gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
DARPA: Internet mais rápida, Internet interplanetária
Contribuído por jmce em 02-09-00 14:14
do departamento it's-a-bird-it's-a-plane-it's-a-packet
Internet nmarques escreve "A DARPA (Defence Advanced Research Projects Agency), a face da ex-ARPA, anunciou que as pesquisas deles não passam apenas pelo futuro dos próximos 10 anos, mas que pretendem atingir níveis muito mais elevados, e afirmam mesmo que a Internet se irá propagar pelo espaço. A notícia faz parte da mailling list da DARPA/DOD (Department of Defense) e pode ser consultada em alguns sites como o da DefenseLink, assim como no da DARPA." [segundo a notícia, nos próximos 5 anos a DARPA irá gastar 30 milhões de dólares por ano para conseguir comunicações via Internet 1000 vezes mais rápidas que as actuais]

OpenLDAP V2.0.0 | Simcity 3k for Linux!  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • nmarques
  • DARPA
  • notícia
  • DefenseLink
  • Mais acerca Internet
  • Também por jmce
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    Lembram-se?? (Pontos:1)
    por tourt em 02-09-00 22:04 GMT (#1)
    (Utilizador Info)
    Então vão gastar uma pipa de massa para aumentar o velocidade da Internet. Pois bem, mas será que vão inventar algo de novo?

    Há 2 anos (mais ou menos), saiu no jornal "Público" uma notícia sobre uma menina de 15-17 anos da Irlanda que tinha criado um algorítmo (para ser apresentado num concurso de programação, creio) que aumentava entre 100 a 1000 vezes a transmissão de dados.

    Desde que essa notícia saiu, pensava-se que aplicação desse algoritmo fosse a curto-médio prazo. Mas até hoje nunca mais se falou, nem da moça nem do algorítmo...


    Re:Lembram-se?? (Pontos:2, Esclarecedor)
    por zhp em 02-09-00 23:58 GMT (#2)
    (Utilizador Info) http://random.sh/zhp.html
    Viva!

    Bom, tu provavelmente estás a fazer um pouco de confusão. Segundo me parece, deves-te querer referir a uma jovem, de 15-17 anos, Irlandesa, que conseguiu criar um algoritmo de encriptação capaz de fornecer padrões de segurança tão elevados como os standards DES, mas que atingia uma velocidade alucinante trinta (30) vezes superior. Esta descoberta não está propriamente ligada à rapidez da transmissão de dados pela Internet, como indicas no teu comentário. Poderá melhorar substancialmente o tempo que determinado bloco de dados demorará a ser encriptado, mas isto de modo algum se relaciona com o objectivo da DARPA.

    Beers,
    --JRS

    Ops! (Pontos:1)
    por tourt em 05-09-00 22:57 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    Ou isso. Aos demais as minhas desculpas!
    (Mas tenho uma impressão que li isso...). Bem, não interessa!

    Cumprimentos..

    Um pouco de história... (Pontos:2, Interessante)
    por zhp em 03-09-00 0:10 GMT (#3)
    (Utilizador Info) http://random.sh/zhp.html
    Será bom lembrar que a DARPA (ex-ARPA), pertencente ao US Department of Defense, foi a principal impulsionadora deste colosso que hoje conhecemos como Internet.

    Tudo começou nos finais da década de 50. Convém recordar que tanto a Rússia como os EUA se encontravam em plena Guerra Fria, vivendo- na frenética disputa do avanço tecnológico. Com o lançamento do Sputnik, a Rússia colocava-se um passo à frente... Tal bastou para motivar o governo americano, levando-o a patrocinar o projecto (D)ARPANET, cujo objectivo era manter em contacto os diversos cientistas e estudantes universitários, criando assim um enorme fluxo de informação. Distribuído por N universidades ao longo do país, esta rede acabou por eventualmente se propagar e crescer. A pouco e pouco, a Internet foi formada, com a sua semente na DARPA.

    Beers,
    --JRS

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]