gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
Segunda, 18, banners no Terravista
Contribuído por chbm em 16-09-00 22:01
do departamento dinheiros-públicos,-vicios-privados
News Um Anónimo avisa "Recebi (eu e mais algumas dezenas de milhar de lusófonos) um mail do apoioaocliente@terravista.pt a informar que a partir da próxima segunda feira, 18 de Setembro, uma janela de publicidade ou de promoção poderá aparecer na minha página. Aquilo agora vive da publicidade, eis a justificação. Lógico. Mas antecipo desde já mais um coro de protestos dos "cibernautas" portugueses, com as habituais flames e as páginas de protesto (provavelmente alojadas... no Terràvista!)
Por mim, uma coisa garanto: vou tirar os dois sites que lá tenho mantido. Quantos mais farão o mesmo?"

Patentes de Software | Smashing Pumpkins lançam album em mp3  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Mais acerca News
  • Também por chbm
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Eu também (Pontos:2, Esclarecedor)
    por tourt em 16-09-00 22:15 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    Eu também vou retirar os meus 2 sites que lá tenho (ambos com 3 anos). Acho ridículo meterem banners desta forma.
    Terravista? (Pontos:3, Informativo)
    por Gamito em 16-09-00 22:54 GMT (#2)
    (Utilizador Info)
    Mas quem é que em seu perfeito juízo ainda passa algum cartão ao Terravista, com tanta opção melhor por aí?

    Cumprimentos,
    Mário Gamito
    também recebi o referido mail (Pontos:2, Interessante)
    por hashCode em 17-09-00 2:23 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Apesar de já não ter nenhum site lá também recebi e já eviei o meu pedido para me eliminarem da base de dados deles.
    how-to de remover publicidade (Pontos:1, Informativo)
    por Anonimo Cobarde em 17-09-00 12:52 GMT (#5)
    http://smog.cjb.net/html/adkill.htm leiam o how-to
    Re: Banners no Terravista (Pontos:2, Interessante)
    por MacLeod em 17-09-00 13:39 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Eu tenho duas páginas no Terravista, uma delas desde que o Terravista começou. E a razão que me levou a optar pelo Terravista foi precisamente a de não ter publicidade. Foi uma iniciativa louvável do ministério da cultura abrir um free web hosting em português quando na altura não existiam assim tantos ao nível global.

    Tenho pena disso das leis do mercado e que o Terravista tenha sido "apanhado". Eu por mim preferia os 2 megas iniciais sem publicidade do que 12 megas com pub. Agora parece que o único sitio sem publicidade é o espaço fornecido pelos free ISPs, Clix, Teleweb e afins.

    Re: Banners no Terravista (Pontos:1, Informativo)
    por BuBbA em 17-09-00 20:57 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.BuBix.net
    Para alem do espaço dos ISP's podes tambem ter um espaço em http://hp.bubix.net/~nick/ , bastando que para isso que te inscrevas em http://hp.bubix.net/. Ja dizia um Anonimo Cobarde: "Sabem fazer melhor? Criem o vosso free web hosting português!" ... nos fizemos mais do que isso, pois também oferecemos POP3;) Por uma Internet mais livre...
    Re: Banners no Terravista (Pontos:1)
    por Anonimo Cobarde em 18-09-00 11:02 GMT (#14)
    Acho perfeitamente normal a leitura que se faz sobre o terravista, nos dias que correm é cada vez mais difícil encontrarmos um espaço neutro, livre de toda a carga consumista... o terravista representava para todos nós essa bandeira...Mas, mas, nós os portugueses temos alguma dificuldade em viver e conviver com a evolução, em nos adaptarmos e usufruirmos das coisas boas que porventura cheguem com os ventos das mudanças, e então somos os maiores críticos, abrimos a boca e soltamos ao vento os maiores argumentos...Até que, até que, chega alguém perto de nós e diz-nos que uma parte dos lucros serão para quem construiu a página e que esses lucros são X, muito mais do que alguém imaginaria...Então o nosso coração é destroçado pelo capitalismo gritante, os ideais derrapam vertiginosamente e o novo terràvista começa a fazer sentido...Acredito nas pessoas que mantém os seus ideais, acredito que é possível manter ideais, mas também acredito na renovação...Há 5 anos a internet era algo insignificante, os telemóveis uma possibilidade, etç, etç...Fazer um discurso com base nesse passado é não estar aberto aos novos ventos, ao conjunto de causas que giram à nossa volta e que de dia para dia promovem a mudança...Defendo sobretudo o equílibrio...Muitas das nossas empresas, reflexo da mentalidade das pessoas envolvidas, não estão receptivas à mudança, têm medo e ficam refugiadas no seu canto...até ao dia, até ao dia...em que aparecem aqueles que manifestaram abertura e souberam adaptar-se...Já não está em causa se é este o caminho, actualmente é o único caminho e é este o nosso barco...cabe-nos a nós ajudar a levar o barco no melhor equilíbrio.
    Re: Banners no Terravista (Pontos:2)
    por Gamito em 18-09-00 11:38 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    "Mas, mas, nós os portugueses temos alguma dificuldade em viver e conviver com a evolução"

    Esta foi o fim da picada. Quer dizer, quando temos alguma coisa melhor do que os outros, estragamo-la e dizemos que evoluímos. Com estado ou sem estado.

    É com ideias destas que, por exemplo, o panorama urbanístico do nosso país está a m3*da que se vê. É o progresso

    Cumprimentos,
    Mário Gamito
    Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 17-09-00 20:04 GMT (#7)
    Eu não vou retirar as páginas que possa possuir só pq agora vou receber publicidade inserida nas mesmas. Existem métodos para a retirar.

    E depois, prefiro um serviço financiado por dinheiros privados a funcionar, do que um serviço público a morrer de velho.

    Os objectivos do Terravista eram nobres. Não resultaram. Ponto final.

    Sabem fazer melhor? Criem o vosso free web hosting português!

    @883, Nbk
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:2)
    por Gamito em 17-09-00 20:42 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    "E depois, prefiro um serviço financiado por dinheiros privados a funcionar, do que um serviço público a morrer de velho."

    Acontece é que o serviço vai passar a ser financiado por ti e por todos os outros que lá têm as suas páginas.
    Pato...

    Cumprimentos,
    Mário Gamito
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:1)
    por Anonimo Cobarde em 18-09-00 2:57 GMT (#10)
    "Acontece é que o serviço vai passar a ser financiado por ti e por todos os outros que lá têm as suas páginas."

    So what? Por exemplo, o Xoom transformou-se no NBCi, e até agora não vejo milhões de utilizadores a reclamarem os seus pseudo-direitos.

    O Terravista foi criado com um objectivo especifico. Falhou. Estás à espera do q? Que o estado continue a sustentar os "viciozinhos" públicos? E mais, é de bater palmas a quem agarrou no Terravista e o levou para mãos privadas.

    Além do mais, assim de repente estou a lembrar-me de *apenas* meia dúzia de pessoas com capacidade de "inovar" em Portugal. Se o estado tem de ser o nº 3, 4 e 5 dessa meia dúzia, azar. As instituições "privados" esforçam-se pouco e arriscam pouco menos. Azar...

    O Terravista terá mesmo funcionado? Estaria o Terravista a cumprir a sua missão? Ou estariamos perante um "Megamail" na altura?

    @150, Nbk

    P.s. - Ok, ok, o estado tb dá poucas condições para se "arriscar", mas já vi coisas melhores do que esta meia dúzia de lamentos.....Já sei, vou deixar de ler o Gildot, só pq o Gamito me chamou Pato...
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:2)
    por Gamito em 18-09-00 3:19 GMT (#11)
    (Utilizador Info)
    Confesso que não percebo puto da tua conversa. Arruma lá melhor as tuas ideias e reescreve o teu post.

    Cumprimentos,
    Mário Gamito
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:1)
    por mvalente em 18-09-00 10:45 GMT (#13)
    (Utilizador Info)
    >O Terravista foi criado com um objectivo >especifico. Falhou. Estás à espera do q? Que o >estado continue a sustentar os "viciozinhos" >públicos? E mais, é de bater palmas a quem >agarrou no Terravista e o levou para mãos >privadas.

    Concordo. Acho alias que o Estado nem sequer devia meter o bedelho nos mercados e deixar a coisa 'a iniciativa privada. Por isso acho bem que o Terravista tenha passado para maos privadas.

    Mas....ha' sempre um mas...

    Quero a parte que me toca na venda do Terravista (primeiro 'a Jazztel e agora 'a Deutsch Telekom). E' que eu, como contribuinte pagador de impostos, financiei aquilo. E portanto quero saber para que serve o meu dinheiro.

    E vou ja' avisando que quando for a venda do Megamail, tambem fico 'a espera das minhas mais valias.

    Tropelias dos negocios socialistas.... Previsão do proximo passo: a FCCN chateia-se com a gestão dos dominios .pt que dao muito trabalho (e ao fim e ao cabo, não dao assim tantos votos) e vende o DNS .pt 'a Telepac (vejam la' se fazem bem o negocio; eu quero as MINHAS MAIS valias...)

    Cumprimentos

    Mario Valente


    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:1)
    por Paulo Querido em 18-09-00 11:53 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    Acho alias que o Estado nem sequer devia meter o bedelho nos mercados e deixar a coisa 'a iniciativa privada. Por isso acho bem que o Terravista tenha passado para maos privadas

    Mário: concordo que o Estado não deva meter a pata nos mercados, mas reservo-lhe o direito de o fazer pontualmente, isto é, nos casos em que pode abrir caminhos; além disso, não esqueças que embora sejam raríssimos, ele há FPs (funcionários Públicos) com ideias decentes e alguma capacidade de iniciativa...
    Foi assim que nasceu o Terràvista, cuja génese e desenvolvimento tu conheces.

    A forma como o Terràvista evoluiu foi triste, infelizmente. Desde que desCARRILHOu até ser vendido à Jazztel, foi uma sucessão de histórias ainda por contar e em que não é líquido que o Estado tenha acautelado os seus (nossos) direitos... Diz adeus ao teu investimento: alguem no Ministério se esqueceu de reservar no contrato as fatias que cabiam ao Estado.

    Encolho os ombros aos argumentos «socialistas»: há 20 anos desisti da política.

    Agora atentemos na questão real.
    É falso que a publicidade seja «a nossa única fonte de financiamento», como se desculpam os actuais responsáveis do Terràvista, uma S.A. integrada num grupo de telecomunicações.

    Como é sabido (excepto pelos alienados que adoram toda aquela areia nos olhos atirada pelos donos dos poderes), deter conteúdos é fundamental para as empresas de telecomunicações, pois os conteúdos é o que gera interesse dos "cibernautas", o interesse é o que os faz "navegar" e navegar é o que rende impulsos, e os impulsos é o que rende guito, cacau, dinheiro, pilim, ferros.

    Pertencendo a um operador e ISP, O Terràvista é uma fabulosa fonte de lucros indirectos pois alojando dezenas de milhar de páginas cativa o interesse de centenas de milhar de leitores, que fazem centenas de milhar de ligações telefónicas para ler as suas páginas favoritas.

    Não descurar ainda os lucros mais indirectos, provenientes do prestígio associado ao serviço Terràvista (factor a que a rapaziada aqui é menos sujeita, mas o pessoal comum é mais sujeito). Bem como o peso específico do Terràvista para as finanças do seu proprietário, quer no caso de uma putativa venda (como aconteceu recentemente no caso da DT), quer no MUNTO INTERESSANTE negócio bolsista.

    O Terràvista é, para usar a linguagem dos centros comerciais, um serviço-âncora, sonhado por qualquer operador.

    Eu, a exemplo de outros, vou de lá tirar hoje mesmo uma pagineca que até já nem me lembrava que lá tinha. Por uma questão de princípio - pois aquilo deve ter umas dez visitas por mês, na melhor das hipóteses...

    inté.

    PS: Mário, preciso do teu e-mail por razões profissionais. Podes chutar-mo para paulo@querido.org? Thanks!

    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:2)
    por Gamito em 18-09-00 14:28 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Viva!

    Desculpem-me todos este comentário redundante, mas tenho que aplaudir esta passagem do comentário anterior, qua há muitas cabecinhas cegas pelo capitalismo selvagem nesta thread que não conseguem perceber esta coisa tão simples:

    "(...) concordo que o Estado não deva meter a pata nos mercados, mas reservo-lhe o direito de o fazer pontualmente, isto é, nos casos em que pode abrir caminhos;"

    Cumprimentos,
    Mário Gamito
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 18-09-00 16:59 GMT (#21)
    e onde é q aqui pode abrir caminhos!? Impedir negocios? Definir conteúdos?
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:1)
    por mvalente em 18-09-00 17:00 GMT (#22)
    (Utilizador Info)
    >qua há muitas cabecinhas cegas pelo capitalismo >selvagem nesta thread que não conseguem perceber >esta coisa tão simples

    Os termos do comentario sao desnecessarios.

    Mas pior do que as "cabecinhas" nao conseguirem perceber "coisas tao simples", sao muitas cabecinhas que por ai andam, cegas por utopicas sociedades anarco/comuno/socialistas que nao conseguem perceber coisas mais complicadas mas que a Historia ja' confirmou serem balelas. E o unico argumento que teem contra factos, e' adjectivarem "selvagem" aquilo que nao querem aceitar.

    Como ja' ia comentar o post do Paulo...

    >"(...) concordo que o Estado não deva meter a >pata nos mercados, mas reservo-lhe o direito de >o fazer pontualmente, isto é, nos casos em que >pode abrir caminhos;"

    >além disso, não esqueças que embora sejam >raríssimos, ele há FPs (funcionários Públicos) >com ideias decentes e alguma capacidade de >iniciativa...


    Concordo em ambos os casos. Mas nessa situacao o que se esperaria era que o Estado, atraves das suas instituicoes (IPE?) de investimento e capital de risco, desse apoio à iniciativa desses seus funcionarios, ajudando-os a criar valor para si, para os portugueses e para o Pais, abrindo assim caminho não so cultural/tecnologicamente, mas tambem social e economicamente. Por em pratica o tao falado capitalismo popular.Nao me importo de pagar impostos para ver colegas a poder fazer. Mas importo-me de os pagar para ver Jazzteis e Telecoms (com ou sem K) a enriquecer.

    E se isto acontece com tantas cabrinhas cegas por um governo "Xuxialista", temo pensar o que aconteceria em regime de capitalismo "selvagem"...

    Cumprimentos

    Mario Valente


    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:2)
    por Gamito em 18-09-00 20:42 GMT (#24)
    (Utilizador Info)
    "Mas pior do que as "cabecinhas" nao conseguirem perceber "coisas tao simples", sao muitas becinhas que por ai andam, cegas por utopicas sociedades anarco/comuno/socialistas que nao conseguem perceber coisas mais complicadas mas que a Historia ja' confirmou serem balelas. E o unico argumento que teem contra factos, e' adjectivarem "selvagem" aquilo que nao querem aceitar."

    Recebi a tua bola, mas chutei para canto.

    Não sou comunista e nem perto disso. Tanto assim que dou toda a razão ao que escreveste.
    Sabes, não é preciso ser-se comunista para se repudiar esta sociedade em que ainda há dias no Telejornal se disse que há não sei quantos milhões de portugueses endividados mensalmente em 90% dos seus salários.

    BTW, sabes que até o Papa já por várias vezes condenou com esta mesma expressão o "capitalismo selvagem"?
    Antes que digas mais alguma coisa, tb não tenho religião.

    Quanto à intensidade dos comentários, talvez me tenha excedido um pouco. Há dias em que uma pessoa acorda assim...

    Cumprimentos,
    Mário Gamito
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:1)
    por mvalente em 19-09-00 10:40 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    >Recebi a tua bola, mas chutei para canto.

    :-) OK

    >BTW, sabes que até o Papa já por várias vezes >condenou com esta mesma expressão o "capitalismo >selvagem"?

    Quem e' esse gajo ? AH! O tipo que funciona como frontend para o Cardeal Ratzinger e que tem uma organização criminosa tão grande que até têm um pais proprio chamado Vaticano e um banco proprio que é um dos maiores investidores mundiais, envolvido inclusive em escandalos de droga e "coisas" como o BCCI.

    Já sei quem é. Têm toda a legitimidade de condenar o capitalismo "selvagem".... :-)

    Cumprimentos

    Mario Valente


    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:1)
    por Paulo Querido em 19-09-00 12:19 GMT (#27)
    (Utilizador Info)
    Assino por baixo!!
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 18-09-00 16:58 GMT (#20)
    "Pertencendo a um operador e ISP, O Terràvista é uma fabulosa fonte de lucros indirectos pois alojando dezenas de milhar de páginas cativa o interesse de centenas de milhar de leitores, que fazem centenas de milhar de ligações telefónicas para ler as suas páginas favoritas. " E para quem vai esse dinheiro!? Para a PT!
    Re:Dinheiros Públicos, Vicios Privados? (Pontos:1)
    por Paulo Querido em 19-09-00 12:16 GMT (#26)
    (Utilizador Info)
    "E para quem vai esse dinheiro!? Para a PT!"

    mais um anónimo cobarde ignorante... enfim, o Gildot anda infelizmente cheio deles.

    ó meu: a PT fica com a maior fatia do bolo das ligações, certo, mas lembra-te que os ISPs têm os seus números, os seus clientes ligam por esses números e nesse caso os ISP ficam com uma fatia das próprias ligações telefónicas.

    não sejas peremptório com essas exclamações (!!) se não tens a certeza do que dizes. mal da PT é fácil dizer (oh oh, olha eu!), mas - e mal dos outros?

    topem-me só a resposta do apoio do enterravista (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 25-09-00 19:35 GMT (#29)
    minha mensagem: Boas, Tive o prazer de ser faroleiro do farol dos computadores mesmo antes do terravista se tornar terravista sa tendo sido vendido à Jazztel. Na altura informei-me com a antiga direcção do terravista que nos garantiu a mim e a todos os marujos que quiseram receber essa informação que a venda do terravista foi cuidadosamente estudada de modo a não se distanciar muito do que o antigo terravista era. Nomeadamente foi-nos garantido pela maria joão nogueira que no contracto de venda do terravista estavam algumas clausulas que garantiam entre outras coisas que as paginas dos marujos nunca teriam publicidade. Ao receber a mensagem que começaria a haver publicidade no terravista fiquei intrigado e revoltado com tal decisão. O terravista já rende muito dinheiro apenas com a publicidade no site principal, é um dos portais mais visitados em portugal e é o portal da jazztel , único sitio com qualidade para promover os produtos da jazztel daí não achar ser necessário publicidade nos nossos sites para que o Terravista SA sobreviva. Gostaria de saber se afinal não havia nenhuma clausula no contracto de venda do terravista e gostaria de reafirmar o meu protesto formal contra este decisão do terravista sa. ******************** resposta da carlita dias: Caro Marujo, Agradecemos o mail que teve a amabilidade de nos enviar. Cremos ter havido uma confusão na leitura que fez da nossa mensagem. Com efeito, não existirá publicidade no interior das páginas pessoais, mas sim numa 2ª janela que abrirá em simultâneo e que, para além da publicidade, incluirá também o acesso directo a serviços úteis do Terravista, como o motor de busca. Assim sendo a publicidade e os serviços disponibilizados serão externos às páginas pessoais. Como será do seu conhecimento o Terravista deixou de ser um projecto público do Estado português em Agosto de 1998 quando foi encerrado na sequência do episódio Dragon Ball. Depois disso sobreviveu na esfera privada, primeiro através de uma associação, agora através de uma empresa. Como compreenderá, este serviço (que permanece gratuito) só existirá se for auto-sustentável, não havendo outra forma de o ser senão através da publicidade associada. Com os nossos melhores cumprimentos, Apoio ao cliente > gosto especialmente desta passagem: "não existirá publicidade no interior das páginas pessoais, mas sim numa 2ª janela que abrirá em simultâneo e que, para além da publicidade" enfim, sem comentários
    Faço as malinhas (Pontos:1)
    por SUp3rFM em 20-09-00 9:24 GMT (#28)
    (Utilizador Info)
    Tenho la' 4 paginas, uma das quais presente no (EN)Terravista desde que a chafarica abriu. Vou muda-las, e por um redir para o novo endereço.

    Ao todo somam cerca de 60 mil visitas (uma das quais com quase 30 mil em apenas 1 ano e meio)

    Uma das vantagens do Terravista era precisamente nao ter banners/popups. Se bem que aquilo por vezes nao funcionava la' mto bem... a malta nao se chateava, pq enfim.. era portugues :)

    Agora que e' alemao, a malta tem que reclamar com mais força. Ja me basta o Bundesbank mandar (in)directamente na minha prestacao da casinha :|

    Redireçao, sff (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 27-09-00 16:34 GMT (#30)
    Nao retirem o site sem laçar uma redireçao ao novo logo, sff. Ja trovo 404s de mais.
    Re:Globalização = Guito! (Pontos:1, Esclarecedor)
    por Anonimo Cobarde em 18-09-00 11:57 GMT (#17)
    perdão? Como já ficou escrito noutra thread do Gildot (procura, que eu agora não tenho tempo!), o que foi comprado pela DT foi a Jazztel, não o Terrávista.
    Re:Globalização = Desinformação (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 18-09-00 15:27 GMT (#19)
    Nem vale a pena comentar a ultima frase..... E bom mesmo que procures, porque ha algo que temos de amditir, la por vir no Gildot nao quer dizwer que seja verdade e em relação ao Terravista/DT muita baboseira foi dita aqui... ...mas pronto uns sao felizes assim.
    Re:Globalização = Guito! (Pontos:0)
    por Anonimo Cobarde em 18-09-00 17:05 GMT (#23)
    errado!! o q foi comprado pela DT (alias, T-Online, a divisão Internet da DT) foi a ya.com (na qual se integra o Terravista), divisao Internet da Jazztel. AS coisas sao mais complicadas do que fazem parecer...

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]