gildot

Topo
Sobre
FAQ
Tópicos
Autores
Preferências
Artigos
Sondagens
Propor artigo


8/3
gildicas
9/30
jobs
10/9
perguntas
10/25
press

 
KDE vs GNOME Qual o melhor para ambiente empresari
Contribuído por BladeRunner em 04-04-03 15:04
do departamento kde-ou-gnome
Linux tyFUZZ escreve "Bem sei que o assunto pode ser banal, mas quem faz a pergunta é alguém newbie no Linux (ou seja, eu!)

Com a chegada do Mandrake 9.1, incluindo o KDE 3.1 e o Gnome 2.2, a questão coloca-se com mais pertinencia: Qual dos dois gestores de ambiente gráfico é o melhor para ambiente empresarial?

Partamos para a discussão com os seguintes pressupostos:
a)Pretende-se trabalhar com textos e folhas de calculo no OpenOffice;
b)Pretende-se fornecer aos utilizadores, um ambiente gráfico o mais parecido possível ao do Windows (os utilizadores estão todos actualmente em Windows e queremos perturbar ao mínimo a velocidade corrente de trabalho na empresa);
c)Os clicks, arrastar do rato, copiar, colar, ambiente gráfico, usabilidade, etc. deverão seguir o indicado na alínea anterior;
d)Pretende-se ligar os PCs com o Linux em rede onde outros PCs com Windows ainda existirão durante bastante tempo. (Portanto, promover a integração amigavel entre as duas plataformas na mesma rede local);
e)Não seria bom prejudicar o desempenho das máquinas com um ambiente gráfico pesado e lento só porque é muito bonito. (dar primazia à rapidez de trabalho);
f)Conseguir imprimir em Jacto de Tinta e Laser sem problemas de maior.
g)O pessoal responsável pela instalação não tem conhecimentos de Linux avançados. (Daí a escolha do MAndrake Linux)"
O que me poderão sugerir?Pessoalmente, julgo que o KDE está mais generalizado que o Gnome (e com a ultima versão 3.1 do KDE superba!); mas a interface, os tipos de letra, a facilidade de utilizar do Gnome parecem-me mais idênticas à do Windows...

E um pedido de desculpas aos puristas, mas isto é mesmo o que se pretende: Substituir o Windows pelo Linux numa empresa! (tarefa que já se encontra em curso, com a escolha do KDE 3.0 em detrimento do Gnome, simplesmente agora resolvi perguntar aos utilizadores do Gildot - de preferência os que já tenham tido contacto com o KDE 3.1)

1º de Abril | DGCI.gov.pt/de : : : Simulador de IRS  >

 

gildot Login
Login:

Password:

Referências
  • Linux
  • Mais acerca Linux
  • Também por BladeRunner
  • Esta discussão foi arquivada. Não se pode acrescentar nenhum comentário.
    A resposta é.. (Pontos:3, Informativo)
    por Gamito em 04-04-03 15:16 GMT (#1)
    (Utilizador Info) http://www.dte.ua.pt/~gamito
    Olha, eu era um perfeito indefectível da SuSE em desktop e em servidores.
    E digo era, porque para desktop mudei para Mandrake 9.1

    O trabalho que eles fizeram é absolutamente fantástico. Se quiseres instalas com meia-dúzia de cliques, se quiseres, tens as opções de instalar como queres.
    A qualidade gráfica, o polishing, a integração de aplicações, a detecção e configuração de hardware está absolutamente fantásica.
    Eu tive grandes problemas com a placa gráfica que só resolvi com a compilação de um vanilla kernel e um patch para o supermount, mas é devido ao suporte à minha placa gráfica (intel) do portátil ser muito mau.
    Em máquinas de secretária, mesmo alguns DELL com placas intel não tive qualquer problema.

    Enfim... 5 estrelas.

    KDE ou GNOME ?
    Eu diria o melhor dos dois, i. e., usas KDE que tem um clipboard muito avançado e integração de aplicações também muito avançada e usas algumas aplicações do GNOME, por exemplo, pim, gFTP, Evolution, etc.

    Já trás o OpenOffice, vem tudo configurado direitinho. É como uma torradeira: ligas e está a fazer o trabalho que deve.

    Para servidor continuo no SuSE :-)

    Mário Gamito
    my web shelter
    Re:A resposta é.. (Pontos:2)
    por MavicX em 04-04-03 17:25 GMT (#7)
    (Utilizador Info) http://www.startux.org

    Se achas que o Mandrake 9.1 está bom e bonito espera pelo Redhat 9.0 :-)

    Sim tambem gosto bastante do suse para servidor. O yast2 dá sempre jeito.

    Pedro Esteves

    Re:A resposta é.. (Pontos:2)
    por ^S^ em 04-04-03 18:31 GMT (#9)
    (Utilizador Info) http://www.zbit.pt/~luis
    O RedHat 9 nao tras assim tanta coisa nova, pelo menos em relacao ao 8.0.

    E' certo que tambem fiz uma instalacao de upgrade, e manteve (tanto quanto possivel) as minhas definicoes, mas de novo mesmo nao salta nada assim tanto a' vista.

    Logico que do KDE 3.0 para 3.1 ha' diferencas... mas nao nos podemos esquecer que a RedHat pretende "anullar" essas diferencas, e conseguiu mante-las "under the hood" -- ser isso bom ou mau, e' outro assunto.

    No GNOME (confesso que nao o uso como DE) ainda me pareceram haver menos diferencas.

    ATENCAO: estas diferencas que considero quase inexistentes sao os aspectos visiveis, presumo que fosse a isso que te referias com "bom e bonito".

    NOTA: tive um problema com o novo threading model (NPTL) e, sem saber porque motivo, deixou de existir. O problema ocorria apenas com o KDE, todo e qualquer binario "morria" com segfault. Seguindo as indicacoes das RELEASE NOTES, i.e. LD_ASSUME_KERNEL=2.4.1 ou nosysinfo na linha de boot resolvia o problema. Este workaround deixou de ser necessario e agora tudo funciona bem.
    ^S^
    q tal ver nesta discussão de há umas semanas? (Pontos:2, Interessante)
    por pcardoso em 04-04-03 15:16 GMT (#2)
    (Utilizador Info)

    Linux em ambiente Empresarial

    Mas se és um newbie no linux porque não o tentas conhecer melhor antes de o começar a recomendar? O KDE é o meu desktop, mas as coisas ainda não estão tã simples ou polidas como no windows, nem tão completas.

    O OpenOffice tem potencial e tenho-o utilizado para muita coisa, mas o MSOffice ainda é a melhor aplicação do género, mesmo com todos os seus defeitos.

    Re:q tal ver nesta discussão de há umas semanas? (Pontos:1)
    por tyFUZZ em 04-04-03 23:32 GMT (#14)
    (Utilizador Info)
    Sim, concordo com muito do que dizes, mas temos que continuar a toda a força!

    Os chefes estão entusiasmados, dão-nso força... Alguns utilizadores chamam-nos nomes (vêm do Windows e agora 'levam' com um sistema em que por vezes o botão direito não apresenta as vulgares opções copiar/colar, etc...)...

    Mas já temos 6 máquinas com Linux Mandrake 9.0 e uma com Linux Mandrake 8.2 (precisamente a que está como servidor de Samba, NFS, mail, NAT, etc) - por aqui se vê que realmente os servidores 'sofrem' muito menos mexidas que os desktops. Enquanto que no desktop (onde pode estar a trabalhar um Dr., um Eng.º ou um simples chefe), convém mudar o aspecto regularmente, o servidor apenas tem que se manter lá no cantinho do departamento de informática, tendo apenas que se trocar as cassetes diariamente, etc...

    No entanto, a razão da minha questão é mesmo esta: O GNOME parece-me que tem os menus mais parecidos com o Windows... Os tipos de letras dos menus... O movimento do rato... toda a interface em si... Já o KDE, mais parece um sistema menos profissional (do ponto de vista gráfico... icones muito grandes... pouco anti-alising, etc...)

    Embora este novo KDE 3.1 esteja melhor...

    ---
    tyFUZZ
    Algumas opiniões! (Pontos:2, Esclarecedor)
    por mlopes em 04-04-03 15:33 GMT (#3)
    (Utilizador Info)
    Eu uso Linux no trabalho há uns anos e inicialmente comecei por usar Gnome, neste momento uso Windowmaker, mas evidentemente que para quem vem do Windows não aconcelho este último!
    Quanto à distribuição aconselho-te evidentemente o Mandrake, mas... cuidado com a versão que utilizas, eu instalei a 9.1 em casa e garanto-te que não o vou fazer no trabalho, apesar de ter grandes melhoramentos tem também vários problemas que a 9.0 não tinha, para além disso é muitissimo mais pesada, ao ponto de num Athlon a 800MHz com 720M RAM ue ter tirado a transparência aos gnome-terminal's que usava porque ficavam simplesmente impossiveis de usar tal era a lentidão cada vez que trocava de tab (ficava cerca de 10s à espera de poder começar a visualizar o terminal), o mozilla , especialmente o mozilla mail quando faço o move à janela fica muito lento. (o 9.1 vem com o mozilla 1.3 com fontes antialized, o que tendo em conta a data de lançamento de ambos e os problemas que encontrei nomeadamente na versão do Windowmaker que vem nos CD's me fazem pensar que o Mandrake 9.1 foi lançado um pouco à pressa e não está testado convenientemente).

    No woman ever falls in love with a man unless she has a better opinion of him than he deserves.

    Re:Algumas opiniões! (Pontos:1)
    por gc em 04-04-03 15:50 GMT (#4)
    (Utilizador Info)
    O problema da lentidao do gnome-terminal com fundo transparente e' muito conhecido e nao tem nada a ver com o Mandrake mas sim com a versao 2.2 do gnome-terminal, altura em que mudou para o terminal widget vte substituindo o zvt.
        Se o fundo transparente estiver activado por omissao no mandrake 9.1, entao isso ja' e' culpa do mandrake mesmo, pois nao devia!

    Re:Algumas opiniões! (Pontos:2)
    por mlopes em 04-04-03 17:08 GMT (#6)
    (Utilizador Info)
    Não está activado por omissão, mas eu mantive a home que tinha no Mandrake 9.0, logo as definições do gnome-terminal para o meu utilizador mantiveram-se( não fiz upgrade, foi instalação de raiz, só salvei mesmo a minha home)!
    Mas desde que instalei o Mandrake 9.1 já tive problemas a arrancar o X, a arrancar aplicações de KDE, no refresh da lista de aplicações a correr no Windowmaker(esta resolvi desintalando o RPM e instalando o que vem no CD do 9.0), com o supermount dos CD's, e de lentidão das aplicações que vêem no CD.

    No woman ever falls in love with a man unless she has a better opinion of him than he deserves.

    Re:Algumas opiniões! (Pontos:2, Interessante)
    por tyFUZZ em 04-04-03 23:36 GMT (#15)
    (Utilizador Info)
    Esse modo de instalação de raiz salvaguardando apenas a partição home é um bom truque que também já utilizei algumas vezes.

    Truques destes é que o Windows deveria ter permitido aqui há uns 6 anos quando tive que reinstalar o 95...

    Não está activado por omissão, mas eu mantive a home que tinha no Mandrake 9.0, logo as definições do gnome-terminal para o meu utilizador mantiveram-se( não fiz upgrade, foi instalação de raiz, só salvei mesmo a minha home)!

    ---
    tyFUZZ
    Re:Algumas opiniões! (Pontos:3, Informativo)
    por quantic_oscillation em 04-04-03 21:56 GMT (#12)
    (Utilizador Info) http://fs-oss.cjb.net
    já experimentei em dois pc's o novo MDk9.1, ao lado de um pc igual com o MDK9.0 e o 9.1 é bem mais ágil...

    já agora este artigo ainda é mais radical:

    Colorful KDE 3.1 Performance On Low-End Hardware

    "KDE 3.1 has actually reversed the trend. To prove my point, I loaded it on an antique 133 Mhz. Pentium desktop machine. The box had 128 MB of RAM, 256K of L2 cache, a 2.5 GB disk and Debian. Even though KDE took about two and 1/2 minutes to load, most of the programs, menus, icons and animations seemed to appear almost instantly and ran without a hitch."

    os cpu's dos pc's que usei são P4 a 1.4Ghz


    Re:Algumas opiniões! (Pontos:2)
    por mlopes em 05-04-03 14:16 GMT (#17)
    (Utilizador Info)
    Pode ser que a versão do KDE quer vem com o 9.1 seja mais rápida do que a versão que vem com o 9.0, mas eu uso windowmaker e o único problema que tive relacionado com o KDE foi que as aplicações para kde davam um erro qq no kinit.
    A lentidão a que me refiro é por exemplo no mozilla, eu uso o mozilla 1.3 que vem com o mandrake e está muito mais lento do que o binário do 1.3 que está disponivél para download no site do mozilla.
    Por outro lado com estas fontes antialized fica tudo muito mais bonito. :)

    No woman ever falls in love with a man unless she has a better opinion of him than he deserves.

    KDE (Pontos:1)
    por ruben dig em 04-04-03 16:43 GMT (#5)
    (Utilizador Info) http://www.floppy.com.pt
    KDE é o mais completo e mais pesado também (what else is new). Tudo depende agora do hardware. Eu que tou a plenear fazer a mesma coisa tou a pensar meter icewm mas os pcs são tao maus que provavelmente o melhor é serem terminais X. Vai andando e vai vendo, a filosofia Mandrake é tudo no maximo e depois retirar o que tá em excesso.
    Se quiseres engana-los mete o xpde como alternativa de windowmanager, é fácil depois de leres as indicações de instalação deles.
    Good luck.
    KDE, sem dúvida (Pontos:2)
    por henrique em 04-04-03 18:11 GMT (#8)
    (Utilizador Info)
    KDE indubitavelmente. Pelas funcionalidades e pelo look & feel superiores.
    Quanto às aplicações GTK, a maioria destas também podem ser usadas a partir do KDE.
    Gosto muito ddo KDE (Pontos:2, Interessante)
    por TarHai em 04-04-03 19:48 GMT (#10)
    (Utilizador Info) http://www.dilbert.com
    Ja nao vou ao gnome, desde a versao 2, pelo que ja nao me posso prunciar sobre esse ambiente.

    Existe um projecto KDE chamaddo kiosk que visa adaptar o KDE as necessidade especificas do ambiente empresarial.

    Um "lazy google" revelou este artigo que talvez seja relevante a tua gesta:

    http://www.linux-mag.com/2002-11/kde_01.html

    Depois, caso seja proprio e tehas vontade, nao te esquecas de fazer um how-i-did-it ;)


    ## I live the way I type; fast, with a lot of mistakes.
    A história da lentidão... (Pontos:2)
    por Gamito em 04-04-03 21:17 GMT (#11)
    (Utilizador Info) http://www.dte.ua.pt/~gamito
    ... é relativa e pode ser combatida acresecentando RAM às máquinas.
    É óbvio responderão vocês que isto é uma verdade de la palisse, a minha experiência própria de administrador de rede, é a seguinte:

    Numa empresa, tipicamente, um desktop/posto de trabalho é ligado de manhã e desligado ao fim da tarde. Se a máquina é lenta, demora 3 ou 4 minutos a arrancar e a chegar ao X em vez de 30 segundos.
    Mas se tiver muita RAM, as aplicações, as janelinhas das apicações, etc. que também são sempre tipicamente as mesmas para cada posto de trabalho vão ficando em cache e a máquina que era um desespero tem um grande "aumento de velocidade".

    Mário Gamito
    my web shelter
    Re:A história da lentidão... (Pontos:2)
    por joaobranco em 08-04-03 15:00 GMT (#32)
    (Utilizador Info)
    É esta a minha experiência também...

    Para aplicações normais, em uso prolongado, mesmo um computador muito "velho" (nesta altura do campeonato é em geral um PII) funciona perfeitamente desde que tenha RAM suficiente. Claro que não permite aquilo que os utilizadores gostam (carregar no botão e a aplicação está imediatamente disponível).

    Cumps, JB

    PAREM!!! (Pontos:2, Interessante)
    por Pink em 04-04-03 23:28 GMT (#13)
    (Utilizador Info) http://www.PinksWorld.8m.com
    g)O pessoal responsável pela instalação não tem conhecimentos de Linux avançados. (Daí a escolha do Mandrake Linux)"

    Se o pessoal responsável não tem conhecimentos suficientes, parem a migração e fiquem com o Windows.

    O corpo técnico que será responsável pela instalação e pela manutenção desta rede deve estar apto à lidar com todos os problemas que surgirão. DO contrário, a migração será um fracasso.

    Se a Mandrake fornecer este serviço, que ao menos um faça um curso de treinamento (os famosos cursos de "certificação") da empresa.

    []s,
    Pink@Manaus.Amazon.Brazil.America.Earth.SolarSystem.OrionArm.MilkyWay.Universe

    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:1, Esclarecedor)
    por floWS em 05-04-03 13:52 GMT (#16)
    (Utilizador Info)
    mas parem porque?

    ja durante a ultima discussao sobre linux em ambientes empresariais varias pessoas argumentaram que se as pessoas responsaveis pela instalação das maquinas deveria estar apto a lidar com todos os problemas que surgirão.

    isso e' muito bonito, mas afinal de contas de que estamos a falar? de micro/pequenas empresas, que decidem livrar-se das suas licensas ( ou das instalações pirata antes das vistorias ) de windows adoptando um sistema livre e em expansão. claro que, na maior parte dos casos, isso e' feito pela mao de uns quantos entusiastas pouco experientes - e depois? estão pelo menos com vontade de trabalhar.
    pode nao correr bem a primeira. pode baixar a productividade durante a adaptação. pode haver realmente problemas de compatibildade com documentos vindos do windows ( nao custa assim tanto deixar uma maquina em windows para tratar desses. ou entao usar qqr coisa como vmware ou win4lin. ja agora, o openoffice da-se muito melhor com xls e docs do office97/2000. a maior parte dos documentos do officexp podem ser convertidos sem espinhas num desses formatos, poupa bastantes chatisses. ).
    A vontade de implementar linux supera isso facilmente. e as horas passadas à frente do servidor a ler how-tos e mans para configurar nfs, samba, cups, iptables etc. são largamente compensadas a quem as faz.só a experiencia ganha e a satisfação de ver tudo a funcionar...

    mas o que me chateia mais ainda e' o - fiquem-se pelo windows. realmente, o windows qqr caramelo monta uma rede. instala-se um 2000 server, configura-se uma active directory toda pipi, um exchange server ( uma maquina dedicada claro ), um mssql ( outra ). e ja esta. e se nao for o sobrinho do chefe a instalar isto tudo, e' um "tecnico certificado ms$$" que decorou uns quantos brain dumps na noite antes dos testes, em serviço para uma empresa qqr a 20 contos à hora ( no minimo ). ainda se lembram do slammer? nimbdas red's etc. etc. etc.?

    porque ficar com windows se ha vontade de mudar? mudem. se ha vontade mudem. se precisarem de ajuda peçam. se tem duvidas perguntem. ha muita gente disposta ajudar. o esforço compensa.

    Cumps,
    floWS.


    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:1)
    por tyFUZZ em 05-04-03 14:26 GMT (#19)
    (Utilizador Info)
    floWS, parece que lês a minha mente!!!

    Desculpa lá, mas conseguiste colocar aqui no Gildot precisamente o que se passa no meu caso! Desde o primeiro paragrafo da tua curta intervenção!

    É precisamente isso que se passa!

    E é por isso que realmente venho aqui pedir opiniões e ajudas!

    E também não tenho dúvidas que daqui a uns (poucos) tempos posso ajudar quem fizer este tipo de questões!

    Obrigado, e um GRANDE abraço!


    ---
    tyFUZZ
    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:1)
    por [Cliff] em 05-04-03 15:51 GMT (#22)
    (Utilizador Info)
    Não consigo deixar de concordar com o floWS!
    Tenho alguma experiência em meter websites no ar com IIS's e afins, e quando tive (nestes dias passados) de meter um website no ar, assentando em Debian/Apache/PHP e MySQL, também tem o TinyDNS e o Postfix, podem crer que entrei em parafuso pois tudo me parecia confuso.
    Mas pedi ajuda a um amigo que sabe da coisa e ele ajudou-me a dar os primeiros passos.
    Já tenho o website configurado e a funcionar. Mas melhor que isso fiquei a conhecer o Debian que na minha opinião é bastante mais user friendly que o SuSE que tenho em casa, e ganhei conhecimentos preciosos relativamente a todo o software que se encontra no servidor.
    Tudo isto graças à disponibilidade de uma pessoa que não me disse para ficar pelo windows e a muitos tutoriais que se podem encontrar por aí.
    Nada do que foi escrito deve ser levado em consideração...
    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:2)
    por BlueNote em 05-04-03 23:09 GMT (#23)
    (Utilizador Info)
    realmente, o windows qqr caramelo monta uma rede. instala-se um 2000 server, configura-se uma active directory toda pipi, um exchange server ( uma maquina dedicada claro ), um mssql ( outra ). e ja esta

    Isto é o tipo de coisa que irrita, especialmente num fórum técnico. Instalar um 2000 server como deve ser, com active directory configurada correctamente, um DC a funcionar em condições, um exchange, etc, não é para um nabo qualquer que só sabe fazer "setup" no cd de instalação!

    Vêm-se muitas instalações de merda de Windows 2000 servers em que as redes só funcionam em workgroup! É que um bom admin de Windows sabe que não pode cingir-se ao point-and-click.

    Não é por preferir linux que vou desqualificar o windows dizendo que é trabalho para qualquer um... porque sei que não é, e que bons admins de Windows não há assim tantos! Há muitos aprendizes de feiticeiro que nem sequer compreendem a tecnologia MS... nem a do Linux for that matter...

    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:1)
    por floWS em 06-04-03 3:35 GMT (#25)
    (Utilizador Info)
    ... nao leste com atenção pois nao? e instalar um 2000 server como deve ser, e' o sobrinho do chefe ou um ms$$ zombie que o faz? volta a ler o que escrevi. estas a concordar comigo. pois ve-se muitas instalações de merda de windows. muitas mais de certeza absoluta, do que instalações de merda de linux, principalmente, se a vontade de o fazer for grande. capische? nao estou a desqualificar o windows, estou a desqualificar a esmagadora maioria das suas implementações. claro que ha bons tecnicos microsoft. conheco alguns pessoalmente e tenho o gozo pessoal de ja ter convertido alguns para linux, mesmo que apenas em casa.. ( *wink* *wink* )

    Cumps,
    floWS

    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:1)
    por Pink em 06-04-03 21:59 GMT (#28)
    (Utilizador Info) http://www.PinksWorld.8m.com
    A vontade de implementar linux supera isso facilmente. e as horas passadas à frente do servidor a ler how-tos e mans para configurar nfs, samba, cups, iptables etc. são largamente compensadas a quem as faz.só a experiencia ganha e a satisfação de ver tudo a funcionar...

    Desculpe, mas não supera. Tão logo o patrão perceba que a produtividade caiu (e às vezes, muito), cabeças vão rolar.

    O gerente não tá com vontade de migrar para Linux, o gerente tá com vontade de produzir mais com menos, e é sua única preocupação.

    Até que pelo menos UM dos instaladores esteja apto à resolver qualquer parada (e eu não disse que tem que ser de cabeça, pow!!), é melhor esticar o uso do Windows (as licenças já foram pagas, não é mesmo??). É melhor migrar mais tarde com segurança que agora aos trancos e barrancos.

    Das migrações Linux que fracassam, todas são devidas à falta de capacitação técnica e decisões prematuras.

    []s,
    Pink@Manaus.Amazon.Brazil.America.Earth.SolarSystem.OrionArm.MilkyWay.Universe

    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:1)
    por tyFUZZ em 07-04-03 9:09 GMT (#31)
    (Utilizador Info)
    (...) é melhor esticar o uso do Windows (as licenças já foram pagas, não é mesmo??)

    Não... Ainda temos uma bela quantidade de licenças que ainda estão por... er... Isto não era para ser dito! ;-)

    ---
    tyFUZZ
    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:1)
    por Pink em 10-04-03 0:26 GMT (#33)
    (Utilizador Info) http://www.PinksWorld.8m.com
    Hummm... Entendo sua aflição... 8-P

    Então eu sugiro começar a migração de baixo pra cima, começando em terminais de importância tática menor, como Pontos de Venda - se um pifa, corre-se pro que está ao lado : atrapalha, mas não tráva a empresa.

    Concentre as licenças nos computadores de alta importância tática (Servidores, terminais de consulta da gerência, etc) para "comprar" tempo enquanto o seu pessoal se certifica na distro que vc escolher.

    []s,
    Pink@Manaus.Amazon.Brazil.America.Earth.SolarSystem.OrionArm.MilkyWay.Universe

    Re:PAREM!!! - porque? (Pontos:1)
    por tyFUZZ em 15-04-03 16:49 GMT (#34)
    (Utilizador Info)
    Sim, é precisamente o que estamos a fazer

    Neste momento em que estou a escrever, estou a dar em maluco com um problema que encontrei no KDE 3.1, que faz com que não consiga navegar em partilhas NFS... Ou melhor, o sistema fica parado por uns 3 minutos, e passados esses 3 minutos é que tudo começa a funcionar de novo à mesma velocidade. Isto acontece no Konqueror, quando vou a /mnt/drive-nfs/pastas-partilhadas

    Mas também desconfio da placa de rede... Isto já parece o RUIMdows...

    ---
    tyFUZZ
    Re:PAREM!!! (Pontos:1)
    por tyFUZZ em 05-04-03 14:16 GMT (#18)
    (Utilizador Info)
    Isso é impossível! Muito sabiamos do Windows, mas nunca soubemos TUDO! Muitos problemas do Windows também nos fizeram ir ao Google buscar respostas (por vezes com bastantes frustrações... Um exemplo: O Windows, ao encerrar não faz com que o computador se desligue, e fica na mensagem "A ENCERRAR" infinitamente...)

    COmo nunca passámos do Windows 98 para a frente (na verdade, para que é que necessitamos do Windows 2000? Ou do ME??? Ou do XP??? Ficámos mesmo pelo 98! Portanto, também não era nosso intuito saber TUDO acerca do Windows (como exemplo, posso enumerar o Active Directory - não sabemos o que é, nem para que serve! Com Windows 98 o sistema fazia o que necessitávamos. Simplesmente, precisamos de comprar mais umas boas dezenas de postos de trabalho, e não estou a ver o porquê de termos que pagar licenças de SO e Office Suites À Microsoft... Basicamente é só o que precisamos: Textos, Folhas de Calculo e e-mail!

    Essa opinião, já foi realmente expressada aqui no outro assunto anterior (Linux em ambiente Empresarial)

    ---
    tyFUZZ
    Re:PAREM!!! (Pontos:2)
    por mlopes em 05-04-03 14:48 GMT (#20)
    (Utilizador Info)

    Muito sabiamos do Windows, mas nunca soubemos TUDO! Muitos problemas do Windows também nos fizeram ir ao Google buscar respostas

    Eu acrescentaria ainda que é muito mais fácil encontrar informação sobre como resolver problemas para Linux do que para Windows, já que o Linux está exaustivamente documentado ao contrário do Windows.

    No woman ever falls in love with a man unless she has a better opinion of him than he deserves.

    Re:PAREM!!! (Pontos:1)
    por 4Gr em 06-04-03 13:42 GMT (#27)
    (Utilizador Info)
    Na verdade, o Google é a minha fonte preferida para encontrar soluções para os meus problemas. Desde erros dados pelo compilador, até ao mais ínfimo pormenor, um utilizador feliz de software livre já teve a satisfação de conseguir fazer isso trabalhar, e publicou um HOW-TO, que agora é a preciosa ferramente de um outro utilizador do outro lado do mundo! Eis aqui, uma vez, onde o Windows peca. Querem instalar um rede complexa em Linux? Não é assim tão difícil se se souber como funciona a arquitectura UNIX. A partir deste ponto, é ter noção do software que vamos precisar, e ter um quadro estratégico dos terminais, servidores, recursos, necessidades, etc, de forma a proporcionar a melhor prestação possível. A partir daqui, basta consultar os sites das tecnologias que vão ser empregues (pessoalmente, ao contrário do que todos aqui referem, eu para servidor iria, indubitavelmente para FreeBSD e nunca para Linux), e depois trabalhar ;) Algum problema, temos a comunidade Gildot em peso para ajudar, e claro, o Google!! E você, quanto tempo mais precisa para descobrir que Linux > Windows? O Gervásio demorou uma instalação...
    e os anjos? (Pontos:1)
    por edsonmedina em 05-04-03 15:17 GMT (#21)
    (Utilizador Info)
    Sim, e os anjos? qual é o sexo dos anjos?
    Re:e os anjos? (Pontos:1)
    por MrVi em 05-04-03 23:31 GMT (#24)
    (Utilizador Info) http://nuno.eth.pt/
    Que giro.. Debaixo da tua frase dizia:
    "Responder", "Pai". :D

    ---------
    Nuno Loureiro
    Re:e os anjos? (Pontos:1)
    por tyFUZZ em 07-04-03 9:03 GMT (#30)
    (Utilizador Info)
    edsonmedina: Tens umas piadas muito giras...
    Ai tens, tens!


    ---
    tyFUZZ
    a não esquecer... (Pontos:1)
    por Sysop em 06-04-03 4:30 GMT (#26)
    (Utilizador Info) http://matrix.linsucks.org
    Tyfuzz : A minha sugestão vai para que tu/tua empresa antes de tomar essa atitude tenha em consideração as distribuições que correm a partir de um CD LIVE EVALUATION ou LIVE SYSTEM, que por ai correm sem terem que alterar o windows que corre nessas máquinas. Sendo para mim a minha opção para se fazer uma migração a passos curtos e ponderados,ou seja, com um live CD não tens que fazer muita manutençao, não tens grandes problemas com a configuração, pois pode-se sempre voltar a rebootar a máquina. Pensa nisso!

    Thank you for choosing Xumpi Air Lines.
    Se eu digo, digo! Se eu digo como é... como eu digo é que é!
    Re:a não esquecer... (Pontos:1)
    por tyFUZZ em 07-04-03 9:02 GMT (#29)
    (Utilizador Info)
    Xumpi Air Lines... eheh... Espero que não estejam infectadas com pneumonia atípica...

    Um muito obrigado, amigo Xumpi!!! Outro abraço do Acelent! E cuidadinho com essas hackisses...

    P.S.: - De qualquer das maneiras, o nosso ambiente empresarial já está a trabalhar com Linux! Simplesmente, todos os postos que têm Linux, foram apenas com o KDE, e muita gente que conhece o Linux fala bem do Gnome (porque é mais Windows stylish do que o KDE) e isso seria um bom factor de integração do Linux nos PCs das pessoas que estão habituadas a Windows e agora têm que levar com Linux em cima!

    A questão é mesmo esta: Substituir o Windows pelo Linux! O KDE penetra rapidamente no domínio Linux, mas o Gnome ainda me parece o ambiente mais próximo do Windows... O que mais hei de dizer?

    ---
    tyFUZZ

     

     

    [ Topo | Sugerir artigo | Artigos anteriores | Sondagens passadas | FAQ | Editores | Preferências | Contacto ]