 e apenas a monto em read-only (assim como /boot). E' claro que monto como rw qd e' necessario alguma alteracao, mas depressa remonto como ro.

    Em relacao ao resto, pus tudo ext3 :)

    hugs

    Strange

    hugs

    Strange

    Re:reiserf (Pontos:1)
    por TarHai em 31-01-01 11:51 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    Mudo para ext3 ou qq outro quando a 2.4 esiver mais quieta e testada. por enquanto ainda uso a 2.2

    Louco, mas nao tanto ;D
    Re:reiserf (Pontos:1)
    por Strange em 31-01-01 15:37 GMT (#19)
    (Utilizador Info)

    Caso nao tenhas prestado muita atencao aos posts aqui submetidos, a ext3 apenas existe ainda para o 2.2! Por isso nao tens desculpas :-)

    hugs

    Strange

    Re:reiserf (Pontos:1)
    por TarHai em 01-02-01 13:09 GMT (#22)
    (Utilizador Info)
    so o trabalho q isso dava...
    Grrr! (Pontos:2)
    por Gamito em 30-01-01 20:59 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Bolas!
    Tinha acabado de meter o 2.4.0 no servidor.
    Arrghhh!

    Mário Gamito
    Re:Grrr! (Pontos:1)
    por MacLeod em 31-01-01 0:22 GMT (#7)
    (Utilizador Info)
    Sim, também eu tinha acabado de por o 2.4.0 cá em casa. :)
    Re:Grrr! (Pontos:1)
    por mlopes em 31-01-01 11:44 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    Tens muita sorte, eu tinha acabado de pôr o 2.4.0 e o apache 1.3.14!
    velocidade ? (Pontos:1)
    por MavicX em 30-01-01 21:38 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    Nota-se algum aumento de velocidade usando o reiserfs ??
    Re:velocidade ? (Pontos:1, Engraçado)
    por Anonimo Cobarde em 30-01-01 23:48 GMT (#5)

        Muita!! Os ficheiros passam a andar a 190Km/h e dos 0 aos 100 leva so' 8.2 seg.!!

    Re:velocidade ? (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 31-01-01 2:22 GMT (#11)
    ROTFL!
    Quanto ao comentario original... Pah, ja te disseram que os JFS nao tem nada a ver com velocidade. Aprende a ler.
    Re:velocidade ? (Pontos:1)
    por Strange em 31-01-01 2:37 GMT (#12)
    (Utilizador Info)

    Sim, JFS nao tem nada a ver com velocidade, mas o reiserfs nao foi originalmente desenhada para ser um JFS, e o seu autor afirma que o seu desempenho e' superior ao do ext2:

    The results when compared to the ext2fs conventional block allocation based file system running under the same operating system and employing the same buffering code suggest that these algorithms are overall more efficient.

    E in direct proportion to the smallness of the file the use of balanced trees offers performance advantages. A moderate advantage was found for large files.

    Nao fiquei foi a perceber bem se sempre traz vantagens de performance em relacao a ficheiros grandes...

    hugs

    Strange

    hugs

    Strange

    Re:velocidade ? (Pontos:1)
    por Myke em 31-01-01 12:56 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    Para o pior caso, ficheiros grandes, a velocidade é similar ao obtido com ext2 (não se sabe se será mais rápido mas, mais lento não é). Para ficheiros pequenos a velocidade é realmente maior por dois motivos... devido ao algoritmo usado B*, a informação dos ficheiros (metadata) e a informação contida nos ficheiros (data) é agrupada junto, para além disso.. como está tudo na mesma árvore, não se desperdiça o espaço restante no sector (de 1024 bytes em ext2). Pq é que é mais rápido... quando abrimos um ficheiro, o SO primeiro vai ter de localizar o ficheiro, para tal, vai ver a informação numa tabela que está em disco, terá de deslocar a cabeça do disco para lá e efectuar uma leitura, depois, terá de ir a outro lado ler informação refente ao ficheiro (tipo permissões, tamanho e afins) e só depois, de analisar se podemos aceder ao ficheiro é que realmente o vai ler... ou seja, neste modelo, para ficheiros pequenos, perde-se mais tempo a informação sobre o ficheiro que o ficheiro em si... do modo que reiserfs está idealizado... quando lemos a informação do ficheiro... a cabeça do disco está colocada de seguida sobre a informação a ler, pelo que nos pedidos seguintes de leitura, para ler a informação em si, não se perde tempo com procuras do ficheiro...
    Re:velocidade ? (Pontos:2)
    por chbm em 31-01-01 13:58 GMT (#18)
    (Utilizador Info) http://chbm.nu/
    > sector (de 1024 bytes em ext2).
    só se quiseres que seja 1024.

    >quando lemos a informação do ficheiro... a cabeça do disco está colocada de seguida sobre a informação a ler
    é um afirmação extremamente corajosa sobre hardware genérico.

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]